Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Monitoramento e Previsão - América do Norte 2021

Topic will be automatically locked at 02:00 AM


Rodolfo Alves
 Share

Recommended Posts

7 horas atrás, Eclipse disse:

 

 

Bem típico desta empresa decadente este tipo de sensacionalismo caça-cliques e desonesto; a onda de frio que vai avançar para partes do Sul dos EUA só chega na ponta do dedo do pé de 1899, em 1899 houve frio muito forte ou extremo em todo o sul e centro-leste dos EUA (mais boa parte do oeste) e numa grande área do norte do México.  Desta vez o frio mais intenso mal vai beliscar a costa leste dos EUA e a parte leste do Golfo do México, além de ser bem fraco também em partes do Midwest (Chicago mal vai baixar dos -20ºc) e na maior parte do Oeste.  Em 1899, no auge do evento, aproximadamente 70/80% dos EUA registraram mínimas recordes ou quase recordes (muitos dos recordes persistem até hoje), enquanto agora será no máximo 10% do país (área com chance de registrar o menor valor em décadas), é um absurdo comparar os os dois eventos. 

 

Até levando em conta que num mundo mais quente não seria possível chegar ao mesmo patamar de 1899 numa área grande (em termos de mínima absoluta), não é disso que se trata, pois a própria abrangência da parte mais intensa deste ar frio é pequena (ou seja, um equivalente de 1899 nos dias de hoje ainda traria um frio muito intenso para uma área tão ampla ou quase tão ampla quanto em 1899, só que com valores um pouco mais altos de mínima absoluta).

 

E não há chance alguma de Dallas chegar perto de seu recorde histórico, lá fez -23ºc em fevereiro de 1899, e a previsão do NWS para o evento que se aproxima indica -14ºc (a previsão automática do Wunderground indica -16ºc, que seria a menor desde 23/12/1989, quando fez -18ºc).  Muitas cidades do Texas devem registrar a menor mínima do século XXI até agora, e algumas a menor desde 12/1989; será um frio muito forte (isoladamente beirando o histórico), mas não de outro mundo.  Talvez algumas baixadas rurais (e com bastante cobertura de neve no solo, um paraíso para resfriamento radiativo) realmente belisquem os -30ºc no norte do Texas, mas hoje existe um monitoramento muito mais amplo, locais mais frios que não eram monitorados no passado, assim como aqui no Brasil com certeza já teríamos chegado aos -16/-18ºc (ou talvez até -20ºc) se as "Terras do Gelo/Keiser" da vida tivessem monitoramento desde 1900 e antigamente.

 

@Pablo MQL, o verão de Dallas realmente é muito quente, mas o pior mês até agora foi agosto de 2011, com médias de 40,2ºc (máximas), 28ºc (mínimas) e 34,1ºc (simples).  Nem o pior dos piores verões cariocas (e no mais quente dos bairros) chega até este patamar de calor sustentado.  Não é à toa que Dallas é conhecida como um dos "paraísos do ar condicionado" dos EUA.  Uma cidade que aproxima um pouco de ter um clima como o de Montevideo nos EUA é San Francisco, só que com verões ainda mais amenos (mês mais quente setembro com 17ºc de média em SF, contra uns 23ºc por aí em jan/fev).  A média do mês mais frio (janeiro) fica entre 10 e 11ºc em SF, muito parecida com Montevideo em julho.

Edited by Wallace Rezende
  • Like 9
  • Thanks 4
Link to comment
Share on other sites

18 minutos atrás, Wallace Rezende disse:

 

Bem típico desta empresa decadente este tipo de sensacionalismo caça-cliques e desonesto; a onda de frio que vai avançar para partes do Sul dos EUA só chega na ponta do dedo do pé de 1899, em 1899 houve frio muito forte ou extremo em todo o sul e centro-leste dos EUA (mais boa parte do oeste) e numa grande área do norte do México.  Desta vez o frio mais intenso mal vai beliscar a costa leste dos EUA e a parte leste do Golfo do México, além de ser bem fraco também em partes do Midwest (Chicago mal vai baixar dos -20ºc) e na maior parte do Oeste.  Em 1899, no auge do evento, aproximadamente 70/80% dos EUA registraram mínimas recordes ou quase recordes (muitos dos recordes persistem até hoje), enquanto agora será no máximo 10% do país (área com chance de registrar o menor valor em décadas), é um absurdo comparar os os dois eventos. 

