Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Agosto/2021


Recommended Posts

3 horas atrás, RamirezFZ disse:

Pra Curitiba o cenário que se desenha é o oposto extremo do que vinha ocorrendo até então nesse ano:

image.png.a8120b2e6fda7177d2a6fcfa59ade289.png

 

Só por essa previsão do Euro, Curitiba fechará acima da média e chegará muito perto dos 10 (8 em 2021 caso confirme) registros de máximas acima de 24,9°C na normal 81/10 podendo até conseguir uma máxima de 30°C, igualando a normal 81/10 onde houve uma máxima igual ou acima de 30°C, sim isso mesmo, só o Agosto/21 chegará perto de igualar TODO o calor registrado na NORMAL 81/10.

 

Bizarro é o único comentário que faço desse mês.

 

Edit: Perdão acabei me esquecendo dos dias 9 e 10 de Agosto, ou seja, Curitiba irá totalmente igualar em UM MÊS, recordes de uma NORMAL completa, surreal, a única coisa que pode não estar ameaçada é o recorde absoluto para o mês que é de 31,6°C.

Mesmo assim não é nenhuma hecatombe, pelo menos pra Curitiba. É um veranico com V maiúsculo mas que outrora já ocorreu em maio por exemplo, mês +- com o mesmo equinócio. Só lamento pela falta de tempestades de fim de tarde. Mas vai que…o clima anda botando as asinhas de fora de vez em quando. 

  • Like 7
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Victor Naia disse:

Na região de Londrina as máximas superaram ao redor de 2°C as temperaturas que estimavam. Previam 29/30°C para a cidade. A verdade é que chegamos aos 31/33°C.

 

Simepar Londrina, se não me engano, variou entre 16,8°C/31,8°C. A estação do Inmet Conv, ao lado do aeroporto, um topo, baita ilha de calor, chegou aos 33°C! Um calor forte, mas suportável. Outros registros 

 

•Distrito de Lerrovile PWS 736m: 14,9/30,1°C

 

•Rolândia Sitio Tapir 622m: 13,6/32,5°C

 

•Rolândia Bayern PWS 656m Topo: 19,8/31,8°C

 

•Arapongas PWS topo 779m: 20,1/30,9°C

 

•Cambé - PWS Faz. Alto Alegre 456m: 15,9/33,6°C

 

•Ibiporã - PWS Basf 469m: 17,6/32,6°C

 

•Sertanópolis  - PWS Faz. Sta. Teresinha 377m: 14,6/34,6°C

 

Em Apucarana (boa parte da cidade acima dos 800m) a mínima foi na casa dos 19.0/20.0°C, altíssima para época do ano, e a máxima chegou aos quase 29.0°C.

 

Para os próximos dias a previsão são de dias entre 15/16°C - 33/34°C em Londrina. Acho que a estação ao lado do aeroporto, uma espécie de Mirante do Santana local, passe dos 35.0°C, enquanto o IAPAR fique nos 34.0°C, Distrito de Lerroville 33.0°C e, nas baixadas de Sertanópolis na beira da represa, cheguem aos 36.0 / 36.5°C.

 

O aeroporto de Londrina é no centro da cidade ou estou enganado ?

 

 

 

Screenshot_20210816-183956-389.png

  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

28 minutos atrás, Renan disse:

Granizada na zona rural de Bom Jardim de Minas, zona da mata:

Parece q a instabilidade provocada pela chegada do ar tropical atingiu o Paraná, São Paulo e sul de Minas em curtíssimo espaço de tempo. Isso é curioso e mostra a força da nova massa de ar. 

Agora é curtir o calor por alguns dias e esperar alguma surpresa depois disso.

  • Like 10
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Vocês sabiam que Cuiabá não tem registros de 40 C ou mais no primeiro semestre? Isso em mais de 100 anos de dados! Somente em 4 meses do ano foram registrados 40 C ou mais em Cuiabá, A S O N, mas normalmente é só até outubro, novembro já é mais raro, e de dezembro a julho não há registros, espero continuar assim. 

