Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Agosto/2021


Recommended Posts

3 horas atrás, BrunoSaoPauloCapital disse:

Agosto ainda é pleno inverno. É setembro que é a transição inverno-primavera.

 

Aqui em SC, com exceção do litoral que tem a latência do calor oceânico, a primavera começa termicamente no fim de agosto. Minha divisão das estações pra Indaial INMET (apesar de eu gostar da prática divisão trimestral DJF/MAM/JJA/SON):

image.thumb.png.a9033d568dea007c7fd3776195048c5b.png

 

Mas não é o caso de agora, só falei que parecia primavera por conta do padrão de nebulosidade avançando de leste, que é predominante nessa época (de Setembro até Novembro). Aliás, o dia foi frio e nublado no vale do Itajaí hoje, o que segurou a máxima abaixo dos 20ºC. Extremos: 10,7ºC a 19,8ºC aqui em casa:

image.thumb.png.914c0c4ff5c807d94870438ac2e00d3d.png

 

Acabou de cair uma chuvinha marítima, faz 16,4ºC com 92% em Blumenau às 20:30.

  • Like 24
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

Desde sábado temos tido dias com temperaturas quase idênticas aqui no Rio. Aqui em Ipanema, desde esse dia as máximas ficaram entre 21 e 22°C, e as mínimas entre 15 e 17°C. A única coisa que mudou foram as condições do tempo, nublado com poucas aberturas de sol ontem e predomínio de sol nos outros dias. Com essas temperaturas, segue mantida a sensação de frio já há uma semana por aqui! Também por poucas vezes vi um período longo sem passar de 22°C. No momento temos mais uma noite fria, com 17°C e poucas nuvens. O friozinho continua pelo menos até sexta.

  • Like 11
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

O tempo seguirá bem ameno e com temperaturas predominantemente abaixo da média até o dia 10. Depois disso, os modelos estão insistindo em um período de calor daqueles bem agradáveis, o calor seco e que traz tardes bem gostosas de umidade baixa (primeiros sinais da "primavera seca" ?). Sinceramente estou torcendo bastante por isso, e mais ainda pelo retorno das chuvas, pois em Julho a precipitação foi simplesmente ZERO por aqui, nenhuma precipitação mensurável, o solo e a vegetação estão sofrendo. Todavia, sei que o fim da estiagem ainda está um pouco distante, somente em Outubro é que a chuva realmente volta com mais força e resolve o problema -apesar do aumento notório em Setembro-.

 

 

  • Like 14
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

19 minutos atrás, Victor Naia disse:

Em Varginha o dia 04 de Agosto variou entre 8,3/23,4°C no Inmet. Nas estações de baixada na região, mínima de 4.0/5.0°C e máxima de 25.0°C.

20210804_203304.jpg

20210804_203314.jpg

20210804_203340.jpg

Victor Naia,

 Luis Ribeiro divulgou um vídeo, está na página anterior, tem uma entrevista com o climatologista Molion, informando das tendências de 10 a 15 anos no avanço de massa polares mais fortes do que nos últimos anos.

No final do vídeo 14 m 16 seg, mostra uma tabela com as piores geadas no Sul de Minas desde julho 1962.

  • Like 6
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Variação hoje  0,3°/14,5°C com geada moderada passando a nublado e instável durante a tarde, inclusive com períodos de garoa.

Vento SE moderado e URA acima dos 80% na maior parte do período.

Agora temos alguns chuviscos e 11,5°C.

Fiz umas imagens durante a tarde pra mostrar o céu cinzento e sem a menor graça.

Na imagem da pra perceber o desastre na paisagem, devido às geadas severas q ocorreram em Julho 👇AirBrush_20210804210446.thumb.jpg.585a9aed8156a89f247d0a667fa11b51.jpgAirBrush_20210804210534.thumb.jpg.7d1b89e2251880abd9ffa9928d9a7dae.jpg

Abaixo alguns registros q eu fiz ontem 👇

AirBrush_20210804210928.thumb.jpg.07d2f96f384ddc7fb6b4c0a68de3221c.jpgAirBrush_20210804211145.thumb.jpg.fdb8449dac0b404e54d1c6ca991b9ad7.jpgAirBrush_20210804210820.thumb.jpg.7008e5ae5c4a993244208ac7b65e26ab.jpgAirBrush_20210804212054.thumb.jpg.d8e4d6cd006f4b0c661c60c026a4a22c.jpg

Edited by Carlos Campos
  • Like 26
  • Thanks 3
  • Sad 1
Link to comment
Share on other sites

Boa noite! Hoje o tempo em Buenos Aires e regiao variou conforme a zona. Por isso faco um relato de cinco localidades:

Observatório Central: teve dia ensolarado, sem neblina em nenhum momento. Mínima de 6°C e máxima de 17,3°C.

 

Aeroparque: amanheceu com visibilidade restrita a 7 km e logo chegou a 10 km. Em apenas uma hora, entre 10 e 11 da manha, a visibilidade baixou pra 400 metros. Às 13h estava em 300 metros, mas já às 14h voltou a 10 km. Permaneceu assim até 16h e às 17h já havia baixado novamente para 200 metros e se mantem entre esse valor e 400m até agora. Com isso a máxima nao passou de 13,5°C (a mínima foi de 7,5°C).

 

Ezeiza: amanheceu com visibilidade nula e passou o dia sem neblina. Agora a visibilidade está restrita a 5 km, mas acho que nao tem a ver com a névoa que veio do rio da Prata, e sim algo mais local, pelo resfriamento noturno. Fez 0,7°C de manha, mas a máxima foi a 19,3°C devido à continentalidade.

La Plata: amanheceu com visibilidade nula, depois limpou, mas depois das 16h a visibilidade rapidamente ficou restrita e agora está em apenas 100 metros. A temperatura variou entre 0,9°C e 14,6°C.

