Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Agosto/2020


Recommended Posts

3 horas atrás, Maicon disse:

 

Show sua análise. Mas acredito que se houver erro, ou aquecimento, ele acaba sendo muito pequeno. Porque ontem o aeroporto teve 4 horas seguidas com leitura em 40°C. Bem provável que tenha batido neste intervalo 41°C.

Mas, achei muito boa sua análise.

 

*Salvo não me engano, o recorde destas leituras horárias no aeroporto é 41°C.

 

DADOS EXTREMOS DE ONTEM PELO INMET:

 

224075280_Screenshot_20200829-113238_SamsungInternet.thumb.jpg.500877ef0bfb2e460edab8146f7c634a.jpg

 

Esta estação do Acre está com problemas, eu acredito. @Augusto Göelzer há dias registrando as absolutas do país...

Maicon,

a estação de Cruzeiro do Sul, está descalibrada, faz meses.

Uma outra que ficou meses com temperaturas bem acima, foi a estação Nova Maringá-MT, mas voltou ao normal nos últimos dias de maio.

  • Like 3
Link to comment
Share on other sites

1 hour ago, opusdei said:

 

Adoro Montevidéu, mas essa nova sede de governo [o prédio modernoso a direita] é um horror! Deveriam ter construído algo de arquitetura clássica para harmonizar com os outros da Plaza Independencia.

 

Absolutamente de acuerdo!

En realidad no iba a ser la ser la sede de gobierno, si no un ministerio, estuvo años sin ser finalizado (su construccion se inicio en los 70, era moderno para la epoca).

Pero le falta jerarquia para el lugar donde esta y para ser sede gubernamental.

  • Like 4
Link to comment
Share on other sites

Agora, Leandro Leite disse:

60%-65% da vegetação nativa do Brasil ainda está preservada, nos países desenvolvidos o desmatamento foi muito maior e é muito mais antigo, nos EUA ainda tem uma porcentagem boa de vegetação nativa, 23%, mais que no estado de São Paulo, 17%, mas na Europa há países com apenas 1% de vegetação nativa, alguns países reflorestaram, caso da Floresta Negra na Alemanha, quanto ao clima é totalmente incerto, daqui a 50 anos pode tá mais frio, estudos mostram que as temperaturas no mundo eram até a maiores durante o Aquecimento Medieval e o Aquecimento Romano, na época ainda não existia o Brasil, mas onde hoje é o Brasil não deveria ser menos quente que hoje na Idade Média, quando o Brasil foi descoberto a Pequena Idade do Gelo já estava em andamento. 

3 horas atrás, Maicon disse:

 

Show sua análise. Mas acredito que se houver erro, ou aquecimento, ele acaba sendo muito pequeno. Porque ontem o aeroporto teve 4 horas seguidas com leitura em 40°C. Bem provável que tenha batido neste intervalo 41°C.

Mas, achei muito boa sua análise.

 

*Salvo não me engano, o recorde destas leituras horárias no aeroporto é 41°C.

 

DADOS EXTREMOS DE ONTEM PELO INMET:

 

224075280_Screenshot_20200829-113238_SamsungInternet.thumb.jpg.500877ef0bfb2e460edab8146f7c634a.jpg

 

Esta estação do Acre está com problemas, eu acredito. @Augusto Göelzer há dias registrando as absolutas do país...

Maicon,

a estação de Cruzeiro do Sul, está descalibrada, faz meses.

Uma outra que ficou meses com temperaturas bem acima, foi a estação Nova Maringá-MT, mas voltou ao normal nos últimos dias de maio.

  • Like 3
Link to comment
Share on other sites

Boa noite! Em Sao Paulo o dia foi novamente ensolarado e muito quente. Nas estacoes mais próximas de casa, a mínima foi de 14-15°C e a máxima chegou a 30°C, com URA abaixo de 35% durante o período da tarde. Agora ainda faz 22°C. Amanha será como hoje, mas um pouco mais quente: mínima de 16°C e máxima de 31°C.

