Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Setembro/2021


Recommended Posts

17 minutos atrás, Aldo Santos disse:

 

Isto é normal nesta época.

 

O oceano ainda frio (Com o continente aquecendo), com a ajuda do paredão da serra do Mar, facilita a formação de inversão térmica.

O ar fresco fica retido próximo da superfície do mar e o ar quente vem por cima.

E no meio, na maior parte do tempo, uma densa camada de nuvens stratus.

É preciso notar que nesta época, mesmo estando com temperatura acima da média, o oceano ainda está relativamente mais frio do que o continente.

 

Se pegarmos as normais de Paranaguá, Iguape, Santos, Ubatuba... todas elas, entre agosto e novembro, têm médias das temperaturas máximas muito baixas para cidades litorâneas nestas latitudes.

Certa vez, muito tempo atrás, tinha um pessoal que falava que era erro do INMET.

Mas não é.

 

Morei 6 anos em Santos.

Nesta época é uma sequência "interminável" de dias nublados.

Pouco se vê o sol.

 

 

Exatamente! Minha mãe e irmã moram em Santos. Quando desço a serra nessa época é comum sair do calorzão do planalto, atravessar a neblina e um mar de nuvens e chegar com temperaturas muito agradáveis lá na baixada. E eu comento com elas que no ABC estava muito mais quente e elas nunca acreditam. 🤷‍♂️

  • Like 10
Link to comment
Share on other sites

6 horas atrás, Rafael disse:

Bom dia. Minimas em Friburgo:

Aqui em casa 9,1°C

Inmet 8,7°C

 

No momento está um lindo dia de céu azul e temperatura bastante comportada, faz 22°C na área urbana as 11:40.

Rafael,

 dei uma pesquisada na PWS Paraíso das Torres, fica no interior de Teresópolis, perto da divisa com Friburgo, a mínima hoje, foi de 3,5ºC, a máxima ontem a tarde, foi de 16,9ºC, a partir de 17 h de ontem a temperatura caiu continuamente até 6h 04 de hoje, quando marcou a mínima. Lá não venta tanto, como na automática de Salinas/Friburgo, com isso teve uma mínima bem baixa, o vento parou no final da tarde de ontem e ficou assim pela noite e madrugada/amanhecer.

  • Like 7
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

37 minutos atrás, Gabriel Cardoso disse:

Essa época costuma ser a de maior dinamica do ano na região, com essa constante ''guerra'' entre o Brasil central e as poucas entradas de ar frio que ainda acontecem na primavera.

 

Agora algo interessante, estava tabelando os dados do Charco depois de um tempão, e tivemos 85 dias de negativas e 119 dias de geada esse ano, talvez amanha feche nos 120 dias...creio ser o local habitado esse ano com maior dias de negativas e geadas, os por dentro poderiam confirmar isso.

Gabriel Cardoso,

o potencial do bairro do Charco é forte para geadas.

Já divulgou as temperaturas lá no tópico de resumos mensais!

 

Tem notícia se a estação PWS Campo Belo vai voltar ficar on-line!

  • Like 6
Link to comment
Share on other sites

8 minutos atrás, marinhonani disse:

Gabriel Cardoso,

o potencial do bairro do Charco é forte para geadas.

Já divulgou as temperaturas lá no tópico de resumos mensais!

 

Tem notícia se a estação PWS Campo Belo vai voltar ficar on-line!

Ainda não postei lá! Acho que só quando fechar o ano.

Sobre o CB, não tenho informações, infelizmente 😔

  • Like 6
Link to comment
Share on other sites

35 minutos atrás, Juzinho disse:

Mas a questão é que o oceano tirando esse ano que está mais tranquilo , estava numa situação borbulhante até um tempo atrás e durante vários anos .

 

Mas temperaturas demasiadamente altas pelo litoral , não ocorreram nem nesse período mais quente do Atlântico.

 

 

 

Ano passado, naquela onda histórica de calor, a estação do INMET de Iguape, no Litoral Sul, registrou 41,2°C. Registro, "a capital do Vale do Ribeira", que fica um pouco mais para dentro do continente, mas com uma altitude baixa e bem próxima de Iguape, registrou 42,8°C (também era uma estação do INMET).

 

Acho que esse ano seja mais uma exceção. Não fomos pego por essa grande área de calor do Brasil Central, e também concordo contigo, parece que este ano o planalto vem sofrendo mais com o calor do que as áreas mais baixas. A máxima absoluta deste mês de setembro está em 34,2°C aqui em Eldorado, e a média das máximas em 26,25°C. Creio eu que esteja mais baixa do que a do Mirante, por exemplo (corrijam-me se eu estiver errado).

 

É bem como o @Aldo Santosdisse, estamos em uma infinidade de dias nublados que também se aplica, não só para o litoral, mas também para o Vale do Ribeira.

  • Like 14
Link to comment
Share on other sites

Hoje aqui em casa foi um dia com grande amplitude térmica, a mínima chegou nos 11.8° e a máxima nos 29.5° com céu limpo o dia todo e um ventinho persistente que deixou o ar fresco mesmo durante a tarde com sol.

 

Agora segue ventando e já faz 22.9° essa noite a mínima deve ser maior que a anterior, euro projeta a volta do calor, mas a níveis menos agressivos que a onda de calor passada, coisa de no máximo 34 graus e um novo resfriamento no fim do mês com várias sub 15. 

  • Like 8
Link to comment
Share on other sites

Céu encoberto em Pombal agora. Está abafado, não venta e há um cheiro de chuva no ar. Segundo o radar da FUNCEME tem chuvas por perto (15/20 km a SW), além de outras áreas de instabilidades localizadas mas mais fortes no Vale do Piancó. Há também Cbs no sul do Ceará. 

Me chama a atenção o tamanho da instabilidade entre o MT, TO e PA. Se vocês olharem o satélite verão de qual estou falando. 

 

São Gonçalo teve máxima horária de 33°C na última atualização por causa que começou a ventar de oeste. Antes estava em 31,3°C com ventos de nordeste.

