Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Maio/2022


Recommended Posts

Em 24/05/2022 em 10:44, Luide Luckmann disse:

Bem que podia surgir um ciclone de última hora né kkkkkkk

 

Aí detonaria com o frio em todo o leste gaúcho e catarinense kkkkkkk
Por essa rodada boa parte do leste teria as suas menores máximas históricas para maio, superando 1979 e 1988.

  • Like 12
  • Thanks 8
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 10:58, Augusto Göelzer disse:

Aí detonaria com o frio em todo o leste gaúcho e catarinense kkkkkkk
Por essa rodada boa parte do leste teria as suas menores máximas históricas para maio, superando 1979 e 1988.


E para o restante dos dois estados sobra mais a máxima né porque as mínimas vão para o saco todo mundo. 

  • Like 15
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 10:58, Augusto Göelzer disse:

Aí detonaria com o frio em todo o leste gaúcho e catarinense kkkkkkk
Por essa rodada boa parte do leste teria as suas menores máximas históricas para maio, superando 1979 e 1988.

Xô Ciclone, Xô Ciclone!!! Deixa vir meu frio úmido! Já convidei o Drácula para passar uns dias em SBS rsrsrs...

 

images.jpg.3f72d94f4b343a41ce168977970ad999.jpg

  • Like 2
  • Haha 17
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 10:43, Renan disse:

Para o RS deverá ser uma MP infinitamente mais forte que essa última. Se não tiver cavado bem posicionado ou ciclone , não avança para o Sudeste nem com reza braba. Nesse momento há divergências nos modelos quanto ao cenário proposto. Melhores informações nos próximos dias.

 

Sudeste, no caso, SP.

Porque não há cenário de avanço mesmo deste sistema para além de SP. Só depois, quando a alta maritimizar, é que o GFS apontada entrada de ar frio no outros estados.

Mas, vamos acompanhando. GFS tem insistido há tempos nesta configuração aí. Acredito que possa acertar mesmo.

  • Like 12
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 10:58, Augusto Göelzer disse:

Aí detonaria com o frio em todo o leste gaúcho e catarinense kkkkkkk
Por essa rodada boa parte do leste teria as suas menores máximas históricas para maio, superando 1979 e 1988.

 

Já eu, no geral, vendo o que irá acontecer no Brasil e na Argentina, tenho esta reação...

 

images.jpeg-103.jpg.d070bcccced726603cd7a6cb7f8d6eb9.jpg

  • Like 2
  • Haha 11
Link to comment
Share on other sites

On 5/24/2022 at 11:04 AM, SandroAlex said:

Xô Ciclone, Xô Ciclone!!! Deixa vir meu frio úmido! Já convidei o Drácula para passar uns dias em SBS rsrsrs...

 

images.jpg.3f72d94f4b343a41ce168977970ad999.jpg

 

kkkk Confesso que sou fã de frio úmido. No RS a última MP foi assim, o que detonou as mínimas mas deixou os dias bem trevosos 

Edited by Nestor Antonio Bresolin Junior
  • Like 7
  • Thanks 1
  • Haha 3
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 10:58, Augusto Göelzer disse:

Aí detonaria com o frio em todo o leste gaúcho e catarinense kkkkkkk
Por essa rodada boa parte do leste teria as suas menores máximas históricas para maio, superando 1979 e 1988.

era só ele ficar um pouco mais longe da costa ué kkkkk

Byuntear Gretchen GIF - Byuntear Gretchen Rindo GIFs

 

  • Like 5
  • Thanks 4
  • Haha 4
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 12:30, Valmir Oliveira Jankowski disse:

A minima hoje aqui em Socorro/SP foi de  6,7°C (CIIAGRO).
Este tem sido os últimos dias aqui em Socorro pela CIIAGRO:

1.PNG


Esses dados comprovam ainda mais o que foi o destaque desta última MP na Mantiqueira: Advecção com máximas baixas e sol, sem muito destaque para as mínimas de baixada (exceto PNI). 
 

Engraçado que , para a zona da mata em si, as máximas com sol ficaram aquém de outros eventos recentes como Julho-19, e Julho-21. Comparativamente não foi tão forte quanto no sul de Minas, mas ainda assim foi o suficiente para decretar esses 06,5C no topo do INMET, um dos menores valores já registrados para Maio. 

