Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Março/2021


Recommended Posts

Aqui em Sampa, tudo no mesmo e sem perspectivas de mudanças próximas.

A expectativa hoje é de que não haja muitas novidades nos próximos 10 dias, pelo menos.

Só resta torcer para que os modelos de previsão estejam equivocados...

 

Hoje, choveu em pouquíssimos locais bem isolados no município.

Na maior parte da cidade, houve aumento de nuvens à tarde... mas... sem maiores consequências.

De todas as estações do CGE, só Perus, no extremo NO, registrou chuva com 2,2 mm.

 

Mirante: 19,0°C / 32,4°C

Interlagos: 18,6°C / 28,0°C

IAG: 17,2°C / 30,2°C

  • Like 14
  • Sad 5
Link to comment
Share on other sites

Hoy tuvimos un dia con una minima excepcionalmente alta, poco mas de 20°C y una maxima de aprox 28°C, pero fueron los ultimos coletazos del verano, actualmente esta nublado y lluvioso, a partir de ahora pasamos a un rango de temperatura mas propio de la epoca del año; principios de otoño:

 

image.png.a808057ec6da38247e888e8ea6fec00c.png

 

 

 

 

  • Like 10
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

2 hours ago, Allef Matos said:

Apesar das chuvas mais frequentes que caíram sobre parte do Centro-Oeste entre fevereiro e essa primeira quinzena de março, sobretudo no norte do MT, de forma geral o verão vem sendo marcado por déficits de precipitação e por uma distribuição bastante irregular, principalmente no oeste e sul do MT e oeste do MS ( áreas que abrange o Pantanal). O Rio Paraguai que é o principal rio do Pantanal está com nível bem abaixo do normal para época. Isso acende um alerta uma vez que a estação chuvosa está chegando ao fim.

 

Anomalia de precipitação em dezembro de 2020

 

DezembroCO2020.thumb.png.1d3ee83c313ebbe933d32a8c12a737c6.png

 

 

 

Anomalia de precipitação em janeiro de 2021

 

 

janeiroCO2021.thumb.png.e7469858e589f8df76e402556eca7cfd.png

 

 

 

Anomalia de precipitação em fevereiro de 2021 

 

 

FevereiroCO2021.thumb.png.a815cbb2812ee798430ab98ac652266c.png

 

 

 

 

 

A Oscilação de Madden-Julian que durante alguns dias desta primeira quinzena esteve na fase 1, apesar do pulso fraco, e o que acabou favorecendo um pouco mais de chuva sobre parte do Centro-Oeste, deve agora nas próximas semanas diminuir sua amplitude e entrar na fase 2, favorecendo uma ampla diminuição da atividade convectiva e consequentemente das chuvas sobre o Brasil central.

 

 

raw.gif.ed15b451889cea29ac02eb69e62bfe72.gif

 

 

 

Para os próximos 46 dias, anomalias negativas de precipitação prevista pelo EPS. 

 

 

ecmwf-weeklies-avg-brazil-qpf_anom_46day-97408001603.thumb.png.c62b60e0f13c2980fa8d076f974d5416.png

 

 

 

Outra estiagem severa se desenhando. E a chance disso tudo ser consequência das mudanças climáticas é bem grande.

Jesus amado, que fase.... Assim como parte do CO, SP não consegue pegar um mês azulzinho desde julho do ano passado (na verdade só janeiro, fevereiro e dezembro tiveram distribuição mais regular). Se não chover nessa semana podemos só ver chuva em abril. E como se não bastasse agora é o calor ficando insuportável, principalmente devido à ausência de nebulosidade (o dia todo o sol rachando côco), e dentro de casa esquentando muito.  

Edited by Lucas Centurion
  • Like 4
  • Sad 10
Link to comment
Share on other sites

Pra finalizar o dia calorento e instável de hoje, ainda surgiu uma grande capa de topos cirrosos de Cumulonimbus em todo o lado oeste.

Uma grande área de trovoadas e outros fenômenos associados se manteve ativa ao sul da grande Curitiba mas não avançou como tempestade sobre a nossa região e sim como cobertura elevada, pelo menos até o momento (20h28).