  • Like 13
  • Thanks 4
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, SandroAlex disse:

Hoje tivemos variação de 12,0/22,1°C. O dia teve chuva forte com granizo miúdo pela manhã e períodos de céu nublado com  aberturas de sol no lado norte da cidade.

Pra fechar a dinâmica de hoje... Claro... Ela veio... A neblina:

IMG_20210816_173017676.thumb.jpg.8d2d897a067bca351192fd7b78374f9b.jpg

Acho muito legal a diferença entre o clima no sul e a região que eu moro aqui em SBS, aqui sempre é o último local a chegar e geralmente n chega a baixar a neblina kkkkk sai do calor ao frio em 10km

  • Like 8
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

1 minuto atrás, Patricklima99 disse:

Acho muito legal a diferença entre o clima no sul e a região que eu moro aqui em SBS, aqui sempre é o último local a chegar e geralmente n chega a baixar a neblina kkkkk sai do calor ao frio em 10km

Sim. É coisa de Loko!! Sem falar que a tua região é mais propensa a formação de geada por ter menos influência da umidade. No verão aquece um pouco mais também, mas não exageradamente... Acho show essa região do Bairro Mato Preto e Dona Francisca. 

  • Like 7
Link to comment
Share on other sites

Padaria do Moinho no meio do concreto em Cuiabá registra máximas mais baixas que PWS em zona rural de Primavera, lembrando que a localização no WU está errada:

https://www.wunderground.com/dashboard/pws/ICUIAB3/graph/2021-07-31/2021-07-31/monthly

https://www.wunderground.com/dashboard/pws/IPRIMA7/graph/2021-07-31/2021-07-31/monthly

https://www.wunderground.com/dashboard/pws/IPRIMA6/graph/2021-07-16/2021-07-16/monthly

Será que uma é muito sombreada e as outras são mais sensíveis ao sol?

Edited by Leandro Leite
  • Like 6
Link to comment
Share on other sites

Boa noite a todos.

 

Rajadas de 53 km/h, granizo e chuva que já acumula 29 mm.

 

Virada de tempo radical aqui no Alphaville/ JF.

 

A temperatura, que chegou a 13,7˚C no pico do granizo, agora está em 15,0˚C (19h30min).

 

Desde 20/2/21 (há quase 6 meses) não chovia tanto em um só dia.

 

O acumulado de chuva em 30 dias, 34 mm, é o maior observado desde o final de junho.

  • Like 16
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

7 minutes ago, Eclipse said:

aeee @Marcos, acho que "se demo" bem né? Diminuição de calor, pra algo mais pontual, e friozão na próxima semana. Será que se mantém?

 

POA - tempo.com

 

image.png.a38f8bbd388720960cc53b2891d6549e.png

 

Eu acho que sim hein

O sul do estado vai sair ileso do calor, aparentemente, e o GFS deu uma surrada (ou não) com a neve também kk

 

gfs_asnow_samer_44.thumb.png.95f2dd85c1766ffd3b7019efd84ad8c1.png

Edited by Nestor Antonio Bresolin Junior
  • Like 12
  • Thanks 4
Link to comment
Share on other sites

17 minutos atrás, Eclipse disse:

aeee @Marcos, acho que "se demo" bem né? Diminuição de calor, pra algo mais pontual, e friozão na próxima semana. Será que se mantém?

 

POA - tempo.com

 

image.png.a38f8bbd388720960cc53b2891d6549e.png

 

Assim fico com inveja de PoA, haha. 

Calor pra valer mesmo apenas no dia 19, de resto bem suave.

 

Aqui, com apenas 2⁰ de latitude a menos, no paralelo 28, a situação já se apresenta de outra forma. O pico de calor não se iguala a PoA, mas na maior parte do tempo estará mais quente aqui, mesmo com 650 metros de altitude. 

 

São 6 dias passando de 25⁰C na previsão, em 3 chegando a 29.