  • Like 11
  • Thanks 4
Link to comment
Share on other sites

Gente, de acordo com a rodada dessa manhã do gfs, deve haver essas anomalias num período de 7 dias. è bastante coisa, apesar da rodada em si não trazer um frio tão intenso assim pro Brasil. Acho que tende a intensificar o frio nas próximas rodadas(torcendo por isso)

getimage&set=48&region=27&cycle=2022052406&hour=360&subregion=&parameter=6

Na rodada da 18z de ontem estava bem menos intensa essa anomalia

getimage&set=48&region=27&cycle=2022052318&hour=366&subregion=&parameter=6

Na 00z também:

getimage&set=48&region=27&cycle=2022052400&hour=360&subregion=&parameter=6

__________

Por aqui tenho 25°C, perfeito para aliviar o frio nos ambientes internos

 

Edited by Luide Luckmann
  • Like 15
  • Thanks 5
Link to comment
Share on other sites

Galera, me bateu uma dúvida aqui: por que é tão difícil dar raios na costa nordestina?

 

Eu morei 5 meses em Fernando de Noronha, boa parte dentro do período chuvoso de lá, e vi 1 único trovão no período, causado por uma descarga elétrica em alto mar, já mais distante da ilha. Em seguida, passei 2 meses morando em Salvador (entre maio e julho, também no período de chuvas) e não vi nenhum raio.

 

Logo que retornei pra BH, uma única tempestade de verão no dia 18.03.2018 trouxe mais estrondo que todas as chuvas desses 7 meses juntas.

 

É falta de contraste térmico?

 

Outra coisa que os moradores de lá nunca viram é o granizo.

  • Like 17
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

O GFS 12z foi bom demais para o Sudeste ou pelo menos pra grande parte da região. Se não foi outlier tá ótimo! Pelo que parece seria dois pulsos, um que começaria no dia 2 e o segundo bem mais forte no dia 4 e 5 em diante. Teria máxima baixa com chuva, com sol, mínimas baixas e bastante chuva nesse período.

 

Fato é que o GFS e o ECMWF estão mantendo essa MP já faz um tempo e uma ou outra rodada tira para o Sudeste. Eu creio que virá, mas não dá pra saber a intensidade faltando mais de 7 dias para acontecer. Eu já estou feliz! Qualquer ar frio que faça aqui ter anomalia negativa nas máximas e mínimas já está mais do que ótimo.

 

GFS 12z:

 

17455036_ndice.thumb.gif.cde9172edd60bde8202d893de4a789b7.gif

  • Like 17
  • Thanks 9
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 14:52, LucasFSopranos disse:

O GFS 12z foi bom demais para o Sudeste ou pelo menos pra grande parte da região. Se não foi outlier tá ótimo! Pelo que parece seria dois pulsos, um que começaria no dia 2 e o segundo bem mais forte no dia 4 e 5 em diante. Teria máxima baixa com chuva, com sol, mínimas baixas e bastante chuva nesse período.

 

Fato é que o GFS e o ECMWF estão mantendo essa MP já faz um tempo e uma ou outra rodada tira para o Sudeste. Eu creio que virá, mas não dá pra saber a intensidade faltando mais de 7 dias para acontecer. Eu já estou feliz! Qualquer ar frio que faça aqui ter anomalia negativa nas máximas e mínimas já está mais do que ótimo.

 

GFS 12z:

 

17455036_ndice.thumb.gif.cde9172edd60bde8202d893de4a789b7.gif


Rodada sensacional. Bastante dinâmica, do jeito que a gente gosta. Aguardando o cenário proposto pelo ECMWF agora. 

  • Like 14
  • Thanks 4
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 15:34, Renan disse:


Rodada sensacional. Bastante dinâmica, do jeito que a gente gosta. Aguardando o cenário proposto pelo ECMWF agora. 

Muito dinâmica, mostra uma atmosfera totalmente biruta, saindo baixa de tudo que é lugar 😂😂😂😂... Acho difícil se efetivar... A maior certeza é que terá bolsões de ar frio percolando pelo cone sul, e dado o AAO se mantendo no negativo, a tendência é de tempo úmido nos 10 primeiros dias de Junho. Mas é o tipo de tempo que fica difícil os modelos apontar um cenário 100% assertivo, faltando mais de 5 dias. 

