Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Monitoramento e Previsão - América do Norte 2021

Topic will be automatically locked at 02:00 AM


Rodolfo Alves
 Share

Recommended Posts

Absurdas as anomalias positivas de T em parte do Canadá neste começo de Janeiro:

 

 

Winnipeg - Accuweather:

 

image.png.128fdd5079fe3d9dbe598525a21d65d4.png

 

 

Quebec - Accuweather:

 

image.png.ee13e60fb9f43c585c369a352f8746c3.png

 

 

A explicação encontra-se na seguinte matéria da MetSul:

 

https://metsul.com/megaciclone-bomba-quebra-recorde-no-pacifico/

 

 

Trecho abaixo retirados do link acima (fonte - MetSul):

 

" Toda essa energia que atravessa o Oceano Pacífico criará algum caos climático em todo o Canadá. B.C. as estações de esqui medirão a queda de neve, não em centímetros, mas em metros nos próximos dias e semanas. A forte corrente de jato que cria condições intensas de tempestade para o Oeste canadense manterá o resto do país livre de qualquer ar ártico intenso até meados de janeiro com previsão de temperatura muitíssimo acima da média no Leste do país, nas regiões de Quebec, Montreal e Toronto. "

 

" A  tempestade no Norte do Pacífico pode ser considerada o ciclone não tropical mais forte observado naquela região oceânica até hoje, segundo especialistas ouvidos pelo Washington Post.

A pressão da tempestade já caiu para 921 milibares nesta véspera de Ano Novo, o que é ainda menor do que os ciclones extremos que se formaram nas mesmas vizinhanças em 2014 e 2015. "

 

" As estatísticas de tempestade são de cair o queixo: os ventos máximos se aproximarão de 200 km / h no lado Sul da baixa na quinta-feira e as alturas máximas das ondas no oceano estão previstas para chegar a 30 metros. Uma boia no oceano já registrou ondas de até 17,7 metros (58 pés). "

 

 

Edited by Eclipse
  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Cheguei em Tallahassee ontem e o frio aqui não tá pra brincadeira.

 

Máxima ontem na estação da FSU foi de 6.3 C e hoje foi de 7.7 C. Depois do verão super quente que peguei aqui, era difícil imaginar que esse lugar teria essas temperaturas (embora já tivesse visto nos dados).

 

Essa madrugada a mínima foi de 2.6 C e veremos nessa noite onde vai parar. Imagino que não desça tanto pois o céu está nublado.

Edited by Samihr Hermes
  • Like 6
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Samihr Hermes disse:

Cheguei em Tallahassee ontem e o frio aqui não tá pra brincadeira.

 

Máxima ontem na estação da FSU foi de 6.3 C e hoje foi de 7.7 C. Depois do verão super quente que peguei aqui, era difícil imaginar que esse lugar teria essas temperaturas (embora já tivesse visto no dados).

 

Essa madrugada a mínima foi de 2.6 C e veremos nessa noite onde vai parar. Imagino que não desça tanto pois o céu está nublado.

Fala grande amigo Potiguar ! Parece que é chegada a hora da "Onça beber Agua". Um forte Vórtex Polar vem atingindo a Europa e deve chegar por aí. Chegou a hora de confirmarmos ou negarmos a Tese da Dra. da UFCG que defende a ideia de que Ondas de frio fortes no HN aumentam as precipitações no Norte do Nordeste. Abraços !

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

A Ásia e a Europa estão mais interessantes nesse inverno do Hemisfério Norte, agora os EUA estão meio sem graça, sem temperaturas baixas surreais em regiões tradicionalmente frias, só um frio normal que seria muito pra qualquer brasileiro, apesar de tá nevando até no Sul como o Texas, mas com temperaturas de eventos de neve no Sul brasileiro em ondas de frio históricas no Brasil. 

