Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

LeoP

Members
  • Posts

    1558
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    5

Everything posted by LeoP

  1. 17:00 Uma das coisas que mais gosto da primavera/verão daqui são essas variações malucas nas condições do tempo. Depois de uma manhã escura e chuvosa, com temperatura em torno do 20ºC, o sol começou a aparecer a partir das 13/14h e predominou na 2ª metade da tarde, que foi iluminada e azul. Com isso, a máxima alcançou os 27,7ºC na Pampulha! Aliás, o verão climático, ao que me parece, não começou ainda por aqui. Embora esteja chovendo bastante há quase 2 meses (acumulado de ~500mm em ON), são precipitaçoes típicas de primavera, formadas por corredores de umidade que fecham o tempo e trazem chuvas persistentes (como foi nessa manhã), intercaladas por períodos bem definidos de 3/4 dias de tempo firme. Tivemos poucas chuvas convectivas que, pra mim, é a maior diferença entre primavera x verão aqui. Outro ponto relevante é que, no verão climático, esses períodos de tempo "firme" são bem mais descaracterizados. Começo de noite de céu LIMPO e 23ºC.
  2. Dezembro, o mês mais chuvoso do ano - média de 360mm na estação da área central de BH - começou com... chuva. Choveu a manhã inteira e o acumulado do dia está em 19mm, com tendência de aumentar bem ao longo do dia. Momento de chuva moderada a forte no final da manhã de hoje: Agora, temos algumas aberturas de sol, motivo para a temperatura subir para os 24ºC pouco depois das 13h. Esse aquecimento pode ser o motivo para novas precipitações nas próximas horas, que podem ser mais fortes, com raios etc, pelo efeito da convecção.
  3. Em BH, voltou a chover hoje, em dia bem típico de verão, com sol alternando com períodos nublados e chuvas várias vezes ao longo do dia. Esteve abafado, com a máxima - 29ºC - ocorrendo pouco antes do meio-dia e a mínima - 19ºC - após chuva com ventania no meio da tarde. Imagem de uma das pancadas de chuva que atingiram a Pampulha hoje, por volta de 12:00: Deve chover bastante até amanhã, com tempo mais fechado e ligeira queda de temperatura máxima.
  4. Vendo os relatos do forte calor pelo centro-sul, vejo que BH não entrou na onda do calorão: depois que o tempo abriu na tarde de segunda, a cidade também teve uma semana bem quente, porém com variação mais suave: entre 17 e 31ºC. Condição mais do que esperada, como falei desde o começo de outubro, é relativamente raro a cidade passar dos 33C até setembro do ano que vem. Hoje o dia foi bem ensolarado por aqui, com máxima na casa dos 29ºC: O tempo muda no sábado, com céu mais fechado, queda de temperatura e chuva forte. O acumulado do mês já chegou aos 220mm e deve terminar dentro a ligeiramente acima da média.
  5. Em BH, depois de um final de semana encoberto e chuvoso, o tempo abriu na última noite e a chuva parou. Hoje de manhã, o tempo ainda esteve nublado e até parecia que poderia formar alguma coisa mas, a partir do horário do almoço, o SOL apareceu com tudo, depois de um bom tempo escondido: Com isso, a temperatura disparou e chegou aos 29ºC. Como a umidade baixou pra 45%, não houve grande desconforto. A semana terá predomínio de tempo firme até sexta, só com variação de nuvens. Agora (19h), céu quase limpo e 23ºC.
  6. Em BH, seguimos sob densa cobertura de nuvens e chuva intermitente desde sexta-feira, a cara do trimestre NDJ. De lá pra cá o padrão é esse: céu encoberto e episódios de 2/3h de chuva fraca/moderada intercalados por 3/4h de tempo firme. Para hoje, a previsão até indica o enfraquecimento das áreas de instabilidade, mas o cenário que encontrei - e me surpreendeu - na volta do trabalho foi esse: teto baixo, visibilidade reduzida e chuva fina, porém muito densa 👇 A última vez que o céu ficou com predomínio do azul aqui foi na quinta pela manhã. Às 11h, apenas 19,4C, após mínima de 17,8C.
  7. Enquanto Buenos Aires vai ferver, Belo Horizonte segue em mais um corredor de umidade nesta primavera, que traz um dia encoberto e chuvoso, como era previsto. A máxima, até o momento, é de apenas 23,5C, mas agora (12h30) já está na casa dos 19ºC devido à chuva moderada: A anti-correlação de Buenos Aires com o sudeste é realmente extrema.