 

Até levando em conta que num mundo mais quente não seria possível chegar ao mesmo patamar de 1899 numa área grande (em termos de mínima absoluta), não é disso que se trata, pois a própria abrangência da parte mais intensa deste ar frio é pequena (ou seja, um equivalente de 1899 nos dias de hoje ainda traria um frio muito intenso para uma área tão ampla ou quase tão ampla quanto em 1899, só que com valores um pouco mais altos de mínima absoluta).

 

E não há chance alguma de Dallas chegar perto de seu recorde histórico, lá fez -23ºc em fevereiro de 1899, e a previsão do NWS para o evento que se aproxima indica -14ºc (a previsão automática do Wunderground indica -16ºc, que seria a menor desde 23/12/1989, quando fez -18ºc).  Muitas cidades do Texas devem registrar a menor mínima do século XXI até agora, e algumas a menor desde 12/1989; será um frio muito forte (isoladamente beirando o histórico), mas não de outro mundo.  Talvez algumas baixadas rurais (e com bastante cobertura de neve no solo, um paraíso para resfriamento radiativo) realmente belisquem os -30ºc no norte do Texas, mas hoje existe um monitoramento muito mais amplo, locais mais frios que não eram monitorados no passado, assim como aqui no Brasil com certeza já teríamos chegado aos -16/-18ºc (ou talvez até -20ºc) se as "Terras do Gelo/Keiser" da vida tivessem monitoramento desde 1900 e antigamente.

 

@Pablo MQL, o verão de Dallas realmente é muito quente, mas o pior mês até agora foi agosto de 2011, com médias de 40,2ºc (máximas), 28ºc (mínimas) e 34,1ºc (simples).  Nem o pior dos piores verões cariocas (e no mais quente dos bairros) chega até este patamar de calor sustentado.  Não é à toa que Dallas é conhecida como um dos "paraísos do ar condicionado" dos EUA.  Uma cidade que aproxima um pouco de ter um clima como o de Montevideo nos EUA é San Francisco, só que com verões ainda mais amenos (mês mais quente setembro com 17ºc de média em SF, contra uns 23ºc por aí em jan/fev).  A média do mês mais frio (janeiro) fica entre 10 e 11ºc em SF, muito parecida com Montevideo em julho.

 

 

 

Obrigado pelo esclarecimento, com dados e comparativos concretos. Acho que eu caí no clickbait deles então hehehehe

abraço

  • Like 2
  • Haha 1
Link to comment
Share on other sites

39 minutos atrás, Wallace Rezende disse:

 

Bem típico desta empresa decadente este tipo de sensacionalismo caça-cliques e desonesto; a onda de frio que vai avançar para partes do Sul dos EUA só chega na ponta do dedo do pé de 1899, em 1899 houve frio muito forte ou extremo em todo o sul e centro-leste dos EUA (mais boa parte do oeste) e numa grande área do norte do México.  Desta vez o frio mais intenso mal vai beliscar a costa leste dos EUA e a parte leste do Golfo do México, além de ser bem fraco também em partes do Midwest (Chicago mal vai baixar dos -20ºc) e na maior parte do Oeste.  Em 1899, no auge do evento, aproximadamente 70/80% dos EUA registraram mínimas recordes ou quase recordes (muitos dos recordes persistem até hoje), enquanto agora será no máximo 10% do país (área com chance de registrar o menor valor em décadas), é um absurdo comparar os os dois eventos. 

 

Até levando em conta que num mundo mais quente não seria possível chegar ao mesmo patamar de 1899 numa área grande (em termos de mínima absoluta), não é disso que se trata, pois a própria abrangência da parte mais intensa deste ar frio é pequena (ou seja, um equivalente de 1899 nos dias de hoje ainda traria um frio muito intenso para uma área tão ampla ou quase tão ampla quanto em 1899, só que com valores um pouco mais altos de mínima absoluta).