Centro: aqui pelo centro o dia amanheceu com tempo aberto, sem neblina e foi assim até por volta das 16h, quando a névoa comecou a tomar conta do Puerto Madero e parte do microcentro. Por aqui, 2 km mais a oeste, a neblina comecou a chegar por volta das 17h e se mantem até agora. Fotos abaixo tiradas por mim por volta das 18h45:

 

WhatsApp Image 2021-08-04 at 18.51.31.jpeg

WhatsApp Image 2021-08-04 at 18.43.06.jpeg

WhatsApp Image 2021-08-04 at 18.46.52.jpeg

 

E, claro, nao poderia faltar o clássico "desaparecimento do Obelisco" cada vez que chove demais ou tem neblina:

WhatsApp Image 2021-08-04 at 20.02.19.jpeg

Edited by Fábio De Nittis
  • Like 23
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

7 horas atrás, Pablo MQL disse:

 

Debe de ser una niebla relacionada con el Rio de la Plata, aqui en Uruguay el extremo sur del pais, Montevideo y alrededores, todavia tampoco superaron los 10°C a las 14hrs y continua la niebla:

 

 

Totalmente! La niebla acá solo llegó a una distancia de hasta 3 km del río, el resto de la ciudad estuvo despejado todo el día. Acá encontré una imagen de satélite de la niebla, se ve bastante que fue un fenómeno relacionado con el Río de la Plata:

image.png.9e01979d8a4f5ceb039826f4eb31b845.png

  • Like 17
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

11 minutes ago, Fábio De Nittis said:

 

Totalmente! La niebla acá solo llegó a una distancia de hasta 3 km del río, el resto de la ciudad estuvo despejado todo el día. Acá encontré una imagen de satélite de la niebla, se ve bastante que fue un fenómeno relacionado con el Río de la Plata:

image.png.9e01979d8a4f5ceb039826f4eb31b845.png

 

La niebla nunca se fue y continua en este momento!

 

Eso "aseguro" las maximas que fueron inferiores a 10° o los rondaran en Montevideo y buena parte de la costa del Rio de la Plata.

La estacion Melilla "clavo" otra maxima sub10 por ejemplo:

 

image.png.914882b429322af852e3ba3274e187a4.png

 

 No solo eso, si no que las minimas fueron bastante bajas el "radio de accion" de este banco de niebla, San Jose de Mayo 1,1°C ; Carrasco 2,3°C; la estacion Prado de Montevideo 3,5°C son minimas que hacen pensar en noche despejada y "frio radiativo" y sin embargo ocurrieron en el corazon de una pesada y humeda niebla.

 

 

Edited by Pablo MQL
  • Like 14
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

En el dia de ayer durante buena parte de la tarde aparecio el sol y el cielo se puso bien celeste (apesar de que se observaba cierta cerrazon), logrando que la temperatura repuntara hasta 17°C en la estacion Prado y 19,3°C en la estacion Melilla, aunque a la mañana y a la noche estuvo igual de frio, neblinoso y humedo que hoy.

 

Hoy al contrario de ayer no aparecio el sol y el cielo nunca se puso "celeste", siempre estuvo gris.

 

Estas fueron las temperaturas extremas durante el dia de ayer en Montevideo (Melilla) los 2°C de minima se dieron bajo esta misma espesa y humeda niebla que cubre la ciudad en este momento:

 

MÁXIMAS Y MÍNIMAS AYER
TEMP MÁXIMA
19.28 a las 15:07:00
TEMP MÍNIMA
2.06 a las 07:54:00

 

 

Edited by Pablo MQL
  • Like 13
Link to comment
Share on other sites

Admito que esse aquecimento previsto para São Paulo nos próximos dias vai ser bom.

Esse constância de baixas temperaturas (hoje completou 1 semana que está assim por aqui) tem deixado o interior da casa muito frio. Está muito difícil colocar as mãos na água da torneira, acordar de manhã, tomar banho (principalmente na hora de sair).

Tem que deixar as janelas fechadas, o que transforma a casa em uma estufa perfeita para a criação de bolores.

Concordo que é muito bom estar presenciando tudo isso nesse inverno, porém seria ainda melhor se as casas daqui da cidade tivessem uma infraestrutura melhor para aguentar esses dias (isolamento térmico, calefação, torneira com água quente).

 

----------------------------

 

Imagem do satélite das 22:10 mostra nuvens altas entrando no estado de SP.

Grande SP está sob grande concentração de nuvens baixas.

zvKsAHl.jpg

  • Like 20
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

3 minutos atrás, Daniel85 disse:

Admito que esse aquecimento previsto para São Paulo nos próximos dias vai ser bom.

Esse constância de baixas temperaturas (hoje completou 1 semana que está assim por aqui) tem deixado o interior da casa muito frio. Está muito difícil colocar as mãos na água da torneira, acordar de manhã, tomar banho (principalmente na hora de sair).

Tem que deixar as janelas fechadas, o que transforma a casa em uma estufa perfeita para a criação de bolores.

Concordo que é muito bom estar presenciando tudo isso nesse inverno, porém seria ainda melhor se as casas daqui da cidade tivessem uma infraestrutura melhor para aguentar esses dias (isolamento térmico, calefação, torneira com água quente).

 

----------------------------

 

Imagem do satélite das 22:10 mostra nuvens altas entrando no estado de SP.

Grande SP está sob grande concentração de nuvens baixas.

zvKsAHl.jpg

Sempre entram nuvens na grande SP, cenário que se repete 360 dias por ano. 

  • Like 6
  • Haha 3
Link to comment
Share on other sites

13 minutos atrás, ifreitasrosa disse:

Sempre entram nuvens na grande SP, cenário que se repete 360 dias por ano. 