Em todo caso, foi bonito de observar.20210316_202239.gif.5783fd0ffef7d685c2d7d3e0ac4623bb.gif

Sobre a pouca abrangência das chuvas e volumes mal distribuídos, Março costuma ser assim mesmo... não tem muita coisa à oferecer. O verão dos grandes aguaceiros praticamente se encerrou e o inverno das grandes frentes frias está longe.

Temos atuação de sistemas de pekeno porte contribuindo na manutenção da umidade e ainda dependemos da boa mobilidade desses sistemas.

Com isso em mente, só resta agradecer pelo pouco q vem em termos de precipitação, e claro q essa idéia não funciona.

Percebi (não tem como não perceber) q alguns dos colegas deixam de participar com posts quando o tempo não ajuda (numa versão inversa dakilo q seria o correto dizer). É lamentável, mas há uns anos passados o fórum costumava entrar "em férias" de Outubro até Abril, já q o foco era, na época, as baixas temperaturas, algo q não é muito fácil registrar em pelo menos 6 meses do ano, se você não é morador de alguma localidade serrana do Sul ou do Sudeste.

Atualmente, além do frio, o foco passou a ser também "meteorologia em geral", principalmente chuvas e "fenômenos associados". Quando não tem muito disso, não tem muito o q falar também e assim vamos nós.  

  • Like 14
  • Thanks 4
Link to comment
Share on other sites

3 horas atrás, Allef Matos disse:

Apesar das chuvas mais frequentes que caíram sobre parte do Centro-Oeste entre fevereiro e essa primeira quinzena de março, sobretudo no norte do MT, de forma geral o verão vem sendo marcado por déficits de precipitação e por uma distribuição bastante irregular, principalmente no oeste e sul do MT e oeste do MS ( áreas que abrange o Pantanal). O Rio Paraguai que é o principal rio do Pantanal está com nível bem abaixo do normal para época. Isso acende um alerta uma vez que a estação chuvosa está chegando ao fim.

 

Anomalia de precipitação em dezembro de 2020

 

DezembroCO2020.thumb.png.1d3ee83c313ebbe933d32a8c12a737c6.png

 

 

 

Anomalia de precipitação em janeiro de 2021

 

 

janeiroCO2021.thumb.png.e7469858e589f8df76e402556eca7cfd.png

 

 

 

Anomalia de precipitação em fevereiro de 2021 

 

 

FevereiroCO2021.thumb.png.a815cbb2812ee798430ab98ac652266c.png

 

 

 

 

 

A Oscilação de Madden-Julian que durante alguns dias desta primeira quinzena esteve na fase 1, apesar do pulso fraco, e o que acabou favorecendo um pouco mais de chuva sobre parte do Centro-Oeste, deve agora nas próximas semanas diminuir sua amplitude e entrar na fase 2, favorecendo uma ampla diminuição da atividade convectiva e consequentemente das chuvas sobre o Brasil central.

 

 

raw.gif.ed15b451889cea29ac02eb69e62bfe72.gif

 

 

 

Para os próximos 46 dias, anomalias negativas de precipitação prevista pelo EPS. 

 

 

ecmwf-weeklies-avg-brazil-qpf_anom_46day-97408001603.thumb.png.c62b60e0f13c2980fa8d076f974d5416.png

 

 

 

Outra estiagem severa se desenhando. E a chance disso tudo ser consequência das mudanças climáticas é bem grande.

 

Apesar de ser fato que no verão choveu menos que o normal, estes mapas do Europeu de precipitação São bens ruins.

 

Por exemplo: Em dezembro, a chuva foi a mais volumosa aqui em Bonifácio nos últimos 16 anos. Em casa foram mais de 500mm.

 

No centro do Estado, Bauru também quebrou o recorde.

Muitas estações ficaram entre 350mm a 500mm.

  • Like 9
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

26 minutos atrás, Carlos Campos disse:

Percebi (não tem como não perceber) q alguns dos colegas deixam de participar.