 

1886233527_Screenshot_20210816-195131_SamsungInternet.thumb.jpg.1853249904327beca179b852ddc8d443.jpg

  • Like 13
Link to comment
Share on other sites

9 minutos atrás, Luide Luckmann disse:

a previsão para cá está bem suave, levando em consideração os verões que atingem 42 °C por aqui , com mínima de 25°C. Pra completar tem previsão de trovoadas e com um calor desse é quase certo que vem

image.png.dbbd9310266fdb979f9ddb81a5cafd88.png

Ah como invejo está dinâmica subtropical !!

  • Like 8
Link to comment
Share on other sites

Máximas em SC 16/08:

 

Itapiranga/Linha Presidente Becker: 30,8°C

Iporã do Oeste/Linha Taquarussu: 30,2°C

Mondaí/Linha Catres: 29,8°C

Caibi/Linha Roversi: 29,66°C

Mondaí/Cooper A1: 29,6°C

Maravilha: 29,04°C

 

A mínima ficou em São Joaquim/Postinho: 4,5°C.

 

Máximas entre 19°C 22°C no Vale do Itajaí.

 

689170807_Cricima.PNG.b033786cb924c18e694b0922cedc305d.PNG

 

Previsão para Criciúma indica 33,7°C no Europeu e 38,4°C no GFS nas leitura das 13 horas da próxima quinta-feira. O ápice do calor.

 

No Vale do Itajaí bom calor na sexta, mas acho que fica longe de 2015.

  • Like 16
Link to comment
Share on other sites

4 minutos atrás, Moretão disse:

Máximas em SC 16/08:

 

Itapiranga/Linha Presidente Becker: 30,8°C

Iporã do Oeste/Linha Taquarussu: 30,2°C

Mondaí/Linha Catres: 29,8°C

Caibi/Linha Roversi: 29,66°C

Mondaí/Cooper A1: 29,6°C

Maravilha: 29,04°C

 

A mínima ficou em São Joaquim/Postinho: 4,5°C.

 

Máximas entre 19°C 22°C no Vale do Itajaí.

 

689170807_Cricima.PNG.b033786cb924c18e694b0922cedc305d.PNG

 

Previsão para Criciúma indica 33,7°C no Europeu e 38,4°C no GFS nas leitura das 13 horas da próxima quinta-feira. O ápice do calor.

 

No Vale do Itajaí bom calor na sexta, mas acho que fica longe de 2015.

GFS tá maluco, acho que não passa de 35 em Criciúma , mas vamos ver. O recorde de agosto em SC é em Orleans com 38°C se não me engano

  • Like 10
Link to comment
Share on other sites

3 minutos atrás, Luide Luckmann disse:

GFS tá maluco, acho que não passa de 35 em Criciúma , mas vamos ver. O recorde de agosto em SC é em Orleans com 38°C se não me engano

 

Também acho que está exagerado. Não só para Criciúma, como para outros locais.

 

Mas 35 já deu. E Praia Grande acho que deu 36 uns anos atrás. Porém não sei como estava a previsão naquela época. Se era de menos ou mais calor.

 

38°C seria um valor mais possível para o meio/final de Setembro.

  • Like 8
  • Sad 1
Link to comment
Share on other sites

7 minutos atrás, Moretão disse:

 

Também acho que está exagerado. Não só para Criciúma, como para outros locais.

 

Mas 35 já deu. E Praia Grande acho que deu 36 uns anos atrás. Porém não sei como estava a previsão naquela época. Se era de menos ou mais calor.

 

38°C seria um valor mais possível para o meio/final de Setembro.

Criciúma já registrou 41°C em set/2019 mas aquilo foi um baita pré frontal. Acho possível Criciúma bater 38°C em agosto, mas muito excepcionalmente

  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Luide Luckmann disse:

a previsão para cá está bem suave, levando em consideração os verões que atingem 42 °C por aqui , com mínima de 25°C. Pra completar tem previsão de trovoadas e com um calor desse é quase certo que vem

image.png.dbbd9310266fdb979f9ddb81a5cafd88.png

Que bizarro essa queda no dia 21! 30°C em um dia, sub-20 no outro, e depois beirando os 30°C, seria alguma MP relâmpago? kkkk

 

Para cá, também está indicando uma queda suavizada neste dia, mas nem se compara com aí:

image.png.11655a0dd0ed0985c9ae9d629b39e453.png

  • Like 6
  • Haha 5
Link to comment
Share on other sites

9 minutos atrás, Moretão disse:

 

Também acho que está exagerado. Não só para Criciúma, como para outros locais.