Aqui não tem muito jeito mesmo.

Além da cidade ser próxima ao oceano (entre 30 e 50 km do mar, dependendo do lugar), tem o fato de estar em uma altitude maior (700-800 metros, também dependendo do lugar). Isso tudo ajuda na formação dessas nuvens baixas mesmo quando a infiltração marítima vem muito fraca. Não tenho certeza se essa altitude contribui nisso mesmo, mas penso que a umidade marítima ao encontrar um local mais alto acaba se condensando.

É normal, mesmo em dias típicos de verão, de no final da tarde a capital paulista estar com aquele monótono céu coberto por um "manto" cinza de nebulosidade baixa enquanto no interior observa-se aquela bela variedade de nuvens (cbs, cirrus, alto cúmulos, alto estratos, cúmulos...). Um belo de um contraste que pode ocorrer até em uma distância inferior a 100k de um lugar para o outro.

  • Like 14
  • Sad 1
Link to comment
Share on other sites

12 horas atrás, danilo brumana disse:

Sim sim

 

Eu considero tanto esse mês de julho 2021  quanto o de 2017 muito bons. Pra serem lembrados com carinho pra ser bem sincero. 

 

O rivalizar seria inútil já que esse de 2021 tivemos mais dias de céu azul com sol. Porém  deixou os dias de julho bem mais agradável de contemplar durante as tardes.  O de 2017 foi bastante nublado. 

 

Agosto parece que vai ser tbm um mês que quer ficar na história olhando as previsões a frente. 

 

Agosto de 2012 foi o mais frio da década de 2010 e não me recordo de outros agostos que superou o de 2012. Sei que teve aquela friaca do agosto de  2020. Não sei se pra vcs aqui aquele episódio faz o agosto de 2020 ser mais frio comparando com o de 2012. 

 

Devo estar errado com minhas informações. Mas se tiver me corrige por favor. 

 

 

Mais uma vez a sua intuição não errou, os meses de agosto de 2012 e 2020 se destacaram a curta série da automática da Pampulha, como mostram as médias (744 horas) abaixo:

 

BH.png.67c235f1c9c941fe3f6117660d4550b4.png

 

Mas o que chama atenção é o rápido avanço da “primavera” sobre a área da capital mineira em agosto; enquanto no mês de julho em apenas duas vezes (de 15) a média horária mensal superou os 20ºc (2009 e 2016), em agosto apenas dois meses (de 14) ficaram abaixo dos 20ºc, de fato há uma mudança de padrão e tanto.

 

Apesar disso, agosto conseguiu ser mais fresco que julho na auto da Pampulha em 2009 (20,5ºc x 20,3ºc), 2012 (19,4ºc x 19,1ºc) e 2020 (19,8ºc x 19,5ºc).

 

Voltando para julho; apesar de eu não ter todos os meses tabelados (como tenho da Pampulha), eu resolvi comparar os julhos de 2017 e 2021 também nas estações mais “advectivas” da área de BH e, conforme eu já esperava, nesses casos 2017 se sobressaiu muito mais sobre 2021 (não fiz Florestal, mais radiativa, por estar sem dados no início de 07/2021).

 

Quem mora nos bairros serranos de BH, especialmente nos topos e encostas, sentiu muito mais o inverno em julho de 2017.

 

Médias horárias:

 

BH Mangabeiras PWS:

Julho 2017: 15,9ºc

Julho 2021: 17,5ºc

 

BH Inmet Cercadinho:

Julho 2017: 15ºc

Julho 2021: 16,4ºc

 

Ibirité (Serra Rola Moça):

Julho 2017: 15,4ºc

Julho 2021: 16,7ºc

 

Então, dentro de uma mesmo cidade a percepção e a realidade de meses diferentes pode variar bastante também (especialmente onde o relevo é mais acidentado). No Rio de Janeiro não é diferente; enquanto o aeroporto do Galeão (perto do extremo nordeste da cidade do Rio) registrou a menor temperatura média mensal do século XXI em 07/2021, e a Vila Militar provavelmente também, no Forte de Copacabana 07/2021 perdeu para vários outros meses como junho de 2016 e até mesmo julho de 2017 (que não se destacou nos bairros internos do RJ), enquanto na Marambaia 07/2021 “perdeu” pra  06/2016, mas “ganhou” de 07/2017.

 

 

Portanto, se alguém perguntar qual foi o mês mais frio (na verdade, menos quente) do século XXI na cidade do Rio, a melhor resposta é: depende do bairro.

 

Edited by Wallace Rezende
  • Like 15
  • Thanks 6
Link to comment
Share on other sites

19 minutos atrás, Wallace Rezende disse:

 

Mais uma vez a sua intuição não errou, os meses de agosto de 2012 e 2020 se destacaram a curta série da automática da Pampulha, como mostram as médias (744 horas) abaixo:

 

BH.png.67c235f1c9c941fe3f6117660d4550b4.png

 

Mas o que chama atenção é o rápido avanço da “primavera” sobre a área da capital mineira em agosto; enquanto no mês de julho em apenas duas vezes (de 15) a média horária mensal superou os 20ºc (2009 e 2016), em agosto apenas dois meses (de 14) ficaram abaixo dos 20ºc, de fato há uma mudança de padrão e tanto.

 

Apesar disso, agosto conseguiu ser mais fresco que julho na auto da Pampulha em 2009 (20,5ºc x 20,3ºc), 2012 (19,4ºc x 19,1ºc) e 2020 (19,8ºc x 19,5ºc).

