Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

EduardoFinatto

Members
  • Posts

    1577
  • Joined

  • Last visited

Everything posted by EduardoFinatto

  1. Mal começou o frio hoje que segue até sábado, mas já me saltou aos olhos esta previsão para semana que vem, com uma inusitada máxima de 10⁰C quase entrando em Outubro, além de uma mínima de 3⁰C no primeiro dia do mês. Acho beeem difícil que faça frio nesta intensidade mesmo, mas vale deixar o registro aqui, haha.
  2. Os últimos dias estão bem agradáveis. Setembro todo na verdade. Predominam mínimas de 10⁰C ou um pouco abaixo, máximas de 20⁰C com sol. Às vezes um pouco mais frio, até com chance de geada leve, às vezes um pouco mais quente, mas em ambos os casos o desvio dura pouco e logo volta ao padrão agradável. Tempinho bem fresco, embora não se confunda com o clima de inverno, já se fazendo sentir um ar bastante primaveril. É o que eu consideraria o clima ideal de início de primavera, de acordo com as possibilidades e limitações do nosso clima. O ideal é que isso fosse o normal, não uma rara exceção. Talvez até um século atrás este mês estaria dentro da média, na época em que o clima era outro.
  3. Para quem gosta de extremos, hoje o dia foi interessante em Campo Bom, na região metropolitana de Porto Alegre. - A madrugada da cidade iniciou com temperatura na casa dos 18⁰C. Alta, mas ainda algo totalmente típico de uma noite quente de Setembro na cidade. - Às 3h da madrugada, a temperatura repentinamente disparou e chegou a ultrapassar os 30⁰C, com o dia amanhecendo acima de 31⁰C. Esta temperatura corresponde a média mínima do mês mais quente do ano em Dubai. - Às 09h da manhã, a temperatura caiu até chegar próximo de 22⁰C, trazendo um breve alívio. - Entretanto, logo em seguida voltou a esquentar, sendo que às 13h a temperatura chegou a 33,3⁰C, o que é acima da média máxima do mês mais quente do ano em Campo Bom (já famosa pelo calor). - No decorrer da tarde passou a chover e começou a esfriar. Às 23h temperatura chegava a 12,7⁰C, o que é abaixo do normal para este horário em Setembro. - A previsão para o município amanhã é ter mínima de 8⁰C e máxima de 16⁰C, o que é abaixo da média de Julho do local.
  4. Impressiona a virada no tempo em Campo Bom no meio da madrugada. Este período entre às 2h e 4h é o mais intrigante. Estava fazendo 18⁰C, até aí bem normal, uma típica noite quente de Setembro. Entretanto, do nada, em uma hora a temperatura disparou para mais de 30⁰C. Como será a sensação disso estando na rua? Aqui na região, em Bento Gonçalves, a mínima foi de 21,4⁰C, altíssima, mas até o fim do dia pode ter nova mínima. No momento faz 27,5⁰C.
  5. Mínima de -1,1⁰C na estação de Serafina Corrêa, sendo a menor mínima de Setembro da estação, que ainda possui uma curta história, funcionando desde 2016. O recorde anterior era +0,2⁰C em 22/09/2020. Em Lagoa Vermelha a mínima foi de -0,3⁰C, sendo o menor registro desde 12/09/2015, quando foi a -0,8⁰C. Ainda na região, Bento Gonçalves teve mínima de 1,8⁰C. Lá tem uma dificuldade extraordinária para mínimas baixas. Mas observando os gráficos no site do INMET, que são desde 2013, a menor temeperatura de setembro antes disso foi 2,2⁰C em 18/09/2013. Sendo assim, sei que hoje teve ao menos a menor mínima para Setembro em uma década. O clima de inverno em Setembro ainda vive! Apesar de às vezes alguns Setembros se mostrarem plenamente primaveris.
  6. Sim, quando falei estava pensando em região povoada, abrangendo a área total de vários municípios, já que estava no assunto da polulação exposta aos climas mais frios, onde a serra catarinense se sobressai. Mas de fato, os pontos mais frios do país estão na Mantiqueira.
  7. Das cidades grandes e mais frias no RS acredito que se destaca, primeiramente, Caxias do Sul, assim como Pelotas, Rio Grande, Bagé, e também não fazem feio Passo Fundo e Erechim. No Paraná a primeira que me vem à cabeça é Guarapuava, em seguida dente as grandes acho que já vem Curitiba no time de mais frias, ou Ponta Grossa, e mais atrás Cascavel. Já em SC, Lages é um grande destaque, e seguindo meio de longe vem Chapecó, das cidades grandes do estado é basicamente isso. SC tem a região mais fria do Brasil, mas a população do estado está mais concentrada nos climas mais quentes da faixa litorânea.
