Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Sign in to follow this  
Rodolfo Alves

Furacões no Atlântico Norte e Pacífico Leste/Central - 2016

Recommended Posts

Negócio vai cada vez mais ficando interessante no Atlântico...

 

GFS agora a tarde, bem como nas corridas anteriores, mantem a projeção de um intenso furacão sobre o Caribe na semana que vem, rumo ao Golfo do México.

 

Iermzwo.png

 

Porém o real trajeto deste sistema segue altamente divergente dentro modelo americano. Agora a tarde, os dois cenários mais prováveis dentro do Ensemble do modelo, são pelo Golfo do México (ideia do determinístico), ou pela costa leste dos EUA.

 

zcUtDHA.png

 

A grande novidade desta tarde, é que os demais modelos globais agora resolveram pegar este sistema com a mesma intensidade indicada pelo GFS. Europeu e Canadense são o grande exemplo disto.

 

fjwPSx8.png

Waopkkk.png

 

Até mesmo os modelos regionais brasileiros, no limite de suas grades, estão pegando este sistema passando sobre o Caribe.

 

O ETA indica um forte ciclone passando mais a norte das Pequenas Antilhas.

 

j98Ma2c.png

 

Enquanto o COSMO é bem mais agressivo, e mostra um sistema de 995hpas, provavelmente compatível com um Furacão já, bem ao sul do Mar do Caribe, próximo da costa da Venezuela.

 

wyEr43d.png

 

A Onda Tropical que poderá se transformar neste monstro, está agora ao sul de Cabo Verde, e tem 60% de chances de se desenvolver em Tempestade Tropical nos próximos 5 dias. Ainda não recebeu classificação de INVEST. Além disto, agora no Atlântico, temos atuando Lisa em alto-mar, e Karl que está se afastando das Bermudas, depois de trazer ventos de 67km/h para a ilha.

 

wAU4I0W.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Saídas do GFS de hoje:

 

00z

q3Rl32S.gif

 

06z

FXsIyji.gif

 

12z

q0Qi4I3.gif

 

18z

Ji9DQmK.gif

 

 

Preocupa bastante. Pela 18z passaria sobre a Jamaica e exatamente sobre Havana!

Share this post


Link to post
Share on other sites

A Onda Tropical finalmente ganhou designação de INVEST esta madrugada.

 

NHC agora aumentou para 80% a chance de desenvolvimento, e já menciona em seu aviso, para que áreas das Pequenas Antilhas e da costa da América do Sul (Venezuela) monitorem com atenção a evolução deste sistema.

 

sZn8kzM.png

 

O ETA do CPTEC voltou a intensificar novamente a baixa, a ponto de furacão, se deslocando muito próximo da costa da Venezuela para o final desta semana.

 

3jUi3eq.png

 

Dentre os modelos globais, a situação segue complexa.

 

GFS agora segue indicando um intenso furacão, indo em direção a Cuba, e posteriomente a Flórida daqui a 10 dias.

 

I38TcPR.png

 

A novidade é que a solução entrou em bom (muito bom até, devido a distância) acordo dentro do Ensemble, aonde a maioria dos membros segue indicando o caminho para em torno da Flórida (ou a oeste, ou a leste da península). Com isso, dá para afirmar que a solução do GFS tem boa confiança neste momento.

 

U0GuWSB.png

 

Porém o modelo Europeu mostra um outro cenário, e indica que o Ciclone faria landfall sobre o Haiti, e se deslocasse para norte em linha reta, passando longe dos EUA.

 

hg4diAH.png

 

Porém dentro do Ensemble do Europeu, dá para verificar que a solução tem [highlight=yellow]BAIXA CONFIANÇA[/highlight], pois há uma considerável parte dos membros indicando que a baixa seguiria pelo Caribe, em direção ao Golfo do México, ao invés de ir para norte.

 

ao235dL.gif

 

Dá pra ver claramente, o porque da divergência entre o ECMWF e o GFS. O primeiro mostra um cavado na costa leste dos EUA, em altitude. Este cavado iria capturar o ciclone na altura do Haiti, e assim, o levar para alto-mar. Já o GFS mostra este cavado mais adiantado, sobre o Atlântico Norte, o que abriria uma pista livre para levar o ciclone em direção a Flórida.

 

KqhFwzo.png

fnICqII.png

 

[highlight=yellow]Com base na análise dos dados de GFS e ECMWF, dá para dizer que a solução do modelo americano parece a mais confiável neste momento, porém longe de ser ainda o consenso![/highlight]

 

Vamos acompanhando, e aprendendo como sempre!