 

Voltando para julho; apesar de eu não ter todos os meses tabelados (como tenho da Pampulha), eu resolvi comparar os julhos de 2017 e 2021 também nas estações mais “advectivas” da área de BH e, conforme eu já esperava, nesses casos 2017 se sobressaiu muito mais sobre 2021 (não fiz Florestal, mais radiativa, por estar sem dados no início de 07/2021).

 

Quem mora nos bairros serranos de BH, especialmente nos topos e encostas, sentiu muito mais o inverno em julho de 2017.

 

Médias horárias:

 

BH Mangabeiras PWS:

Julho 2017: 15,9ºc

Julho 2021: 17,5ºc

 

BH Inmet Cercadinho:

Julho 2017: 15ºc

Julho 2021: 16,4ºc

 

Ibirité (Serra Rola Moça):

Julho 2017: 15,4ºc

Julho 2021: 16,7ºc

 

Então, dentro de uma mesmo cidade a percepção e a realidade de meses diferentes pode variar bastante também (especialmente onde o relevo é mais acidentado). No Rio de Janeiro não é diferente; enquanto o aeroporto do Galeão (perto do extremo nordeste da cidade do Rio) registrou a menor temperatura média mensal do século XXI em 07/2021, e a Vila Militar provavelmente também, no Forte de Copacabana 07/2021 perdeu para vários outros meses como junho de 2016 e até mesmo julho de 2017 (que não se destacou nos bairros internos do RJ), enquanto na Marambaia 07/2021 “perdeu” pra  06/2016, mas “ganhou” de 07/2017.

 

 

Portanto, se alguém perguntar qual foi o mês mais frio (na verdade, menos quente) do século XXI na cidade do Rio, a melhor resposta é: depende do bairro.

 

Wallace Rezende,

a mínima de 4,2ºC na automática de Teresópolis, foi a menor de julho em toda existência da automática ou teve outro ano em que a mínima ficou abaixo de 4,2!

  • Like 7
Link to comment
Share on other sites

3 horas atrás, marinhonani disse:

Victor Naia,

 Luis Ribeiro divulgou um vídeo, está na página anterior, tem uma entrevista com o climatologista Molion, informando das tendências de 10 a 15 anos no avanço de massa polares mais fortes do que nos últimos anos.

No final do vídeo 14 m 16 seg, mostra uma tabela com as piores geadas no Sul de Minas desde julho 1962.

Obrigado, Nani! Vou dar uma conferida.

  • Like 4
Link to comment
Share on other sites

4 horas atrás, Paulo Henrique disse:

De bom tamanho Varginha, linda cidade!

 

Estimativa em 140 mil habitantes. Acredito que será um número consideravelmente superior no próximo censo do IBGE. A cidade cresceu bastante nos últimos anos, muito mais que a década 2000-2010. Apesar de ser a 3° maior em população da região, é a que possui maior raio de influência regional, ultrapassando 120 a 150 km (dependendo do serviço). Agracadeço seu comentário.

 

Como local, acho que o urbanismo da cidade deixa a desejar (apesar da topografia complicada), ainda mais, se tratando de um município rico e com índices de desenvolvimento acima da média.

 

Agora 12/13°C na cidade. Noite bem menos fria comparada as últimas. 

 

Abaixo, fim de tarde em Campanha, município 40 km daqui, uma das cidades mais antigas da região. 

20210805_013314.jpg

  • Like 12
Link to comment
Share on other sites

Ontem aqui na região de Jaú, nada muito relevante, frio de manhã, sol, vento e nebulosidade variável.

 

Ontem variou entre 9.3 e 25.1 graus.

 

agora venta (avá) e faz 12.1 graus, deve amanhecer com uns 10 graus. 

 

Por causa do vento a sensação de frio está mais acentuada, porém não reclamo 🤗

  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

Bom dia...

Depois de uma noite com chuviscos e até garoa forte o milagre novamente aconteceu (HalleJulliya) e o céu se abriu (como aconteceu com o Mar Vermelho, na passagem bíblica).

Por volta das 3/4 h da manhã a keda na temperatura foi veloz, de 11,6°C para 8,1°C em apenas ~1h (dados da automática Borda da Mata).

Às 6h20 o céu estava incrível 👇AirBrush_20210805073232.thumb.jpg.c2d7af76e40a3e388e7dcf81fc39c2c8.jpg

Às 7h já não estava mais tão bonito, com nuvens avançando pelo sudeste e uma brisa chata já se fazendo presente.AirBrush_20210805072904.thumb.jpg.6ac49d74d21adbc7b54721af77756e50.jpg

No lado norte, céu nublado com Stratus e possivelmente bastante vento 👇AirBrush_20210805072229.thumb.jpg.737096c235850f99588f5911e5b4a1a7.jpg

Esse quadro deve ter permanecido inalterado durante toda a madrugada na metade norte da nossa região, visto q pelos dados da PWS Britanite em Quatro Barras (mais próxima à Serra) a mínima não baixou dos 11,3°C enquanto Borda da Mata desceu à 5,6°C.

Registros por volta das 7h 👇Screenshot_20210805-070523.png.9f8fc181896cb2af1c19f54f779c354c.pngScreenshot_20210805-071135.png.b26eb27d5ebd06973d751349482b19ca.png

No lado sul, bem ao sul, a região serrana de Joinville também foi afetada pela mesma condição q atuou ao norte de Curitiba e Serra Dona Francisca registrava 10,9°C. Então foi uma situação de sorte mesmo q aki tenha limpado ao amanhecer.Screenshot_20210805-070538.png.db85fc120fb6c4272f44cfb0223d03af.png

Mínima na minha estação, 4,8°C e 0,2°C na relva (por décimos não houve formação de geada fraca no capim).AirBrush_20210805072435.thumb.jpg.14c18645b405a987f39b3ddb6179b874.jpgAirBrush_20210805072704.thumb.jpg.3c1e8c023e48185e01329271bbbed29a.jpg

  • Like 21
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

20 minutos atrás, Wagner97 disse:

O euro aumentou bastante o frio da próxima MP na última rodada.