 

Em Buenos Aires o dia foi nublado, com chuva de manha e no comeco da tarde. Acumulou 15 mm, agosto chega agora a 29 mm, ainda bem abaixo da média. Finalmente a capital argentina chegou aos 500 mm em 2020, mas já deveria estar em 800 mm. A máxima foi de 17,7°C na noite de ontem e a mínima foi finalizando o dia meteorológico, com 11,9°C, que é a temperatura atual. Para amanha a previsao é de céu parcialmente nublado e frio: mínima de 5°C e máxima de 15°C.

  • Like 9
  • Sad 1
Link to comment
Share on other sites

Temperaturas extremas durante el dia de ayer en Montevideo (Melilla)

 

TEMP MÁXIMA
20.50 a las 16:33:00
TEMP MÍNIMA
10.94 a las 01:30:00

 

Hoy la maxima rondo los 15/16°C en toda la ciudad.

 

Actualmente a las 21hrs esta frio y ventoso, con bajas sensaciones termicas, 9,6°C en la estacion Prado; 9,1°C en la estacion Melilla.

  • Like 6
Link to comment
Share on other sites

Agora, LeoP disse:

Com relação às questões climáticas e sua relação com as ambientais, acho altamente incerto qualquer afirmação, mesmo as mais banais como - árvores = + calor e - chuva. O sistema atmosférico me parece muito mais complexo do que isso e tem tantas exceções a essa regra que eu citei, que não consigo correlacionar. Só pra citar um exemplo, o ano mais seco no Brasil como um todo foi 1963, quando a floresta estava praticamente toda de pé, da mesma forma que há grandes recordes de chuva atuais. O que não há dúvidas é sobre o aquecimento global, este um fato.

 

Dia ensolarado e muito bonito em Belo Horizonte, bem típico da época do ano. Já não faz frio, porém o mais importante é que não pegamos nem de perto o maçarico do Brasil central. Variação hoje 16 a 27C.

 

A florada dos ipês amarelo começou e traz belas paisagens. Fica bem interessante observar a temperatura subindo, os gramados secos, o céu azul e o amarelo intenso da copa dessas árvores.

 

Abraço a todos e bom final de semana. 

 

 

 

 

Leo P, 

menos árvores, pode não ajudar aumentar as temperaturas, locais ou regionais, mas que o desmatamento na Mata Atlântica provoca a diminuição considerável das águas das nascentes nos morros.Em toda Zona da Mata de Minas e aqui no Rio de Janeiro, a perda nas nascentes foi enorme desde a época do ciclo do café e depois a pecuária.

O conceituado e prestigiado internacionalmente fotógrafo Sebastião Salgado(nascido em Aimorés, filho de fazendeiro),reflorestou a antiga fazenda do pai, as nascentes voltaram a jorrar água em boa quantidade nas terras do falecido pai.O terreno da fazenda em Aimorés, antes do reflorestamento, não tinha mais nascentes e parecia um clima semi-árido do Norte de Minas.

Teve um outro amante da natureza, que plantou mais de 50.000 árvores na Serra da Mantiqueira, desde os anos 70, as águas voltaram em abundância a correr na propriedade, vi essa reportagem na Tv Aparecida.

  • Like 6
  • Thanks 6
Link to comment
Share on other sites

2 horas atrás, Daniel85 disse:

Em relação a isso, me recordo que há um tempo atrás, uma pessoa (o Carlos Alberto de Ribeirão Preto do blog http://meteorologiaeclima1.blogspot.com/, não mais atualizado) comentava que quando vem vários dias bem quentes acompanhados com aquele céu esbranquiçado significa que entre 2 ou 3 semanas as chuvas começam a retornar no estado de SP (e também outras áreas do Brasil central).

 

-------------------------------------------------------

12z de hoje do europeu intensificou a "grande onda de frio" prevista pela Climatempo para a segunda semana de setembro.

Pelas temperaturas, a capital paulista poderá ter dias de céu encoberto por nuvens vindas do mar.