Share this post


Link to post
Share on other sites

As saídas de hoje do GFS foram "empurrando" o ciclone mais para leste, com ele agora atingindo o Haiti. O ECMWF, em sua última saída, também põe o furacão atingindo a ilha, mas mais a leste, na República Dominicana. Os demais modelos globais parecem também estar indo para este caminho. O furacão deve ser um perigo para Haiti e República Dominicana, portanto. Esta última, tem a capital (Santo Domingo) na parte sul da ilha, onde o furacão deve fazer landfall (a população da região metropolitana de Santo Domingo é de aproximadamente 3 milhões de pessoas!).

 

00z

H3Oa3WT.gif

 

06z

lwmxJrq.gif

 

12z

V5ClZgr.gif

 

18z

sNLRAso.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

GFS 12z coloca o olho do furacão passando exatamente sobre Santo Domingo, na República Dominicana (pop: 3 milhões!).

 

I5E0VeY.jpg

 

 

 

Segundo o GFS no Windity, os ventos sustentados seriam de quase 200km/h e as ondas na cidade passariam dos 10 metros!

 

h5hDddt.jpg

 

Fg8BY1J.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pelo amor de Deus, heim ? Tira esse bicho feio daí ! Tomara que esse furacão passe longe de centros populacionais !

Share this post


Link to post
Share on other sites
GFS 12z coloca o olho do furacão passando exatamente sobre Santo Domingo, na República Dominicana (pop: 3 milhões!).

Muita hora n'essa calma. Os modelos ainda estão uma baguncinha.

VPrl9CL.png

 

O GFS que deve manter essa rota em Hispaniola nas próximas rodadas.

kSJ2StO.png

 

Por enquanto Barbados, Santa Lúcia e São vicente e Granadinas estão mais certos de sofrerem os efeitos de uma tempestade tropical ou até d'um furacão no meio da semana.

 

E também não será aquele mostro todo, mas pode ser o primeiro grande furacão no Caribe desde Sandy em 2012

rjAUZUq.png

 

Tá se organizando bem, já tem pressão mímina de 1008 mb, rajadas de 64 km/h e o NHC dá 70% de chances de se formar nos próximos 2 dias. O boletim sera atualizado nas próximas horas e esse percentual deve subir ou até surpreender.

bZf30nY.png

pQ2imUY.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites
GFS 12z coloca o olho do furacão passando exatamente sobre Santo Domingo, na República Dominicana (pop: 3 milhões!).

Muita hora n'essa calma. Os modelos ainda estão uma baguncinha.

 

Neste momento, esse cenário ganhou muita força nas últimas 24 horas, dentro dos modelos.

 

Os Cálculos em Conjunto (Ensemble) do GFS e do ECMWF estão agora em acordo com os determínisticos.

 

Neste momento eu vejo com RAZOAVEL CONFIANÇA a previsão de impacto de um Furacão para a Ilha de Hispaniola (Rep. Dominicana e Haiti). Chama a atenção também a proximidade com que ele tende a passar da costa da Venezuela e da Colombia.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Enquanto GFS e ECMWF indicam uma guinada do ciclone em direção a Hispaniola, os modelos globais do CPTEC/INPE, seguem insistindo num deslocamento em direção aos EUA.

 

Tanto o BAM (novo modelo do Global do CPTEC), quanto o T126L28 (popularmente conhecido como "Global") indicam esse cenário.

 

Interessante para vermos a capacidade de nossos modelos, em prevê ciclones tropicais...

 

QbJfQBD.png

MJ9IGy2.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Voo de reconhecimento está previsto para terça.

Dada a organização atual, podemos ter a atualização para Matthew em breve.

 

14462785_1767260473547690_7836746437648795837_n.jpg?oh=010f0915b15b915caf1c0d816c02ea1a&oe=5880F499

Share this post


Link to post
Share on other sites

SANDY 2 - O RETORNO??

 

Depois de fazer landfall em Hispaniola, as saídas mais recentes do GFS agora começam a levar o provável Furacão em direção a Nova York daqui a 10 dias....

 

UPDATE: Voô de Reconhecimento está neste momento a caminho de 97-L. Se o Hurricane Hunters encontrar uma Circulação de baixo níveis, teremos no mínimo a depressão formada.