  8. Estive ausente devido à falta de tempo nos últimos dias, mas vai um resumo da semana: Em BH, após o sol retornar no domingo passado, a semana teve tempo aberto até quarta-feira. Apesar disso, as temperaturas estiveram muito agradáveis, com mínimas entre 15 e 19ºC e máximas entre 25 e 29ºC. Como a umidade do ar cai quando o tempo abre por essas bandas (calor forte com umidade aqui é bem raro), não houve desconforto significativo - apenas pontual nos períodos mais quentes do dia. Ou seja, não tenho do que reclamar. Algumas imagens da bela semana na capital mineira: Desde ontem (quinta-feira) o tempo virou e voltou a chover na RMBH, em nova convergência de umidade que se estabelece sobre MG - mais desorganizada que a última, a meu ver. Hoje, o dia já foi bem mais nublado, com aberturas de sol e máxima mais baixa (25,7ºC no fim da tarde, com sensação de abafamento): Chuviscou ao longo do dia e choveu fraco a moderado agora a noite. Pelos acumulados - 15mm na quinta e 11mm hoje (sexta) - da pra perceber que o fluxo de umidade não está tão bem configurado como na semana passada. Isso ainda pode mudar, já que a previsão para amanhã é de tempo fechado e chuvoso, com acumulados altos. Vamos aguardar. De qualquer forma, um excelente novembro, dentro de uma primavera muito boa, a mais agradável em muitos anos. Agora (oh), 19,9C na Pampulha, com chuvinhas que vão e voltam.
  9. Hoje fez mais sol em Paranapiacaba que em Belo Horizonte, rsrs. BH está cinzenta, escura e chuvosa há 2 dias, com temperaturas baixas para a época. As variações de hoje não devem em nada a um dia úmido de maio, principalmente que agora temos vento, devido à chegada do ar mais frio: 16,6 / 21,5 Pampulha 15,8 / 20,9 Santo Agostinho/centro 13,9 / 18,2 Cercadinho/Buritis A chuva foi constante até o horário do almoço, com acumulados em torno de 11mm, seguido de céu encoberto e garoa ocasional à tarde. Uma imagem desta tarde escura na Pampulha: Com o avanço das instabilidades para norte, acredito que, a partir de agora, apesar de o tempo permanecer nublado, a chuva fique bem mais intermitente e na forma de garoa. A noite começa com apenas 17ºC, valor inferior à média das mínimas do mês.
  10. Boa noite, eis a primeira ZCAS a influenciar a RMBH na temporada: Como comentado pelo Rafael, choveu o dia inteiro, sem trégua, com temperaturas baixas para a época - e abaixo do que era previsto por todos os institutos. A máxima, de 22,5ºC na Pampulha, foi invertida e ocorreu ontem no começo do dia meteorológico. Ao longo do dia de hoje, a temperatura variou pouquíssimo, sempre perto de 19ºC. Uma foto do céu de hoje, que teve teto baixo que escondia facilmente a Serra do Curral: O acumulado do dia está em 37mm e a previsão é de tempo chuvoso amanhã e encoberto com garoa no sábado, com temperaturas muito abaixo da média - creio que vai dar pra sentir um pouco de frio. 2021 segue a história. Novembro nunca falha. Agora, 17,9C, a mínima do dia.
  11. Mais um dia com características de verão em BH, com sol entre muitas nuvens e abafamento - máxima de 29ºC - e chuvas com raios a partir do meio da tarde. Registrei o céu em diferentes momentos e diferentes locais durante a passagem das instabilidades às 15h30: A temperatura caiu para 20,5C às 17h, a mínima do dia. A partir de amanhã, tempo fechado, muita chuva e temperatura em queda.
  12. Em BH, há 3 dias, estamos sob condições típicas de verão: céu parcialmente nublado, períodos de sol intercalados com alguns períodos nublados, calor e chuvas isoladas com raios e trovoadas entre a tarde e a madrugada, que atingem a cidade de forma desigual. Hoje, durante a tarde, aproveitei o sol para pedalar e tirei uma foto de um dos vários CBs que se formaram (mas não se desenvolveram muito): O tempo tende a ficar mais fechado e a chance de chuvas fortes aumenta mais a partir de amanhã. O tempo passa a chuvoso na sexta e no sábado, com possibilidade de sol só na segunda-feira ou terça-feira. Será um longo período de céu cinzento na capital mineira, apenas com poucas aberturas em um ou outro dia - situação que já é normal pra época do ano. Outro destaque são as temperaturas muito abaixo da média que estão previstas: Sábado seria um dia atipicamente frio para essa altura da primavera.