 

Mas 35 já deu. E Praia Grande acho que deu 36 uns anos atrás. Porém não sei como estava a previsão naquela época. Se era de menos ou mais calor.

 

38°C seria um valor mais possível para o meio/final de Setembro.

GFS sempre superestima calor, é impressionante, por ele acho que metade do sul renovaria hellcordes, ainda bem que é só o GFS. 🤣

  • Like 7
Link to comment
Share on other sites

5 minutos atrás, Otavio Cyrino disse:

Que bizarro essa queda no dia 21! 30°C em um dia, sub-20 no outro, e depois beirando os 30°C, seria alguma MP relâmpago? kkkk

 

Para cá, também está indicando uma queda suavizada neste dia, mas nem se compara com aí:

image.png.11655a0dd0ed0985c9ae9d629b39e453.png

Por causa da chuva e nebulosidade, não é raro isso ocorrer nessa época. Mas nesse caso os modelos estão brincando de jogar cartas, se sair carta ruim eles põe calor, se sai carta boa colocam frio kkkkkk

Edited by Luide Luckmann
  • Like 6
  • Haha 4
Link to comment
Share on other sites

3 minutos atrás, Luide Luckmann disse:

Criciúma já registrou 41°C em set/2019 mas aquilo foi um baita pré frontal. Acho possível Criciúma bater 38°C em agosto, mas muito excepcionalmente

 

Nem lembrava disso aí. Talvez seja possível embora tenha uma diferença enorme de Agosto para Setembro. Um já é quase primavera o outro ainda é inverno.

 

Essa valor de Setembro deve ser maior que recorde de Outubro, que se não me engano é 40,X°C em 2014. Pelo menos é esse que eu lembro hehe.

 

4 minutos atrás, RamirezFZ disse:

GFS sempre superestima calor, é impressionante, por ele acho que metade do sul renovaria hellcordes, ainda bem que é só o GFS. 🤣

 

De Agosto até Outubro ele sempre vem com calorões excessivos.

  • Like 8
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

32 minutos atrás, Luide Luckmann disse:

GFS tá maluco, acho que não passa de 35 em Criciúma , mas vamos ver. O recorde de agosto em SC é em Orleans com 38°C se não me engano

 
Nunca pensei que em SC poderia registrar 38ºC em agosto. Com uma temperatura absurda dessa faz a região ser mais tropical do que subtropical. As pré frontais são assustadoras no litoral sul. Será que tem a ver com a serra? Se analisar, essas cidades quentes aumentam muito a média geral do estado. 

Edited by Guilherme Wawrzyniec
  • Like 9
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

10 minutos atrás, Guilherme Wawrzyniec disse:

 
Nunca pensei que em SC poderia registrar 38ºC em agosto. Com uma temperatura absurda dessa faz a região ser mais topical do que subtropical. As pré frontais são assustadoras no litoral sul. Será que tem a ver com a serra? Se analisar, essas cidades quentes aumentam muito a média geral do estado. 

Tem a ver sim, pelo fato da região ser uma depressão e aí o ar quente acumula nesse buraco. O efeito do relevo é muito grande aqui. Criciúma ainda tem o reforço das ilhas de calor causadas pelo concreto da cidade

image.png.5f3b6b414ee1b5cecc39669458d150c7.png

Edited by Luide Luckmann
  • Like 8
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

As instabilidades praticamente desapareceram nessa noite em São Paulo. Ainda temos uma ou outra nuvem, resquício delas.

As temperaturas nas estações do CGE estão entre 12/13 graus no extremo sul e 16/17 graus em áreas mais ao norte da cidade.

 

Avenida Paulista - leste

O que chama a atenção é esse clarão bem ao fundo. Parece que está ocorrendo incêndio de maiores proporções em algum local.

Tomara que não seja nada demais.