 

9TNizRQ.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

GFS X ECMWF

 

Enquanto o GFS segue em excelente acordo, para "Matthew" passar sobre o Haiti ou a República Dominicana, e em seguida ir para a costa leste dos EUA...

 

AKj0klt.gif

 

... O ECMWF ainda cria muitas dúvidas, e mantém o cenário de um deslocamento para a Flórida ou o Golfo do México em aberto ainda.

 

JJvCVND.gif

 

Cenário mais oeste, que ainda é insistido pelo Modelo Brazuca do CPTEC

 

IGaUTKH.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

... O ECMWF ainda cria muitas dúvidas, e mantém o cenário de um deslocamento para a Flórida ou o Golfo do México em aberto ainda.

 

Num eventual deslocamento para oeste em direção a Cuba e Golfo do México, o ciclone encontraria um verdadeiro caldeirão, aonde a SST está em torno de 30ºC, e o Calor Potencial para formação de Ciclone Tropicais está em níveis elevadíssimos.

 

Fatalmente esse cenário levará uma extraordinária intensificação de "Matthew". E é aí que mora perigo principalmente!

 

ZHOOgPH.png

9698HuF.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quantas dúvidas a respeito desse furacão !!!

 

O fato é que ele pode vir a ser bastante perigoso para uma vasta população. Estou acompanhando as postagens de vocês !

Share this post


Link to post
Share on other sites
Quantas dúvidas a respeito desse furacão !!!

 

O fato é que ele pode vir a ser bastante perigoso para uma vasta população. Estou acompanhando as postagens de vocês !

 

Por enquanto está assim:

 

r8EdDFW.gif

 

 

IHg5JSf.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

UPDATE 16H17:

 

Voo Reconhecimento segue em andamento, porém até o momento não conseguiu achar um Centro de Circulação Definido, e tão pouco ventos com força de tempestade tropical.

 

Se terminar assim, não teremos a evolução deste sistema em depressão ou tempestade tropical hoje ao menos.

 

YCkvhYu.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

UPDATE 17:38

 

NHC ACABA DE CONFIRMAR QUE NÃO HÁ UM CENTRO DE CIRCULAÇÃO DEFINIDO EM TORNO DE 97-L

 

"MATTHEW" NÃO DEVE SE FORMAR HOJE.

 

SPECIAL TROPICAL WEATHER OUTLOOK

NWS NATIONAL HURRICANE CENTER MIAMI FL

420 PM EDT TUE SEP 27 2016

 

For the North Atlantic...Caribbean Sea and the Gulf of Mexico:

 

Special Tropical Weather Outlook issued to discuss findings of

the reconnaissance aircraft mission.

 

[highlight=yellow]1. Updated: Reports from an Air Force Reserve reconnaissance aircraft

indicate that the tropical wave located about 300 miles east of

Barbados does not have a closed surface circulation. [/highlight] The system is

producing winds to near tropical storm force and the thunderstorm

activity continues to show signs of organization. Conditions

are expected to be favorable for development, and a [highlight=yellow]tropical

depression or tropical storm is likely to form tonight or Wednesday.[/highlight]

The system is moving westward to west-northwestward at 15 to 20

mph, and is expected to pass over the Windward Islands on

Wednesday morning, and move over the southeastern Caribbean Sea

late Wednesday and Thursday.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Rodada desta tarde dos modelos brasileiros, seguem levando o ciclone em direção ao oeste do Caribe. Solução que o ECMWF parece tender a seguir também, como já postado anteriormente.

 

A projeção é indicada tanto no ETA quanto o BAM, o que mostra que o Tupã segue convicto nesta idéia.

 

AOoPTsg.png

ygG78ky.png

 

Enquanto isso, junto com o GFS que segue crente que "Matthew" irá para Hispaniola, está o bem avaliado HWRF, que é rodado especialmente para Ciclones Tropicais.

 

Resumo da História: Previsão de trajeto totalmente indefinida por enquanto!

 

JNJvzVO.png

Qv8CPEK.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Somente no finalzinho do Voo de Reconhecimento, foi achado ventos entre 40-45kt, portanto compatíveis com força de Tempestade Tropical.

 

Porém como mencionado pelo NHC, falta somente um centro de circulação fechada, para 97-L ser decretada Tempestade Tropical Matthew, o que provavelmente ocorrerá amanhã.

 

Dados do Voo, indicam que a Baixa tem ventos em torno de 40kt (72km/h), com pressão mínima de 1006hpas, conforme ilustrado no gráfico.