 

E não há chance alguma de Dallas chegar perto de seu recorde histórico, lá fez -23ºc em fevereiro de 1899, e a previsão do NWS para o evento que se aproxima indica -14ºc (a previsão automática do Wunderground indica -16ºc, que seria a menor desde 23/12/1989, quando fez -18ºc).  Muitas cidades do Texas devem registrar a menor mínima do século XXI até agora, e algumas a menor desde 12/1989; será um frio muito forte (isoladamente beirando o histórico), mas não de outro mundo.  Talvez algumas baixadas rurais (e com bastante cobertura de neve no solo, um paraíso para resfriamento radiativo) realmente belisquem os -30ºc no norte do Texas, mas hoje existe um monitoramento muito mais amplo, locais mais frios que não eram monitorados no passado, assim como aqui no Brasil com certeza já teríamos chegado aos -16/-18ºc (ou talvez até -20ºc) se as "Terras do Gelo/Keiser" da vida tivessem monitoramento desde 1900 e antigamente.

 

@Pablo MQL, o verão de Dallas realmente é muito quente, mas o pior mês até agora foi agosto de 2011, com médias de 40,2ºc (máximas), 28ºc (mínimas) e 34,1ºc (simples).  Nem o pior dos piores verões cariocas (e no mais quente dos bairros) chega até este patamar de calor sustentado.  Não é à toa que Dallas é conhecida como um dos "paraísos do ar condicionado" dos EUA.  Uma cidade que aproxima um pouco de ter um clima como o de Montevideo nos EUA é San Francisco, só que com verões ainda mais amenos (mês mais quente setembro com 17ºc de média em SF, contra uns 23ºc por aí em jan/fev).  A média do mês mais frio (janeiro) fica entre 10 e 11ºc em SF, muito parecida com Montevideo em julho.

 

De fato....para o mundo voltar a experimentar as maiores MPs do século 19 e início do século 20 (fim da pequena era do gelo), ainda precisaria de muita evolução, mas nem faço mais comparações com aquelas monstruosidades que por enquanto ficaram só no passado mesmo. Pretendo comparar essa MP em curso nos EUA com as grandes de décadas atrás até +- as décadas de 60/70, pois aí já dá para ter mais aproximação com o clima atual (apesar do AG). Na rodada Euro das 12Z, temos -15C previstos para Dallas, frio extremamente potente para a cidade. Outra coisa que chama a atenção é a máxima, de apenas -7C na Segunda-feira, e tudo isso regado a muita neve que começa já no Domingo.

 

Dallas é uma metrópole com quase 1,5 milhão de habitantes... a neve forte e o frio severo devem surpreender especialmente a população mais jovem da cidade, que não deve estar acostumada a esse tipo de evento.

 

E a neve no Texas deve chegar até Corpus Christi, uma cidade bem ao sul do território estadunidense, com latitude comparável à Laguna e também ao nível do mar. 

 

- Outro destaque é Oklahoma City, a mínima deve atingir os -27°C na Terça e caso confirme deverá ser uma das menores temperaturas já registradas na cidade.

  • Like 7
Link to comment
Share on other sites

12 horas atrás, Wallace Rezende disse:

 

Bem típico desta empresa decadente este tipo de sensacionalismo caça-cliques e desonesto; a onda de frio que vai avançar para partes do Sul dos EUA só chega na ponta do dedo do pé de 1899, em 1899 houve frio muito forte ou extremo em todo o sul e centro-leste dos EUA (mais boa parte do oeste) e numa grande área do norte do México.  Desta vez o frio mais intenso mal vai beliscar a costa leste dos EUA e a parte leste do Golfo do México, além de ser bem fraco também em partes do Midwest (Chicago mal vai baixar dos -20ºc) e na maior parte do Oeste.  Em 1899, no auge do evento, aproximadamente 70/80% dos EUA registraram mínimas recordes ou quase recordes (muitos dos recordes persistem até hoje), enquanto agora será no máximo 10% do país (área com chance de registrar o menor valor em décadas), é um absurdo comparar os os dois eventos. 

 

Até levando em conta que num mundo mais quente não seria possível chegar ao mesmo patamar de 1899 numa área grande (em termos de mínima absoluta), não é disso que se trata, pois a própria abrangência da parte mais intensa deste ar frio é pequena (ou seja, um equivalente de 1899 nos dias de hoje ainda traria um frio muito intenso para uma área tão ampla ou quase tão ampla quanto em 1899, só que com valores um pouco mais altos de mínima absoluta).

