Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Daniel Lisboa

Members
  • Posts

    836
  • Joined

  • Last visited

Posts posted by Daniel Lisboa

  1. 1 hora atrás, longobuccos disse:

    Faz muito tempo que não apareço por aqui.

    Como vou passar  uns dias em Campos do Jordão está semana, resolvi voltar ao velho MUNDO BASEANO.

    Meus amigos acho que será uma onda de frio como qualquer outra que já vimos no inverno.

    Toda essa comoção tem um pouco de alto promoção.

    Vamos aguardar.

    Em campos do Jordão vou postar fotos da possível geada!

    Abraço a todos;

    Alessandro Longobucco

    Acho que vc quis dizer "auto" promoção. E, neste caso, isso quer dizer que a PRÓPRIA MASSA POLAR está postando aqui! Que honra, quem diria 

    • Like 1
    • Thanks 1
    • Haha 19
  2. 48 minutos atrás, ifreitasrosa disse:

    Forte, mas nada de excepcional...cadê os -3°C ou mais dos modelos americano e canadense hein? Na hora flopa...

     

    image.thumb.png.9b8b45ee63edd61842ec782edff54de8.png

    Simepar é uma piada. Não é um instituto a altura do PR. 

     

    Obs. Pra não parecer que foi agressão gratuita: vejo os colegas paranaenses postando a previsão do Simepar aqui sempre em tom de reclamação porque mostram valores mais altos. Claramente o instituto tem uma tendência a subestimar o frio. 

    • Like 10
    • Thanks 1
  3. 12 minutos atrás, Allef Matos disse:

    O cavado que vai se propagar pelo RS na tarde/noite do dia 28 deve gerar instabilidade. O modelo WRF coloca áreas de instabilidade de intensidade moderada se formando em meio piscina fria.

     

    wrf5km_maxdbz_rs_00z_68.thumb.png.d62f67d00d2b53d37f3c93e61f0cadc2.png

     

    A temperatura em 925 hPa na hora dessas instabilidades.

     

    wrf5km_t925_00z_68.thumb.png.aff42f285ca3c615aa3cebf0bcde0a5a.png

     

    E em 850 hPa

     

    wrf5km_t850_00z_67.thumb.png.72dd9d2f24116ab02f1b72026d129807.png

     

     

    Isso realmente pode trazer uma boa neve e até com chance de acumulação nos Cerros do sul Gaúcho e nas Hortênsias. Além de neve e precipitação invernal até mesmo para pontos de menor altitude.

     O que me chamou mesmo a atenção nessas imagens é a temperatura em SP capital. 5°C em 850hpa às 15 hs, é isso mesmo?

     

     

     

    • Like 8
    • Thanks 1
  4. 13 minutos atrás, Matheus Vinicius disse:

    Não estou vendo nada de histórico aqui pra Curitiba, não sei porque

    os veículos de comunicações insistem em criar tanto alarde e sensacionalismo dias antes da definição correta da MP.

    Aí ficam aqueles comentários de pessoas normalmente acima dos 40 anos "Oh meu deus, deus ajude, emojis de tristeza" e etc...

    Mas pra Curitiba nada a reclamar, ainda sim creio que vai zerar por dois dias seguidos.

    Reclamar do frio é cringe? 

    • Like 4
    • Haha 13
  5. 9 minutos atrás, Matheus Vinicius disse:

    Que sequência bonita de mp, sinceramente, eu não estava esperando muito de 2021, ano cujo começou sem

    grandes surpresas. Entretanto, do final de junho para cá, as coisas ficaram mais interessantes.

    Bastante mínimas baixas, sub-10 quase todo dia, não tem um dia sequer que não se passe frio em casa no dia seguinte após a madrugada.

    Meu Deus o MATHEUS ESTÁ FELIZ 

    • Like 3
    • Haha 13
  6. 56 minutos atrás, atiliogobbo disse:

    A Climatempo insiste em dizer que tem uma frente fria prevista pra depois do dia 24, que vai causar chuva  no sul e sudeste, e trazer uma MP fortíssima, com queda brusca da temperatura no centro sul do país.

    Sinceramente não tô conseguindo ver essa frente fria, talvez os modelos ainda não estejam captando pela quantidade de dias que faltam para o evento.

    As rodadas anteriores já não mostravam nada nessa data, a 12z mostra menos ainda. De fato, queria saber que modelo a Climatempo usa. 

    • Like 10
  7. 12 minutos atrás, Matheus b Santos disse:

    image.thumb.png.606f9209bf44ee3a420169dd92fde44d.png

     

    TÁ pegando fogo bicho, ainda estamos começando a segunda quinzena de Julho mas o calor do Brasil Central já está escoando para as latitudes mais altas. Não tem jeito, a NOAA já disse não será a La Niña que segurará o GW, já tem temperaturas beirando os 34ºC no estado de SP, sendo que os extremos até no noroeste do estado são de 34/35, e ainda terá a última semana de julho que poderá reservar muito calor, já que tende a ser a semana mais quente do mês.