Edited by CloudCb
  • Like 13
Link to comment
Share on other sites

2 horas atrás, ducz disse:

 

Exatamente! Minha mãe e irmã moram em Santos. Quando desço a serra nessa época é comum sair do calorzão do planalto, atravessar a neblina e um mar de nuvens e chegar com temperaturas muito agradáveis lá na baixada. E eu comento com elas que no ABC estava muito mais quente e elas nunca acreditam. 🤷‍♂️

 

Aqui no sul percebo que a época favorita para ir à praia, mesmo para quem não precisa se programar conforme as férias escolares, é do fim de Dezembro até Março adentro, acho que vai mais gente em Março do que no início de Dezembro.

 

A correlação com o clima é clara. No caso de Torres, os meses mais quentes do ano são respectivamente Fevereiro (23.6), Janeiro (23.4) e Março (23.3), quase empatados. Depois vem Dezembro 1⁰C mais frio que Março (o início do mês deve ser uns 2⁰C mais frio). Novembro (20.5) é mais frio que Abril (20.9), além da água do mar bem mais gelada. Caxias do Sul tem média máxima mais alta que Torres em Novembro e Dezembro. 

 

Mas lá a insolação não chega a ser tão divergente do interior do estado, como ocorre em SP. Não raramente dá pra pegar um solzinho bom em Torres na primavera. O que tem muito é vento.

  • Like 10
Link to comment
Share on other sites

15 minutos atrás, EduardoFinatto disse:

 

Aqui no sul percebo que a época favorita para ir à praia, mesmo para quem não precisa se programar conforme as férias escolares, é do fim de Dezembro até Março adentro, acho que vai mais gente em Março do que no início de Dezembro.

 

A correlação com o clima é clara. No caso de Torres, os meses mais quentes do ano são respectivamente Fevereiro (23.6), Janeiro (23.4) e Março (23.3), quase empatados. Depois vem Dezembro 1⁰C mais frio que Março (o início do mês deve ser uns 2⁰C mais frio). Novembro (20.5) é mais frio que Abril (20.9), além da água do mar bem mais gelada. Caxias do Sul tem média máxima mais alta que Torres em Novembro e Dezembro. 

 

Mas lá a insolação não chega a ser tão divergente do interior do estado, como ocorre em SP. Não raramente dá pra pegar um solzinho bom em Torres na primavera. O que tem muito é vento.

maritimidade...básico 

 

Aqui no litoral PR idem, do final de agosto até outubro é comum Curitiba ter máximas maiores, após novembro inverte...até abril, quando começam as viradas radicais 

  • Like 5
Link to comment
Share on other sites

12 horas atrás, Carlos Campos disse:

Essa pracinha sombreada pelo paredão de edifícios tem um visual bem bacana, mesmo em um vídeo gravado pelo celular, q distorce um pouco a realidade e com toda certeza é um local bem mais fresco nos dias de verão, em relação à outras áreas do centro urbano.

Só achei q faltou alguns bancos pro pessoal aproveitar e descansar no final da tarde, ou mesmo pela manhã. Bom vídeo!

 

Obrigado, Carlos!

 

A praça é menor do que eu esperava. Confesso que há mais de 20 anos passo pela frente, mas NUNCA tinha entrado ali. Há uma área conservada que não é acessível.

 

Quanto à temperatura, fica muito evidente o resfriamento em dias quentes e secos ou no inverno. Aquilo lá é uma bolha de ar frio no meio dos prédios. 

 

Abraço!

  • Like 5
Link to comment
Share on other sites

9 horas atrás, Nestor Antonio Bresolin Junior disse:

 

Na verdade tem sim, Carlos. O belo vídeo do nosso amigo Marcos só não contemplou toda a Praça da Encol, mas nela se encontra vários locais pra esporte, bancos e etc. É uma das minhas praças preferidas na cidade, e diria que uma das mais bem cuidadas também! 🤓

 

Eu não estava na Praça da Encol, que fica na ponta de baixo da avenida, mas na Praça Breno Vignoli, que fica do lado do Grêmio Náutico União.

  • Like 4
Link to comment
Share on other sites

6 minutes ago, Marcos said:

 

Eu não estava na Praça da Encol, que fica na ponta de baixo da avenida, mas na Praça Breno Vignoli, que fica do lado do Grêmio Náutico União.

Ah, sim, que fica umas quadras mais pra cima. Nessa realmente sinto falta de lugares pra aproveitá-la 😅

  • Like 6
Link to comment
Share on other sites

Mais uma noite fria em São Paulo e com a atuação de nuvens baixas (mas que não encobrem o céu por completo), devido aos ventos que ainda sopram do mar.

As temperaturas nas estações do CGE não estão variando tanto. Temos entre 12 e 14 graus.

rxZywKi.png

 

 

Imagem do Satélite das 20:50 mostra que temos a atuação das nuvens baixas no sul do estado, parte da Grande SP e o litoral norte.

UFJFy41.jpg

 

 

Já a imagem das 8:30 mostra algo interessante.

Enquanto grande parte do interior de SP está sendo coberto pela pluma de fumaça, o sul/sudoeste/leste de SP apresenta um ar bem mais limpo, devido a ainda forte influência dos ventos marítimos.

JaVUlas.jpg

  • Like 18
  • Sad 1
Link to comment
Share on other sites

Buenas noches, temperaturas extremas durante el dia de ayer en Montevideo (Melilla)

 

 

MÁXIMAS Y MÍNIMAS AYER
TEMP MÁXIMA
18.39 a las 11:27:00
TEMP MÍNIMA
5.22 a las 06:52:00

 

Amplitud termica engañosa que da a entender un dia despejado, solo lo fue a la mañana; lo que permitio una minima bastante baja, nublandose al mediodia cuando la temperatura supero los 18°C aqui en el norte de la ciudad, posteriormente refresco y tuvimos una tarde gris y oscura pero sin precipitaciones con una temperatura que rondaba siempre los 15°C.

Edited by Pablo MQL
  • Like 11
Link to comment
Share on other sites

4 horas atrás, Aldo Santos disse:

 

Morei 6 anos em Santos.

Nesta época é uma sequência "interminável" de dias nublados.