Previsão pra grande sp na tarde da próxima sexta:

image.png.4997307f4c21437b08816ab4858c6fce.png

Parece q será um evento rápido e com tendência marítima, com máxima em torno dos 9°C em Curitiba e mínima não muito baixa.

Se vier com chuva, q está indicando (11/15 mm) vai ser bom. Mas se vier somente com chuviscos e akele céu cinzento... nem kero pensar.

Sorte q vamos nos deliciar antes com 27/28°C durante a pré-frontal (he he @Matheus Vinicius)

  • Like 13
  • Haha 6
Link to comment
Share on other sites

Por aqui o euro indica algo muito rápido também. Teríamos o auge do calor na próxima segunda-feira, com mínima de 12 e máxima de 26. Depois começaria a esfriar até o ápice de frio na quinta-feira, com mínima de 2 e máxima de 9, e sexta-feira com mínima de 1 e máxima de 14. Depois rapidamente esquenta, sendo que no domingo já estaria fazendo mínima de 10 e máxima de 21. É um bom frio, mas extremamente rápido.

  • Like 13
Link to comment
Share on other sites

45 minutos atrás, Carlos Campos disse:

Parece q será um evento rápido e com tendência marítima, com máxima em torno dos 9°C em Curitiba e mínima não muito baixa.

Se vier com chuva, q está indicando (11/15 mm) vai ser bom. Mas se vier somente com chuviscos e akele céu cinzento... nem kero pensar.

Sorte q vamos nos deliciar antes com 27/28°C durante a pré-frontal (he he @Matheus Vinicius)

pois é, aqui também pode vir uma boa chuva, tomara! 🙏 Um clássico evento de frio úmido de máximas baixas que não pode faltar em Agosto (nos últimos anos só não tivemos isso nos horrorosos 2012 e 2015)

Edited by Wagner97
  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

Por aqui o euro indica algo muito rápido também. Teríamos o auge do calor na próxima segunda-feira, com mínima de 12 e máxima de 26. Depois começaria a esfriar até o ápice de frio na quinta-feira e sexta-feira, com mínima de 6 e máxima de 12 em ambas.. Depois rapidamente esquenta, sendo que no domingo já estaria fazendo mínima de 7 e máxima de 21. É um bom frio, mas extremamente rápido.

  • Like 11
Link to comment
Share on other sites

Rio de janeiro tem tido uma semana linda, máximas de 21°/22°/23°C, ventoso, ora com nuvens, ora com o céu azul lindo com vento frio, e minimas caindo a 14°/15° na zona oeste e baixada fluminense, não me lembro de um clima ameno aqui dessa forma durante tanto tempo, (tenho 28 anos) já estou com saudade desse clima, porque daqui a pouco começa nosso Verão Senegalês.

Edited by Wallace Souza
  • Like 13
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Mínima de 13,7 graus em POA. Kabo a festa.

 

A MetSul fez uma matéria bem interessante sobre esse começo de entrada de ar quente no RS:

 

Trechos do link abaixo:

FONTE METSUL:

"Veja-se o caso de Porto Alegre. Todos os dias é lançado de manhã do Aeroporto Salgado Filho um balão meteorológico. Junto vai um equipamento que transmite dados coletados em diferentes níveis da atmosfera. É o que se chama de rádio-sondagem. A temperatura às 9h de hoje em superfície no aeroporto era de 11,6ºC, mas a 1.600 metros de altitude, onde deveria estar bem mais frio, a temperatura era muito parecida com 10,6ºC.

Esse padrão ficou ainda mais evidente da sondagem da base aérea de Santa Maria. Dados da sondagem indicaram que em superfície fazia 9,6ºC, mas toda a parcela da atmosfera de 700 a 1900 metros de altitude tinha temperatura mais alta. Em 900 metros de altitude, por exemplo, fazia 14ºC ou 4,6ºC acima do que era registrado na superfície. Em 1.700 metros, a temperatura era de 12,4ºC.

Diferenças ainda mais gritantes ocorreram hoje de manhã na sondagem do Aeroporto Internacional Rubem Berta de Uruguaiana. Às 9h desta quarta, a temperatura medida em superfície era de 9,2ºC. Ocorre que a 500 metros de altitude fazia 16,2ºC ou 7ºC a mais. Mesmo a 2.500 metros a temperatura era mais alta com 10,2ºC. Somente a partir do nível aproximado de 2.700 metros a temperatura passava efetivamente a ser menos que a vista em superfície."

 

 

  • Like 13
  • Thanks 5
Link to comment
Share on other sites

Temperaturas extremas durante el dia de ayer en Montevideo (Melilla):

 

MÁXIMAS Y MÍNIMAS AYER
TEMP MÁXIMA
10.00 a las 13:54:00
TEMP MÍNIMA
3.67 a las 03:59:00

 

Temperaturas dignas de una MP....pero sin MP...solo una niebla helada que cubrio la region noche y dia.

 

Cielo gris, nunca aparecio el sol.

  • Like 11
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Hoje, salvo engano, foi quebrada uma sequência de negativas desde o dia 27 em Santa Catarina.

 

Por aqui, as mínimas ficaram em 14°C. Um dia confortável sem qualquer necessidade agasalho. E os dias vão seguir amenos. Esse quadro deve durar até quarta que vem pelo menos.