Edited by Leandro Leite
  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Em 22/01/2021 em 10:58, Renan disse:

Esse deve estar sendo um dos piores meses de Janeiro já registrados no Canadá. Talvez o @Wallace Rezende saiba de algo:

 

1611295200-usdMVqvhS1A.png

 

Eu não tenho acompanhado a América do Norte este ano não, pois já pressentia que o inverno por lá está uma porcaria, no sentido de a temperatura ou estar muito acima da média ou sem anomalias marcantes (na média ou ligeiramente abaixo), dependendo da região.  Depois daquela (curta, mas intensa) onda de frio registrada em outubro na região das rochosas e no planalto adjacente, que até quebrou alguns recordes mensais, não rolou mais nada de interessante em termos de anomalias térmicas.  Houve uma nevada em dezembro que até quebrou alguns recordes no interior do “Northeast” (localmente em torno de 1 metro em 24 horas, muita coisa), mas que não foi acompanhada por frio significativo, e outra em parte do "South" agora em janeiro, que também foi acompanhada por marcas térmicas banais.

 

Mas este mapa não deixa dúvidas que certamente um bom pedaço do Canadá está registrando um dos invernos mais amenos (ou “menos frios”) da história.

 

Estava olhando os dados da cidade americana de International Falls (Minnesota, mas na fronteira com o Canadá, do lado canadense fica Fort Frances), conhecida nos EUA pelos invernos frios (uma “São Joaquim local”), e janeiro até o dia 22 estava com temperatura média simples de -6,8ºc, o que para nós é um frio danado, mas para eles significa um mês “muito quente”, pois a média de janeiro é de -15,3ºc (01/2021 está 8,5ºc acima da média)!

 

E as anomalias estão ainda maiores ao norte, sobre parte do Canadá, o que dispensa comentários.  Nos próximos 3 dias vai fazer um frio muito banal para a época em International Falls (um pouco abaixo da média até), mas logo o “calor” vai voltar, antes mesmo no final do mês as anomalias positivas de temperatura já estarão dominando novamente.

 

No momento, só mesmo partes da Ásia estão registrando um frio significativo (ou anomalias negativas numa área mais ampla), o restante do NH está com predomínio de anomalias positivas (ou negativas suaves aqui e ali), embora não tão amplas quanto no “tórrido” inverno passado. E, para variar, em nenhum momento deste ano até agora a “anomalia” térmica geral (média) do HN foi negativa, apesar do belo evento de frio e neve registrado recentemente em várias cidades ibéricas.

 

Fevereiro deve ser um pouco melhor em parte da América do Norte, mas é cedo para falar em detalhes.

 

Edited by Wallace Rezende
  • Like 7
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

35 minutos atrás, Wallace Rezende disse:

 

Eu não tenho acompanhado a América do Norte este ano não, pois já pressentia que o inverno por lá está uma porcaria, no sentido de a temperatura ou estar muito acima da média ou sem anomalias marcantes (na média ou ligeiramente abaixo), dependendo da região.  Depois daquela (curta, mas intensa) onda de frio registrada em outubro na região das rochosas e no planalto adjacente, que até quebrou alguns recordes mensais, não rolou mais nada de interessante em termos de anomalias térmicas.  Houve uma nevada em dezembro que até quebrou alguns recordes no interior do “Northeast” (localmente em torno de 1 metro em 24 horas, muita coisa), mas que não foi acompanhada por frio significativo, e outra em parte do "South" agora em janeiro, que também foi acompanhada por marcas térmicas banais.

 

Mas este mapa não deixa dúvidas que certamente um bom pedaço do Canadá está registrando um dos invernos mais amenos (ou “menos frios”) da história.

 

Estava olhando os dados da cidade americana de International Falls (Minnesota, mas na fronteira com o Canadá, do lado canadense fica Fort Frances), conhecida nos EUA pelos invernos frios (uma “São Joaquim local”), e janeiro até o dia 22 estava com temperatura média simples de -6,8ºc, o que para nós é um frio danado, mas para eles significa um mês “muito quente”, pois a média de janeiro é de -15,3ºc (01/2021 está 8,5ºc acima da média)!

 

E as anomalias estão ainda maiores ao norte, sobre parte do Canadá, o que dispensa comentários.  Nos próximos 3 dias vai fazer um frio muito banal para a época em International Falls (um pouco abaixo da média até), mas logo o “calor” vai voltar, antes mesmo no final do mês as anomalias positivas de temperatura já estarão dominando novamente.