 

sJgNrYC.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

GFS 18Z segue insistindo num landfall junto a Hispaniola, e novamente projeta trajeto IDÊNTICO ao de Sandy 2012, com landfall em Nova York

 

8pmS33i.gif

 

Ensemble do Europeu (linhas avermelhadas) deixa claro como o modelo diverge do americano, e concentra o landfall para Cuba e posteriormente Florida, ou ainda uma trajetória para o Golfo do México. Tendência esta, apontada primeiramente pelos modelos do CPTEC já há 2 dias.

 

Batalha dos Modelos segue agitada!

 

azQOjTU.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Rodolfo, esse sistema, SE CHEGAR MESMO A NY, vai vir como um ciclone tropical, subtropical ou um ciclone extratropical ?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Rodolfo, esse sistema, SE CHEGAR MESMO A NY, vai vir como um ciclone tropical, subtropical ou um ciclone extratropical ?

 

Se for como Sandy, será um Extratropical poderoso.

Share this post


Link to post
Share on other sites

UPDATE 08:04

 

Um novo Voo de Reconhecimento já está em andamento sobre 97-L. Se encontrar uma circulação definida, será elevada a Tempestade Tropical Matthew

 

CeQB5OB.png

 

Para acompanhar a passagem de 97-L:

 

Link dos Radar de Barbados: http://www.barbadosweather.org/barbados-weather-Radar-SABDriver.php

 

Link do Radar das Antilhas (Meteo-France): http://www.meteofrance.gp/previsions-meteo-antilles-guyane/animation/radar/antilles

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nas suas últimas rodadas, o GFS vem colocando Matthew fazendo landfall na Ilha de Cuba e depois na costa leste dos EUA.

 

3p5IKhg.png

 

 

NnGE6Xa.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
Por esses mapas, qual seria a categoria desse furacão ?

Análise dos meteorologistas do NHC colocam, por enquanto Matthew atingindo no máximo a categoria 2 no Caribe. Porém os modelos apontam uma boua intensificação n'esse pequeno espaço de mar entre a Jamaica e Cuba, que está fora da grade do boletim do NHC. Tá realmente parecendo muito com Sandy.

yi2DLS3.gif

 

Hoje eu aprendi com o NHC que as Pequenas Anntilhas são divididas em ilhas de Sotavento ao Norte e ilhas de Barlavento ao sul. Desconhecia essa informação. rs

Edited by Guest

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ainda assim, as autoridades precisam providenciar alerta máximo para a passagem desse sistema. Nenhum ciclone tropical deve ser subestimado !

Share this post


Link to post
Share on other sites

Matthew é furacão categoria 1

 

Com ventos sustentados de 120km/h e pressão mínima de 993hPa, o furacão Matthew está formado no Mar do Caribe e deve atingir a Ilha de Cuba nos próximos dias.

 

snP5lQO.gif

 

EV7mEre.gif

 

rZbvNYy.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pelas imagens de satélite parece ter uma hot tower próximo do centro do ciclone, o que normalmente indica que o ciclone pode ter um processo de intensificação mais rápida.

Matthew deve ser tornar um grande furacão dentro de 24 horas na minha opinião, visto a diminuição do cisalhamento e as temperaturas do mar no local estarem extremamente elevadas.

Já houve o registro de uma fatalidade nas Pequenas Antilhas.

 

UxmLDC2.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Matthew se fortaleceu para categoria 2.

Parede do olho está completa e um olho está começando aparecer nas imagens de satélite.

 

tyOAOMH.jpg

 

bHzXzlX.jpg

 

cXyjwdC.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cisalhamento segue diminuindo, era de 20 knots ontem, hoje está entre 15 - 10 kntos.

Matthew pode se tornar um grande furacão ainda hoje.

Pela imagem de radar, grande quantidade de raios no norte da parede do olho, sinal de intensificação.

 

CurPpicolor_450_Eng%201_zpsbtn77nym.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Será que chega a categoria 5 ? Cruzes, espero que não, pois afetaria Cuba de uma forma terrível.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Hot Tower próximo do centro do ciclone, na área onde está ocorrendo a grande concentração de raios.

 

O48MEkS.png

 

Será que chega a categoria 5 ? Cruzes, espero que não, pois afetaria Cuba de uma forma terrível.
Creio que fique no limite entre categoria 4/5 no pico de intensidade.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Voo de Reconhecimento sobre Matthew encontrou pressão de 965hpas agora pouco, e ventos de 95kt (171km/h).