Edited by Moretão
  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

9 horas atrás, Wallace Rezende disse:

 

Mais uma vez a sua intuição não errou, os meses de agosto de 2012 e 2020 se destacaram a curta série da automática da Pampulha, como mostram as médias (744 horas) abaixo:

 

BH.png.67c235f1c9c941fe3f6117660d4550b4.png

 

Mas o que chama atenção é o rápido avanço da “primavera” sobre a área da capital mineira em agosto; enquanto no mês de julho em apenas duas vezes (de 15) a média horária mensal superou os 20ºc (2009 e 2016), em agosto apenas dois meses (de 14) ficaram abaixo dos 20ºc, de fato há uma mudança de padrão e tanto.

 

Apesar disso, agosto conseguiu ser mais fresco que julho na auto da Pampulha em 2009 (20,5ºc x 20,3ºc), 2012 (19,4ºc x 19,1ºc) e 2020 (19,8ºc x 19,5ºc).

 

Voltando para julho; apesar de eu não ter todos os meses tabelados (como tenho da Pampulha), eu resolvi comparar os julhos de 2017 e 2021 também nas estações mais “advectivas” da área de BH e, conforme eu já esperava, nesses casos 2017 se sobressaiu muito mais sobre 2021 (não fiz Florestal, mais radiativa, por estar sem dados no início de 07/2021).

 

Quem mora nos bairros serranos de BH, especialmente nos topos e encostas, sentiu muito mais o inverno em julho de 2017.

 

Médias horárias:

 

BH Mangabeiras PWS:

Julho 2017: 15,9ºc

Julho 2021: 17,5ºc

 

BH Inmet Cercadinho:

Julho 2017: 15ºc

Julho 2021: 16,4ºc

 

Ibirité (Serra Rola Moça):

Julho 2017: 15,4ºc

Julho 2021: 16,7ºc

 

Então, dentro de uma mesmo cidade a percepção e a realidade de meses diferentes pode variar bastante também (especialmente onde o relevo é mais acidentado). No Rio de Janeiro não é diferente; enquanto o aeroporto do Galeão (perto do extremo nordeste da cidade do Rio) registrou a menor temperatura média mensal do século XXI em 07/2021, e a Vila Militar provavelmente também, no Forte de Copacabana 07/2021 perdeu para vários outros meses como junho de 2016 e até mesmo julho de 2017 (que não se destacou nos bairros internos do RJ), enquanto na Marambaia 07/2021 “perdeu” pra  06/2016, mas “ganhou” de 07/2017.

 

 

Portanto, se alguém perguntar qual foi o mês mais frio (na verdade, menos quente) do século XXI na cidade do Rio, a melhor resposta é: depende do bairro.

 

 

Oi, Wallace

 

só completando sua brilhante análise com observações empíricas, sobre agosto, assim como em boa parte do Brasil, pode ser dividido em invernal (até o dia 15/20) X primaveril (a parir daí). A primeira quinzena é quase uma extensão de julho, como se observa na previsão para os próximos dias, mas o final do mês, normalmente, é uma amostra suavizada do maçarico de setembro, o que naturalmente impede que as médias mensais fiquem baixas. É uma troca de padrão e tanto, talvez a maior do ano, mas puxada pelo final do mês.

 

Sobre o tipo de estação (advectiva ou não), eu cheguei a comentar isso, sem analisar os dados, ali por volta do dia 20, quando aquele ar muito seco trouxe um intenso e repentino resfriamento. Até então, os topos de BH estavam bem atrás de 2017: a área central não tinha baixado de 12C, enquanto o Cercadinho (bairro Buritis) sequer tinha baixado de 10. A Pampulha, na contramão, colecionava bons registros. A última MP, de avecção mais intensa, finalmente trouxe valores relevantes nas referidas estações e colocou julho/21 em destaque. De qualquer forma, 2017 foi melhor na cidade inteira.

 

Para encerrar, sobre o que falei ontem do calor absoluto de apenas 31,9C até o momento, há 100% de chance de ele ser massacrado nas próximas semanas, quando BH tem potencial, mesmo que por pouco tempo, de passar alguns dias irreconhecíveis, que não deixa devendo o calor habitual de Teresina - PI. Vamos ver se virão novas aberrações esse ano ou se vamos parar nos 33/34C anuais, que era bem comum por aqui até 2011.

.

.

.

 

Por enquanto, o inverno prossegue, com vento:

 

12,8C Pampulha

10,0C Cercadinho

13,2C Santo Agostinho

  • Like 15
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, LeoP disse:

 

Oi, Wallace

 

só completando sua brilhante análise com observações empíricas, sobre agosto, assim como em boa parte do Brasil, pode ser dividido em invernal (até o dia 15/20) X primaveril (a parir daí). A primeira quinzena é quase uma extensão de julho, como se observa na previsão para os próximos dias, mas o final do mês, normalmente, é uma amostra suavizada do maçarico de setembro, o que naturalmente impede que as médias mensais fiquem baixas. É uma troca de padrão e tanto, talvez a maior do ano, mas puxada pelo final do mês.

 

Sobre o tipo de estação (advectiva ou não), eu cheguei a comentar isso, sem analisar os dados, ali por volta do dia 20, quando aquele ar muito seco trouxe um intenso e repentino resfriamento. Até então, os topos de BH estavam bem atrás de 2017: a área central não tinha baixado de 12C, enquanto o Cercadinho (bairro Buritis) sequer tinha baixado de 10. A Pampulha, na contramão, colecionava bons registros. A última MP, de avecção mais intensa, finalmente trouxe valores relevantes nas referidas estações e colocou julho/21 em destaque. De qualquer forma, 2017 foi melhor na cidade inteira.

 

Para encerrar, sobre o que falei ontem do calor absoluto de apenas 31,9C até o momento, há 100% de chance de ele ser massacrado nas próximas semanas, quando BH tem potencial, mesmo que por pouco tempo, de passar alguns dias irreconhecíveis, que não deixa devendo o calor habitual de Teresina - PI. Vamos ver se virão novas aberrações esse ano ou se vamos parar nos 33/34C anuais, que era bem comum por aqui até 2011.