Pouco se vê o sol.

 

De agosto  até meados de novembro, calor no litoral normalmente só em dias de ventos NO pré-frontais.

E geralmente são picos de 1 dia, no máximo 2.

 

Esses tempos atrás quando começou a esquentar por aqui o povo começou a correr pra praia achando que pegaria sol e calor lá e quebraram a cara kk enquanto aqui em cima estava batendo 30° (ainda em agosto) Santos mal passava dos 22. Eu vendo aquele monte de gente descendo pra praia e pensando: alguém avisa? Kkk

  • Like 7
  • Haha 1
Link to comment
Share on other sites

Algo que já tem um tempo que estou pra comentar... esse mês tem sido marcado por muita neblina de fim de tarde aqui, coisa que estava escassa nos meses anteriores, e certamente deve ser por conta desse contraste térmico entre o oceano frio e o continente quente. Às vezes baixa uma neblina tão forte que eu brinco que viramos Silent Hill kkk

  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

21 horas atrás, Wallace Rezende disse:

 

Com isso, o pico do calor de 2021 no Brasil (acredito que, ao contrário de 2020, a máxima de 2021 não será superada em outubro, embora a chance não seja nula) acabou ficando com Corumbá na última segunda-feira (43,9ºc, novo recorde da estação), não muito abaixo do recorde nacional registrado no ano passado em Água Clara (44,6ºc) e Paranaíba (mesmo valor, mas considero esse registro mais duvidoso, pois a estação é convencional e com diferença grande para 18Z no dia da maior máxima).  Também houve um registro de 44,9ºc no ano passado numa estação não oficial (PWS), mas condizente com o local onde foi registrado.

 

As duas maiores temperaturas algo confiáveis desde o início dos registros no Brasil ocorrendo em dois anos consecutivos... Creio que a chance de chegarmos ao final desta década sem algum registro confiável de 45ºc ou mais nos "polos quentes" do Brasil central é extremamente pequena.

 

Não levo em conta os recordes de Orleans (1963) e Bom Jesus do Piauí (2005), dentre outros que são muitos suspeitos ou estão claramente superestimados (pelo menos esse ano o Inmet teve a decência de apagar os dados de temperatura de Sapezal desde o dia em que a estação “surtou”). 

 

Na RM do RJ, como eu já esperava, setembro vai passando sem nenhum extremo relevante, e está sendo menos quente que o do ano passado (mas ainda acima da média).  Ao contrário de 09/2020 (que registrou um evento localmente histórico de chuva na capital fluminense), a chuva está abaixo da média* neste 09/2021 (tem chovido com frequência, mas os volumes são sempre muitos baixos fora dos cinturões orográficos).  A quarta-feira foi mais amena, como era esperado, e hoje o tempo não muda muito (só um pouco mais de sol), mas a previsão para o final do mês é de calor, um calor normal para a época (máximas geralmente abaixo dos 30ºc nos bairros costeiros e um pouco acima nos subúrbios mais continentais).  Para o último dia de setembro e o início de outubro, começa a surgir nos modelos uma tendência de tempo úmido e instável, com predomínio de baixa amplitude térmica (nada mais típico da nossa primavera, é algo que acontece algumas semanas mais cedo ou mais tarde a depender do ano).  Mas seria um grande erro criar expectativa para 10 dias a frente, tudo sempre pode mudar (nos próximos dias, o cenário irá se definir aos poucos).

 

O pré-frontal de terça-feira foi fraco numa faixa que vai da área costeira da cidade do Rio até parte do Centro (máximas abaixo dos 30ºc), e apenas moderado para a época no restante da cidade (pico acima dos 35ºc por pouco tempo nos bairros mais quentes, mas a queda de temperatura trazida pelo vento foi brusca nestes locais onde esquentou mais).  Depois da manhã abafada de anteontem, o vento sudoeste (advecção) entrou com rajadas, que chegaram a superar os 80 Km/h na ponte Rio-Niterói e os 60/70 Km/h em grande parte da cidade (parece que pode ter sido ainda mais forte em alguns trechos da zona norte da capital, onde não há monitoramento). Também ventou forte em Niterói e São Gonçalo, e até o “ruim de vento” Inmet/Barreto registrou uma rajada de 66 Km/h, a maior desde 04/2019 por lá.

 

*Foram registrados desde o início deste mês setembro na cidade do Rio (média de 33 pluviômetros) apenas 28,1 mm de chuva (a média 1997/2020 para o mês foi de 81,2 mm).  Em setembro de 2020, a cidade registrou em média 140,7 mm, a maior parte num evento de 2 dias.  

 

*No bairro do Alto da Boa Vista, setembro de 2021 registrou 84,8 mm até agora, enquanto em 09/2020 foram registrados 390,2 mm, incluindo um recorde histórico de 272,4 mm em 24 horas no dia 22/09/2020 (este foi o total entre 21:00 do dia 21/09 e 21:00 do dia 22/9).

Quando se falam em recordes de temperatura no Brasil há uma série de divergências que aparecem. Quanto aos recordes de calor, Bom Jesus do Piauí detinha o recorde de maior máxima no país, o que conforme já explicado aqui é fumo, depois veio Nova Maringá-MT o que também trata-se de fumo.

 

Das que você citou Água Clara/MS detém o recorde brasileiro, no entanto, a temperatura merece ressalva, conforme falado pelo @Felipe Backendorf a mim, essa estação fica cercada de construções, inclusive bem próximo a uma casa, o que deve com certeza dar temperaturas um pouco acima do normal, a região em si é infernal, ainda mais ficando na parte baixa que é a própria cidade. 

 

O local da estação:

 

agua-clara.png 

 

A região é infernal mas o recorde de Paranaíba é bem contestável, muito provavelmente fumo também, observe que ambas situam-se no local mais quente do estado de MS.

 

regiao.png

 

Água Clara em 2020:

 

 temp-2020.png

 

Já Paranaíba sem as mínimas:

 

paranaiba.png

 

Estações próximas, mas Água Clara sempre é um pouco mais quente nas máximas(baixada) que Paranaíba, o que leva entender que o recorde de lá é erro, já que no mesmo dia (7/10) a diferença foi de 1ºC / 43,6ºC Água Clara e 44,6ºC Paranaíba.