  • Like 15
Link to comment
Share on other sites

On 5/24/2022 at 2:52 PM, LucasFSopranos said:

O GFS 12z foi bom demais para o Sudeste ou pelo menos pra grande parte da região. Se não foi outlier tá ótimo! Pelo que parece seria dois pulsos, um que começaria no dia 2 e o segundo bem mais forte no dia 4 e 5 em diante. Teria máxima baixa com chuva, com sol, mínimas baixas e bastante chuva nesse período.

 

Fato é que o GFS e o ECMWF estão mantendo essa MP já faz um tempo e uma ou outra rodada tira para o Sudeste. Eu creio que virá, mas não dá pra saber a intensidade faltando mais de 7 dias para acontecer. Eu já estou feliz! Qualquer ar frio que faça aqui ter anomalia negativa nas máximas e mínimas já está mais do que ótimo.

 

GFS 12z:

 

17455036_ndice.thumb.gif.cde9172edd60bde8202d893de4a789b7.gif

 

 

Me parece que o americano está jogando o pico do pulso pro dia 06, enquanto que pro europeu limitou pro dia 02. Espero que sejam dois pulsos mesmo!

 

GFS_288_AMS0_T2M.png.ce56404ff7ed8c5d183b7a0d689265d5.png

  • Like 15
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 09:35, Renan disse:

 

Também melhorou pra cá , Luke Skywalker. Mas de uma forma geral eu vejo essa MP sendo mais destaque na Argentina do que no Brasil desta vez. Estou na torcida para um frio úmido pra cá, máximas baixas com chuva. 

 

------------------

 

Última sub-10 da minha estação neste mês, desta sequência que se iniciou na semana passada, totalizando 7 dias seguidos sub-10 e 8 dias no mês. Com a fortíssima MP, as médias de Maio caíram bastante, mas não dá para dizer que é um Maio fora da curva. Simplesmente estamos com anomalias levemente negativas, que devem se concretizar até o fim do mês. Iniciamos muito bem o período frio do ano, e eu gostaria de dizer que Junho está nos devendo boas surpresas há algum tempo aqui no Sudeste (mais precisamente desde 2016).

Eu apesar de dar umas reclamadas, ja fico satisfeito de não fazer aquele sol que vc derrete de andar na rua nessa época hahaha

 

----------

 

Hoje ja deu uma esquentada, a mínima foi de 13,2 e a máxima chegou em 26,9 graus, agora faz 26,4...

 

  • Like 13
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 13:29, LeoP disse:

Outra coisa que os moradores de lá nunca viram é o granizo

@LeoPnão sei te explicar os motivos mas me fez lembrar uma época que trabalhei aqui em Lafaiete com um cara de Recife. A gente tava na empresa, trabalhando normal, começou uma chuva de granizo, pedrinhas pequenas, nada de ameaçador, a gente só comentou entre nós se alguém tinha deixado o carro exposto no tempo, todo mundo tava com o carro protegido, seguimos nossas atividades. Do nada a gente viu o cara saindo correndo pela porta e foi pra fora gritando eufórico. A gente não tava entendendo nada! Quando o granizo cessou e ele conseguiu se acalmar ele explicou que era a primeira vez na vida que tava vendo granizo!!!

 

Quando ao dia de hoje, o tempo se aproxima bem mais do clima característico de maio. Aqui em Lafaiete amanheceu com bastante nevoeiro, tive mínima de 11,2°. A PWS de Itaverava ainda teve mínima de 6,7° provavelmente sem nevoeiro por lá. A tarde foi agradável, ensolarada, máxima de 21 graus.

 

Agora, 17:50, céu limpo, ventinho moderado, 17 graus em Lafaiete

 

  • Like 13
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

A onda de leste conseguiu influenciar bem o interior hoje. Destaque para as chuvas fortes que ocorreram em vários pontos do sertão do RN. Estações do CEMADEN de Açu e de Mossoró, no RN, acumularam valores bem elevados, inclusive com registro de 21 mm em apenas 10 min em uma das estações de Mossoró.

Screenshot_20220524-184106.png.ab401ff31a0c20a8bd9c82f7fea57727.png

 

No sertão da PB a influência foi bem mais branda, alguns pontos registraram chuva fraca e outros algum chuvisco/tempo encoberto, com Pombal entrando nessa última categoria. 