 

E não há chance alguma de Dallas chegar perto de seu recorde histórico, lá fez -23ºc em fevereiro de 1899, e a previsão do NWS para o evento que se aproxima indica -14ºc (a previsão automática do Wunderground indica -16ºc, que seria a menor desde 23/12/1989, quando fez -18ºc).  Muitas cidades do Texas devem registrar a menor mínima do século XXI até agora, e algumas a menor desde 12/1989; será um frio muito forte (isoladamente beirando o histórico), mas não de outro mundo.  Talvez algumas baixadas rurais (e com bastante cobertura de neve no solo, um paraíso para resfriamento radiativo) realmente belisquem os -30ºc no norte do Texas, mas hoje existe um monitoramento muito mais amplo, locais mais frios que não eram monitorados no passado, assim como aqui no Brasil com certeza já teríamos chegado aos -16/-18ºc (ou talvez até -20ºc) se as "Terras do Gelo/Keiser" da vida tivessem monitoramento desde 1900 e antigamente.

 

@Pablo MQL, o verão de Dallas realmente é muito quente, mas o pior mês até agora foi agosto de 2011, com médias de 40,2ºc (máximas), 28ºc (mínimas) e 34,1ºc (simples).  Nem o pior dos piores verões cariocas (e no mais quente dos bairros) chega até este patamar de calor sustentado.  Não é à toa que Dallas é conhecida como um dos "paraísos do ar condicionado" dos EUA.  Uma cidade que aproxima um pouco de ter um clima como o de Montevideo nos EUA é San Francisco, só que com verões ainda mais amenos (mês mais quente setembro com 17ºc de média em SF, contra uns 23ºc por aí em jan/fev).  A média do mês mais frio (janeiro) fica entre 10 e 11ºc em SF, muito parecida com Montevideo em julho.

 

Estava em uma reunião com um colega de trabalho que mora em Omaha (Nebraska) e que lá a temperatura estava em -18C no momento. Disse que tem alguns parentes que moram em Dallas e que a casa deles não tem aquecedor geral, imagino essa sequência de dias frios como os ambientes internos devem ficar gelados.

  • Like 4
Link to comment
Share on other sites

No geral esse evento vai ser mais histórico para o estado de Oklahoma do que para o Texas, tanto pelo frio como pela neve.

 

O mais interessante é como esse frio é bloqueado e mal atinge o México, Monterrey que sempre se destaca nessas ondas de frio só vai sentir as cócegas desse vortex, com mínima de -4ºC. Ciudad Juárez vai só a -9ºC.

 

Nem falar do resto do México, Guadalajara batendo os 28ºC e CDMX 26ºC.

  • Like 5
Link to comment
Share on other sites

Em 11/02/2021 em 21:23, Wallace Rezende disse:

 

Bem típico desta empresa decadente este tipo de sensacionalismo caça-cliques e desonesto; a onda de frio que vai avançar para partes do Sul dos EUA só chega na ponta do dedo do pé de 1899, em 1899 houve frio muito forte ou extremo em todo o sul e centro-leste dos EUA (mais boa parte do oeste) e numa grande área do norte do México.  Desta vez o frio mais intenso mal vai beliscar a costa leste dos EUA e a parte leste do Golfo do México, além de ser bem fraco também em partes do Midwest (Chicago mal vai baixar dos -20ºc) e na maior parte do Oeste.  Em 1899, no auge do evento, aproximadamente 70/80% dos EUA registraram mínimas recordes ou quase recordes (muitos dos recordes persistem até hoje), enquanto agora será no máximo 10% do país (área com chance de registrar o menor valor em décadas), é um absurdo comparar os os dois eventos. 

 

Até levando em conta que num mundo mais quente não seria possível chegar ao mesmo patamar de 1899 numa área grande (em termos de mínima absoluta), não é disso que se trata, pois a própria abrangência da parte mais intensa deste ar frio é pequena (ou seja, um equivalente de 1899 nos dias de hoje ainda traria um frio muito intenso para uma área tão ampla ou quase tão ampla quanto em 1899, só que com valores um pouco mais altos de mínima absoluta).