8OwDHfu.jpg

  • Like 14
  • Sad 1
Link to comment
Share on other sites

30 minutos atrás, Luide Luckmann disse:

Tem a ver sim, pelo fato da região ser uma depressão e aí o ar quente acumula nesse buraco. O efeito do relevo é muito grande aqui. Criciúma ainda tem o reforço das ilhas de calor causadas pelo concreto da cidade

image.png.5f3b6b414ee1b5cecc39669458d150c7.png

 

O vento soprando de oeste a noroeste é forçado a descer aí no sul de SC e pelo fato da pressão ser maior ao nível do mar esse ar é comprimido e com isso aquece. É o chamado efeito adiabático ou aquecimento adiabático, provocado por compressão de ar.

 

35 minutos atrás, Moretão disse:

 

Nem lembrava disso aí. Talvez seja possível embora tenha uma diferença enorme de Agosto para Setembro. Um já é quase primavera o outro ainda é inverno.

 

Essa valor de Setembro deve ser maior que recorde de Outubro, que se não me engano é 40,X°C em 2014. Pelo menos é esse que eu lembro hehe.

 

 

De Agosto até Outubro ele sempre vem com calorões excessivos.

 

Os recordes de Setembro e outubro são ambos de 2019 na SATC:

image.thumb.png.927480c13b2b0c621c4c6d1932fbb746.png

 

Mesmo aqui no vale do Itajaí Agosto tem máxima absoluta muito alta: em Indaial 37,2ºC em 1993 (maior que os 36,8 de Setembro), valor que não corre muito risco na onda de calor que vai se iniciar, pois vai se destacar pela duração rara.

 

=

 

Mais um dia pro esquecimento eterno aqui em Blumenau: extremos de 16,6ºC a 21,5ºC, céu encoberto, alta umidade, etc

  • Like 15
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

10 minutos atrás, Felipe Backendorf disse:

 

O vento soprando de oeste a noroeste é forçado a descer aí no sul de SC e pelo fato da pressão ser maior ao nível do mar esse ar é comprimido e com isso aquece. É o chamado efeito adiabático ou aquecimento adiabático, provocado por compressão de ar.

 

 

Os recordes de Setembro e outubro são ambos de 2019 na SATC:

image.thumb.png.927480c13b2b0c621c4c6d1932fbb746.png

 

Mesmo aqui no vale do Itajaí Agosto tem máxima absoluta muito alta: em Indaial 37,2ºC em 1993 (maior que os 36,8 de Setembro), valor que não corre muito risco na onda de calor que vai se iniciar, pois vai se destacar pela duração rara.

 

=

 

Mais um dia pro esquecimento eterno aqui em Blumenau: extremos de 16,6ºC a 21,5ºC, céu encoberto, alta umidade, etc

Acho que foi numa outra estação da epagri em Criciúma que bateu 41,3°C. Em Outubro daquele ano Urussanga bateu 41,6°C

Edited by Luide Luckmann
  • Like 10
Link to comment
Share on other sites

4 minutos atrás, Felipe Backendorf disse:

 

O vento soprando de oeste a noroeste é forçado a descer aí no sul de SC e pelo fato da pressão ser maior ao nível do mar esse ar é comprimido e com isso aquece. É o chamado efeito adiabático ou aquecimento adiabático, provocado por compressão de ar.

A explicação para o calor forte do RJ é a mesma? Sempre me chama atenção o quanto o Rio aquece mais do que Santos ou Vitória por exemplo.

  • Like 13
Link to comment
Share on other sites

Agora, Daniel85 disse:

As instabilidades praticamente desapareceram nessa noite em São Paulo. Ainda temos uma ou outra nuvem, resquício delas.

As temperaturas nas estações do CGE estão entre 12/13 graus no extremo sul e 16/17 graus em áreas mais ao norte da cidade.

 

Avenida Paulista - leste

O que chama a atenção é esse clarão bem ao fundo. Parece que está ocorrendo incêndio de maiores proporções em algum local.

Tomara que não seja nada demais.

8OwDHfu.jpg

 

Se for para os lados do ABC ... é a refinaria de Capuava ...