Screenshot_20220524-184049.png.4750db1d573a889267cb273bc576b908.png

Imagem de satélite mais recente, mostrando a enorme instabilidade no RN.

Edited by CloudCb
  • Like 16
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 13:29, LeoP disse:

Galera, me bateu uma dúvida aqui: por que é tão difícil dar raios na costa nordestina?

 

Eu morei 5 meses em Fernando de Noronha, boa parte dentro do período chuvoso de lá, e vi 1 único trovão no período, causado por uma descarga elétrica em alto mar, já mais distante da ilha. Em seguida, passei 2 meses morando em Salvador (entre maio e julho, também no período de chuvas) e não vi nenhum raio.

 

Logo que retornei pra BH, uma única tempestade de verão no dia 18.03.2018 trouxe mais estrondo que todas as chuvas desses 7 meses juntas.

 

É falta de contraste térmico?

 

Outra coisa que os moradores de lá nunca viram é o granizo.

Lembro que uma noite, em março de 2020, caiu uma chuva com trovões muito fortes como eu não via a muito tempo em Natal, mas realmente uma chuva dessas é incomum por aqui.

Já no interior a incidência de raios é bem maior, inclusive com queda de granizo.

  • Like 14
Link to comment
Share on other sites

Boa noite aos amigos. Distante do BAZ há algum tempo, venho sofrendo por aqui em minhas atividades agrícolas pelo excesso de chuvas. Solo encharcado e a lavoura não vai se desenvolvendo bem. São contrastes interessantes: quem se aventurou plantar em Janeiro, perdeu grande parte da safra por falta de chuvas. Quem plantou no início de março, vai perdendo pelo excesso. E viva o Nordeste !

  • Like 20
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Hoje aparentemente foi um dia frio no Planalto da Borborema. A estação de Chã Preta/AL (~400m) marcou ~ 21 C ao meio dia, então lugares mais altos como Garanhuns/PE (~900m) pode ter tido uma máxima sub-20 hoje. Infelizmente a estação de lá morreu já faz uns 6 meses.

 

Vídeo de Garanhuns/PE hoje:

 

 

Edited by Samihr Hermes
  • Like 25
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Mínima ainda boa de 13,3°. Mas de tarde a temperatura disparou, batendo os 28°, já tava desacostumado com esse calor, e estes 28° pareceu mais quente, mesmo estando seco (UR chegou aos 36% a tarde).

O céu permaneceu totalmente limpo durante o dia:IMG_20220524_153842_copy_3000x2250.thumb.jpg.1a02cfe80acd0f849d6121afebce3e99.jpg

E o por do sol alienígena de costume.IMG_20220524_182125_copy_3000x2250.thumb.jpg.8801cbe4124b1734d3d73bbd96a1c8e6.jpgIMG_20220524_182233_copy_2448x1836.thumb.jpg.91fe8174a8291b6a7b6ac4eba8dea5fe.jpg

  • Like 21
  • Thanks 6
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 19:48, Carlos Campos disse:

Boa noite à todos...

Mesma condição observada em São Bento do Sul @SandroAlex, já pelo terceiro dia consecutivo.

20220524_095923.gif.2e4f2cc87e3abf64326b5e1c9a1592d1.gif

 

A tarde fez um pouco de calor ao ar livre, mas frio dentro de casa.

Variação hoje na minha estação 9,3/23,7°C


Quase a mesma variação na minha estação: 09,2C / 24,1C.

 

Em Ibitipoca podemos dizer que foi um dia frio: 06,8C / 20,1C (maior parte da tarde entre 17C e 18C). 
 

Maio bem gostoso. 

  • Like 12
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 13:29, LeoP disse:

Galera, me bateu uma dúvida aqui: por que é tão difícil dar raios na costa nordestina?

 

Eu morei 5 meses em Fernando de Noronha, boa parte dentro do período chuvoso de lá, e vi 1 único trovão no período, causado por uma descarga elétrica em alto mar, já mais distante da ilha. Em seguida, passei 2 meses morando em Salvador (entre maio e julho, também no período de chuvas) e não vi nenhum raio.

 

Logo que retornei pra BH, uma única tempestade de verão no dia 18.03.2018 trouxe mais estrondo que todas as chuvas desses 7 meses juntas.