 

E não há chance alguma de Dallas chegar perto de seu recorde histórico, lá fez -23ºc em fevereiro de 1899, e a previsão do NWS para o evento que se aproxima indica -14ºc (a previsão automática do Wunderground indica -16ºc, que seria a menor desde 23/12/1989, quando fez -18ºc).  Muitas cidades do Texas devem registrar a menor mínima do século XXI até agora, e algumas a menor desde 12/1989; será um frio muito forte (isoladamente beirando o histórico), mas não de outro mundo.  Talvez algumas baixadas rurais (e com bastante cobertura de neve no solo, um paraíso para resfriamento radiativo) realmente belisquem os -30ºc no norte do Texas, mas hoje existe um monitoramento muito mais amplo, locais mais frios que não eram monitorados no passado, assim como aqui no Brasil com certeza já teríamos chegado aos -16/-18ºc (ou talvez até -20ºc) se as "Terras do Gelo/Keiser" da vida tivessem monitoramento desde 1900 e antigamente.

 

@Pablo MQL, o verão de Dallas realmente é muito quente, mas o pior mês até agora foi agosto de 2011, com médias de 40,2ºc (máximas), 28ºc (mínimas) e 34,1ºc (simples).  Nem o pior dos piores verões cariocas (e no mais quente dos bairros) chega até este patamar de calor sustentado.  Não é à toa que Dallas é conhecida como um dos "paraísos do ar condicionado" dos EUA.  Uma cidade que aproxima um pouco de ter um clima como o de Montevideo nos EUA é San Francisco, só que com verões ainda mais amenos (mês mais quente setembro com 17ºc de média em SF, contra uns 23ºc por aí em jan/fev).  A média do mês mais frio (janeiro) fica entre 10 e 11ºc em SF, muito parecida com Montevideo em julho.

-20 C ❄❄ no Brasil? Era possível? 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Pessoal, para quem não sabe, a figura abaixo mostra bem a diferença entre chuva congelada e chuva congelante.

Essas coisas têm denominação em inglês que eu nunca memorizo (Sleet, graupel, etc, etc). :D

Alguém que souber poderia postar.

 

Precipitações invernais.jpg

 

Edited by Aldo Santos
  • Like 11
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

No Brasil existe alguma jet stream que faz com que sempre alguma região saia perdendo em ondas de frio? Alguns exemplos: a continental de julho 2017 talvez foi a mais forte em 21 anos em Primavera do Leste, enquanto  chegou muito fraca em Varginha no sul de Minas, mas chegou bem em Goiânia, já  a de agosto passado chegou em Diamantina, na metade norte de Minas, mas decepcionou em Primavera, enquanto no sudoeste do Mato Grosso foi intensa, e em Goiânia apenas refrescou, esfriando somente o sul de Goiás.

Edited by Leandro Leite
Link to comment
Share on other sites

Voltando ao evento atual nos EUA, fará mais frio no Texas que na Nova Inglaterra, sendo o Texas um dos estados mais quentes, enquanto a Nova Inglaterra é vista como uma região mais fria, em Nova York mal vai negativar, em Miami nada de frio, o frio intenso está no meio e as duas costas estão perdendo dessa vez.

Edited by Leandro Leite
  • Like 5
Link to comment
Share on other sites

54 minutos atrás, Eclipse disse:

Cruzes, sempre quando espio algo de Miami dá até remorso de algum dia ter reclamado de qualquer inverno daqui.

 

Exceto as ondas de frio que afetam Miami de uma a duas vezes por inverno, o restante do inverno de lá é muito deprimente, vergonhoso , patético .

 

Quem gosta de frio e mora em Miami, deve se odiar , mora num país de clima fantástico , mas nasceu no local errado , e vê todo os esplendor do inverno Americano de camarote e ainda precisa ligar o ar condicionado ...

 

Miami pode ser uma cidade incrível , mas se fosse para escolher um lugar , ela estaria lá pela milésima posição , e caindo ...caindo ...caindo ...hehehe 

 

 

  • Like 4
  • Haha 2
Link to comment
Share on other sites

1 minuto atrás, Juzinho disse:

 

Exceto as ondas de frio que afetam Miami de uma a duas vezes por inverno, o restante do inverno de lá é muito deprimente, vergonhoso , patético .