  13. Em BH, apesar da presença de algumas nuvens ao longo do dia, também fez calor hoje, com variação 18,4 / 30,6C. Ao final da tarde, algumas nuvens mais carregadas trouxeram chuvas passageiras e muito isoladas: Esse tempo relativamente aberto, com sol entre nuvens, deve permanecer até amanhã. A partir de domingo, as chuvas retornam e vários institutos já colocam uma semana bem molhada, com a possibilidade de vários dias chuvosos consecutivos, com acumulados altos e temperaturas amenas - condição típica de ZCAS. A acompanhar. Por enquanto, começo de noite com 25ºC e 53%. Meio abafado, mas sem maior desconforto.
  14. O tempo aqui em BH seguiu o centro-sul do estado e exatamente o padrão de Conselheiro Lafaiete, inclusive nas temperaturas. Após dia extremamente chuvoso ontem, o tempo firmou após as 21h e, daí em diante, não houve mais precipitação mensurável. Devido ao excesso de umidade e o resfriamento da madrugada - mínima variou entre 16,9C e 15,3C - a cidade amanheceu com névoa generalizada e bancos de nevoeiro, principalmente próximo das serras: A vista pra área central, no nível da rua, mostra a névoa: A manhã ainda foi nublada porém, após o horário do almoço, o sol apareceu com força e a tarde foi linda, azul e agradável, principalmente pelas temperaturas que não subiram além dos 27,6ºC com UR baixando aos 45%. O sol, felizmente, tende a aparecer entre nuvens nos próximos dias. Agora (22h), céu limpo e 21ºC.
  15. O dia tempestuoso, como não poderia ser diferente, vai terminando com enchentes em BH: Os volumes já ultrapassaram os 75mm somente hoje. Tenho a impressão que, ultimamente, BH tem sentido mais os impactos (negativos) da chuva que São Paulo - antigamente tinha a impressão contrária.
  16. De fato, foi o dia mais tempestuoso da temporada na RMBH. Choveu na maior parte do dia, com várias pancadas fortes intermitentes desde o amanhecer, algumas com raios e rajadas de vento. Aqui na Pampulha, tivemos (até agora) muito expressivos 48mm somente hoje. Houve períodos de trégua pela tarde, motivo para a temperatura atingir 24,8ºC de máxima. Esse "calorzinho" foi o suficiente para se formar mais núcleos intensos de precipitação ainda de tarde. Consegui sair rapidamente e fotografei uma shelf cloud na Pampulha (apesar de nossos morros e colinas dificultarem a visualização desse tipo de fenômeno): Agora, segue a chuva, com 18ºC.
  17. Bom dia, BH teve um dia nublado ontem, porém sem grandes emoções. Durante a noite, alguns períodos de chuva fraca, com acumulados em torno de 4mm 👇 Já hoje, situação diferente: o 1º de novembro é bem típico de verão, em seu auge mesmo, com tempo extremamente chuvoso e grandes acumulados. Temos uma manhã encoberta, com vários períodos de chuvas moderadas a fortes e até algumas trovoadas. O interessante é que o tempo chuvoso se manifesta de forma intermitente, com chuvas influenciadas por processos convectivos, não é aquela chuva fraca incessante. O acumulado somente agora de manhã está em aproximadamente 35mm! 👇 No momento, 21ºC, nuvens escuras e dentro de poucos minutos deve voltar a cair água. Como já previa Axl Rose, November Rain.
  18. Boa noite, dia muito agradável em BH, com variação média 19/27ºC. Diferente de ontem, hoje o sol não predominou e tivemos amplos periódos nublados ao longo da tarde (o que ajudou a segurar a máxima), sem chuva: Volta a chover a partir de amanhã e tem bastante água pra cair na 1ª semana na novembro. Entraremos no trimestre mais chuvoso do ano: NDJ, quando a média pluviométrica é de quase 900mm na capital.
  19. Ontem e hoje, BH teve dias muito bonito e agradáveis pra quem gosta de calor moderado, com SOL pleno entre poucas nuvens, condição que tem se tornado pouco comum nesse mês. O mais interessante, também, é que o céu está límpido e o azul vivo, graças às chuvas que apagaram os incêndios pelo país. Quanto às temperaturas, como já era esperado, não sobem mais como na primavera seca, ou seja, o limite de calor da cidade é menor a partir de agora até setembro do ano que vem, raramente ultrapassando os 33C. Mesmo com predomínio de sol, a máxima hoje, por exemplo, ficou pouco acima dos 28ºC, com vento. Gostoso. Foi mais fresco que na terça, quando o tempo esteve nublado. Uma imagem desta tarde na área central da cidade. Esse sol deve ir embora nos próximos dias, a chuva vai cair forte e as temperaturas voltam a baixar bastante porém, agora, sem ar frio (mínimas altas). Sinal claro de avanço das monções de verão:
  20. Dia meteorologicamente chato e frustrante em BH, apesar de essa configuração que vou relatar não ser rara. Pela manhã, o sol apareceu um pouco mais que o previsto, trazendo máximas na casa dos 29ºC, acima do esperado. A partir do horário do almoço, nuvens e mais nuvens tomaram conta do céu na cidade, baixaram a temperatura e trouxeram um cenário ameaçador em parte do dia. 16h, com 25ºC e um pouco de vento: Tudo isso trouxe, no máximo, chuva fraca em alguns pontos da cidade, repetindo o cenário de domingo e segunda: muito mais nuvens que chuva. Ainda pode cair água a noite, vamos aguardar. A chuva para a virada do mês segue mantida mas, como foi dito pelo Renan, a intensidade tá variando muito. Os próximos 3 dias têm menores chances de chuva.
