Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Aldo Santos

Advisors
  • Posts

    7123
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    6

Everything posted by Aldo Santos

  1. E as chuvas pararam entre 9 e 10 h da manhã na cidade de São Paulo. De lá até agora, tivemos céu nublado com algumas clareadas nas nuvens, alguns momentos de mormaço e algum chuvisco/chuva leve isolados. Vamos aguardar as próximas horas... Mirante (Aut): 18,1°C / 23,5°C Interlagos: 18,2°C / 25,1°C IAG: 18,2°C / 25,0°C
  2. E o tempo também mudou na cidade de São Paulo. As chuvas chegaram entre o final da noite de ontem e a madrugada de hoje. Amanhecemos com chuva. Depois, o tempo ficou nublado até o início da tarde, com algum mormaço e rápidas aberturas de um sol fraco, ainda com algum abafamento. Foi neste período que se registraram as temperaturas máximas de hoje. A tarde vem sendo de chuva intermitente (O "famoso" chove-pára-chove-pára...) com momentos de chuva forte. Os volumes variam bastante pela cidade. Nas últimas 24 horas, os acumulados nas estações do CGE vão de 12 até 69 mm, até o momento. Mesmo agora à tarde, ainda ocorreram rápidas aberturas de sol nas paradas da chuva. Acumulados deste janeiro até as 5 horas da tarde de hoje nas estações oficiais, Mirante (Aut): 301,6 mm (Média 1991-2020: 292,1 mm) Interlagos: 210,6 mm Hoje, Mirante (Aut): 19,6°C / 26,3°C (Ontem: 31,0°C) Interlagos: 18,8°C / 24,9°C (Ontem: 33,8°C) IAG: 19,3°C / 26,5°C (Ontem: 31,9°C) Depois de semanas, vamos tendo um final de tarde chuvoso e agradável, com ventos frescos. Às 17 h, as temperaturas variavam de 21,3° até 21,8°C nas 3 estações oficiais.
  3. Somando os 25,4 mm da tarde de hoje (Que na verdade serão contabilizados para amanhã), o Mirante atinge 255,6 mm neste mês. Interlagos não registrou chuva hoje à tarde e se manteve nos 193,2 mm. Interessante que a coisa anda tão ruim por aqui em termos de calor que, mesmo com toda essa chuva, o Mirante não baixou de 20°C (21,2°C), o que não é comum. O normal seria cair pelo menos para 18/19°C na hora da chuva. Como disse o Juzinho, hoje foi o "enésimo" dia quente e abafado aqui em Sampa. Com todo mundo que encontro, o papo é um só: reclamação do calor. Hoje ainda tivemos bastante sol mas, diferentemente dos últimos dias, os cumulus começaram a se formar ainda no final da manhã. Os ventos continentais, de NO a N, estiveram presentes durante toda a tarde, principalmente, com rajadas de até 41 km/h na automática do Mirante. Mirante: 21,2°C / 31,6°C Interlagos: 21,0°C / 33,0°C
  4. Realmente, estamos na média. O problema é que embora não tenhamos nenhuma máxima excepcional até agora, tem feito bastante calor nos últimos 7/8 dias. Compensando a anomalia negativa da primeira metade do mês, estamos tendo dias bem acima da média, quentes e abafados. Além disso, hoje foi o 4º dia seguido em que não houve nem sinal de chuva, com muito sol e poucas nuvens na maior parte do tempo. O Mirante está assim até hoje (Automática, anomalias em relação à 1991-2020): Média das mínimas: 19,3°C (-0,1°C) Média das máximas: 28,8°C (+0,3°C) A convencional não está tendo leituras nos fins de semana. O observadora mais antiga se aposentou e, pelo visto, não há substituto(a). Só que os últimos dias foram assim no Mirante: 18/01 => 19,3°C / 33,4°C 19/01 => 18,5°C / 33,7°C 20/01 => 18,6°C / 33,0°C 21/01 => 19,7°C / 31,6°C 22/01 => 19,3°C / 33,7°C 23/01 => 21,6°C / 33,8°C 24/01 => 22,2°C / 32,9°C A média máxima dos últimos 7 dias está em 33,2°C Não é à toa que tenho ouvido meio mundo reclamar do calor aqui em Sampa. E, pelas previsões de momento, não deve mudar muito nos próximos dias. É provável que este janeiro ainda termine com boa anomalia positiva, principalmente nas máximas. Vamos acompanhando...