ABwHcRW.jpg

 

 

Em relação às chuvas, a expectativa é um pouco animadora para o sul e leste paulista. Mas para o interior, ainda nada.

DOsqQ26.png

 

 

Já pelo Brasil, temos expectativa do retorno das chuvas no centro norte de RO e no estado do Acre.

Embora no MT e outras áreas do sul da Amazônia, ainda não tenha essa previsão, pode até ocorrer algumas pancadas. digo isso, já noto que entre o fim do inverno e início da primavera, esses locais costumam ter chuvas que não estavam sendo previstas pelos modelos.

Egy4fhi.png

 

As chuvas voltam a acontecer no Sul da Amazônia em agosto, e no Sul do Brasil também há um aumento considerável nos índices de precipitação. Reflexo do ápice da ASAS sobre o Brasil central e interior nordestino, essa área agora costuma registrar máximas entre 35-39 graus.

Em setembro normalmente acontece o retorno das chuvas no oeste do MT, centro-sul do MS e SP além do Sul de Minas Gerais. Nesta área o acumulado mensal supera os 50mm, o centro-sul brasileiro após o paralelo 20S no início da primavera é influenciado pelas tempestades que se formam no Paraguai e Argentina

 

  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, marinhonani disse:

Leo P, 

menos árvores, pode não ajudar aumentar as temperaturas, locais ou regionais, mas que o desmatamento na Mata Atlântica provoca a diminuição considerável das águas das nascentes nos morros.Em toda Zona da Mata de Minas e aqui no Rio de Janeiro, a perda nas nascentes foi enorme desde a época do ciclo do café e depois a pecuária.

O conceituado e prestigiado internacionalmente fotógrafo Sebastião Salgado(nascido em Aimorés, filho de fazendeiro),reflorestou a antiga fazenda do pai, as nascentes voltaram a jorrar água em boa quantidade nas terras do falecido pai.O terreno da fazenda em Aimorés, antes do reflorestamento, não tinha mais nascentes e parecia um clima semi-árido do Norte de Minas.

Teve um outro amante da natureza, que plantou mais de 50.000 árvores na Serra da Mantiqueira, desde os anos 70, as águas voltaram em abundância a correr na propriedade, vi essa reportagem na Tv Aparecida.

 

Ah, isso com toda certeza, o desmatamento é cruel em todos os sentidos, desde a morte de nascentes, assoreamento de rios, compactação de solo e morte de fauna. Mas me refiro somente às questões climáticas. Uma região de mata nativa e outra muito alterada, ambas podem ter os mesmos mm anuais, porém aquela alterada vai parecer mais seca devido à fatores físicos não climáticos. É importante separar isso pra não remediar pelas causas erradas.

 

Esse problema no Brasil Central, de todo ano nesse período ficar esse cenário meio apocalíptico, de fim de mundo (calor intenso, queimadas generalizadas, céu opaco, sem perspectiva de chuva) é um exemplo disso. Há certa mudança climática (aquecimento, como em boa parte do planeta), mas a seca, não perspectiva de chuva são totalmente sazonais e as queimadas são problemas daqui de baixo e não da atmosfera. As médias de chuva no Brasil Central só começam a aumentar no final de setembro, ainda assim na forma de pancadas isoladas.

 

Mapa para setembro:

 

670696424_Semttulo.png.30caf6ca18388bc3d8da9709c0c01ad7.png

 

Boa parte do CO tem média de 35 - 60mm em setembro, ainda baixo. Existe um aquecimento, mas creio que todo esse cenário passa a ideia de que a região está em profunda crise climática quando, na verdade, é pura sazonalidade mal administrada pela burrice humana.

Edited by LeoP
  • Like 8
  • Thanks 5
Link to comment
Share on other sites

6 horas atrás, opusdei disse:

 

Os dias que passei em JF em janeiro foram bem agradáveis, nenhum de muito calor. O alto volume de chuvas deve ter ajudado.