 

É falta de contraste térmico?

 

Outra coisa que os moradores de lá nunca viram é o granizo.

É uma questão q eu fui percebendo há muitos e muitos anos kkkk

Eu me questionava e cheguei à conclusão por mim mesmo (pela observação das condições naquelas áreas do RN e principalmente FN): nunca pára de ventar. As etapas necessárias para formações propícias às trovoadas não se completam plenamente.  Quando o deslocamento do ar é sempre (ou geralmente) o mesmo e constante em diversos níveis de altitude, não formam Cbs de trovoadas. Nuvens de tempestade com granizo e trovões se formam na maioria das vzs com a subida vertical do ar quente e tudo o q já sabemos sobre o processo.  Quando o ar se desloca sempre na horizontal é complicado.  A costa oeste da América do Sul, desde a Patagônia chilena até a linha do Equador sofre a falta de tempestades (sul) ou chuvas mesmo (norte), pq o deslocamento do ar desde o nível do mar até uma boa altitude é sempre na horizontal (corrente fria) e nunca na vertical.

É uma idéia...

Edited by Carlos Campos
  • Like 12
  • Thanks 5
Link to comment
Share on other sites

On 5/25/2022 at 12:44 AM, Renan said:

Interessante constraste de temperaturas máximas hoje entre a Argentina e o Rio Grande do Sul:

 

3BB11059-C3EE-421E-92B5-6FD030290345.thumb.jpeg.6cff2c25ba9afe4cefbc19d53ea4bd26.jpeg
 

No noroeste gaúcho, dá para dizer que fez calor mesmo, para a época. 

 Que pagina/aplicacion es esta que muestras las maximas (y supongo las minimas) de toda la region?

Esta buenisima!

 

Edited by PabloMQL
  • Like 8
Link to comment
Share on other sites

Hoy tuvimos un dia soleado, humedo y pesado, la maxima trepo hasta aprox. 23°C en la estacion Melilla, la minima rondo los 11°C.

 

image.png.2dadd6fa4d61b651b26c4e4bc1f713e3.png

 

Mañana llueve y descienden las temperaturas.

Estas rondarian los 15°C de maxima y los 11°C de minima.

Vamos a tener una jornada cubierta, humeda y lluviosa, seria el comienzo de la serie de dias humedos y frios

 

 

 

  • Like 11
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 18:45, CloudCb disse:

A onda de leste conseguiu influenciar bem o interior hoje. Destaque para as chuvas fortes que ocorreram em vários pontos do sertão do RN. Estações do CEMADEN de Açu e de Mossoró, no RN, acumularam valores bem elevados, inclusive com registro de 21 mm em apenas 10 min em uma das estações de Mossoró.

Screenshot_20220524-184106.png.ab401ff31a0c20a8bd9c82f7fea57727.png

 

No sertão da PB a influência foi bem mais branda, alguns pontos registraram chuva fraca e outros algum chuvisco/tempo encoberto, com Pombal entrando nessa última categoria. 

Screenshot_20220524-184049.png.4750db1d573a889267cb273bc576b908.png

Imagem de satélite mais recente, mostrando a enorme instabilidade no RN.

Caiu cerca de 100 mm em apenas 2 horas em Mossoró. Videos que recebi por Whatsapp: 

 

  • Like 17
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

São Paulo vem tendo uma noite com céu limpo.

Devido a isso, associado a ausência dos ventos (em uma grande oposição em relação a este mesmo horário da terça feira da semana passada), estamos tendo uma brutal diferença nas temperaturas entre as estações do CGE mais quentes (ou menos frias) e aquela mais fria da cidade. Apenas 9,5 graus em Marsilac contra 18,5 graus da Mooca.

yaIE1Po.png

 

 

Imagem do satélite das 21:10 mostra que temos apenas nuvens baixas no sul de SP.

No restante do estado, céu limpo.

x74XTYC.jpg

  • Like 12
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 13:29, LeoP disse:

Galera, me bateu uma dúvida aqui: por que é tão difícil dar raios na costa nordestina?

 

Eu morei 5 meses em Fernando de Noronha, boa parte dentro do período chuvoso de lá, e vi 1 único trovão no período, causado por uma descarga elétrica em alto mar, já mais distante da ilha. Em seguida, passei 2 meses morando em Salvador (entre maio e julho, também no período de chuvas) e não vi nenhum raio.