 

Por exemplo nesse setembro a absoluta de Água Clara está em 43,2ºC enquanto Paranaíba 42,4ºC 0,8ºC de diferença.

 

Já nas médias máximas ambas iguais 37,33 Paranaíba e 37,34 Água Clara, mas isso se explica diante da latitude, quanto mais a sul se desce no MS é refletido na médias máximas. Mesmo Água Clara (20ºS) estando em baixada consegue igualar Paranaíba 19ºS.

Edited by Matheus b Santos
  • Like 16
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Finalmente um refresco por aqui. Depois das máximas de 41,5ºC em casa e 40,8ºC tivemos uma manhã ventosa e fresca por aqui. Mínima de 14,3ºC em casa, a menor do mês até o momento e 13,9ºC no CIIAGRO, amanhã esse refresco vai embora e o bafo quente de norte começa predominar.

  • Like 13
Link to comment
Share on other sites

Imagem do satélite das 23:10 mostra belos núcleos de chuva no nordeste de MT, norte de GO E sul de TO.

Ótima notícia, já que esses locais também estão sendo assolados pelo tempo quente e seco, além das queimadas.

IpKyAep.jpg

 

Radar de São Francisco capta um pouco dessa chuva provocada por essas instabilidades.

PW2sWuZ.jpg

 

Pelas previsões, deve haver um aumento de umidade em outras áreas de GO e MT nos próximos dias.

  • Like 12
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

2 horas atrás, Matheus b Santos disse:

Quando se falam em recordes de temperatura no Brasil há uma série de divergências que aparecem. Quanto aos recordes de calor, Bom Jesus do Piauí detinha o recorde de maior máxima no país, o que conforme já explicado aqui é fumo, depois veio Nova Maringá-MT o que também trata-se de fumo.

 

Das que você citou Água Clara/MS detém o recorde brasileiro, no entanto, a temperatura merece ressalva, conforme falado pelo @Felipe Backendorf a mim, essa estação fica cercada de construções, inclusive bem próximo a uma casa, o que deve com certeza dar temperaturas um pouco acima do normal, a região em si é infernal, ainda mais ficando na parte baixa que é a própria cidade. 

 

O local da estação:

 

agua-clara.png 

 

A região é infernal mas o recorde de Paranaíba é bem contestável, muito provavelmente fumo também, observe que ambas situam-se no local mais quente do estado de MS.

 

regiao.png

 

Água Clara em 2020:

 

 temp-2020.png

 

Já Paranaíba sem as mínimas:

 

paranaiba.png

 

Estações próximas, mas Água Clara sempre é um pouco mais quente nas máximas(baixada) que Paranaíba, o que leva entender que o recorde de lá é erro, já que no mesmo dia (7/10) a diferença foi de 1ºC / 43,6ºC Água Clara e 44,6ºC Paranaíba.

 

Por exemplo nesse setembro a absoluta de Água Clara está em 43,2ºC enquanto Paranaíba 42,4ºC 0,8ºC de diferença.

 

Já nas médias máximas ambas iguais 37,33 Paranaíba e 37,34 Água Clara, mas isso se explica diante da latitude, quanto mais a sul se desce no MS é refletido na médias máximas. Mesmo Água Clara (20ºS) estando em baixada consegue igualar Paranaíba 19ºS.

 

Sim, também penso dessa forma. No mesmo dia 05/10/2020, com máximas de 44,6ºc e 43,6ºc em Água clara e Paranaíba,  fez ainda 44,5ºc em Poxoréu/conv no MT (seria a segunda maior máxima do Brasil), mas esse é outro registro com diferença grande para a leitura das 18Z, então não confio muito, embora o dia do recorde faça sentido.

 

Infelizmente, mesmo dentre as convencionais do Inmet que ainda não foram completamente abandonadas, muitas estão em péssimas condições, o que já me deixa com o pé atrás só pelo fato de serem estações convencionais (existem exceções, mas cada vez menos).

 

Essa localização da auto de Água Clara eu já conhecia, e de fato passa longe de ser ideal, mas creio que o aquecimento adicional seja (em geral) pequeno.

 

Ano passado, ao menos 4 estados registraram máximas na casa dos 44ºc em estações oficiais (além de MS e MT, GO teve 44,1ºc na convencional de Aragarças, e MG 44ºc na de Araçuaí).  O registro de GO eu levo em conta, pois a máxima do dia 09/10 na automática foi quase igual (43,9ºc), já o caso de Araçuaí é mais complicado, pois a estação também fica muito próxima de um grande obstáculo, o que gera algum superaquecimento (mas nesse caso a automática fica em outro ponto da cidade, dificultando a comparação).  De toda forma, a convencional de Araçuaí está no mesmo lugar há bastante tempo (a escola ao lado parece que também), e o recorde do ano passado superou o anterior em mais ou menos 1,5ºc, então foi bastante significativo, ainda que esteja um pouco acima do real.

 

Na França, as estações oficiais são classificadas entre “1” e “5”.  As “1” têm exposição excelente, com ampla ventilação e nenhum obstáculo significativo por perto, as “2” ainda são muito boas, mas já contam com alguma obstrução menor nas proximidades, e as “5” estão sujeitas a um superaquecimento maior (instaladas em locais pouco ventilados, e com obstáculos próximos que podem gerar diferenças de mais de 1ºc).  Creio que Água Clara seria considerada uma “4” pela classificação francesa, o que significaria um superaquecimento de até 0,5ºc na maioria dos dias (mas eventualmente maior, entre 0,5ºc e 1ºc).  Em geral, eles costumam validar os recordes das estações com classificação de “1” até “4”.  Já Araçuaí/conv talvez fosse uma “5”.  Nesses casos (classe 5), os franceses validam os recordes só de vez em quando, não sei exatamente qual o critério.