 

  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

30 minutos atrás, Daniel85 disse:

As instabilidades praticamente desapareceram nessa noite em São Paulo. Ainda temos uma ou outra nuvem, resquício delas.

As temperaturas nas estações do CGE estão entre 12/13 graus no extremo sul e 16/17 graus em áreas mais ao norte da cidade.

 

Avenida Paulista - leste

O que chama a atenção é esse clarão bem ao fundo. Parece que está ocorrendo incêndio de maiores proporções em algum local.

Tomara que não seja nada demais.

8OwDHfu.jpg

 

Da sacada de casa, em SP, sempre quando estou lá consigo ver um clarão deste semelhante, e constante, na direção SE.

Acredito que seja de Cubatão.

  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Luke disse:

Hoje foi mais um dia seco, as chuvas não deram as caras aqui onde moro, fez 16.6 de mínima e 32.1 de máxima, agora é só ladeira rumo ao calor infernal 🤡🤡🤡

 

E o GFS 18z prevendo o encontro com o capiroto pro dia 25 💁🏻‍♂️

 

 

xx_model-en-178-0_modusa_2021081618_216_38128_1.png

0qIEq5X.gif

Deve ser pré frontal isso aí 

  • Like 6
Link to comment
Share on other sites

17 minutos atrás, marcio valverde disse:

A explicação para o calor forte do RJ é a mesma? Sempre me chama atenção o quanto o Rio aquece mais do que Santos ou Vitória por exemplo.

 

Sim, ambas sofrem efeito adiabático, mas se não me engano Rio de Janeiro e Santos tem máximas absolutas muito parecidas na casa dos 42/43ºC. Já Vitória, pelo que observo, raramente tem ventos continentais muito intensos, deve ser culpa do clima mais tropical.

  • Like 12
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

29 minutos atrás, Felipe Backendorf disse:

 

O vento soprando de oeste a noroeste é forçado a descer aí no sul de SC e pelo fato da pressão ser maior ao nível do mar esse ar é comprimido e com isso aquece. É o chamado efeito adiabático ou aquecimento adiabático, provocado por compressão de ar.

 

 

Os recordes de Setembro e outubro são ambos de 2019 na SATC:

image.thumb.png.927480c13b2b0c621c4c6d1932fbb746.png

 

Mesmo aqui no vale do Itajaí Agosto tem máxima absoluta muito alta: em Indaial 37,2ºC em 1993 (maior que os 36,8 de Setembro), valor que não corre muito risco na onda de calor que vai se iniciar, pois vai se destacar pela duração rara.

 

=

 

Mais um dia pro esquecimento eterno aqui em Blumenau: extremos de 16,6ºC a 21,5ºC, céu encoberto, alta umidade, etc

Só completando com o nome, a excelente explicação : https://www.tempo.com/noticias/ciencia/o-que-e-o-efeito-foehn.html

  • Like 8
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

25 minutos atrás, Luide Luckmann disse:

Acho que foi numa outra estação da epagri em Criciúma que bateu 41,3°C. Em Outubro daquele ano Urussanga bateu 41,6°C

 

Exato. Foi da Epagri no Bairro Sangão. Bateu 41°C em Setembro como em Outubro.

 

@Luide Luckmann Havia uma estação na área urbana de Braço do Norte tão quente como Criciúma/Epagri. Foi desativada. Ficava 45 metros de altitude, se não me engano.

 

Passou da hora de colocar uma estação na região central de Braço do Norte!

  • Like 8
  • Haha 1
Link to comment
Share on other sites

3 minutos atrás, Felipe Backendorf disse:

 

Sim, ambas sofrem efeito adiabático, mas se não me engano Rio de Janeiro e Santos tem máximas absolutas muito parecidas na casa dos 42/43ºC. Já Vitória, pelo que observo, raramente tem ventos continentais muito intensos, deve ser culpa do clima mais tropical.

 

Várias regiões aqui perto da maioria do fórum sofrem esse efeito. Mais perto da gente, além do litoral que sofre da serra do Mar (Antonina/Paranagua, Santos, Rio de Janeiro) o vale do Paraíba todo tem máximas potentes com o vento norte noroeste descendo a mantiqueira. Essa região litoral sul de Santa Catarina tbm, o vale do Itajaí... e por aí vai

 

  • Like 11
Link to comment
Share on other sites

Incrível!!!!