.

.

.

 

Por enquanto, o inverno prossegue, com vento:

 

12,8C Pampulha

10,0C Cercadinho

13,2C Santo Agostinho

 

Esse Santo Agostinho não faz milagres nas mínimas por aí pelo jeito né?

 

Qual a representatividade dessa estação em relação à cidade como um todo? O Mirante de Santana, aqui em SP embora seja uma das estações mais quentes da cidade representa bem boa parte do seu centro expandido, principalmente o maciço da Av Paulista, o alto da Lapa e boa parte da Zona Leste (bairros altos como Tatuapé, Carrão, Vila Formosa, Penha), além é claro dos morros da Zona Norte da cidade, onde está a estação.

  • Like 10
Link to comment
Share on other sites

44 minutos atrás, ricardosilva disse:

 

Esse Santo Agostinho não faz milagres nas mínimas por aí pelo jeito né?

 

Qual a representatividade dessa estação em relação à cidade como um todo? O Mirante de Santana, aqui em SP embora seja uma das estações mais quentes da cidade representa bem boa parte do seu centro expandido, principalmente o maciço da Av Paulista, o alto da Lapa e boa parte da Zona Leste (bairros altos como Tatuapé, Carrão, Vila Formosa, Penha), além é claro dos morros da Zona Norte da cidade, onde está a estação.

 

É área central, como o centro expandido de vocês. A mínima do ano lá está em 10,8ºC.

 

O local da estação, além de ser um topo a 915m (repare nos prédios baixos no fundo da imagem e as montanhas) está totalmente engolida pela cidade e pelo contexto urbano, com prédios (a área é verticalizada), movimento pesado (olha o congestionamento kkk) e viadutos:

 

33430895_Semttulo.thumb.png.7c63321271a7f6c357269a8dba551708.png

 

Sobre representatividade, considero média a baixa, porém importante, por estar na área central e mais antiga da cidade. A grande maioria dos bairros tem mínimas menores e, se não me engano, todas as PWS da cidade, inclusive em locais urbanizados da região norte, baixaram mais que ela.

 

Vindo da Pampulha, eu atravesso a região para ir trabalhar e é notável como a temperatura cai um pouco depois que a gente deixa os bairros centrais, pelo menor adensamento. Reparem como o perímetro da avenida do Contorno (esse círculo amarelo) é totalmente verticalizado (aspecto cinza no mapa) e, fora dele, em todas as direções, a concentração de edifícios diminui muito, percebido pela cor marrom ou alaranjado do telhado das casas (o inmet tá marcado pelo pino vermelho):

 

189406175_Semttulo1.png.053d396902d35a6876a1e2ce2dedaf02.png

 

É importante, mas não é tão representativo (para T mín) e, diante disso, discordo de quem atribui à capital de forma geral suas temperaturas mínimas. Como falei, a diferença é sentida logo que se deixa a região, não precisa ir longe.

 

De qualquer forma, como a urbanização não afeta as máximas, ela mantém valores mais amenos nas tardes que a metade norte do município, além de ventar mais pela proximidade das serras. Ontem, a máxima por lá foi de 22,4ºC e hoje a mínima foi a 13ºC.

 

 

 

 

Edited by LeoP
  • Like 10
  • Thanks 4
Link to comment
Share on other sites

Foram 9 geadas seguidas nas baixadas da região, sequência bem relevante. Inclusive nas partes mais baixas como na Linha Laju/Tigre em Mondaí que tem perto de 200, 210m de altitude.

 

Dos anos que "desço" para Mondaí a partir de Iporã do Oeste (últimos 5/6 anos), definitivamente esse é o ano que a vegetação mais mostrou os impactos das geadas contínuas.

 

Finalmente um MJJ (e possivelmente agosto) decente!

 

IMG-20210804-114447.jpg

IMG-20210804-114723.jpg

IMG-20210804-114945.jpg

IMG-20210804-123836.jpg

IMG-20210804-124111.jpg

IMG-20210804-124203.jpg

 

Minhas três estações em julho:

 

hhjdds.thumb.png.77d8d7979def480226b1f47779c36855.png

 

2053770476_sssss(1).thumb.png.e7d702a9cd52df07a2db862442a7059a.png

 

As anomalias ficaram -1/0 (mínimas/máximas) no Inmet mais próximo, que é topo. Nas baixadas acredito que foi -4 de anomalia nas mínimas. 3,7ºC de média mínima a 310m de altitude é bem relevante. Me surpreendeu.

 

 

  • Like 19
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

8 minutos atrás, danilo brumana disse:

Qual site mostra as temperaturas das PWS aqui em BH?

WUnderground tem muitas. Boa tarde!

 

https://www.wunderground.com/wundermap

 

O Sigma também - elas são até filtradas para evitar aquelas com dados espúrios.

 

https://sigmameteorologia.com/sigmaweb/?product=estacoes

Edited by sjmolive
  • Like 8
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

Dia extremamente adorável por aqui. Diria que foi uma variação de temperatura simplesmente ideal para meu humor térmico. 

 

No bairro Bandeirantes: 10,6°C / 21,0°C

 

Já consigo sinalizar que a temperatura máxima foi essa mesma, porque o tempo nublou e esse valor não será mais alcançado. Dias assim são os que mais sinto falta quando chega o verão...não são os dias gélidos sob MP forte, mas sim esses dias como hoje, sob influência de MP marítima. 

  • Like 14
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, LeoP disse:

 

É área central, como o centro expandido de vocês. A mínima do ano lá está em 10,8ºC.