  21. Após dia de céu parcialmente nublado, assim como ontem, voltou a chover fraco em BH no começo da noite, com acumulado novamente de 2mm. Apesar do baixo volume, essa chuvinha foi suficiente para refrescar muito bem o abafamento da tarde: da máxima de 29ºC, temos uma noite ventosa, com 20ºC. Para amanhã, a chuva promete ser mais forte e abrangente (sem temporais) e segue mantida a previsão de tempo chuvoso nos dias da virada desse mês pra novembro.
  22. Isso me lembra os climas desérticos, quando as médias pluviométricas devem ser relativizadas, pois as chuvas costumam ser extremamente concentradas e, quando caem, extrapolam a média exorbitantemente. Claro que os desertos são outro nível, pois lá pode chover a média de anos ou décadas em poucas horas e depois ficar anos sem chover, mas isso que aconteceu aí em outubro me lembrou um pouco. E me parece que a La Niña já está dando as caras na prática, né? . . . Por aqui, ontem voltou a chover, porém fraco e isolado, com alguns raios, sem qualquer organização. Os acumulados variaram entre 1 e 3mm apenas. O dia foi nublado (com aberturas) e, com isso, a temperatura subiu menos que o previsto - máxima de 28ºC - porém esteve abafado. Para essa semana, tá pintando uma condição mais tranquila, com tempo mais firme. Só há previsão de chuva - isolada - hoje e amanhã. Como outubro já extrapolou bastante a média, é até bom que fique assim. Tá pintando uma nova "invernada", com tempo fechado, ameno e muita chuva, a partir de domingo.
  23. A temperatura subiu bem hoje por aqui também, com máxima de 29ºC após mínima de 16C. O sol apareceu entre nuvens ao longo do dia, porém com vários períodos de céu parcialmente nublado, que bloqueiam os raios solares, como pode se ver nas imagens abaixo: Essa nebulosidade é típica da primavera e verão e é ela que impede os picos de calor que ocorrem em setembro e começo de outubro. Volta a chover a partir de domingo. Agora (19h30), vento, céu quase limpo e 23ºC.
  24. Assim como ocorreu no último episódio de tempo chuvoso, o sol voltou pra todo mundo no mesmo dia! Em BH, ele também reapareceu hoje, porém ainda com muitas nuvens e períodos nublados, que chegaram a ameaçar chuva - deve ter rolado uns eventos fracos e isolados pela RMBH. Faz cerca de 1 semana que as nuvens dominam o céu da capital, embora na maioria deles haja aberturas de sol (só os últimos 2 foram encobertos/chuvosos). O destaque de hoje fica com as temperaturas. O dia começou frio na cidade, com céu nublado, algum vento e apenas 14,4ºC na área central, valor relevante para uma 2ª quinzena de outubro. Ao longo da tarde, predominaram temperaturas amenas, com máxima de 24ºC. São valores típicos de MAIO. Agora (21h30), uma noite ligeiramente ventosa, com céu estrelado - entre algumas nuvens baixas - e 17ºC. Friozinho outonal.
  25. Boa noite, Belo Horizonte recebeu mais 17mm hoje, principalmente entre o meio da manhã e o começo da tarde, de forma que outubro acumula 236mm distribuídos em 12 dias. A temperatura mínima, de 15,7C, ocorreu durante a chuva mais forte entre 11h e 12h e, devido a alguns períodos de maior claridade durante a tarde, tivemos uma máxima pontual de 20,2ºC, valor bem baixo para o mês. Durante a tarde, predomínio de cobertura maciça de nuvens, mas apenas com chuviscos ocasionais: Para amanhã, o dia deve começar frio - 15ºC - mas já há previsão de aberturas de sol e os próximos dias devem ter chuva fraca e isolada apenas, ou seja, teremos uma trégua. Mas, a partir de segunda, voltam as condições de tempo mais fechado e acumulados altos. 19h30, 17 a 13ºC nas estações da cidade, bastante frio para os padrões de primavera.
×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.