 

Um exemplo de estação com classificação “4” pela Météo-France é a de Paris/Montsouris (estação histórica da cidade e a mais antiga da França, com registros contínuos desde 1872).  Nos dias mais quentes (caso do 'famoso' recorde de 42,6ºc em 25/07/2019) é notável que Montsouris aquece um pouco mais do que deveria, mas eles sempre acabam validando os registros da estação (neste dia, as estações mais padronizadas registraram valores entre 41ºc e 42ºc na área de Paris).  A estação de Montsouris fica numa clareira entre muitas árvores, então a ventilação no abrigo é prejudicada mesmo, o que causa máximas entre 0,5ºc e 1ºc acima das que seriam registradas numa exposição mais padronizada nos dias se sol forte, principalmente na primavera/verão.  Por outro lado, a estação do Central Park (em NY, nos EUA), que também fica entre muitas árvores, tende a ser mais fresca que os dois aeroportos mais próximos (Newark e La Guardia) nas máximas tanto nos dias ensolarados quanto nos de mormaço (1/2ºc mais fresca com frequência, por vezes 3ºc), mas a vegetação ali (que cerca a estação do Central Park) é mais fechada que no caso de Paris, e faz mais sombra sobre a estação quando o sol não está muito alto.  Também ocorre superaquecimento nos dois aeros de NY em vários dias do ano (os americanos são desleixados com o posicionamento das estações dentro dos aeros), o que faz da estação do Central Park, apesar da localização estranha e não padronizada, a melhor da cidade.  É preciso olhar caso a caso, por vezes uma estação que parece ruim (pela foto/localização) se revela “melhor” (mais representativa de uma área) do que outra, a princípio mais padronizada.

 

 

Edited by Wallace Rezende
  • Like 15
Link to comment
Share on other sites

8 horas atrás, Luide Luckmann disse:

Boa tarde! A faculdade têm me ocupado bastante nas últimas duas semanas. tanto que durante esse período nem monitorei as temperaturas aqui. Ontem recomecei a monitorar novamente. Mas como era previsto no início do mês, setembro está sendo MUITO nublado. Praticamente não tivemos dias ensolarados por aqui, sempre aparecendo nuvens altas pra freiar aquecimento hehehe. Nos demais dias eram as nuvens de chuva que não deixavam o sol aparecer. Depois de muitos dias assim, hoje finalmente o sol deu as cars e a máxima ficou bem comportada. Variação de hoje: 10,9°C/22°C. No momento temos nebulosidade tomando conta do céu depois de uma manhã ensolarada. 

Têm sido um mês muito bom em termos de chuva. Acumulou 102mm até agora no meu medidor, e como o sol quase não aparece, demora muito pra secar a terra. Segunda feira ao sair da faculdade pegamos até granizo miúdo, durante uma forte trovoada , depois de um dia bem abafado. 

Ao entrar no site pra dar uma conferida nos que os modelos estão prevendo, me deparo com isso:

gfs_T850_samer_60.png

gfs_T2ma_samer_59.png

Em pleno outubro, essa é uma bela friagem. Será que essa MP dá um fim a esse bloqueio atmosférico no Brasil central?

 

 

Na verdade isso me preocupa, em 2014 outubro começou frio, um belo bloqueio parece ter iniciado na sequência do frio que passou e virou um inferno

  • Like 4
Link to comment
Share on other sites

POMERODE/SC

 

24/9/2.021 - 9h: 16.3C - 95% 

 

Instabilidade dá o tom.

 

Primavera standard na localidade. Chove desde o Dia da Independência até o Feriado de Finados.

 

Grüssen.

 

Elev 70 m, 26.75 °S, 49.17 °W

POMERODE/SC (Centro) - GALLE - IPOMER7
  • Like 6
Link to comment
Share on other sites

7 horas atrás, jrmartinisp disse:

Na verdade isso me preocupa, em 2014 outubro começou frio, um belo bloqueio parece ter iniciado na sequência do frio que passou e virou um inferno

 

Também não faço nenhuma questão desse frio no final da grade porque me aflige o mesmo receio e um bloqueio é tudo o que não precisamos quando enfrentamos um racionamento de água com intervalos de 48h. Graças a Deus as previsões, já faz alguns dias apontam para um possível final da estiagem e cada vez com mais ênfase!

 

https://www.meteoblue.com/pt/tempo/14-dias/mirandopólis_brasil_3457107

 

edit. Não consigo anexar a imagem.😐

Edited by marcio valverde
  • Like 5
Link to comment
Share on other sites

54 minutos atrás, marcio valverde disse:

 

Também não faço nenhuma questão desse frio no final da grade porque me aflige o mesmo receio e um bloqueio é tudo o que não precisamos quando enfrentamos um racionamento de água com intervalos de 48h. Graças a Deus as previsões, já faz alguns dias apontam para um possível final da estiagem e cada vez com mais ênfase!

 

https://www.meteoblue.com/pt/tempo/14-dias/mirandopólis_brasil_3457107

 

edit. Não consigo anexar a imagem.😐

Ondas de frio fortes fora de época, em setembro e outubro, acabam por se tornarem massas de ar quentes e secas que afetam até o sul do país. 2006 aconteceu isso depois daquele anticiclone polar ter resfriado até o sul da Amazônia. 2012 e 2014 também foram assim, as chuvas só voltaram no Brasil central na segunda quinzena de outubro.

  • Like 4
Link to comment
Share on other sites

10 horas atrás, Wallace Rezende disse:

 

Sim, também penso dessa forma. No mesmo dia 05/10/2020, com máximas de 44,6ºc e 43,6ºc em Água clara e Paranaíba,  fez ainda 44,5ºc em Poxoréu/conv no MT (seria a segunda maior máxima do Brasil), mas esse é outro registro com diferença grande para a leitura das 18Z, então não confio muito, embora o dia do recorde faça sentido.

 

Infelizmente, mesmo dentre as convencionais do Inmet que ainda não foram completamente abandonadas, muitas estão em péssimas condições, o que já me deixa com o pé atrás só pelo fato de serem estações convencionais (existem exceções, mas cada vez menos).

 

Essa localização da auto de Água Clara eu já conhecia, e de fato passa longe de ser ideal, mas creio que o aquecimento adicional seja (em geral) pequeno.