 

O local da estação, além de ser um topo a 915m (repare nos prédios baixos no fundo da imagem e as montanhas) está totalmente engolida pela cidade e pelo contexto urbano, com prédios (a área é verticalizada), movimento pesado (olha o congestionamento kkk) e viadutos:

 

33430895_Semttulo.thumb.png.7c63321271a7f6c357269a8dba551708.png

 

Sobre representatividade, considero média a baixa, porém importante, por estar na área central e mais antiga da cidade. A grande maioria dos bairros tem mínimas menores e, se não me engano, todas as PWS da cidade, inclusive em locais urbanizados da região norte, baixaram mais que ela.

 

Vindo da Pampulha, eu atravesso a região para ir trabalhar e é notável como a temperatura cai um pouco depois que a gente deixa os bairros centrais, pelo menor adensamento. Reparem como o perímetro da avenida do Contorno (esse círculo amarelo) é totalmente verticalizado (aspecto cinza no mapa) e, fora dele, em todas as direções, a concentração de edifícios diminui muito, percebido pela cor marrom ou alaranjado do telhado das casas (o inmet tá marcado pelo pino vermelho):

 

189406175_Semttulo1.png.053d396902d35a6876a1e2ce2dedaf02.png

 

É importante, mas não é tão representativo (para T mín) e, diante disso, discordo de quem atribui à capital de forma geral suas temperaturas mínimas. Como falei, a diferença é sentida logo que se deixa a região, não precisa ir longe.

 

De qualquer forma, como a urbanização não afeta as máximas, ela mantém valores mais amenos nas tardes que a metade norte do município, além de ventar mais pela proximidade das serras. Ontem, a máxima por lá foi de 22,4ºC e hoje a mínima foi a 13ºC.

 

 

 

 

Sem contar que BH é pequena se for comparada com São Paulo por exemplo. Dentro da contorno tem vários microclimas e lugares que faz mais frio que a convencional  não registrou esse ano. Só o centro da cidade ( que está dentro da contorno ) já seria um pedaço da cidade de São Paulo onde o Mirante representa com seus registros as temperaturas mínimas. Chutaria que o centro circulado pela  a contorno  seria um desses bairros que o Ricardo mencionou. 

 

Se eu estiver enganado me corrigem 

  • Like 10
Link to comment
Share on other sites

56 minutos atrás, Renan disse:

Dia extremamente adorável por aqui. Diria que foi uma variação de temperatura simplesmente ideal para meu humor térmico. 

 

No bairro Bandeirantes: 10,6°C / 21,0°C

 

Já consigo sinalizar que a temperatura máxima foi essa mesma, porque o tempo nublou e esse valor não será mais alcançado. Dias assim são os que mais sinto falta quando chega o verão...não são os dias gélidos sob MP forte, mas sim esses dias como hoje, sob influência de MP marítima. 

Renan,

ontem a noite, vi que estava encoberto na região de Juiz de Fora, Coronel Pacheco, na região de Pedro Teixeira/Bias Fortes e outras áreas da divisa MG/RJ, indo de Três Rios até Visconde de Mauá, e parece que continuou fechado toda madrugada, por isso as mínimas não desceram mais.

Aqui em Laje, céu estrelado até 00 h 25, esfriando bem, mas as MMMs chegaram a partir de 00 h 30, só limpando um pouco quando levantei ás 5h 10.

Na estação de Cambuci/Inmet, quando o vento parou, esfriou rápido, a mínima foi de11,2ºC ás 2 da madrugada, a partir desse horário as nuvens chegaram lá.

Na estação Inmet/Carmo-RJ, esfriou até o amanhecer, registrando outra mínima baixa 8,2ºC, não teve nuvens.

 

 

 

 

 

 

 

Edited by marinhonani
  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

5 minutos atrás, marinhonani disse:

Renan,

ontem a noite, vi que estava encoberto na região de Juiz de Fora, Coronel Pacheco, na região de Pedro Teixeira/Bias Fortes e outras áreas da divisa MG/RJ, indo de Três Rios até Visconde de Mauá, e parece que continuou fechado toda madrugada, por isso as mínimas não desceram mais.

Aqui em Laje, céu estrelado até 00 h 25, esfriando bem, mas as MMMs chegaram a partir de 00 h 30, só limpando um pouco quando levantei ás 5h 10.

Na estação de Cambuci/Inmet, quando o vento parou, esfriou rápido, a mínima foi de11,2ºC ás 2 da madrugada, a partir desse horário as nuvens chegaram lá.

Na estação Inmet/Carmo-RJ, esfriou até o amanhecer, registrando outra mínima baixa 8,2ºC, não teve nuvens.

 

 

 

 

 

 

 

 

Nani, a estação de Carmo me surpreendeu bastante, com mínimas muito baixas para a altitude. Reparei que nesse último evento polar, o extremo do frio parou +- em Juiz de fora, na maior parte da zona da mata a onda polar foi forte mas nada histórica. Nem mesmo aqui em JF eu poderia dizer que foi histórica, pois apesar do excelente registro de 05,5°C no INMET, perceba como ainda ficou distante dos 03°C de 1979, 1985 e 1994. Nesses três eventos, as geadas foram bem abrangentes na zona da mata, e no evento de agora ficaram restritas ao extremo sul da região (em localidades como Lima Duarte, Bom Jardim e Andrelândia, além de Bias Fortes). Passou longe de gear em cidades como Viçosa, Manhuaçu e Alto Caparaó. 

 

Ou seja, entendo que foi um evento muito forte, mas ainda distante dos maiores do século passado. Os 04,1°C que eu registrei na minha estação, ainda não são o limite de frio que consigo registrar por aqui. Creio que até 1°C seja possível na minha estação, eu acreditarei ! 

  • Like 10
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Guest
This topic is now closed to further replies.
 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.