 

No momento, só mesmo partes da Ásia estão registrando um frio significativo (ou anomalias negativas numa área mais ampla), o restante do NH está com predomínio de anomalias positivas (ou negativas suaves aqui e ali), embora não tão amplas quanto no “tórrido” inverno passado. E, para variar, em nenhum momento deste ano até agora a “anomalia” térmica geral (média) do HN foi negativa, apesar do belo evento de frio e neve registrado recentemente em várias cidades ibéricas.

 

Fevereiro deve ser um pouco melhor em parte da América do Norte, mas é cedo para falar em detalhes.

 

 

Anomalia do HN está positiva neste mês, mais uma vez muito em parte devido ao ártico e seu eterno problema com as mudanças climáticas. 

 

Já no HS está com anomalia levemente negativa, a Antártida é quem está puxando a média para baixo. 

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Em 22/01/2021 em 10:58, Renan disse:

Esse deve estar sendo um dos piores meses de Janeiro já registrados no Canadá. Talvez o @Wallace Rezende saiba de algo:

 

1611295200-usdMVqvhS1A.png

Fargo na Dakota do Norte está com +6,6 esse mês. 
Os últimos dias diminuíram a anomalia...
Esse janeiro por enquanto está em 4º no ranking dos mais quentes desde 1881.
1745460494_FARGOJAN2021.png.a516640f56e8a64da410af397c2f2621.png

Usando a normal 81/10.

  • Like 5
  • Sad 1
Link to comment
Share on other sites

11 minutos atrás, Andoni disse:

Fargo na Dakota do Norte está com +6,6 esse mês. 
Os últimos dias diminuíram a anomalia...
Esse janeiro por enquanto está em 4º no ranking dos mais quentes desde 1881.
Usando a normal 81/10.

Agora Winnipeg...
1881713289_WinnipegAirport.png.554801035ae6294893b5782db10e26e3.png

Atualmente é 2º janeiro mais quente desde 1873.
 

 

  • Like 7
  • Sad 1
Link to comment
Share on other sites

Estivemos sob alerta de tornado hoje em Tallahassee

 

https://www.cnn.com/2021/01/27/us/tallahassee-tornado/index.html

 

photo_2021-01-27_16-48-46.thumb.jpg.1cc8de5c0f7e944d61ed9265bd3dbcce.jpg

 

Edited by Samihr Hermes
  • Like 5
Link to comment
Share on other sites

4 horas atrás, Samihr Hermes disse:

image.png.d184f62e1f6b364e275b3a05a7c00bb5.png

 

Hoje está sendo um dia frio pros padrões Floridianos também.

Olá grande amigo ! Como estão as projeções de Inverno por aí ? Aqui pelo Sertão do "Peregrino" bem como em grande parte do RN, Janeiro foi muito fraco em termos de chuvas. A esperança para Fevereiro gira em torno da Tese da professora paraibana que quando ondas de frio fortes atingem partes do Canadá e EUA, sobra um chuvinha para o Norte do Nordeste. Abraços !

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

15 minutos atrás, Peregrine disse:

Olá grande amigo ! Como estão as projeções de Inverno por aí ? Aqui pelo Sertão do "Peregrino" bem como em grande parte do RN, Janeiro foi muito fraco em termos de chuvas. A esperança para Fevereiro gira em torno da Tese da professora paraibana que quando ondas de frio fortes atingem partes do Canadá e EUA, sobra um chuvinha para o Norte do Nordeste. Abraços !

 

Link to comment
Share on other sites

1 hour ago, Peregrine said:

Olá grande amigo ! Como estão as projeções de Inverno por aí ? Aqui pelo Sertão do "Peregrino" bem como em grande parte do RN, Janeiro foi muito fraco em termos de chuvas. A esperança para Fevereiro gira em torno da Tese da professora paraibana que quando ondas de frio fortes atingem partes do Canadá e EUA, sobra um chuvinha para o Norte do Nordeste. Abraços !