Exatamente agora eu estava indo fazer um post falando que não estou postando muito porque o tempo não ajuda.

Por sorte amanhã o tempo deve mudar, com a chegada de uma Li no começo da manhã.

  • Like 6
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Boa noite! O dia foi nublado em Buenos Aires, com momentos de chuvinha fraca de manha e à tarde, acumulando 3,7 mm (no mes, 5,7 mm). A temperatura baixou bem em relacao aos últimos dias, com máxima de apenas 23,7°C. A mínima ainda foi alta, de 21,5°C, e tivemos, portanto, só dois graus de amplitude térmica. Agora temos céu parcialmente nublado, 21,8°C, URA de 82% e vento oeste a 5 km/h.

 

Para amanha, a previsao indica muitas nuvens e baixa possibilidade de chuvas isoladas. Mínima de 17°C e máxima de 23°C. O sol nasce às 6h54 e se poe às 19h08.

  • Like 12
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

Uma forte chuva atingiu parte da cidade do Rio de Janeiro, baixada fluminense, região serrana, e parte das regiões sul do estado e leste fluminense. Aqui na zona norte do Rio a chuva veio acompanhada de muitos raios nuvem-solo fortíssimos e houve registro de granizo em alguns bairros da capital e na baixada fluminense.

 

1555634879_satlite.thumb.PNG.e87cf440e76600894bc7c892f2049346.PNG

Satélite mostrando a cobertura de nuvens as 15h10.

 

Na baixada fluminense os acumulados foram de até 67mm, registrados na cidade de Nova Iguaçu. Também de Nova Iguaçu vem alguns registros dessa forte chuva:

 

Cachoeira se formou em uma pedreira atrás de um shopping center na cidade.

 

Chuva muito intensa registrada em diversos bairros.

Fonte dos vídeos: FACEBOOK

 

Nos próximos dias as temperaturas se mantém altas no Rio de acordo com a saída 12z do ECMWF, segue o padrão acima da média com possibilidade de alguma chuva isolada em alguns dias e sem previsão de grandes quedas na temperatura.

 

Capturar.thumb.PNG.29fdf571540f4ab7e7422fd2f78466cd.PNG

 

 

Edited by Gvieira
  • Like 11
  • Thanks 4
Link to comment
Share on other sites

3 horas atrás, Carlos Campos disse:

Sobre a pouca abrangência das chuvas e volumes mal distribuídos, Março costuma ser assim mesmo... não tem muita coisa à oferecer. O verão dos grandes aguaceiros praticamente se encerrou e o inverno das grandes frentes frias está longe.

Temos atuação de sistemas de pekeno porte contribuindo na manutenção da umidade e ainda dependemos da boa mobilidade desses sistemas.

Com isso em mente, só resta agradecer pelo pouco q vem em termos de precipitação, e claro q essa idéia não funciona.

Percebi (não tem como não perceber) q alguns dos colegas deixam de participar com posts quando o tempo não ajuda (numa versão inversa dakilo q seria o correto dizer). É lamentável, mas há uns anos passados o fórum costumava entrar "em férias" de Outubro até Abril, já q o foco era, na época, as baixas temperaturas, algo q não é muito fácil registrar em pelo menos 6 meses do ano, se você não é morador de alguma localidade serrana do Sul ou do Sudeste.

Atualmente, além do frio, o foco passou a ser também "meteorologia em geral", principalmente chuvas e "fenômenos associados". Quando não tem muito disso, não tem muito o q falar também e assim vamos nós.  

 

Eu faço parte deste time, não do que aparece só na época de frio (até porque o frio é inexistente por aqui), mas do “time” que não tem vontade de participar se não houver “alguma coisa” minimamente interessante acontecendo.  Claro que, apesar de não fazer frio, alguns anos são bem piores do que outros; o “core” do inverno de 2020 (JJ) foi particularmente sofrível, assim como os de 2018 e 2015, exemplos mais recentes de “equatorialidade total” no nosso inverno.