Chuva em agosto em Lafaiete!!!

Por volta de 21:30 começou a ventar demais da conta. Trovoadas começaram (sim! Trovoadas em agosto) e uma bela e encorpada chuva começou a cair sobre a cidade por volta das 22h

Os acumulados já chegam a 12 mm 

Agora, 22:30, ainda chove fraco, temperatura de 13,5° e finalmente uma pausa na poeira e na fumaça das queimadas nem que seja por poucos dias.

Ainda ouço o vento e a chuva na janela ☺️

 

 

  • Like 13
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

7 minutos atrás, Moretão disse:

 

Exato. Foi da Epagri no Bairro Sangão. Bateu 41°C em Setembro como em Outubro.

 

@Luide Luckmann Havia uma estação na área urbana de Braço do Norte tão quente como Criciúma/Epagri. Foi desativada. Ficava 45 metros de altitude, se não me engano.

 

Passou da hora de colocar uma estação na região central de Braço do Norte!

Credo!!! Fosse pra mim botar estação aqui seria no Pinheiral, lá pelos 450m de altitude, ou no Rio das Furnas já no limite com orleans, talvez até aqui em casa mesmo, mas centro de BN é quente demais, quero nem ver

Edited by Luide Luckmann
  • Like 6
  • Haha 5
Link to comment
Share on other sites

Pessoal, estou absolutamente estarrecido com o evento que se abateu hoje sobre Juiz de Fora e boa parte da zona da mata mineira. Cavados costumam trazer temporais para a região, mas com essa linha de instabilidades tão grande e definida ? 

 

Simplesmente uma das mais belas LI’s que já vi sobre a região, e em AGOSTO, pra ficar mais chocante ainda. Houve ventania, centenas de raios e granizo em grande quantidade em diversas cidades, inclusive Juiz de Fora (bairros da zona norte). No meu bairro não teve granizo, mas teve simplesmente um acumulado bizarro de 42mm na minha estação!!!! Em poucas horas, simplesmente mais que o dobro da média mensal. 
 

42 fucking milímetros em AGOSTO! Esse cavado é histórico !

  • Like 22
  • Thanks 6
  • Haha 1
Link to comment
Share on other sites

24 minutos atrás, Maicon disse:

 

Da sacada de casa, em SP, sempre quando estou lá consigo ver um clarão deste semelhante, e constante, na direção SE.

Acredito que seja de Cubatão.

Pode ser que seja, já que a direção ali provavelmente já deve ser SE. Tentei procurar por notícias, mas não consegui localizar.

Curioso é que nos dias anteriores não era possível observar isso. Hoje está sendo a primeira vez.

 

A imagem abaixo, da semana passada, é um exemplo de não haver o clarão.

3qhomR5.jpg

 

---------------------------------------

 

Imagem do satélite das 22 horas mostra que as instabilidades estão atuando no centro sul de MG e RJ.

Já o estado de SP se encontra praticamente limpo.

sHxAEHf.jpg

  • Like 16
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

34 minutos atrás, Augusto Göelzer disse:

E foi dada a largada para um longo período de muito calor, incêndios, recordes históricos e etc. Máximas hoje:

image.thumb.png.a710626c41f76d7660c510fc711f5331.png

 

Período mais quente (7 dias) do euro 12z:

1629806400-BIVWqbQCqWs.png

 

É isso aí, a realidade estampada na cara de todos, em todos os anos. 

 

 

 

PERTO DO QUE ACONTECEU ANO PASSADO...

 

VAI SER FICHINHA ESTE ANO.

KKKK

 

SEMANA QUE VEM JÁ TEM PREVISÃO DE 2 FRENTES FRIAS.