  8. Acho que o que mais altera a sensação de frio no fim do inverno é que os dias já estão perceptivelmente mais longos. Por aqui o sol nasceu às 6h42m hoje. Em Junho o sol nascia às 7h19m. Ou seja, para quem sai de casa às 8h no fim de Agosto/Setembro, o sol já terá nascido há uns 40 minutos a mais do que no mesmo horário em Junho e início de Julho. Dá pra perceber o sol mais alto. Aí, dependendo da velocidade do aquecimento após o nascer do sol, uma mínima baixa pode não ser tão bem sentida nesta época do ano como seria a mesma mínima no auge dos dias curtos do inverno.
  9. Ótimo número de máximas sub-20. Na Argentina, Buenos Aires deve ser considerada uma cidade amena, mas para nossos padrões estes números seriam de algumas das cidades mais frias do Brasil. Por curiosidade, calculei a quantidade de máximas sub-20 na capital brasileira mais próxima, Porto Alegre, e contei 61 máximas. Nada mal, mas é uma considerável diferença. E agora que Setembro se aproxima, os números não devem aumentar muito mais do que isso, ao menos não em Porto Alegre, se chegar a 70 sub-20 no ano tá ótimo.
  10. Muito calor nos últimos dias. Estou em Gramado e o calor foi forte ontem e hoje, com cara de verão. Pensem na agonia ao ver alguns turistas usando blusas e mantas sob o sol forte e sensacao térmica de 30⁰C (inventei). Hoje na estação de Canela a mínima foi 13,1⁰C e a máxima de 24,0⁰C. Nada de anormal na verdade. Nem mesmo 100 anos atrás seria considerado anormal alguns dias com temperatura assim no fim de Agosto. Mas a sensação foi de um calor muito mais forte, talvez por conta do sol e pouco vento. O interessante é a previsão da mudança de tempo que está por vir. Em alguns pontos a temperatura pode vir a cair 20⁰C de um dia para o outro no mesmo horário. Por exemplo, em Gramado há previsão de calorosos 26⁰C para amanhã às 14h e em apenas 24 horas deve cair para 7⁰C no domingo às 14h. É muita diferença.
  11. Variação assim é praticamente o ápice de conforto térmico na minha opinião. A temperatura noturna é muito agradável para dormir. De manhã cedo é fresquinho, frio de leve, nada que incomode e um casaquinho já resolve. Acho até bom começar o dia sentindo uma brisa de 13/14⁰C ao sair de casa. À tarde um calorzinho de quase 27⁰C, totalmente suportável, podendo usar roupas mais leves e curtas sem passar frio e também sem sofrer com o calor. A temperatura interna fica equilibrada em um patamar bem cômodo, quase um ar condicionado natural. Clima convidativo para sair, caminhar, limpar a casa, lavar as roupas, se hidratar, ter vontade de viver, várias coisas positivas. Ninguém reclamando que está muito frio ou muito calor. É bom demais.
  12. Acho que o clima de Santa Rosa está se comportando normalmente, é assim mesmo, haha. Vejam que está com quase a mesma média de Teutônia, que tem 1.5⁰ a mais de latitude e parece ser mais arborizada no entorno. Santa Rosa tem extremos mais acentuados, imagino que por conta da maior continentalidade. Outra comparação pode ser com Soledade, que é a cidade mais próxima de Santa Rosa das que estão na tabela. A diferença na maioria dos dias é basicamente por conta dos 500m a mais de altitude em Soledade, sendo Soledade 2,5⁰C mais fria na média desta quinzena, ou 1⁰C a cada 200m. Tudo dentro do esperado. Ou seja, Santa Rosa não parece estar destoando. Bom ou ruim, o clima da cidade está de acordo com a sua localização.
  13. Torcendo pela neve, precisamos de mais disso no inverno. Está mostrando pouco, mas melhor que nada. Previsão para neve é sempre muito complicado, qualquer pequeno ajuste na previsão pode ampliar a área de neve para a serra toda ou sumir completamente com a neve.
  14. Agosto começa com mínima de 3,4⁰C na baixada de Serafina Corrêa, após uns três dias com um frio fora de época (rs) no fim de Julho. Que seja um mês digno de inverno, com MPs melhores e frio mais constante. Não será difícil Agosto ser mais frio que Julho, conseguiria ser até mesmo com temperaturas um pouco acima da média. Aliás, considero que há chances até de Setembro ser mais frio que Julho. Pequenas chances de Outubro ser mais frio que Julho até, se for abaixo da média! Pra terem uma proporção do estrago... Agora, se Agosto conseguiria compensar Julho? Altamente improvável, a média mensal precisaria fechar com anomalia de -4⁰C. Se fechar com -2 ou -1 já seria surpreendente bom para Agosto, que não está com boa fama ultimamente.