  5. Realmente, o tempo deu uma secada nestes últimos 2 dias na cidade de São Paulo. Ontem e hoje foram dias de muito sol e poucas nuvens na maior parte do tempo, sem o menor sinal de chuva. Na estação INMET-Interlagos, na zona sul, predominaram os ventos marítimos. Na estação do Mirante, na zona norte, houve períodos de ventos continentais, E isso se refletiu nas temperaturas máximas. O IAG, que fica numa posição intermediária, ficou mais ou menos no meio-termo entre as 2 estações do INMET. Mirante (Aut): 19,3°C / 33,7°C (Ontem: 19,7°C / 31,6°C) Interlagos: 18,5°C / 30,9°C (Ontem: 19,6°C / 28,5°C) IAG: 16,8°C / 32,8°C (Ontem: 18,3°C / 31,1°C) E, pelas previsões de momento, o calor deve perdurar pelo menos até o começo da próxima semana, com poucas possibilidades de chuva.
  6. O trecho citado acima, relativo a ontem, é totalmente válido para hoje. As chuvas da tarde, como de hábito, foram irregulares. Houve estações do CGE onde nem sequer choveu, principalmente em partes da zona sul, enquanto que na Lapa (Zona oeste) o acumulado até o momento está em 63,4 mm. Hoje à tarde nas oficiais até 19 h, Mirante: 21,4 mm Interlagos: 0,0 mm Mirante (Aut): 18,6°C / 33,0°C (Mínima registrada na hora da chuva) Interlagos: 18,4°C / 31,9°C IAG: 17,5°C / 33,2°C As previsões de momento não indicam mudanças até o próximo fim-de-semana. Se não vier nenhum refresco, as anomalias negativas já deverão estar zeradas lá pela metade da próxima semana.
  7. Descrição exata do verão no litoral paulista. Morei 6 anos em Santos e experimentei várias vezes esse martírio. Lá, temperaturas acima de 38°C não ocorrem com frequência mas o ponto de orvalho alto (Simplificando, umidade alta) e as noites quentes... acabam com o ânimo de qualquer um.
  8. Mais um dia de muito calor na cidade de São Paulo. Muito sol e poucas nuvens até o começo da tarde. Quase todo mundo que encontrei hoje reclamou do calor. E a umidade mínima chegou a 28/30% tanto no Mirante como em Interlagos. O IAG teve 37% na menor leitura horária. Só que hoje a mudança foi mais rápida e as chuvas vieram um pouco mais cedo. Como de hábito em chuvas de verão, os acumulados foram irregulares. Nas estações do CGE, a variação foi de menos de 5 até 59,8 mm em Perus, extremo NO da cidade. Nas oficiais, agora à tarde, Mirante: 32,2 mm Interlagos: 0,2 mm Os números mostram a irregularidade espacial. Com a chuva, em menos de 2 horas a temperatura despencou da máxima de 33,7°C para 18,5°C no Mirante. Houve uma rajada de vento de 58 km/h. Mirante (Aut): 18,5°C / 33,7°C Interlagos: 18,4°C / 33,4°C IAG: 18,0°C / 33,8°C
  9. Como já foi comentado aqui, a impressão que dá é que a massa de ar quente do Brasil Central está se expandindo lentamente ano após ano na primavera. Por outro lado, a cidade de São Paulo aqueceu o ano inteiro, não foi só na primavera. Todos os meses aqueceram. Uns mais e outros menos... mas todos tiveram elevação significativa da temperatura. ------------------- Como comentado pelo Renan e outros colegas, a anomalia negativa deste mês de janeiro está indo para o beleléu em Sampa também. O que, honestamente (E infelizmente), não está me surpreendendo. Hoje fez muito calor na capital paulista, com ventos continentais principalmente durante a tarde. Com certeza, foi o dia com a maior insolação neste 2022 até agora. Já no finalzinho da tarde, houve pancadas de chuva e trovoadas que atingiram principalmente as zonas oeste e norte, com acumulados de até 43,5 mm na estação CGE-Freguesia do Ó, na z. norte. Ainda continua chovendo em alguns pontos da z. norte. Mas em vários locais das zonas sul e leste sequer choveu até agora. Hoje, Mirante (Aut): 21,0°C / 33,4°C (Certamente desceu até os 19,x°C na hora da chuva, como as estações do CGE próximas, mas ainda não atualizou) Interlagos: 20,0°C / 33,6°C IAG: 19,2°C / 33,8°C