     

    Desde 2012 estamos tendo ondas de calor entre Agosto/Outubro, com severidade em 2019/2020, não tem quem me tira da cabeça que esse ano também não irá fugir...

    Calma, pode ter temperatura negativa semana que vem 

    • Like 8
  8. 2 horas atrás, Carlos Campos disse:

    Também achei muito bacana o texto do @Daniel Lisboa e me identifiquei obviamente com o personagem (ele próprio) em toda a descrição onde há o entrelaçamento de situações e eventos do histórico cotidiano pessoal e eventos climáticos importantes.

    Da mesma forma q ele transcreveu situações em q algo importante ficou para "segundo plano" ante aos acontecimentos climáticos relevantes, também aconteceu e acontece comigo.

    Não há palavras adequadas para elogiar tão belo texto. Eu já deveria ter comentado antes mas fui deixando pra depois e faço isso agora.

    Parabéns, Daniel. 

    É um caminho lindo, mas ao mesmo tempo é uma espécie de maldição essa q carregamos junto no percurso da nossa vida..Isso vale para a maioria aki.

    Abraço

    Muito obrigado, @Lucas Centurione @Carlos Campos

    • Like 7
    • Thanks 3
  9. 7 minutos atrás, Renan disse:

     

    Daniel....muito obrigado por isso, cheguei a emocionar porque me lembrei de muitas coisas da minha infância e adolescência em relação a essa fascinação pelos eventos de frio no Brasil. O evento que te marcou foi o fatídico de 1994, o qual sabemos que foi extremamente histórico aqui na região Sudeste. Incrível imaginar que, essa MP que passou agora, ainda não pode ser comparada ao poder da grandiosa de 1994. 

     

    Eu me lembro com muita alegria: eu, com meus 14 anos no ano 2000, pendurando termômetro de mercúrio na varanda para medir a temperatura naquela MP de Julho 2000. Foi nesse evento que comecei a adorar os eventos de MP. 

     

    Esse seu texto, muito bem escrito e cheio de emoção nas palavras, melhorou o meu dia. Um abraço.

    Poxa, @Renan, obrigado pelos palavras. Se tem um lugar que eu sei que entenderiam o sentimento expressado nesse texto é o BAZ. 

    • Like 11
    • Thanks 3
  10. 1 minuto atrás, Bruno D disse:

    Simmm. Tinha apostado numa mínima de 6°C no Mirante, na madrugada mais fria... E já suspeitava que ela seria a do dia 30/06 mesmo, porque os modelos já apostava nas MMs para essa madrugada de 01/07.

     

    MP absolutamente perfeita, principalmente por ser altamente democrática, talvez umas das mais amplas neste século. Se fosse mudar alguma coisa, só mudaria o timing da entrada do grosso do frio aqui na RMSP, e um pouquinho lá no Sul tbm, pela Nevada de Rabeira de Frente... Se a MP tivesse chegado umas horinhas antes por aqui, a máxima do dia 29/06 seria ainda mais baixa, e a mínima do dia 30/06 também mais baixa... Lembrando que a queda acentuada da temperatura começou apenas após às 1-2 horas da madrugada do último dia de Junho. Se tivesse um timing um pouquinho mais antecipado, acho que o Mirante poderia ir a Sub 5°C. O Grosso da advecção se deu entre as 3h da manhã até umas 14h da tarde, aqui na Cidade de São Paulo, com uns 3°C em 850°hpa com Céu Limpo.

    Ué. Qual foi a mínima no Mirante de Santana nesta madrugada? Já saiu?

    • Like 6
    • Thanks 3
  11. Vou lançar o desafio: anos com fortes MPs tardias (1984, 1987, 1993, 1999, 2006) sinalizam que o inverno do ano seguinte será frio. 

     

    Já anos com MPs fortes "na hora certa" (junho e julho) raramente ficam só em uma MP: sempre vem mais uma ou duas fortes (não necessariamente MAIS fortes, mas boas). Exemplos: 1985, 1988, 1990, 1994, 1996, 2000, 2007, 2011, 2013, 2016. 

     

    Faz sentido? Sei lá. Mas já perceberam onde 2021 se encaixa, né? 

    • Like 13
    • Thanks 6
  12. 45 minutos atrás, ricardosilva disse:

     

    Me preocupa a situação em São Paulo. Há um pouco de vento, o que pode indicar advecção, mas as temperaturas nem de longe estão como deveria ser para uma previsão de 5° a 7° amanhã de manhã. No CGE Sé ainda faz 11,8° e as demais estações (exceto as de periferia) não estão muito diferentes disso. E o pior o céu está nublado. Não me espantaria não termos uma sub-10 no Mirante amanhã.