 

[highlight=yellow]Com esses dados, é grande a chance de Matthew ser elevada a Categoria 3, no próximo aviso as 12h00.[/highlight]

 

E7J05t6.png

 

Ultima Animação de Satelite, com topos convectivos ganhando cada vez mais intensidade.

 

1TYw3x5.gif

 

Acredito que fique na Categoria 4 antes do landfall previsto em torno da Jamaica. Há grande consenso nos modelos para o caminho nesse momento. Após, passar por Cuba, parece pouco provável que venha a atingir os EUA.

 

8VvylrM.png

ZRajseW.png

 

Previsão Oficial do NHC (conservadora), dando Categoria 3. "Hurricane Watches" serão requiridos hoje a noite para Jamaica e talvez Haiti.

 

iAXpcS1.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não estou gostando disso. A Jamaica tem histórico de problemas com furacões, espero que estejam preparados para este choque.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Matthew já é um grande furacão de categoria 3, mantém ventos sustentados de 185 km/h e pressão mínima de 968 mb.

UspIj8u.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Caramba, muito próximo das costas da Venezuela e Colômbia. Quase pegando as famosas ilhas de Aruba e Curaçao!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Preocupadíssimo com os irmãos jamaicanos. Lá o sistema vai chegar como um Grande Furacão. Que Deus os protejam !

 

Caramba, muito próximo das costas da Venezuela e Colômbia. Quase pegando as famosas ilhas de Aruba e Curaçao!

 

Pergunto: Já tivemos furacões atingindo o litoral da Venezuela ? Os sistemas que se formam nas imediações da América do Sul SEMPRE rumam para o norte, ou existe a possibilidade de algum dia um furacão atingir em cheio esses países ?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Preocupadíssimo com os irmãos jamaicanos. Lá o sistema vai chegar como um Grande Furacão. Que Deus os protejam !

 

Caramba, muito próximo das costas da Venezuela e Colômbia. Quase pegando as famosas ilhas de Aruba e Curaçao!

 

Pergunto: Já tivemos furacões atingindo o litoral da Venezuela ? Os sistemas que se formam nas imediações da América do Sul SEMPRE rumam para o norte, ou existe a possibilidade de algum dia um furacão atingir em cheio esses países ?

Já houve landfalls na América do Sul, e se já houve, haverá novamente.

Tô pesquisando no site do NHC qual foi esse furacão que entrou entre Trinidad e Tobago e a Venezuela. E esses dois CAT2 que atingiram essa península no norte da Colômbia.

mvzSFDp.jpg

 

Sobre a Jamaica e Cuba, ambos se saíram bem no furacão Sandy que atravessou a mesma região que está sendo prevista pra Matthews, no caso de Cuba, com a mesma intensidade (lembrando que Sandy causou mais mortes nos EUA como ciclone extratropical). Cuba é sempre bem rigorosa e consegue evacuar as populações de áreas de risco em Santiago de Cuba, cidade que está na rota de Matthews segundo o NHC. A população não costuma ser resistente e seguem as orientações das autoridades. Tem diversos edifícios que comportam dezenas de milhares de pessoas, e até costuma sair sem vítimas fatais de furacões de CAT5, como foi o Ivan. As grandes tragédias em Cuba por furacões são já de tempos remotos, ela é tipo o Chile dos furacões.

Minha preocupação seria com o Haiti, milhares já morreram recentemente durante uma tempestade tropical (Jeannie 2003), lá as favelas são na beira da praia e devido ao terremoto, a população das favelas e de casas com baixa estrutura é bem maior do que em 2003.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Matthew já é categoria 4!

O furacão Matthew se intensifica rapidamente e já atinge a categoria 4 na Escala Saffir-Simpson com ventos sustentados de 220km/h e pressão mínima de 949hPa.

 

A0mhz1X.gif

 

 

000

WTNT34 KNHC 302049

TCPAT4

 

BULLETIN

HURRICANE MATTHEW ADVISORY NUMBER 11

NWS NATIONAL HURRICANE CENTER MIAMI FL AL142016

500 PM EDT FRI SEP 30 2016

 

[highlight=yellow]...MATTHEW RAPIDLY STRENGTHENS TO A POWERFUL CATEGORY 4 HURRICANE...

...HURRICANE WATCH ISSUED FOR JAMAICA...[/highlight]

 

 

B7vzIyw.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.
Sign in to follow this  

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.