 

Logo que retornei pra BH, uma única tempestade de verão no dia 18.03.2018 trouxe mais estrondo que todas as chuvas desses 7 meses juntas.

 

É falta de contraste térmico?

 

Outra coisa que os moradores de lá nunca viram é o granizo.

Geralmente os sistemas que atingem o litoral do nordeste são Dols, eles não possuem grandes desenvolvimentos verticais e as nuvens são "quentes" difícil formar granizo, mas ocorrem trovoadas, estive em Salvador na chuvarada de Dezembro do ano passado e ouvi trovoadas, poucas mas ouvi, provavelmente porque o sistema que estava atuando era de característica diferente, era zcas mais parecido com o que acontece no sudeste, pois Dezembro não é época de chuva por la e uma vez em Jericoacoara no Ceará, eu peguei vários dias de chuva, mas teve um dia que a zcit estava a toda por lá que choveu o dia todo e ouvi algumas trovoadas.

Já granizo é bem raro geralmente quando ocorre é alguma situação de borda de vcan e todos os relatos que vejo são do interior dos estados.

Edited by jrmartinisp
  • Like 17
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 13:29, LeoP disse:

Galera, me bateu uma dúvida aqui: por que é tão difícil dar raios na costa nordestina?

 

Eu morei 5 meses em Fernando de Noronha, boa parte dentro do período chuvoso de lá, e vi 1 único trovão no período, causado por uma descarga elétrica em alto mar, já mais distante da ilha. Em seguida, passei 2 meses morando em Salvador (entre maio e julho, também no período de chuvas) e não vi nenhum raio.

 

Logo que retornei pra BH, uma única tempestade de verão no dia 18.03.2018 trouxe mais estrondo que todas as chuvas desses 7 meses juntas.

 

É falta de contraste térmico?

 

Outra coisa que os moradores de lá nunca viram é o granizo.

 

Não sei a resposta também. :D

 

Mas a resposta do Carlos Campos me fez lembrar uma coisa que talvez seja (Ou não) uma pista...

 

Cumulonimbus (Cb) é a única nuvem que produz:

- Chuvas torrenciais, com grandes acumulados em pouco tempo

- Raios e relâmpagos

- Trovões

- Granizo

- Tornados

 

Morei 6 anos em Santos e não me lembro de uma única chuva de granizo nesse tempo em que estive lá.

 

Outra coisa, em Santos, como em todo o litoral, chove mais do que na cidade de São Paulo.

A média anual 1981-2010 na antiga (Desativada) estação convencional do INMET na cidade era 1.843,9 mm.

Porém, a frequência de temporais de verão à tarde é nitidamente maior em Sampa.

Em Santos é muito frequente a ocorrência de chuvas fracas a moderadas, sem trovões, mas que são prolongadas, durando muuuiitas e muitas horas, frequentemente somando grandes acumulados.

 

---------------------

 

Um pouco de monitoramento...

Em Sampa, mais do mesmo: sol, poucas nuvens na maior parte do dia e temperaturas subindo.

 

Mirante (Aut): 12,4°C / 25,0°C

Interlagos: 13,2°C / 24,2°C

IAG: 10,9°C / 25,7°C

 

Edited by Aldo Santos
  • Like 11
  • Thanks 4
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 13:29, LeoP disse:

Galera, me bateu uma dúvida aqui: por que é tão difícil dar raios na costa nordestina?

 

Eu morei 5 meses em Fernando de Noronha, boa parte dentro do período chuvoso de lá, e vi 1 único trovão no período, causado por uma descarga elétrica em alto mar, já mais distante da ilha. Em seguida, passei 2 meses morando em Salvador (entre maio e julho, também no período de chuvas) e não vi nenhum raio.

 

Logo que retornei pra BH, uma única tempestade de verão no dia 18.03.2018 trouxe mais estrondo que todas as chuvas desses 7 meses juntas.

 

É falta de contraste térmico?

 

Outra coisa que os moradores de lá nunca viram é o granizo.