 

Quem gosta de frio e mora em Miami, deve se odiar , mora num país de clima fantástico , mas nasceu no local errado , e vê todo os esplendor do inverno Americano de camarote e ainda precisa ligar o ar condicionado ...

 

Miami pode ser uma cidade incrível , mas se fosse para escolher um lugar , ela estaria lá pela milésima posição , e caindo ...caindo ...caindo ...hehehe 

 

 

 

 

hehehe verdade! O que mais acho bizarro são aquelas mínimas deles. E no verão, as mínimas chegam a quase 30 °C por dias intermináveis.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Agora, Eclipse disse:

 

 

hehehe verdade! O que mais acho bizarro são aquelas mínimas deles. E no verão, as mínimas chegam a quase 30 °C por dias intermináveis.

 

Eles tem diversas mínimas de 21,22 e até 23 graus em pleno inverno a FUKING 25 graus de latitude , e tudo isso regado a muita umidade . Deus que me perdoe no que estou falando , mas  climaticamente entre Cuiabá e Miami , eu fico com a primeira , mesmo sabendo que Cuiabá também tem essas mínimas altas as vezes no inverno , lá pelo menos é seco .

 

Miami representa toda a esfera tupiniquim Brasileira em plena América , acho que o prefeito de lá deveria incentivar um grande plantio de bananeiras e jerivás por toda a cidade em homenagem a nossa querida Banânia hehe ...

  • Like 1
  • Haha 4
Link to comment
Share on other sites

Brownsville que fica bem ao Sul do Texas , na mesma latitude da insossa Miami , e comparado aqui no Brasil  a latitude de Paranaguá no PR , tem nesse momento as 19 h local apenas 3 graus com chuva leve , e a previsão indica neve para as próximas horas e temperaturas que podem bater nos - 4 graus ... É algo simplesmente incrível de se ver ...

Edited by Juzinho
  • Like 6
Link to comment
Share on other sites

19 minutos atrás, Juzinho disse:

Brownsville que fica bem ao Sul do Texas , na mesma latitude da insossa Miami , e comparado aqui no Brasil  a latitude de Paranaguá no PR , tem nesse momento as 19 h local apenas 3 graus com chuva leve , e a previsão indica neve para as próximas horas e temperaturas que podem bater nos - 4 graus ... É algo simplesmente incrível de se ver ...

 

E Houston que fica numa latitude e altitude semelhantes a Torres-RS e tem mínima prevista de -13C ?

 

Nada mais a declarar...

  • Like 5
  • Haha 3
Link to comment
Share on other sites

2 minutos atrás, Renan disse:

 

E Houston que fica numa latitude e altitude semelhantes a Torres-RS e tem mínima prevista de -13C ?

 

Nada mais a declarar...

 

Vamos chutar o balde mais um pouco ...

 

Corpus Christie no Texas , nesse momento está nevando com - 1 grau e a previsão indica a possibilidade de chegar a - 7 .

O mais impressionante é que essa cidade fica na mesma latitude de Floripa ...

 

"Floripa , Floripa "...vamos acordar , vamos acordar hehe ...

  • Like 1
  • Haha 6
Link to comment
Share on other sites

Impressionante mesmo está onda de frio pegando quase todo USA, ficando fora somente a Flórida e a Costa Leste. Concerteza vamos ter alguns recordes de baixa temperatura

 

362057B9-97AA-46EC-8732-357EE4B32CEA.thumb.jpeg.314b03b033f35278f1fff73c04a2ccaa.jpeg


Temperaturas muito baixas:

Dallas TX -11C

Amarillo TX -18C

Oklahoma City -22C

Denver -22C

E2251A46-C3C1-4BD9-8DAF-65E5C47BCAE2.thumb.jpeg.183a6a07ffe1c7a605d94811b3b942d7.jpeg

Edited by Lourenco
  • Like 9
Link to comment
Share on other sites

00:30 do Texas, os aeroportos registram temperaturas muito baixas:

Amarillo: -18°C

Lubbock: -18°C.

Midland: -14°C

Dallas DFW: -12°C.

Austin: -11°C e neve.

San Antonio: -11°C e neve.