 

E este mês de março está perfeito para “hibernar”, vem sendo um mês extremamente tedioso no Rio de Janeiro, com calor bem ordinário praticamente constante e ausência quase total de sistemas chuvosos minimamente organizados.  Aliás, se não houver uma mudança a partir da última semana do mês, este poderá terminar como o segundo ou terceiro março com menos chuva na cidade do Rio desde o início dos registros do Alerta Rio (que monitora a chuva em vários bairros), no ano de 1997.

 

Março segue com apenas 43 mm de chuva (média dos 33 pluviômetros) no município do Rio de Janeiro até agora (17/03), tendo superado por enquanto apenas o março mais seco que se tem notícia por aqui (2007, com 19,2 mm).   Depois, a lista prossegue com 2002 (51,1 mm), 2004 (69,1 mm), 1997 (88,7 mm) e 2006 (89,7 mm).  Pelas últimas previsões, a chance de ser registrado no mínimo o primeiro março com menos de 100 mm na média da cidade do Rio desde 2007 só cresce, embora ainda haja alguma incerteza mais para o final do mês, o que é de se esperar.

 

Tivemos até algumas formações mais parrudas na tarde de ontem (16/03), mas que se dissolveram antes de atingirem a maior parte do Rio (choveu nos subúrbios da zona norte da capital e em parte da Baixada Fluminense).  Na cidade do Rio não choveu na maioria dos bairros, apenas 11 dos 33 pluviômetros registraram alguma coisa, e o volume médio na cidade foi de 5 mm, com 30/40 mm nos bairros mais agraciados dos extremos norte/nordeste do município.  No caso de Niterói, apenas o Inmet (que fica quase em São Gonçalo) registrou uma chuvinha muito fraca de 2 mm, em quase toda a cidade sequer pingou.  E o tempo segue seco nos próximos dias (seco no sentido de chover pouco ou nada, pois umidade é o que não falta), com ligeiro aumento do calor.

 

As máximas seguem acima dos 30ºc, exceto nas áreas costeiras, onde tem predominado valores na casa dos 28/29ºc (fora o completamente fumado Forte de Copacabana, que vem registrando superaquecimento de 2 a 4ºc na maioria dos dias sob o regime atual de brisas sul/sudeste).

 

As fotos abaixo eu tirei na área central do Rio de Janeiro por volta das 14:30, e mostram algumas das formações da tarde desta terça-feira (pouco mais de 1 hora depois houve chuva muito fraca, de 0,8 mm lá no Centro, e logo em seguida o que restava do sistema se dissipou rapidamente).  Apesar de estar quente (28ºc), a brisa do mar soprava com vontade e aliviava bastante a sensação de calor no local da foto.  Depois da breve instabilidade, um ar mais leve e relativamente agradável passou a predominar, a temperatura caiu para 23ºc entre o final da tarde e o início da noite (mas a sensação de abafamento já voltou a aumentar durante a noite, e a madrugada começa com calmaria quase total e alta umidade, embora ainda com ar menos pesado que nas madrugadas anteriores).

 

mar14.thumb.jpg.9095c4c386aea42a2113013926d049e0.jpgmar15.thumb.jpg.d9e4de057895f6302aab95ae04a7d6ac.jpg

Edited by Wallace Rezende
  • Like 11
  • Thanks 5
Link to comment
Share on other sites

Muito bom dia🤩🤩 Bazianos!!

Madrugada quente com manhã  abafada apesar dos ventos NE/ E. A previsão é de chuvas mais tarde, ótimo trabalho a todos🤩🤩 

Registro agora 6: 30, dessa quarta feira, lagoa da Ibiraquera, Imbituba litoral sul de Santa Catarina.  Vista para o leste.

