Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

All Activity

This stream auto-updates     

  1. Past hour
  2. Eu não consigo nem imaginar 37°C na rua sem sol.
  3. Today
  4. Nani, quando a esmola é demais.... Por isso, precisamos esperar um pouco pra ver se esse cenário se mantém nas próximas rodadas ou se vira uma MP comum, gerando ainda mais frustração. Estou com as barbas de molho...
  5. Quanto às continentais, tenho que concordar com você, é um parto para a temperatura cair na região central. Consegue ter sub 10°C às vezes, mas a dificuldade é enorme. Florestal e Sete Lagoas que se destacam nestes eventos.
  6. Boa noite a todos! Gostei das notícias postadas acima por alguns daqui do grupo falando sobre fim do bloqueio atmosférico, mudança do padrão de circulação, oscilação do Atlântico e etc. Tudo isso sinalizando para um inverno mais próximo da normalidade que outono. Alguém pode nos dar elementos mais concretos sobre isso? Não vi nos modelos (até 10 - 15 dias) nada muito significativo sinalizando esta mudança. Inclusive parece que a bomba polar do GFS ficaria bloqueada no Sul. Comentários bem-vindos. Que venha o frio, amigos! Aqui no Centro de Juiz de Fora neste momento (22 h) , céu claro, 17 graus. Hoje tivemos mínima de 15 C e máxima de 24 C. O destaque aqui em junho tem sido as temperaturas vespertinas amenas, o que é normal para esta época do ano - desde o início do mês tivemos apenas 5 dias com máximas de 25 C ou mais. Os outros 11 dias tiveram máximas de 24 C ou menos, como foi o caso de hoje. Mas vale o registro - o calorão da tarde de algumas regiões mais ao sul do Brasil não chegou aqui...
  7. Brinquei um pouco porque Belo Horizonte dificilmente registra mínimas abaixo dos 10 graus na área central numa massa polar continental já que estas chegam até a cidade suavizada. Poucos eventos de frio em que o centro da alta fica sobre o continente que conseguem resfriar bastante a capital mineira, a última vez foi ano passado em maio.
  8. Na fazenda em Varginha, variação de 11•C - 24•C. Agora faz 15•C.
  9. Rafael, na automática de Salinas/Friburgo, registrou 6,9ºC.
  10. João Ignácio, seria uma tarde com um frio democrático,abrangendo todo Sul, metade do Sudeste, grande área do Centro-oeste,todo Acre e o Sudoeste do Amazonas. Já vi várias projeções do GFS quanto ao frio, mas essa imagem da rodada de 6Z de hoje é a melhor que me lembro em 6 anos de BaZ.
  11. Algo que esqueci de relatar: ventou muito durante toda a madrugada e de manha. A velocidade sustentada chegou a estar entre 35 e 40 km/h e as rajadas chegaram a 63 km/h no Aeroparque e a 70 km/h em Ezeiza. Agora a sudestada terminou e o vento amanha sopra de norte. A partir de terca, vira para oeste e passa a soprar forte novamente, levando a umidade embora e trazendo dias mais frios.
  12. BH tem o clima agradável boa parte do ano. Poucas mínimas e máximas boas na área urbanizada, ou seja, na cidade onde vivem a maioria absoluta da pop. Agora, minha querida Beaga é mais quente que eu imaginei nos meses quentes. Boa parte da pop da região metropolitana ( praticamente 6 milhões de hab) vivem abaixo dos 950m onde se sente calor mesmo. O cenário muda nos bairros acima de 1200m. Se bem que achei Mangabeiras(1100m) fresco também. Sentir frio, é complicado. Encontra essa sensação acima de 1300m com facilidade, em Nova Lima.
  13. Moisés Alexandre, senti falta de suas projeções de frio, neve, negativas. Como o quadro para mudanças no padrão do tempo se aproxima, você deu as caras e outros vão voltar a postar no Baz.