Waco: -11°C neve.

El Paso: -9°C.

Del Río: -8°C.

Corpus Christi: -4°C (quase na fronteira com México ao nível do mar). Chuva C.

Houston IAH: -4°C.

Laredo: -3°C.

 

  • Like 11
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Peguei alguns exemplos de PWS's no Texas para fazer uma média das temperaturas de momento em algumas cidades do estado. É absurdo e histórico o frio por lá.

 

Corpus Christi: entre -8°C e -9°C !!!

 

Houston: entre -8°C a -10°C em várias estações !!!

 

Dallas: de -13°C na maioria a até -15°C em algumas estações !

 

O que é isso, gente !!!! 

  • Like 14
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Fantástico o que está ocorrendo no Texas, um frio com neve em uma intensidade e abrangência que jamais teremos no Brasil, mesmo que estejamos em latitudes semelhantes no caso da região Sul.

 

Confesso que estou com inveja, gostaria muito de experimentar algo assim por aqui, ao menos uma vez. 

 

Mas não vou me deixar levar pela inveja, vou ficar apreciando os registros dos texanos por aqui em um agradável dia de verão, com previsão para não passar de 27⁰C nos próximos 5 dias, e mínimas podendo chegar a até 12⁰C 

  • Like 10
Link to comment
Share on other sites

Isso aguça a possibilidade de algo idêntico a 1955 ou 1975 ocorrer no Brasil, imagine algo assim no Mato Grosso, um frio de 3 C de cara com mais de 600 mil habitantes de Cuiabá, e mais de 200 mil de Várzea Grande, ante os pouco mais de 100 mil de 1975, cidades jovens como Primavera poderiam enfrentar o maior frio de suas vidas, já que tanto calor tem feito nos últimos anos, por que o contrário não pode acontecer? Lembremos que essas mesmas regiões dos EUA tiveram um inverno fraco ano passado.

Edited by Leandro Leite
  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

14 horas atrás, Juzinho disse:

Miami representa toda a esfera tupiniquim Brasileira em plena América , acho que o prefeito de lá deveria incentivar um grande plantio de bananeiras e jerivás por toda a cidade em homenagem a nossa querida Banânia hehe ...

 

Um OFF a título de curiosidade...

A ilha da Madeira, a 33° de latitude N, é (Exagerando um pouco :D) um verdadeiro bananal.

Brincadeiras a parte, lá a gente vê plantações da banana até na capital, Funchal.

  • Like 1
  • Haha 6
Link to comment
Share on other sites

Agora, Aldo Santos disse:

 

Um OFF a título de curiosidade...

A ilha da Madeira, a 33° de latitude N, é (Exagerando um pouco :D) um verdadeiro bananal.

Brincadeiras a parte, lá a gente vê plantações da banana até na capital, Funchal.

Funchal tem um clima bem ruim para a latitude que tem ... Lá dificilmente baixa dos 10 graus ...fica naquele eterno 14-18 graus por dias a fio no inverno  ... E o verão é quente por aquelas bandas ...

Triste fim !!! 

  • Like 5
Link to comment
Share on other sites

Um pitaco sobre esse evento nos States. Entendo quem não admita que se use o termo histórico para eventos que não batam ou não cheguem perto de bater recorde. Mas acho válido em algumas oportunidades, como para esse evento. Por um simples motivo, já falado acima: por ser um evento geracional, aquele que vai ficar marcado pra vida, aquele que muita gente nunca viu e talvez não veja de novo. Por exemplo Omaha, maior cidade do Nebraska, com mais de 400 mil habitantes. Nesse momento faz -24º no aeroporto Eppley Airfield, depois de no início do dia e no dia 09 já ter batido -26º. Fiz uma rápida busca e vi que essa é menor temperatura do século para fevereiro no aeroporto. Ou seja, em 20 anos. A média das mínimas em fevereiro por lá é de -13,6º, com mínima absoluta de -32º em 1884. Essa é uma cidade fria, estão acostumados com frio então talvez essa diferença de alguns graus a menos não devem está fazendo tanta diferença quanto em cidades menos acostumadas com eventos extremos de frio, como as várias já citadas aqui. Ou seja, acho um evento desse histórico sim.

  • Like 10
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.