20210317_063618.jpg

20210317_063616.jpg

Edited by Cristiane Wohlers
  • Like 10
  • Thanks 4
Link to comment
Share on other sites

Manhã começou com névoa úmida e temperatura de 18°C nesta quarta-feira, q terá situação tipicamente pré-frontal. AirBrush_20210317064136.thumb.jpg.838620e4d534069bf1234958bb02d061.jpgAirBrush_20210317064225.thumb.jpg.a19e59f87ae0e0917c623be1f299577c.jpgAirBrush_20210317064420.thumb.jpg.58bdce72549fb96ec8814a7fac3152ab.jpg

As chuvas estão previstas para a tarde novamente.AirBrush_20210317070722.thumb.jpg.2c83a75bc3dc0f681209a99562d99e92.jpg

Instabilidade com trovoadas e rajadas fortes de vento já adentraram o estado, conforme já mostrado pelo amigo @Felipe S Monteiro

  • Like 15
Link to comment
Share on other sites

Preciso urgentemente aproveitar hoje e amanhã...

 

image.png.4428d451e53d8d9d93e1298aeea4e962.png

 

Detalhe o tempo.com sempre erra para menos as máximas. No entanto, ainda ressalto ontem nas 12z não se previa essa onda de calor, e já saquei a do Euro. Na 12z tira e na 0z coloca. É aguardar.

 

Agora sim há chance de recordes lá no finzinho da grade (MARÇO/ABRIL). De qualquer forma a falta de chuva é um problema...

Edited by Matheus b Santos
  • Like 7
  • Sad 8
Link to comment
Share on other sites

Bom dia pessoal. Depois de uma noite abafada e com uma boa chuva pela madrugada (7,2mm SAMAE/CENTRO e 8,8mm EPAGRI/MATO PRETO) o dia começa com sol entre muitas nuvens.

20210317_064552.thumb.jpg.a0b0075f351368d8a753e95e9d2922c0.jpg

20210317_064219.thumb.jpg.9c6ab468821fd76a16b5de969d94fa5d.jpg

 

Temperatura no momento em 21,1ºC e UR 97% no Centro de São Bento do Sul. A manhã de hoje esta mais agradável que ontem, ao menos isso como consolo para alguém que não é muito amigo do calor!!

 

 

 

 

Edited by SandroAlex
  • Like 12
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

Ontem foi mais um dia com predomínio de céu limpo em Queimada Nova.

 

IMG_20210316_095338.thumb.jpg.3b61e813114d3a1bc7cc959ce8f3fafd.jpg

 

A máxima na estação mais próxima foi de 32,4ºC.

A noite o céu permaneceu limpo, permitindo a visualização de relâmpagos bem distantes em 2 núcleos ao norte daqui. O núcleo mais ao sul, estava a uns 280 km, enquanto o outro, ao leste de Teresina, estava entre 380 e 410 km daqui.

 

IMG_20210316_204410.thumb.jpg.a14a3b856a87c50abcec75de4a6469e6.jpg

 

IMG_20210317_094240.thumb.jpg.6b12c5b6f799f419c166e42135eba590.jpg

 

E hoje o dia começa do mesmo jeito que começou ontem...

 

IMG_20210317_064354.thumb.jpg.986156abdbf58aca7b94e5e31014ac24.jpg

Edited by Tstorm
  • Like 12
  • Thanks 5
Link to comment
Share on other sites

Depois da chuva de ontem que finalmente conseguiu chegar em pontos isolado do Rio, porém a maior parte da cidade nem chuviscou, hoje a dia amanheceu com céu bem claro e digamos mais fresco aqui no meu bairro de Pilares ao amanhecer tinhamos 24 graus, que ponto chegamos falar que amanhecer 24 é fresco mais tudo bem, agora o sol brilha forte e já batemos os 30 graus, e começa o outono com o ar polar chegando até RS e com bloqueio atmosférico praticamente infinito não deixando nada passar e a secura voltando mais forte.

  • Like 5
  • Thanks 1
  • Sad 2
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Matheus b Santos disse:

Preciso urgentemente aproveitar hoje e amanhã...

 

image.png.4428d451e53d8d9d93e1298aeea4e962.png

 

Detalhe o tempo.com sempre erra para menos as máximas. No entanto, ainda ressalto ontem nas 12z não se previa essa onda de calor, e já saquei a do Euro. Na 12z tira e na 0z coloca. É aguardar.