 

Ano passado, ao menos 4 estados registraram máximas na casa dos 44ºc em estações oficiais (além de MS e MT, GO teve 44,1ºc na convencional de Aragarças, e MG 44ºc na de Araçuaí).  O registro de GO eu levo em conta, pois a máxima do dia 09/10 na automática foi quase igual (43,9ºc), já o caso de Araçuaí é mais complicado, pois a estação também fica muito próxima de um grande obstáculo, o que gera algum superaquecimento (mas nesse caso a automática fica em outro ponto da cidade, dificultando a comparação).  De toda forma, a convencional de Araçuaí está no mesmo lugar há bastante tempo (a escola ao lado parece que também), e o recorde do ano passado superou o anterior em mais ou menos 1,5ºc, então foi bastante significativo, ainda que esteja um pouco acima do real.

 

Na França, as estações oficiais são classificadas entre “1” e “5”.  As “1” têm exposição excelente, com ampla ventilação e nenhum obstáculo significativo por perto, as “2” ainda são muito boas, mas já contam com alguma obstrução menor nas proximidades, e as “5” estão sujeitas a um superaquecimento maior (instaladas em locais pouco ventilados, e com obstáculos próximos que podem gerar diferenças de mais de 1ºc).  Creio que Água Clara seria considerada uma “4” pela classificação francesa, o que significaria um superaquecimento de até 0,5ºc na maioria dos dias (mas eventualmente maior, entre 0,5ºc e 1ºc).  Em geral, eles costumam validar os recordes das estações com classificação de “1” até “4”.  Já Araçuaí/conv talvez fosse uma “5”.  Nesses casos (classe 5), os franceses validam os recordes só de vez em quando, não sei exatamente qual o critério.

 

Um exemplo de estação com classificação “4” pela Météo-France é a de Paris/Montsouris (estação histórica da cidade e a mais antiga da França, com registros contínuos desde 1872).  Nos dias mais quentes (caso do 'famoso' recorde de 42,6ºc em 25/07/2019) é notável que Montsouris aquece um pouco mais do que deveria, mas eles sempre acabam validando os registros da estação (neste dia, as estações mais padronizadas registraram valores entre 41ºc e 42ºc na área de Paris).  A estação de Montsouris fica numa clareira entre muitas árvores, então a ventilação no abrigo é prejudicada mesmo, o que causa máximas entre 0,5ºc e 1ºc acima das que seriam registradas numa exposição mais padronizada nos dias se sol forte, principalmente na primavera/verão.  Por outro lado, a estação do Central Park (em NY, nos EUA), que também fica entre muitas árvores, tende a ser mais fresca que os dois aeroportos mais próximos (Newark e La Guardia) nas máximas tanto nos dias ensolarados quanto nos de mormaço (1/2ºc mais fresca com frequência, por vezes 3ºc), mas a vegetação ali (que cerca a estação do Central Park) é mais fechada que no caso de Paris, e faz mais sombra sobre a estação quando o sol não está muito alto.  Também ocorre superaquecimento nos dois aeros de NY em vários dias do ano (os americanos são desleixados com o posicionamento das estações dentro dos aeros), o que faz da estação do Central Park, apesar da localização estranha e não padronizada, a melhor da cidade.  É preciso olhar caso a caso, por vezes uma estação que parece ruim (pela foto/localização) se revela “melhor” (mais representativa de uma área) do que outra, a princípio mais padronizada.

 

 

Sobre a estação de Poxoréo, parece que não está muito bem das pernas, tinha a expectativa de inauguração de uma automática por lá, mas o INMET ao invés de inaugurar novas automáticas está desativando, como a de Primavera, hoje só são 8 convencionais e 8 automáticas no MT, desde 2018 a convencional de Poxoréo não registra as mínimas, e as máximas estão muito acima do valor horário das 18 h UTC, também desconfio que o valor horário de 0 h UTC está acima do real, pois nesse horário registra temperaturas mais altas que a vizinha Rondonópolis, equiparando ou superando até Cuiabá, mas no horário das 12 h UTC é mais frio que Rondonópolis, a estação de Poxoréo fica numa baixada beira-rio, o que favorece noites mais frias, em Aragarças/GO tem uma automática que pelo mapa, espero a localização está correta, é pertinho do INMET, e registra de noite temperaturas mais baixas que o INMET, acho que é mais confiável nesse horário, pena não inaugurarem uma PWS na cidade de Poxoréo ou na parte baixa do município, só tem na parte alta no planalto de Primavera. 

Edited by Leandro Leite
  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

54 minutos atrás, klinsmannrdesouza disse:

Ondas de frio fortes fora de época, em setembro e outubro, acabam por se tornarem massas de ar quentes e secas que afetam até o sul do país. 2006 aconteceu isso depois daquele anticiclone polar ter resfriado até o sul da Amazônia. 2012 e 2014 também foram assim, as chuvas só voltaram no Brasil central na segunda quinzena de outubro.


E em Dezembro de 2018 também foi assim. Tivemos uma MP bem forte para o padrão do mês na primeira quinzena, mas logo após sua passagem houve a formação de um bloqueio terrível, em pleno auge da insolação. Aqui eu fiquei quase 10 dias sem chuva, céu claro e temperaturas frequentemente acima dos 34/35 graus.

  • Like 5
Link to comment
Share on other sites

12 horas atrás, Matheus b Santos disse:

Quando se falam em recordes de temperatura no Brasil há uma série de divergências que aparecem. Quanto aos recordes de calor, Bom Jesus do Piauí detinha o recorde de maior máxima no país, o que conforme já explicado aqui é fumo, depois veio Nova Maringá-MT o que também trata-se de fumo.

 

Das que você citou Água Clara/MS detém o recorde brasileiro, no entanto, a temperatura merece ressalva, conforme falado pelo @Felipe Backendorf a mim, essa estação fica cercada de construções, inclusive bem próximo a uma casa, o que deve com certeza dar temperaturas um pouco acima do normal, a região em si é infernal, ainda mais ficando na parte baixa que é a própria cidade. 