 

Foi Janeiro desse ano ? Porque nesse último verão, de fato, tivemos inúmeros dias agradáveis por aqui, tanto que contei nos dedos a quantidade de dias com ventilador.

  • Like 5
Link to comment
Share on other sites

As 7:30

 

no Simepar 

 

Londrina 17

Apucarana 22

Maringá 25

 

No aeroportos

 

MARINGA 20

Londrina 19

 

Maringá e Londrina estão entre 500 e 600 metros 

 

Apucarana está a 800 metros e fica no meio do caminho entre Maringá e Londrina .

 

 

Pergunta que não cala , em qual buraco essa estação de Londrina Simepar  está instalada. Esse é a minha velha indagação de pelo menos uns 10..

 Como londrina é 90 km daqui um dia pego o carro e acho o Iapar ... Sei que tem uma floresta no Iapar de Londrina.

 

 

  • Like 7
Link to comment
Share on other sites

Até pouco tempo atrás, sempre considerei aquelas divisões astronômicas das estações, mas ficava encucado com algumas coisas que não batiam.

 

Até que aprendi, aqui no BAZ, sobre as estações climáticas e estas me parecem muito mais exatas do ponto de vista prático. A primavera já começou e o símbolo da estação são os ipês amarelo, que já começaram seu espetáculo por aqui.

 

Uma foto que fiz ontem, praticamente esfregando na minha cara que o inverno passou e que estamos em SETEMBRO 😁:

 

IMG_20200830_083341_670.thumb.jpg.54327e2c5052708c2de5d3e5f814cb6c.jpg

 

Hoje a capital amanheceu com 16,9C e a previsão é que chegue aos 28/29 à tarde.

 

Bom dia a todos!!

  • Like 17
Link to comment
Share on other sites

6 horas atrás, Renan disse:

 

Foi Janeiro desse ano ? Porque nesse último verão, de fato, tivemos inúmeros dias agradáveis por aqui, tanto que contei nos dedos a quantidade de dias com ventilador.

Quem me dera que o Vale do Paraíba Fluminense tivesse o verão de JF. O que nos alivia é subir a Serra de Ipiabas! Por lá o clima é muito próximo ao de JF. 😅

  • Like 7
Link to comment
Share on other sites

Bom domingo!

 

O sábado em POA foi muito desconfortável (para mim) na primeira metade da tarde. Este período foi similar, em termos de umidade, à tarde de sexta-feira, com a diferença de que ontem foi muito mais quente.

Ao longo da tarde esse abafamento foi amenizando, mas sem perder a carinha de verão.

Apesar dos muitos raios no horizonte, o primeiro período de chuva teve apenas ~0,4 mm em torno das 19 h.

Pelas 21-22 h, a chuva retornou, e se intensificou, após uma breve pausa que teve direito a aberturas breves e enganosas no céu, e o dia fechou com ~4,8 mm. 

As temperaturas ficaram entre 15,4 °C e 30,6 °C, com sensação de calor maior do que esses valores sugerem.

 

 

Na madrugada de domingo, já acumulamos 6,2 mm. A temperatura segue em declínio até 12,8 °C conforme registro das 8 h. É previsto que a máxima não subirá muito hoje. Os próximos dias pelo visto serão amenos, sem nenhum calorão (como os da segunda metade da semana que passou) vindo tão cedo. Ainda bem!

 

 

  • Like 7
Link to comment
Share on other sites

1 hour ago, LeoP said:

Até pouco tempo atrás, sempre considerei aquelas divisões astronômicas das estações, mas ficava encucado com algumas coisas que não batiam.

 

Até que aprendi, aqui no BAZ, sobre as estações climáticas e estas me parecem muito mais exatas do ponto de vista prático. A primavera já começou e o símbolo da estação são os ipês amarelo, que já começaram seu espetáculo por aqui.