  10. Os últimos dias têm sido um pouco parecidos na cidade de São Paulo: noite/madrugada nubladas, manhã de sol com variação de nuvens e calor abafado, chuvas e trovoadas à tarde. Ainda chove em alguns pontos. A chuva foi, como tem acontecido, bastante irregular na cidade. Nas estações do CGE, os acumulados variaram de menos de 5 até 63 mm. Os maiores totais ocorreram na zona leste. Nas estações oficiais, agora à tarde até 19 h, Mirante: 12,8 mm Interlagos: 22,4 mm Calor, Mirante (Aut): 18,8°C / 29,8°C (Mínima durante a chuva agora no final de tarde) Interlagos: 19,1°C / 31,4°C IAG: 18,2°C / 32,0°C
  11. É sempre bom ter cautela com temperaturas de aeroportos, principalmente aqueles do interior. Não sei como estão agora... mas aeros como o de Carolina-MA e o de Macaé-RJ, por exemplo, chegavam a registrar até 5°C acima da estação do INMET na cidade. Já vi comentários de que esse de Bagé também não seria muito confiável... ----------------------- Após vários dias nublados, nublados com algumas ou várias aberturas de sol... ou então de sol com variação de nuvens, hoje a cidade de São Paulo teve manhã com bastante sol e poucas nuvens... depois de muito tempo. No início da tarde, o tempo fechou com pancadas de chuva. O maior acumulado em estações do CGE até o momento é de 11,5 mm. O Mirante "trintou" pela 1ª vez neste 2022. Interlagos e IAG já haviam chegado nos 30°C no dia 2 (Interlagos) e nos dias 2 e 3 (IAG). Tanto o Mirante como Interlagos tiveram chuva em 12 dos 13 dias deste janeiro até hoje. O Mirante (Aut) acumula 120,0 mm até 9 h da manhã de hoje, sendo que o maior total em 24 h foi 21,6 mm contabilizados para o dia 1º. A média 1991-2020 para janeiro no Mirante é 292,1 mm, mês mais chuvoso do ano. Interlagos soma 160,6 mm, sendo o maior total em 24 h de 50,4 mm também no dia 1º. Hoje, Mirante (Aut): 19,6°C / 30,1°C Interlagos: 19,6°C / 27,2°C IAG: 19,4°C / 28,6°C O friozinho durou pouco... Embora as noites ainda continuem agradáveis para dormir.
  12. Pairam sérias dúvidas sobre esses 44,7°C de Bom Jesus do Piauí. As estações mais "próximas" (A densidade de estações no Piauí era baixa na época) não chegaram nem perto. E mesmo nas ondas de calor posteriores da última década, em que houve lugares do estado batendo nos 42,x°C, Bom Jesus não registrou valores de grande destaque, se não me engano nem chegando nos 40°C. A estação automática de Nova Maringá-MS ficou um bom tempo com problemas e até fora de operação.
  13. A cidade de São Paulo teve várias secas no passado. O posto pluviométrico da Jardim da Luz, centro da cidade de São Paulo, que tem dados desde 1887, registrou apenas 899,1 mm no longínquo ano de 1893. Nos anos de 1923/1924 houve outra grande seca em Sampa. Relatos da época dizem que o rio Tietê (Que ainda não era retificado) baixou a 1/4 da vazão normal. As pessoas podiam atravessá-lo de uma margem a outra com água nos joelhos em alguns trechos. 1933 foi outro ano seco. O IAG somou apenas 849,8 mm em todo aquele ano. O Jardim da Luz somou 844,2 mm. Interessante que 4 anos antes, em fevereiro de 1929, ocorreu a maior enchente de que se tem registro na cidade de São Paulo. E que ficou conhecida como a grande cheia de 1929. Aliás, enchentes não são coisa recente em Sampa. Além das inundações normais, que já ocorriam todos os anos desde aquela época, existem registros de grandes enchentes em 1906, 1919... A diferença é que a cidade era muito menor e não havia tanta ocupação indiscriminada de várzeas e áreas de risco. Registros do IAG mostram que o volume de chuva vem aumentando (Como ocorre também no Mirante). Mas o número de dias de chuva vem diminuindo. Isto é, tem chovido mais em menos dias. Ou seja, estamos tendo cada vez mais chuvas curtas e intensas e cada vez menos aquelas chuvas fracas a moderadas porém prolongadas.
  14. Em Manaus, o nível das cheias do rio Negro é medido desde 1902. Das 11 maiores cheias já registradas, 7 ocorreram a partir de 2009.