 

O local da estação:

 

agua-clara.png 

 

A região é infernal mas o recorde de Paranaíba é bem contestável, muito provavelmente fumo também, observe que ambas situam-se no local mais quente do estado de MS.

 

regiao.png

 

Água Clara em 2020:

 

 temp-2020.png

 

Já Paranaíba sem as mínimas:

 

paranaiba.png

 

Estações próximas, mas Água Clara sempre é um pouco mais quente nas máximas(baixada) que Paranaíba, o que leva entender que o recorde de lá é erro, já que no mesmo dia (7/10) a diferença foi de 1ºC / 43,6ºC Água Clara e 44,6ºC Paranaíba.

 

Por exemplo nesse setembro a absoluta de Água Clara está em 43,2ºC enquanto Paranaíba 42,4ºC 0,8ºC de diferença.

 

Já nas médias máximas ambas iguais 37,33 Paranaíba e 37,34 Água Clara, mas isso se explica diante da latitude, quanto mais a sul se desce no MS é refletido na médias máximas. Mesmo Água Clara (20ºS) estando em baixada consegue igualar Paranaíba 19ºS.

Desde quando cerveja precisa de UTI? kkkk. Na terça-feira eu registrei 42 C na sombra no pátio de casa em Primavera no termômetro de plástico, no de madeira 39 C, mas será que enquanto eu estava pegando a cadeira pra colocar os termômetros eu não os deixei no sol rapidinho sem querer e não lembro? Depois no canto da garagem e em seguida na sombra na grama foi 40 C no de plástico e 38 C no de madeira, a PWS mais próxima, Faz. Ilha Grande no Rio Sapé, que tem 60 metros a menos que minha casa, registrou 38,9 C nesse dia 21/09, a maior do ano, ontem na garagem, que é aberta e a telha é de barro e sem forro, eu registrei 38 C no de plástico e pouco mais de 35 C no de madeira, isso pouco depois da uma da tarde, a verdade á a seguinte, quando está frio o termômetro de plástico marca menos que o de madeira, e quando está mais quente, o de madeira marca menos, o de plástico é mais volátil, entre 25 C e 30 C os dois termômetros entram num acordo, como agora que ambos marcam quase 30 C in door, pra encerrar, ontem na Faz. Ilha Grande a máxima foi de 38,6 C. 

Edited by Leandro Leite
  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

11 horas atrás, Matheus b Santos disse:

Das que você citou Água Clara/MS detém o recorde brasileiro, no entanto, a temperatura merece ressalva, conforme falado pelo @Felipe Backendorf a mim, essa estação fica cercada de construções, inclusive bem próximo a uma casa, o que deve com certeza dar temperaturas um pouco acima do normal, a região em si é infernal, ainda mais ficando na parte baixa que é a própria cidade. 

 

O local da estação:

 

A região é infernal mas o recorde de Paranaíba é bem contestável, muito provavelmente fumo também, observe que ambas situam-se no local mais quente do estado de MS.

 

Olha, as construções são longe da estação. Há no mínimo 15 metros do lado esquerdo que é o lado mais próximo. Nos outros lados a distância é maior. É uma cidade pequena de apenas 14 mil habitantes e já fica próximo da saída da cidade. 300/400 metros a Leste vira área rural. Ao sul também é próximo. 

 

Infelizmente, não estou conseguindo inserir imagens nos meus posts. Mas parece duvidoso que haja um grande aquecimento. Este padrão já seria melhor do que 80% das estações que temos no Brasil.

  • Like 7
Link to comment
Share on other sites

Jornada gris y cubierta de principio a fin el dia de ayer, solo hubo una aparicion fugaz del sol entre las nubes y unas escasisimas y finas gotas que cayeron a la mañana.

Una caracteristica que tiene Montevideo, creo yo, es la abundancia de dias "en los que parece que va a llover y no lo hace o solo caen unas miseras gotas".

 

Las temperaturas extremas fueron bien primaverales, eso si,:

 

MÁXIMAS Y MÍNIMAS AYER
TEMP MÁXIMA
19.17 a las 13:17:00
TEMP MÍNIMA
11.28 a las 06:16:00

 

Esta foto no fue del dia de ayer, fue de la tarde de antes de ayer, pero podria serlo,  toda la jornada se presento igual, tiempo cubierto, gris y bastante oscuro:

 

IMG-20210922-171033.jpg

 

 

Edited by Pablo MQL
  • Like 14
Link to comment
Share on other sites

Ontem o dia foi encoberto e agradável em Blumenau, extremos: 13,9ºC/21,1ºC com umidade descendo a ótimos 57%.

 

Desde ontem de noite o tempo tá instável, tivemos chuva fraca com trovões e raios ontem antes da meia noite e hoje cedo novamente, totalizando apenas 4mm. 

 

Tenho 16,7ºC com 94% às 11:30 e está clareando um pouco.

  • Like 12
Link to comment
Share on other sites

31 minutos atrás, Moretão disse:

 

Olha, as construções são longe da estação. Há no mínimo 15 metros do lado esquerdo que é o lado mais próximo. Nos outros lados a distância é maior. É uma cidade pequena de apenas 14 mil habitantes e já fica próximo da saída da cidade. 300/400 metros a Leste vira área rural. Ao sul também é próximo. 

 

Infelizmente, não estou conseguindo inserir imagens nos meus posts. Mas parece duvidoso que haja um grande aquecimento. Este padrão já seria melhor do que 80% das estações que temos no Brasil.

 

A questão pra mim é o bloqueio da ventilação, concordo que o concreto em si não deve ter a menor interferência nesse caso, mas grandes paredes como a de um hotel de 2 ou 3 andares e muros na proximidade em dias com mais vento fazem com que a diferença aumente em relação a locais bem ventilados, é o que observo aqui em casa por exemplo.

 

https://www.google.com.br/maps/@-20.4450076,-52.8760117,3a,19y,346.85h,92.55t/data=!3m6!1e1!3m4!1s7f7QMFvjJifMacaof3HqvQ!2e0!7i16384!8i8192

 

E essa estação de Águas Claras apresenta diferenças grandes pras PWSs e INMETs da região, que a altitude sozinha não explica.