  15. Para entender se o aquecimento global tem ou não influencia humana, vai muito da própria confiança nos dados. Faz pouquíssimo tempo que temos uma considerável rede de estações meteorológicas espalhadas pelo globo. Há uma minúscula seleção de estações centenárias, para ter um panorama de um período um pouco mais prolongado. E só. O que sabemos do clima do planeta desde o início até "ontem" é baseado em estudos, simulações, e não em dados oficialmente registrados de estações meteorológicas, assim os resultados podem não ser tão precisos. Agora, considerando que os dados sobre o comportamento do clima nos últimos séculos sejam próximos de verdadeiros, realmente algo estranho vem acontecendo. O planeta teve períodos mais quentes, mais frios, mas as oscilações entre estes períodos parecem ser mais suaves. Já no decorrer do século XX e início do XXI, todo e qualquer gráfico sobre clima mostra que a oscilação deixou de ser suave e bem espaçada no tempo, para se tornar uma rápida e constante escalada. A diferença é absurda. Resta saber se o clima nos séculos anteriores realmente foi tão "comportado" assim ou se podemos estar enganados e o que estamos vivenciando hoje é algo absolutamente natural. Afinal, me parece muito difícil estimar como era o clima terrestre nos séculos passados com uma precisão de décimos.
  16. Julho até agora em Caxias do Sul, vejamos o tamanho do estrago: Média mínima: 13,0⁰C (+4,3) Média máxima: 21,6⁰C (+4,7) Ainda teremos calor amanhã, quarta e quinta-feira. Por um breve momento a anomalia deverá superar os +5,0⁰C, mas o friozinho que vem quase na virada do mês deverá evitar que a anomalia mensal feche acima deste patamar. A gente fica tão empolgado quando algum mês, com muito esforço, consegue uma anomalia de -2, ou -1, ou quando apenas não fica acima da média. Aí vem Julho e mete logo quase +5. Isso pouco tempo depois daquilo que ainda lembramos muito bem que aconteceu em Janeiro. Mega anomalias que pensávamos ser algo para acontecer uma vez a cada muitas décadas, desta vez acontecendo duas vezes em um mesmo ano. Novos tempos...
  17. Nesta época do ano o sol nasce às 5h e se põe às 21h em Londres. Por conta do clima predominantemente frio, o padrão construtivo é focado em reter o calor nos ambientes internos. 40⁰C é ruim de qualquer forma, mas nestas condições é ainda pior, brutal...
  18. Como consolação para este péssimo mês de Julho, hoje tivemos uma tarde fria clássica de ápice do inverno, com máximas dentre as mais baixas do ano. Alguns destaques dentre as máximas diurnas na rede do INMET: Caçapava do Sul: 8,4⁰C Erechim: 8,7⁰C Passo Fundo: 8,8⁰C Canela: 8,8⁰C Encruzilhada do Sul: 8,8⁰C Lagoa Vermelha: 9,2⁰C Vacaria: 9,2⁰C Cambará do Sul: 9,5⁰C São José dos Ausentes: 9,6⁰C Soledade: 9,6⁰C Ibirubá: 9,9⁰C Além destas, várias outras cidades tiveram máximas pouco acima de 10⁰C. Enfim, a "capacidade" de fazer frio segue plena por aqui, a dificuldade está em segurar este frio por mais tempo (e afastar o calor). Nos próximos dias voltará a esquentar e o calor deve durar mais um longo tempo, estraçalhando as médias do mês, algo que os poucos dias frios não conseguirão segurar. Com isso se somando ao calor que já fez no início do mês, acredito que anomalias na casa de +3, +4 podem ser esperadas. Algo interessante é que há algum risco de que Agosto e até Setembro acabem sendo mais frios que este Julho. Sequer precisam ser meses especialmente frios, basta conseguirem ficar na média que já será o suficiente.
  19. Não dá pra crer numa previsão dessas. Esse mês vai ser tão, tão acima da média que já estou curioso para ver o estrago nos números finais. Um prolongado veranico como tivemos no início do mês já é dose, mas ok, nosso clima tem dessas coisas e de vez em quando isso pode acontecer. Agora, DOIS prolongados veranicos em um mesmo mês de julho, aí já é demais...