  15. Até hoje, o Mirante está assim neste janeiro, em relação à 1991-2020: Média das mínimas: 19,4°C (0,0°C) Média das máximas: 26,6°C (-1,9°C) Tivemos alguns dias quentes (E abafados) neste janeiro, embora normais para a época (Dias e máximas no Mirante): 02 => 29,0°C 03 => 29,3°C 04 => 29,0°C
  16. Aqui na cidade de São Paulo, mais um dia ameno. Depois de algumas chuvas de intensidade variável conforme a região, na madrugada e início da manhã, Sampa teve um dia de céu encoberto com alguma garoa de vez em quando. Os ventos marítimos continuaram persistentes o dia todo, com rajadas de até 36/37 km/h no Mirante e em Interlagos. As temperaturas mínimas deverão ser renovadas agora à noite. Mirante: 18,1°C / 21,8°C Interlagos: 17,6°C /20,5°C (Mínima registrada agora à tarde) IAG: 18,0°C / 21,9°C
  17. Hoje, a cidade de São Paulo teve um dia ameno, alternando entre céu nublado, episódios de garoa e pequenas aberturas de sol. Os ventos marítimos, da massa polar centrada ao largo do litoral do Uruguai, estiveram presentes o tempo todo, com rajadas de até 30 km/h no Mirante e 33 km/h em Interlagos. Mirante:18,3°C / 22,8°C Interlagos: 18,0°C / 21,1°C IAG: 18,1°C / 23,0°C
  18. Os últimos 3 dias (Incluindo hoje) foram muito parecidos em Sampa. A descrição acima (Do último domingo) valeu para ontem e para hoje. Inclusive as temperaturas têm estado bem próximas. Hoje, mais uma vez choveu com trovoadas no início da tarde, devido a áreas de instabilidades vindas do interior. Como tem acontecido nos últimos dias, os acumulados foram irregulares na cidade, variando de 6 até 24,2 mm nas estações do CGE. Os totais nestes 4 primeiros dias de janeiro estão assim até agora à tarde nas estações do INMET na cidade: Mirante (Aut): 62,6 mm (Na verdade, deste total, 15,0 mm registrados hoje à tarde serão contabilizados para amanhã) Interlagos: 64,6 mm (Idem com 12,8 mm da tarde de hoje) O restante da tarde, após as chuvas, foi de céu nublado e mais agradável. Bem diferente do calor abafado da manhã. A permanência de nuvens durante a noite/madrugada tem dificultado a queda nas temperaturas. Como resultado, as mínimas permanecem altas. Até o IAG tem tido mínimas em torno dos 20°C, o que é muito pouco comum por lá. Mirante (Aut): 20,0°C / 29,0°C Interlagos: 20,5°C / 28,8°C IAG: 19,9°C / 29,5°C
  19. É que na maior parte do Nordeste, do Sudeste e no Centro-Oeste, toda a natureza já está adaptada a vários meses de seca. Aqui na cidade de São Paulo mesmo, entre junho e setembro é normal a grama de praças, jardins, etc, ficar totalmente marrom e seca, parecendo morta. Mas... bastam algumas chuvas para em poucos dias os gramados estarem todos verdinhos de novo. Por outro lado, no sul um período de 15 dias seguidos sem chuva já coisa é fora do normal. ---------------------- Durante a manhã e até o começo da tarde, Sampa variou entre bons períodos de sol (Sempre com quantidade variável de nuvens) e céu nublado. Fez calor, com o característico abafamento do verão. À tarde, as famosas pancadas de chuva ocorreram na maior parte da cidade, com intensidade variável. Aqui, na zona norte, onde choveu, os acumulados foram inferiores a 5 mm. Mas choveu bem em algumas áreas da zona oeste: CGE-Butantã: 46,4 mm CGE-Pinheiros: 27,8 mm No extremo sul: CGE-Barragem (Parelheiros): 27,8 mm A estação CGE-Sé, que fica no bairro da Consolação, próximo do centro, somou 35,0 mm. Mirante (Aut): 19,6°C / 29,0°C Interlagos: 19,7°C / 30,2°C IAG: 19,0°C / 30,5°C
  20. Na capital paulista, as médias compensadas ficaram assim neste mês de dezembro (Anomalias em relação à média 1991-2020): Mirante: 21,5°C (-1,2°C) Interlagos: 20,4°C IAG: 20,5°C (-1,4°C) Já as médias compensadas anuais estão listadas abaixo. No IAG não foi possível calcular porque faltaram muitos dados do mês de janeiro, inviabilizando o cálculo da média daquele mês. Mirante: 20,2°C (-0,2°C) Interlagos: 19,1°C Interessante notar que este dezembro abaixo da média seria um mês normal na 1961-1990. No Mirante, a anomalia seria de +0,4°C naquele período.
  21. Anos menos chuvosos no Mirante desde 1961 até 2020: 1963: 894,9 mm 2003: 1.092,4 mm 1968: 1.125,0 mm 1984: 1.166,2 mm 2018: 1.178,0 mm 1985: 1.197,0 mm
×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.