    Então, eu tava quietinho aqui porque odeio ser o corta-barato, mas vou desabafar... Até aqui, essa MP tá levando um baile até da MP de agosto passado, quanto tínhamos 8 graus às 17hs. Ou essa MP está mais lenta ou...Vai flopar (ao menos em relação ao que se esperava) 

    • Like 6
    • Haha 1
    • Sad 1
  13. 17 minutos atrás, Paulo Henrique disse:

    Alguém falou em 1993...eis um cenário parecido...naquela oportunidade, pancadas de neve dias 31 de julho e 1° de agosto por aqui...

    Confesso estar emocionado aqui com vcs lembrando de 1993. Foi a primeira grande MP da qual tenho memória, a primeira vez na qual pensei CARAL..É POSSÍVEL FAZER ESSE FRIO EM SP?? 

    • Like 8
    • Thanks 3
  14. 2 horas atrás, Maicon disse:

     

    Recomendo consultar TWC, accuweather, ou aplicativos mesmo de celular, que, apesar de estrangeiros, dão uma lavada em alguns institutos brasileiros.

     

    Na última frente fria Climatempo mesmo colocava máximas de 27, 28, 30 graus. Numa sequência de 2 SEMANAS, que regustrou valores de 24, 25.

    Meteoblue acertava com precisão.

     

    Accuweather tbm têm uma boa precisão nos 5 dias anteriores.

     

    Realmente, nem consulto mais alguns sites. Hoje vejo previsões do meteoblue, TWC (considero boa a projeção da temperatura pra grandes centros - para pequenos municípios, que não sofrem tanto com ilhas de calor, acho que ele deixa um pouco a desejar, mas no geral acho bom), e nas proximidades do evento gosto do accuweather, que nitidamente segue o modelo GFS. Tempo.com também acho bom, tendo em vista que traz o modelo Europeu, mais estável.

    Eu tenho uma enorme dificuldade em seguir qualquer outro instituto além do Tempo.com. Porque absolutamente todos que seguem o GFS estão muito, mas muito fora da casinha para SP. 

     

    O Tempo.com às vezes exagera no frio. Mas os outros institutos sempre menosprezam o frio pra cá, e muito. Accuweather, por exemplo, dando máxima de 19 pra SP na quarta! 19 foi o que fez semana passada, com arzinho polar mequetrefe. 

    • Like 8
    • Thanks 1
    • Haha 5
    • Confused 1
  15. 1 minuto atrás, marcio valverde disse:

    Parece bem condizente com a média do que vem sendo previsto para cá. O único dos que tenho visto que aponta algo mais radical é o Tempo.com com cinco dias seguidos de mínimas de um dígito. Os demais apontam para algo bem mais "corriqueiro", tipo o The Weather Channel, que reproduzo abaixo. Vai ter um dia de destaque com máxima sub 20 e talvez alguma geadas nas baixadas. Se vier algo além disso será lucro.

    image.thumb.png.6f3df4c5464639bfc50341e6e01ba304.png

    Depende muito da cultura de cada órgão e da estrutura também mas já trabalhei em órgão com quase nenhuma estrutura que, pela cultura organizacional e comprometimento dos servidores entregava muito mais do que era de se esperar e também em outros lugares que, apesar da abundância de recursos, não entregavam nada de decente porque não tinham uma cultura de trabalho; de cuidado com os recursos postos à disposição; de responsabilidade mesmo com a razão de existir da organização (é aquilo que se chama de espírito de dono, pelo qual o servidor/funcionário cuida daquilo como se fosse seu)etc. Não conheço a realidade do INMET mas só o fato de haverem multiplas redes de monitoramento no país já é algo que para mim é descabido dada a limitação dos recursos públicos. Passou da hora de ter uma rede eficiente que a um tempo fosse capaz de fornecer os dados necessários à defesa civil, forças armadas, tráfego áereo, agropecuária e, claro, à meteorologia comercial e acadêmica. Custa essa gente se sentar junta para bolar algo assim e, de quebra, economizar um pouco do suado dinheiro do contribuinte?! Pronto, acordei.

    Mas tenho quase certeza que o WC se baseia no GFS. Pode ser que o modelo acerte desta vez, mas tenho notado uma tendência dele a potencializar demais a massa seca e quente do centro do país. Isso aconteceu em outras MPs neste ano, e agora nesta MP ele foi o último a dar o braço a torcer e mostrar que ela avançaria mais. Tá aí algo a ser observado. 

    • Like 13
×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.