  14. Tórrida BH pegou pesado hein? Aqui não é muito frio mas nossa média de máximas no inverno gira em torno dos 25°C e todo ano tem sub 10°C aqui. Goiânia é que registra 30°C com certa facilidade. Nesse cenário, a mínima seria 7°C ou até menos na estação do Inmet em BH e as demais estações também iriam surpreender, com alto risco do baixadão de Florestal bater valores próximos de 1°C, como aconteceu lá em 2016. Mas enquanto não acontecer eu não acredito e nem deposito esperanças.
  15. Boa noite! Hoje o dia foi nublado em Buenos Aires, com chuva quase que o tempo todo: do comeco da madrugada até o comeco da noite. A intensidade, na maior parte do tempo, foi fraca, mas tivemos várias pancadas moderadas, algumas fortes, inclusive com raios e trovoes, e outros períodos com apenas garoa. Depois dos 37,5 mm de ontem, hoje choveu mais 44,5 mm, totalizando mais de 80 mm em dois dias. A mínima foi de 13,9°C e a máxima foi de 17,4°C. Faz UMA SEMANA que nao temos nem um raio de sol na capital argentina, o último foi no fim da tarde do domingo passado. Agora temos céu nublado e um pouco mais de neblina, com visilibilidade restrita a 8 km. Faz 16,9°C, com URA de 98%, vento leste a 6 km/h e pressao de 1.018,1 hpa. Amanha vai ser outro dia nublado e vai chover bastante, inclusive com risco de temporais, principalmente à tarde e à noite. Mínima de 14°C e máxima de 19°C. O sol nasce às 7h59 e se poe às 17h49.
  16. Últimos dados trazem mudanças no padrão do tempo para centro sul brasileiro, bem observado, até aqui este inverno climático características outonal em boa parte do centro sul de altitude e final de verão nas demais regiões. Porém as rodadas começaram a mostrar uma mudança a partir desta semana, com a entrada de uma massa polar impulsionada por um ciclone no atlântico sul na linha dos 40°S. Contudo ainda mais, para os que achavam o fim deste inverno, projeta-se em seguidas a intensificação de ciclones final de Junho e inicio de Julho, modelos começam a indicar AAO para começo de julho podendo chegar abaixo dos -3., também uma mudança no padrão ENSO e MJO. Tudo indica um inicio de julho com temperaturas entre -2C e -6C abaixo do padrão climático, tendencia de um padrão de inverno BOM nos próximos 20/25 dias, bem core deste inverno.
  17. Pena última saída do GFS será uma batalha épica entre o bloqueio e o ar polar do fim do mês e início de julho
  18. Se mantiveram essa projeção por uns 5 dias aí da para se empolgar de verdade, por enquanto somente estamos na hipótese. Caso esse frio realmente ocorra como o indicado, mais da metade do Brasil terá mínimas abaixo dos 10 graus, incluindo as tórridas Goiânia e Belo Horizonte, geadas amplas dos papas gaúcho até o sul de Goiás, e hipoteticamente alguma mínima de -9 graus nas terras altas do Sul. Seria a mais ampla da década.
  19. Esperem mais uns dias e rodadas antes de contar com o ovo.... no interior da galinha. Just saying...
  20. Yesterday
  21. Nesse maravilhoso mundo do final da grade, posso até estar enganado, mas pelas anomalias acredito que BH registraria uma mínima histórica.
  22. Boa noite, mínima normal aqui em Friburgo hj pela manhã na área urbana de 12°C devida a secura e céu limpo. A temperatura pela cidade agora varia entre os 15 e 16 graus com céu entre limpo e parcialmente nublado. Torcendo aqui pela MP de julho.
  23. E pior que isso é o clima normal para aquele lugar. Não é uma onda de calor anormal.
  24. Indaial teve 19°C, foi a mínima mais alta desde 2014. A máxima de 28°C foi a maior desde 2015. Não é expressivo em valores absolutos, mas é expressivo se considerar que não tivemos frio algum no mês.
  1. Load more activity
×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.