 

Uma foto que fiz ontem, praticamente esfregando na minha cara que o inverno passou e que estamos em SETEMBRO 😁:

 

IMG_20200830_083341_670.thumb.jpg.54327e2c5052708c2de5d3e5f814cb6c.jpg

 

Hoje a capital amanheceu com 16,9C e a previsão é que chegue aos 28/29 à tarde.

 

Bom dia a todos!!

 

De mi jardin por ahora el unico arbol que me esta avisando que se viene la primavera es el duraznero, sin embargo el resto de los caducos estan repletos de llemas y brotes que parecen que van a explotar en cualquier momento.

 

118561782_10223336070532715_5928619286900261655_o.thumb.jpg.1e5181e63b64b14673d5afaf21e31b39.jpg

 

 

 

 

 

 

118660227_10223336070812722_6226772204324987775_o.jpg

  • Like 12
  • Sad 2
Link to comment
Share on other sites

Temperaturas extremas durante el dia de ayer en Montevideo (Melilla):

 

TEMP MÁXIMA
16.39 a las 09:17:00
TEMP MÍNIMA
8.28 a las 23:58:00

 

Hoy la mañana esta un poco nubosa pero soleada, fria y seca, estoy disfrutando y tomando unos mates bajo el sol en mi jardin.

La temperatura minima fue baja, unos 2°C/3°C en toda la ciudad.

 

Actualmente a las 10 de la mañana la temperatura supera un poco los 8°C :

 

image.png.8703e27bb9e6c099e01e29856ce8d661.png

 

 

 

 

Edited by Pablo MQL
  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

Manhã de domingo com avanço da frente fria pelo sul. Dá pra ver a fumaça logo a norte das nuvens:

image.thumb.png.4bac4b59d1650bba6eeaee6b927eda73.png

 

Criciúma já registra temperaturas bem mais baixas que ontem, quando registrou máxima de 32,2C:

 

SATC

Temperatura: 16.1 °C
Umidade: 95.7 %
Vento: 8.0 km/h S 185 °
Barometro: 1019.1 hPa Subindo Rapidamente
Chuva Diaria: 1.6 mm

 

Aqui em Blumenau o dia é bem quente e úmido, faz 25,4C com 74%. É possível que os 28,9C de ontem sejam superados. Céu feio e esfumaçado de pré-frontal.

Edited by Felipe Backendorf
fumaça
  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

Bom dia. Depois de 10 dias seguidos de sub 10, hoje não tivemos. 10,9 na PILARZINHO aqui em Curitiba.
Já está 28 graus. Ontem não bateu 30 graus, mas hoje eu arrisco que iremos bater.
Final da tarde começará a esfriar e aparentemente teremos 3 dias frescos na sequência.

  • Like 11
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Pablo MQL disse:

 

De mi jardin por ahora el unico arbol que me esta avisando que se viene la primavera es el duraznero, sin embargo el resto de los caducos estan repletos de llemas y brotes que parecen que van a explotar en cualquier momento.

 

118561782_10223336070532715_5928619286900261655_o.thumb.jpg.1e5181e63b64b14673d5afaf21e31b39.jpg

 

 

 

 

 

 

118660227_10223336070812722_6226772204324987775_o.jpg

Ya los durazneros de ahí no tienen nadia.

IMG_20200830_113811_copy_2250x3000.jpg

  • Like 5
Link to comment
Share on other sites

20 minutes ago, Felipe S Monteiro said:

Ya los durazneros de ahí no tienen nadia.

IMG_20200830_113811_copy_2250x3000.jpg

 

En que epoca florecen los durazneros en su region?

 

El duraznero que yo tengo nacio espontaneo, habia otro arbol de duraznos del otro lado del muro (lo cortaron) y cayo un fruto de este lado.

Fue mi madre que se dio cuenta que era un duraznero, yo casi lo arrranco pensando que era un yuyo.

Edited by Pablo MQL
  • Like 4
Link to comment
Share on other sites

22 minutos atrás, Pablo MQL disse:

 

En que epoca florecen los durazneros en su region?