 

Cara, também passei alguns meses em João Pessoa e tive essa mesma percepção, e acho que a resposta dos colegas faz sentido, devido ao vento e ao pouco desenvolvimento vertical. Lá em João Pessoa, na maioria das vezes quando chovia, eram nuvens idênticas às que estamos acostumados em BH quando temos infiltrações marítimas, e perceba que as chuvas oriundas de infiltrações marítimas em BH, quando acontecem, também não provocam raios, são nuvens baixas e "leves", seguidas de vento. 

 

Outra coisa que me chamava a atenção por lá era o timing da chuva. Aqui em BH geralmente chove ao final do dia, enquanto por lá, geralmente é no início da manhã ou durante a madrugada. 

  • Like 16
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

As quatro estações PWS, instaladas em Marmelópolis, foram escolhidas a dedo, autênticas baixadas, uma em pleno centro da cidade, 1305 m altitude

Variação hoje:

0,6 e 21,6 PWS Centro/municipal alt.1305 m

 

0,9 e 22,9 PWS Ponte Alta/municipal alt. 1290 m

 

1,1 e 21,6 PWS Capelinha dos Marins/municipal alt. 1299 m

 

amplitude térmica acima de 20,0,

  • Like 12
Link to comment
Share on other sites

Como os colegas já comentaram, geralmente as Ondas de Leste, que são responsáveis por boa parte das chuvas na costa leste do Nordeste, são compostas de nuvens baixas e de pouco desenvolvimento vertical, tanto que muitas vezes as imagens de satélite mostram tempo quase limpo na região mas na realidade está caindo uma chuva torrencial.

 

Um exemplo:

 

 

Percebam como o aspecto das nuvens vistas pelo satélite parecem não indicar nada demais, mas essas nuvens baixas ficam estacionadas por horas no litoral nordestino e deixam acumulados que chegam a ocasionar tragédias.

  • Like 20
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

Saque este par de fotos el dia de ayer desde el parking del shopping donde hago mis compras, el otoño en esta epoca exploto en colores, solo los fresnos ya perdieron todas o casi todas las hojas, el resto de los arboles caducos son una fiesta y no es por la temperatura por que no hubieron grandes frios, es por la radiacion solar que ya es bajisima:

Puede ser una imagen de cielo, carretera y árbol

Puede ser una imagen de carretera y árbol

 

  • Like 15
  • Thanks 6
Link to comment
Share on other sites

Em 24/05/2022 em 23:02, DaviOlrb disse:

Como os colegas já comentaram, geralmente as Ondas de Leste, que são responsáveis por boa parte das chuvas na costa leste do Nordeste, são compostas de nuvens baixas e de pouco desenvolvimento vertical, tanto que muitas vezes as imagens de satélite mostram tempo quase limpo na região mas na realidade está caindo uma chuva torrencial.

 

Um exemplo:

 

 

Percebam como o aspecto das nuvens vistas pelo satélite parecem não indicar nada demais, mas essas nuvens baixas ficam estacionadas por horas no litoral nordestino e deixam acumulados que chegam a ocasionar tragédias.


Neste momento, parece que as ondas de leste estão com nuvens mais desenvolvidas:

 

93D54896-81A3-43B7-A862-C40CD467C533.thumb.jpeg.f04944561475a717831d4df09d307fbc.jpeg

  • Like 13
Link to comment
Share on other sites

Em 25/05/2022 em 07:31, Renan disse:


Neste momento, parece que as ondas de leste estão com nuvens mais desenvolvidas:

 

93D54896-81A3-43B7-A862-C40CD467C533.thumb.jpeg.f04944561475a717831d4df09d307fbc.jpeg

 

As chuvas deram uma diminuída no leste do PE e da PB (mas continua chovendo), e deu uma aumentada no AL:

Screenshot_20220525-083949.png.c19af9864b4b6876a6c0cd49c161d1c8.png

 

Já tem estação chegando nos 200 mm:

Screenshot_20220525-083903.png.35350c0eeea85a223feef999d31c9580.png

No Pernambuco 👆

Screenshot_20220525-084024.png.ac34e01ba5bf4874de2fe3416095aa17.png

No Alagoas 👆

 

Preocupa que o GFS coloca mais uma onda de leste bem forte para o fim de semana.

Edited by CloudCb
  • Like 19
Link to comment
Share on other sites

  • Renan unfeatured, unpinned and locked this topic
Guest
This topic is now closed to further replies.
 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.