  20. Isso parece tão absurdo kkkkkkk Normalmente apenas damos risada e depois a previsão desaparece, infelizmente. Mas um grande evento de neve pegando metade das cidades gaúchas é o tipo de coisa que, alguma hora, há de acontecer, podendo ser este ano, ou em uma década, ou em cinco décadas. O clima ainda não esquentou o suficiente para impossibilitar que algo do tipo ocorra, imagino. Sequer há necessidade de ser um inverno anormalmente frio para ser nivoso, nada impede que algo do tipo ocorra após um longo período quente. Mas é muito difícil de prever, apenas podemos ficar com essa sensação de que em algum momento no futuro este raro evento irá ocorrer e saberemos apenas em cima da hora, sabe-se lá quando.
  21. Hoje finalmente o frio retornou ao norte gaúcho, chocando os moradores da região ao retomarem a consciência de estarem no mês de julho. "Eu julgava estarmos em Novembro, embora algo me causava estranheza por estar anoitecendo tão cedo e ainda não haver preparativos para o Natal ", relatou uma moradora de Lagoa Vermelha após recuperar-se do devaneio. O veranico realmente foi pesado na metade norte do estado. No período de 02/07 a 11/07, em Caxias do Sul, a média compensada foi de 18,6⁰C, uma anomalia de 6,5⁰C acima da media de julho. Caxias ainda conseguiu ter alguns dias não tão quentes, mas indo a noroeste o calor foi absolutamente incessante e certamente devem ter ocorrido anomalias muito maiores. Porto Alegre teve média de 17,8⁰C no período, um pouco inferior a Caxias e sendo uma anomalia de "apenas" +3,7⁰C. Dali pra baixo o impacto do veranico foi bem mais limitado. Agora é ver como se desenrola o restante do mês. Sul do estado tem salvação na média, talvez lá nem tenha o que ser salvo na realidade. Já para o norte resta apenas esperar que julho não feche muito acima da média.
  22. O que era pra ser um veranico de uma semana tá se tornando isso: Julho nessa época imagino que tenha média de 7/17 por aqui, para ter um parâmetro kkkkk Normal alguns dias de calor, mas não assim, sequer aparece algum mínimo alívio no finalzinho da previsão. Difícil! O dia está agradável e estou adorando não passar mais frio dentro de casa. Mas sim, considero angustiante estar com uma previsão dessas para uma cidade a 28⁰ de latitude e 600m de altitude, no período que supostamente seria o ápice do inverno.
  23. Com um Janeiro tão acima da média e um Junho tão abaixo, observamos uma rara variação de temperaturas em um mesmo ano. São 17,17⁰C de diferença entre as médias de Janeiro e Junho. Quase 20⁰C de de diferença entre as médias máximas de Janeiro e Junho. 29,05⁰C de diferenca entre a media mínima de Junho e a media máxima de Janeiro. 43⁰C de diferença entre a menor e a a maior temperatura registradas no ano (essa diferença acho que ainda tem potencial para aumentar).
  24. Diferenças na latitude serão especialmente marcantes no RS nos próximos dias. O veranico não será parelho no estado. Em Iraí, cidade de baixa altitude no extremo norte, o calor baterá com força, suspendendo totalmente o clima de inverno por alguns dias. Padrão semelhante se observará em grande parte da metade norte do estado, porém de forma amenizada conforme a altitude das cidades, que em sua maioria ultrapassam os 500m. Iraí seria um exemplo mais extremo do que vai ocorrer, um sólido e clássico veranico. Entretanto, conforme se viaja ao sul, esta bolha de calor perde força e já não consegue dominar tanto assim. Porto Alegre, caso atingida, poderia esquentar tanto quanto Iraí, mas não será este o caso. A faixa central do estado terá dias alguns dias quentes alternados com entrada de frio, como se vê na previsão para Porto Alegre. Acho que já não preenche os critérios para se considerar um veranico ali. Já no Sul do estado, utilizando a previsão para Jaguarão como exemplo, pouco calor será sentido, sendo basicamente uma típica semana de inverno com brevíssimas elevações de temperatura, não podendo classificar como veranico.
  25. Um janeiro historicamente quente e um outono/inverno ameno estão causando um interessante contraste entre estações por aqui. Na estação de Bento Gonçalves, no dia 23/01, foi registrada temperatura mínima de 24,8⁰C, provavelmente a mais alta que se tem registro. Hoje já se passam dois meses desde a última vez em que os termômetros superaram esta temperatura, quando fez 26⁰C no dia 28 de Abril. Desde então, em nenhum dia a temperatura máxima se igualou àquela temperatura mínima de janeiro. Hoje a variação foi de 8,7 / 19,0.
×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.