 

El duraznero que yo tengo nacio espontaneo, habia otro arbol de duraznos del otro lado del muro (lo cortaron) y cayo un fruto de este lado.

Fue mi madre que se dio cuenta que era un duraznero, yo casi lo arrranco pensando que era un yuyo.

Este duraznero és de mi vecina, entonces no se muy bien cuando florece, pero hasta donde yo sé, los durazneros producen en noviembre, así que lógicamente estarían floreciendo ahora, o durante las próximas semanas.

Yo tenho algunos durazneros, pero están en un lugar un poco lejos de casa, y la última vez que los vi no tenían hojas, tal vez ahora ya tengan flores.

Edited by Felipe S Monteiro
  • Like 7
Link to comment
Share on other sites

1 minuto atrás, Maicon disse:

A estação do SIMEPAR-MARINGA é confiável?

Impressionante a mínima registrada lá hoje: 24.4°C. Até as 6 da manhã não havia baixado de 25.1°C!

 

182595436_Screenshot_20200830-121422_SamsungInternet.thumb.jpg.6fcdef16e65bd09ef6120bd8881e9cda.jpg

Isso tá batendo com estações próximas, Paranavaí teve mínima de 22,7°, só que com um pouco mais de umidade, Umuarama teve mínima de 22,9°,e umidade também mais alta, até Cianorte que é mais fria, teve mínima de 20,2°. Aí se vc considerar também que Maringá tem uma ilha de calor muito maior que estas outras cidades, então tá dentro da realidade.

  • Like 4
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

29 minutes ago, Felipe S Monteiro said:

Este duraznero és de mi vecina, entonces no se muy bien cuando florece, pero hasta donde yo sé, los durazneros producen en noviembre, así que lógicamente estarían floreciendo ahora, o durante las próximas semanas.

Yo tenho algunos durazneros, pero están en un lugar un poco lejos de casa, y la última vez que los vi no tenían hojas, tal vez ahora ya tengan flores.

 

Aqui los durazneros producen en noviembre en el norte y desde diciembre a febrero en el sur del pais.

 

Este ejemplar solo produjo una vez, es muy joven y por lo que recuerdo lo hizo en pleno verano.

 

image.png.7db5ec41a3fc9d45964d45da2398bdfa.png

 

Al mediodia 9°C en la estacion Prado de Montevideo  y soleado.

 

image.thumb.png.c7f40140a6261f473de1a3000669265f.png

Edited by Pablo MQL
  • Like 5
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Oi pessoal, bom dia.

 

Meu primeiro post aqui no Baz, mas já acompanho vcs a algum tempo. Queria agradecer a todos pela riqueza de informações e por ter despertado em mim o gosto pela climatologia.

Moro em São Leopolso-RS e vou tentar contribuir também aqui no forum

 

Abraço!

 

Vi que está prevista (ainda que lá no final da grade dos modelos) uma nova MP. A partir do dia 14

  • Like 21
  • Thanks 5
Link to comment
Share on other sites

35 minutos atrás, Almeidaz disse:

Oi pessoal, bom dia.

 

Meu primeiro post aqui no Baz, mas já acompanho vcs a algum tempo. Queria agradecer a todos pela riqueza de informações e por ter despertado em mim o gosto pela climatologia.

Moro em São Leopolso-RS e vou tentar contribuir também aqui no forum

 

Abraço!

 

Vi que está prevista (ainda que lá no final da grade dos modelos) uma nova MP. A partir do dia 14

15 dias a frente? Então tem que ser desconsiderada. 

Só dá pra confiar totalmente nuns 3 dias de antecedência e olha que ainda muda.

  • Like 5
  • Haha 4
Link to comment
Share on other sites

2 minutos atrás, Matheus Vinicius disse:

15 dias a frente? Então tem que ser desconsiderada. 

Só dá pra confiar totalmente nuns 3 dias de antecedência e olha que ainda muda.

 

Para nós aqui do noroeste paulista já era...

Agora só ventanias noturnas de SE por conta de frente fria marítimas até a primavera.