 

A não ser que se considere qualidade do equipamento em comparação com as PWS, acho um equívoco em pensar que essa estação está melhor que 80% das estações do Brasil. Diria que fica seguramente entre as 10% piores do INMET junto à de Campo Bom/RS, que pra mim é uma das piores que já vi imagens.

  • Like 10
Link to comment
Share on other sites

Voltando a falar da questão do superaquecimento de algumas estações, a PWS da Fazenda Ilha Grande-Rio Sapé em Primavera parece que sofre um superaquecimento no período da manhã, isso acontece inclusive em eventos de frio caso já amanheça com sol, só não vai aquecer se tiver nublado, um exemplo se deu no dia 29 de junho último quando a PWS caiu de 17 C para 14 C em meia hora entre 11 e 11 e meia da manhã, pois a radiação solar caiu pra menos da metade, já que nuvens entraram, no dia 30 de julho deste ano pouco antes das 8 da manhã registrou 4 C a mais que o Centro de Pesquisas IHARA a cerca de 10 km, 18,6 C X 14,6 C, e meus termômetros registaram um pouco antes uma melhor compatibilidade com o IHARA. 

Edited by Leandro Leite
  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Mínima de 12,0º no Mirante de Santana. Como é primavera a temperatura já disparou como tal, com 27º na última leitura. Céu esbranquiçado por conta da fumaça.

 

Com o inverno já enterrado resta aguardar o retorno das chuvas e controle da temperatura, ainda assim temos o temeroso Outubro pela frente antes do refresco de Novembro.

  • Like 10
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Felipe Backendorf disse:

 

A questão pra mim é o bloqueio da ventilação, concordo que o concreto em si não deve ter a menor interferência nesse caso, mas grandes paredes como a de um hotel de 2 ou 3 andares e muros na proximidade em dias com mais vento fazem com que a diferença aumente em relação a locais bem ventilados, é o que observo aqui em casa por exemplo.

 

https://www.google.com.br/maps/@-20.4450076,-52.8760117,3a,19y,346.85h,92.55t/data=!3m6!1e1!3m4!1s7f7QMFvjJifMacaof3HqvQ!2e0!7i16384!8i8192

 

E essa estação de Águas Claras apresenta diferenças grandes pras PWSs e INMETs da região, que a altitude sozinha não explica.

 

A não ser que se considere qualidade do equipamento em comparação com as PWS, acho um equívoco em pensar que essa estação está melhor que 80% das estações do Brasil. Diria que fica seguramente entre as 10% piores do INMET junto à de Campo Bom/RS, que pra mim é uma das piores que já vi imagens.

 

Eu concordo que há diferenças. Mas não acho que isso possa ser um motivo para desconsiderar o valor. Acho um pouco rígido considerar apenas padrões quase semiperfeitos.

 

Para mim, é uma estação relativamente bem ventilada, embora não livre como um topão. Boa abertura Sul, Norte. No Leste e Oeste tem maiores obstáculos, embora relativamente longe da estação. Sem falar que é uma cidade pequena, horizontal e com pouca densidade.

 

Então respeitosamente discordo. Só questionarei se houver comprovadamente falha no equipamento.

 

Quanto aos 80%, me referi ao conjunto de estações INMET e particulares.

  • Like 5
Link to comment
Share on other sites

42 minutos atrás, Moretão disse:

 

Eu concordo que há diferenças. Mas não acho que isso possa ser um motivo para desconsiderar o valor. Acho um pouco rígido considerar apenas padrões quase semiperfeitos.

 

Para mim, é uma estação relativamente bem ventilada, embora não livre como um topão. Boa abertura Sul, Norte. No Leste e Oeste tem maiores obstáculos, embora relativamente longe da estação. Sem falar que é uma cidade pequena, horizontal e com pouca densidade.

 

Então respeitosamente discordo. Só questionarei se houver comprovadamente falha no equipamento.

 

Quanto aos 80%, me referi ao conjunto de estações INMET e particulares.

Desconsiderar é uma palavra bem forte, eu só tenho - como disse o amigo @Matheus b Santos - ressalva mesmo.

  • Like 6
Link to comment
Share on other sites

A mínima de hoje acabou não sendo menor que ontem, para minha surpresa. Achei que o efeito baixada pudesse ser mais pronunciado, o que não ocorreu.

 

Mesmo assim, boa mínima de 10,3°C e a máxima por enquanto é de 24,3°C, apesar do sol o dia todo. Muito agradáveis esses primeiros dias de primavera, porém haverá calor entre o final do mês e início de Outubro. 

  • Like 11
Link to comment
Share on other sites

4 hours ago, Moretão said:

 

Olha, as construções são longe da estação. Há no mínimo 15 metros do lado esquerdo que é o lado mais próximo. Nos outros lados a distância é maior. É uma cidade pequena de apenas 14 mil habitantes e já fica próximo da saída da cidade. 300/400 metros a Leste vira área rural. Ao sul também é próximo. 

 

Infelizmente, não estou conseguindo inserir imagens nos meus posts. Mas parece duvidoso que haja um grande aquecimento. Este padrão já seria melhor do que 80% das estações que temos no Brasil.

 

Subelas a Postimage y pega el link, yo hago eso.

  • Like 5
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Boa tarde...

Variação hoje 11,0/21,3°C em casa, com céu nublado e uma pancada de chuva rápida por volta das 7h da manhã 👇

 

☁️☁️

🌧️

 

Por volta das 10h o tempo começou a "firmar", mas sempre com algumas nuvens isoladas 👇

 

☁️🌥️

 

A tarde foi de céu parcialmente nublado, mas com pouca nebulosidade, no entanto o céu de um azul pálido e meio acinzentado no horizonte, possivelmente devido à fumaça em níveis intermediários, o q deu um aspecto deprimente 👇

 

🙄💭😐

 

Já temos infiltração oceânica agora no final da tarde, com 16,6°C às 17h40.

  • Like 6
  • Haha 10
Link to comment
Share on other sites

Guest
This topic is now closed to further replies.
 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.