  • Like 8
  • Confused 2
Link to comment
Share on other sites

Guest Wallace Rezende
4 horas atrás, Leandro Leite disse:

Vocês sabiam que Cuiabá não tem registros de 40 C ou mais no primeiro semestre? Isso em mais de 100 anos de dados! Somente em 4 meses do ano foram registrados 40 C ou mais em Cuiabá, A S O N, mas normalmente é só até outubro, novembro já é mais raro, e de dezembro a julho não há registros, espero continuar assim. 

 

No Rio de Janeiro (bairros mais quentes), a temperatura já alcançou os 40ºc em 8 meses diferentes, entre agosto e março.  A última ocorrência em agosto data de 1993, no final do mês e em Bangu (é o único registro que conheço de 40ºc na cidade do Rio em agosto, mas pode ter havido algum outro).  Se houver um alinhamento perfeito de condições, não descarto 40ºc bem isolados em abril também (no estado do clima atual).

 

Mas entre maio e julho só se o clima aquecer muito ainda, no clima atual é praticamente impossível (já mais de 35ºc aconteceu em todos os meses).

 

Em setembro de 1997 (ainda oficialmente no inverno, no dia 09) foi registrada uma máxima horária de 43ºc no aero de Santa Cruz (capital), e fez até 42,6ºc no Inmet de Seropédica, recorde absoluto da estação.  Neste mesmo dia, registros na casa dos 40ºc ocorreram nas baixadas litorâneas desde o extremo nordeste de SC (muito provavelmente) até o centro do estado do RJ.  A RM do RJ é a única de uma capital em todo o centro-sul do Brasil onde algumas estações (como Seropédica e antiga convencional de Marambaia) registraram suas máximas absolutas de todos os meses ainda no inverno (inverno oficial, na prática primavera). 

 

Ao contrário do @marcio valverde, eu não diria que o Rio aquece mais que Santos (ao menos nos extremos, pois em média com certeza aquece).  A finada estação histórica do Inmet em Santos ficava em um ponto ruim para extremos de calor (Ponta da Praia), mas existem outros registros na casa dos 40ºc na região, inclusive em 09/1997 na base área do Guarujá e também numa outra estação em Santos mesmo (acho que do Ciiagro), e existe ainda um registro de 41ºc numa normal antiga de Santos em 1915 (não sei onde ficava a estação).  Se houvesse um monitoramento de vários anos na parte continental de Santos, tenho certeza que a barreira dos 40ºc seria quebrada de vez em quando.  A estação histórica do Rio também ficava num ponto ruim de máximas absolutas, moderado pelas águas da Baía de Guanabara (mas que representava o clima do “centro financeiro” da cidade), e o recorde absoluto de calor entre 1882 e 1991 foi de “apenas 39,1ºc”.  Na maior parte da zona sul (parte turística) do Rio é muito raro fazer 40ºc também, embora falte um monitoramento histórico na região.  Tudo depende do microclima no local monitorado, mas as duas cidades tendem a registrar seus recordes absolutos de calor durante "eventos adiabáticos", embora o Rio tenha bairros com continentalidade maior, o torna a frequência de máximas altas bem maior no Rio (o fato do Rio ser menos úmido em média também é fundamental neste aspecto, Santos tem quase duas vezes média pluviométrica do Rio).  Vitória tem a questão da orientação da costa, já mais sujeita aos alísios e com pré-frontais menos marcados, ali realmente os extremos de de calor são mais suaves (uma transição para a ausência de dinâmica térmica do litoral nordestino).

 

Choveu fraco esta noite (com apenas dois trovões bem fracos, primeira trovoada "protocolar" desde maio) após uma tarde meio abafada hoje no Rio e em Niterói (mas nas baixadas litorâneas ao leste de Niterói choveu forte em alguns pontos, com destaque para os 76,4 mm em 40 minutos de Rio Bonito/Cemaden, intensidade rara para o mês de agosto).  A previsão para os próximos dias indica tempo mais firme e um calor relativamente constante para os padrões da época até mais ou menos o dia 25, mas sem marcas dignas de nota, e existe a tendência de um novo refresco (ordinário) para o final do mês.  Teremos condições bem monótonas no geral.

Edited by Wallace Rezende
Link to comment
Share on other sites

Guest
This topic is now closed to further replies.
 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.