 

Agora aqui 33.5°C e UR em 18%.

 

  • Like 11
  • Sad 2
Link to comment
Share on other sites

16 horas atrás, marinhonani disse:

Leo P, 

menos árvores, pode não ajudar aumentar as temperaturas, locais ou regionais, mas que o desmatamento na Mata Atlântica provoca a diminuição considerável das águas das nascentes nos morros.Em toda Zona da Mata de Minas e aqui no Rio de Janeiro, a perda nas nascentes foi enorme desde a época do ciclo do café e depois a pecuária.

O conceituado e prestigiado internacionalmente fotógrafo Sebastião Salgado(nascido em Aimorés, filho de fazendeiro),reflorestou a antiga fazenda do pai, as nascentes voltaram a jorrar água em boa quantidade nas terras do falecido pai.O terreno da fazenda em Aimorés, antes do reflorestamento, não tinha mais nascentes e parecia um clima semi-árido do Norte de Minas.

Teve um outro amante da natureza, que plantou mais de 50.000 árvores na Serra da Mantiqueira, desde os anos 70, as águas voltaram em abundância a correr na propriedade, vi essa reportagem na Tv Aparecida.

Falando nisso é espantoso o padrão de temperaturas no miolo do continente (Brasil Central incluso nisso), sobretudo nos últimos anos, e mais acentuadamente neste ano. A massa de ar nativa da região é naturalmente quente e seca, mas não tão quente e expansiva no miolo do inverno astronômico como neste ano.

 

Fica difícil não pensar o papel crucial da destruição das camadas vegetais naturais, pela expansão monocultural do agronegócio. A devastação da Floresta Amazônica sobretudo em sua porção Sul (RO+MT+Sul do Pará), aliado ao aumento de grandes áreas do agronegócio, aumentou a aridez do miolo do ano, aumentando a área seca e quente tanto em abrangência, quanto em intensidade, e isso também vem ocasionando a potencialização das características quentes da mTc. Isso foi observando nesse ano, pela constante anomalia positiva das temperaturas em diferentes camadas sobre o miolo do Brasil, o aumento do bloqueio que impediu uma maior regularidade de MPs, mesmo com a porteira antártica se abrindo mais do que o normal durante o inverno.

 

Esse padrão anômalo, também esteve envolvidos nos veranicos súbitos no Sul do país (tão súbitos ao ponto de uma localidade pular de uma mínima de 5°C com máxima de 14°C em um dia, para dois dias depois registrar Máximas superiores a 30°C e anomalias na ordem de +12/+14°C, isso no auge do inverno climático).

 

O que mostrou o caráter vulcânico e expansivo da mTc neste ano. Ao ponto de intensas MPs não conseguirem subir além do RS em boa parte do inverno. E sinto que o padrão como o deste ano vai se tornar ainda mais comum. Outra coisa que espanta é que nem sobre El Nino estamos, o que torna ainda mais admirável o ganho térmico incontrolável da mTc, e a sua facilidade de se expandir com tamanha força no Brasil Subtropical mesmo no auge do inverno. 

 

Edited by Bruno D
  • Like 17
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Minha cidade não quer chegar a 30°C...hoje mais uma vez beliscou, mas não chegou lá (29,6°C). Um calor agradável, sem suadouros devido à baixa umidade. Dentro de casa ainda está agradável porque as noites são um pouco frias (hoje mínima de 14,1°C). 

 

Estou somente à espera do retorno da estação chuvosa. 

  • Like 17
Link to comment
Share on other sites

Final de semana de verão aqui em Vila Isabel no RJ. Ontem e hoje com muito calor e umidade baixa. Ontem registrei máxima de 33 graus. Hoje já passamos disso, tenho 35º, e pela medição do Alerta Rio, na estação mais próxima, em São Cristóvão, a umidade está em apenas 25%.

Pela posição do sol na janela de casa, meu termômetro acabou ficando exposto na luz solar e ele acabou apagando. Quando retorneu voltou com a temperatura de 56º. Isso dá a dimensão do calor.