 

Esse janeiro na minha planilha teve máximas menores, mas mínimas maiores.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Esse frio previsto para grande parte do centro-leste dos EUA é uma bela “nutellice” (para os padrões locais).  Como exemplo, estes -20/-21ºc indicados para Chicago no auge do evento são um valor muito tosco para o dia mais frio do ano, é mais ou menos como um ano com mínima absoluta de 9/10ºc no Mirante do Santana.  Em 2019 mesmo, numa onda de frio (aí sim) intensa, Chicago chegou aos -30ºc.  Num inverno mediano tem ao menos que chegar perto dos -25ºc a mínima absoluta, isso na área urbana de Chicago.

 

Mas é aquilo, perto do lixo que o inverno 2020/2021 vem sendo até agora em Chicago (mínima absoluta de patéticos -13ºc e temperatura muito acima da média em dezembro e janeiro), o que está por vir vai parecer uma grande de onda de frio para muitos.

 

Não vejo nada demais para outras áreas do país também, apenas um frio protocolar que é o esperado para todo inverno normal algumas vezes.  Acontece que, depois de um janeiro marcado pela ausência total de ar frio significativo por todo o país, qualquer frio um pouco mais forte vira notícia, os padrões para chamar algo de onda de frio estão cada vez mais baixos.  Vale lembrar que, nas latitudes mais altas, mesmo grandes “anomalias térmicas” muitas vezes não significam um evento intenso, pois há uma flutuação já habitual entre valores muito acima e muito abaixo da média (climas mais dinâmicos).

 

Sobre a nevada em NYC, o total foi de 17,2 polegadas/43,7 cm (o total de 18,2 polegadas/46 cm mencionado pelo Rodolfo realmente foi divulgado pela agência local, mas logo corrigiram para 16,2 polegadas, e depois caiu mais uma polegada de neve).  Foi uma bela nevada, mas ficou de fora do “top 10”.  A ocorrência de temperaturas próximas ou acima de 0ºc durante grande parte do evento também restringiu um pouco o acumulado final. Se levar em conta uns floquinhos perdidos hoje (0,2 pol), o total subiu para 17,4 polegadas (44,2 cm), mas já me parece meio forçado se eles incluírem as “flurries” de hoje no evento, pois ocorreram vários períodos sem precipitação antes.

 

Pela lista das maiores nevadas, esta entrou no décimo quinto ou décimo sexto lugar (Central Park), entre a nevada de 03-04/02/1961 (44,2 cm) e as de 19-20/12/1948 e 12-13/02/1899 (40,6 cm).  Esta última foi associada à grande onda de frio de fevereiro de 1899, quando inúmeros recordes absolutos de frio foram batidos, e fez -19ºc no norte da Flórida.  Nos dias de hoje, com toda a fanfarronice reinante, o evento de 1899 seria chamado de “super/hiper/mega/blaster/über polarvortexapocalypse”.

 

Edited by Wallace Rezende
  • Like 10
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

-20 C/-21 C em Chicago seria proporcionalmente algo como 11 C/12 C em Cuiabá de mínima absoluta, e uns 10 C ou leve sub-10 em Primavera, agora - 30 C em Chicago já corresponderia a algo como uns 7 C em Cuiabá, ou menos, 5 C, algo perto dos 3 C de 1975, pra Primavera poderia ser 6 C, 4 C ou até 2 C, em Sampa algo como 1 C, 2 C no Mirante, talvez menos. 

Edited by Leandro Leite
  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Artigo do Weather Channel em inglês sobre ondas de frio históricas nos EUA, entre os destaques temos as de 1985 e 1994 na metade leste do País, anos que têm tópicos aqui no fórum sobre as ondas de frio ocorridas no Brasil meses depois, será que realmente existe alguma relação? Bom, e também fala do evento de 1899 citado hoje. No entanto dentro dos EUA o leste e oeste do País são anti-correlacionados nas ondas de frio, as ondas de frio de destaque na Califórnia e estados próximos foram em anos diferentes: https://weather.com/storms/winter/news/2021-02-03-most-extreme-arctic-cold-outbreaks-united-states?cm_ven=hp-slot-4

Edited by Leandro Leite
Link to comment
Share on other sites

Agora, Leandro Leite disse:

Artigo do Weather Channel em inglês sobre ondas de frio históricas nos EUA, entre os destaques temos as de 1985 e 1994 na metade leste do País, anos que têm tópicos aqui no fórum sobre as ondas de frio ocorridas no Brasil meses depois, será que realmente existe alguma relação? No entanto dentro dos EUA o leste e oeste do País são anti-correlacionados nas ondas de frio, as ondas de frio de destaque na Califórnia e estados próximos foram em anos diferentes: https://weather.com/storms/winter/news/2021-02-03-most-extreme-arctic-cold-outbreaks-united-states?cm_ven=hp-slot-4

Não consegui baixar o link, qualquer coisa copiem e colem aí em cima.

Link to comment
Share on other sites

6 minutos atrás, Leandro Leite disse:

Artigo do Weather Channel em inglês sobre ondas de frio históricas nos EUA, entre os destaques temos as de 1985 e 1994 na metade leste do País, anos que têm tópicos aqui no fórum sobre as ondas de frio ocorridas no Brasil meses depois, será que realmente existe alguma relação? No entanto dentro dos EUA o leste e oeste do País são anti-correlacionados nas ondas de frio, as ondas de frio de destaque na Califórnia e estados próximos foram em anos diferentes: https://weather.com/storms/winter/news/2021-02-03-most-extreme-arctic-cold-outbreaks-united-states?cm_ven=hp-slot-4

Não consegui baixar o link, qualquer coisa copiem e colem aí em cima.

Link to comment
Share on other sites

Veja outros exemplos, em 1996 ocorreu o recorde estadual de menor mínima no Minnesota (-51,1 C) em Tower, no mesmo ano tem-se um dos menores valores registrados de tarde em Cuiabá com 9,8 C, em Primavera possivelmente uns 8 C, peguemos a máquina do tempo e voltemos 60 anos, o inverno de 1935-36 foi o mais frio em várias regiões dos EUA, mas meses depois uma onda de calor bateu recordes até hoje inquebráveis, inclusive nos mesmos estados,  mas não é esse o ano da menor máxima registrada em Sampa de 7 C? Dezembro de 1983 foi também muito frio no Meio-oeste, um dos Natais mais frios registrados,  em agosto de 1984 nevou em Porto Alegre, dezembro de 1989 foi também um gelo com neve na capital da Flórida no Natal, em julho de 1990 a neve foi destaque nas Serras Gaúcha e Catarinense, a tarde mais fria em Floripa, e por aí vai. 

Edited by Leandro Leite
Link to comment
Share on other sites

Ao que aparece os modelos deram uma boa incrementada na onda de frio que se aproxima nos EUA, tanto em duração como em força do frio.

 

Europeu agora coloca -26ºC pra Chicago, e vários dias com mínimas e máximas muito baixas, inclusive uma máxima de -18ºC que acredito não ser comum por lá.

 

image.png.e253ed380632d4d83c10fa136c44650d.png

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

17 horas atrás, Leandro Leite disse:

Veja outros exemplos, em 1996 ocorreu o recorde estadual de menor mínima no Minnesota (-51,1 C) em Tower, no mesmo ano tem-se um dos menores valores registrados de tarde em Cuiabá com 9,8 C, em Primavera possivelmente uns 8 C, peguemos a máquina do tempo e voltemos 60 anos, o inverno de 1935-36 foi o mais frio em várias regiões dos EUA, mas meses depois uma onda de calor bateu recordes até hoje inquebráveis, inclusive nos mesmos estados,  mas não é esse o ano da menor máxima registrada em Sampa de 7 C? Dezembro de 1983 foi também muito frio no Meio-oeste, um dos Natais mais frios registrados,  em agosto de 1984 nevou em Porto Alegre, dezembro de 1989 foi também um gelo com neve na capital da Flórida no Natal, em julho de 1990 a neve foi destaque nas Serras Gaúcha e Catarinense, a tarde mais fria em Floripa, e por aí vai. 

Existe relação entre extremos de frio nos EUA e Canadá com o clima no Brasil? Ou será coincidência?

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.