Isso apenas uma semana depois da tarde mais fria do ano.

Abriu-se a panela de pressão. Foi bom enquanto durou o baixo verão. 

  • Like 10
  • Sad 1
Link to comment
Share on other sites

41 minutos atrás, Bruno D disse:

Falando nisso é espantoso o padrão de temperaturas no miolo do continente (Brasil Central incluso nisso), sobretudo nos últimos anos, e mais acentuadamente neste ano. A massa de ar nativa da região é naturalmente quente e seca, mas não tão quente e expansiva no miolo do inverno astronômico como neste ano.

 

Fica difícil não pensar o papel crucial da destruição das camadas vegetais naturais, pela expansão monocultural do agronegócio. A devastação da Floresta Amazônica sobretudo em sua porção Sul (RO+MT+Sul do Pará), aliado ao aumento de grandes áreas do agronegócio, aumentou a aridez do miolo do ano, aumentando a área seca e quente tanto em abrangência, quanto em intensidade, e isso também vem ocasionando a potencialização das características quentes da mTc. Isso foi observando nesse ano, pela constante anomalia positiva das temperaturas em diferentes camadas sobre o miolo do Brasil, o aumento do bloqueio que impediu uma maior regularidade de MPs, mesmo com a porteira antártica se abrindo mais do que o normal durante o inverno.

 

Esse padrão anômalo, também esteve envolvidos nos veranicos súbitos no Sul do país (tão súbitos ao ponto de uma localidade pular de uma mínima de 5°C com máxima de 14°C em um dia, para dois dias depois registrar Máximas superiores a 30°C e anomalias na ordem de +12/+14°C, isso no auge do inverno climático).

 

O que mostrou o caráter vulcânico e expansivo da mTc neste ano. Ao ponto de intensas MPs não conseguirem subir além do RS em boa parte do inverno. E sinto que o padrão como o deste ano vai se tornar ainda mais comum. Outra coisa que espanta é que nem sobre El Nino estamos, o que torna ainda mais admirável o ganho térmico incontrolável da mTc, e a sua facilidade de se expandir com tamanha força no Brasil Subtropical mesmo no auge do inverno. 

 

 

Primavera de 2019 creio que seja mais um bom exemplo.

Em Urussanga/SC, litoral sul e latitude 28,5ºS:

image.thumb.png.b38d2128571eb0759df985acd0138f65.png

Parece o inverno naquelas cidades litorâneas da Namíbia com as entradas de vento quente do Kalahari

 

Em Chapecó (oeste) Setembro bateu o recorde histórico e outubro não bateu por 0,1C:

image.thumb.png.a5bc478ba573172ce4ebb04027a7f0c8.png

 

Surreal essas sequência de máximas altíssimas fora de época.

  • Like 17
Link to comment
Share on other sites

Hoje o torra torra tá forte em todo o Estado de SP, exceto no litoral Sul .

 

No litoral Norte, São Sebastião Inmet tem 36,4 graus devido aos ventos adiabático .

Na baixada Santista , a estação Ponta da Praia Cetesb chegou a bateu nos 36,7 graus , agora com a mudança dos ventos caiu para 30,8 graus.

Aqui na capital tá tenso também , no Sesc já batemos nos 31,7 graus e o Mirante nos 30,8 graus.

  • Like 13
  • Sad 3
Link to comment
Share on other sites

Penúltima tarde de agosto quente e seca em São Paulo (já com cara de setembro).

O céu continua bem limpo.

 

Nas estações do CGE, temos até 32 graus em locais mais ao norte da cidade com umidade na casa dos 30% e até mesmo dos 20%.

Já no extremo sul, está um pouquinho melhor. Temos 29 graus e umidade na casa dos 40%.

 

mapa_sp_geoserver_estacoes.png.dd7ecf8344f2af03731983a083e56dd0.png

  • Like 13
  • Sad 2
Link to comment
Share on other sites

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.