 

Agora sim há chance de recordes lá no finzinho da grade (MARÇO/ABRIL). De qualquer forma a falta de chuva é um problema...

 

Relaxa porque vai mudar muito ainda. Graças a Deus essa tendência aí não passa disso, uma tendência. Tudo pode mudar.

  • Like 9
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

12 minutos atrás, Renan disse:

 

Relaxa porque vai mudar muito ainda. Graças a Deus essa tendência aí não passa disso, uma tendência. Tudo pode mudar.

50 anos de BAZ e ainda não aprendeu Renan!!! kkkkkkkkkkkk

Brincadeiras a parte, espero muito estar errado, mas Infelizmente acho que essa tendência veio pra ficar, baixas do chile, bloqueios em 500 mb sobre o Brasil central e por aí vai. Tanto que o próprio EPS pra abril manteve esse padrão durante o mês inteiro, só com parte do RS abaixo.

 

Reanálise abril 2005 (paralelo principal) + EPS (controle e ensemble):

867659528_Semttulo005.png.8148c96ea1fac11dc45ccbeebbc6cfbf.png


O que pode confortar, é que meses de transição não afetam o padrão de inverno, e em tempos de aquecimento global, é melhor que as anomalias positivas sejam "gastas" em meses naturalmente ruins.

 

  • Like 6
  • Thanks 3
  • Haha 5
  • Sad 3
Link to comment
Share on other sites

E as médias da cidade de São Paulo nesse mês de MArço , já contando com a mínima de hoje, estão assim:

 

- Mirante com média mínima de 19,5 (+0,7) e média máxima de 29,4 (+1,4) , e vendo a previsão para os próximos dias, essas anomalias vão bater na lua...

- Sesc Inmet com média mínima de 18,8 e média máxima de 28,3 graus...

  • Like 5
  • Sad 4
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Augusto Göelzer disse:

50 anos de BAZ e ainda não aprendeu Renan!!! kkkkkkkkkkkk

Brincadeiras a parte, espero muito estar errado, mas Infelizmente acho que essa tendência veio pra ficar, baixas do chile, bloqueios em 500 mb sobre o Brasil central e por aí vai. Tanto que o próprio EPS pra abril manteve esse padrão durante o mês inteiro, só com parte do RS abaixo.

 

Reanálise abril 2005 (paralelo principal) + EPS (controle e ensemble):

867659528_Semttulo005.png.8148c96ea1fac11dc45ccbeebbc6cfbf.png


O que pode confortar, é que meses de transição não afetam o padrão de inverno, e em tempos de aquecimento global, é melhor que as anomalias positivas sejam "gastas" em meses naturalmente ruins.

 

 

Quando se trata de torcer contra ondas de calor, eu jamais vou aprender, Guto, hehehe.

 

Mas sabe me dizer por que Abril de 2005 seria um paralelo com esse Abril vindouro ? Pergunto porque as condições oceânicas de agora me parecem bem distintas daquelas de 2005. Aliás 2005 foi um ano de péssimo inverno. 

 

A previsão do EPS realmente se parece com o observado em Abril de 2005, mas prefiro aguardar a virada do mês para dizer algo. O Euro continua o melhor, mas está oscilando bastante também. A suposta onda de calor no cone-sul não vingou, então vamos seguir acompanhando.

 

  • Like 12
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

Enquanto reclamamos de calor diariamente, Argentina vem tendo uma tarde gelada pra época, compensando um pouco os primeiros 15 dias tórridos por lá.

 

Temperaturas 12h:

image.thumb.png.d12211743c514e41809b3806f7cb6469.png

 

Anomalia para as 15h de hoje:

1616004000-2GST50rer5U.png

 

Essa MP e a prevista pro dia 21, mesmo que pouco afetarão o Brasil, serão interessantes para nós de certa forma. Aposto que o atlântico resfriará um pouco com elas.

 

  • Like 11
  • Thanks 10
  • Sad 1
Link to comment
Share on other sites

Agora, Augusto Göelzer disse:

Enquanto reclamamos de calor diariamente, Argentina vem tendo uma tarde gelada pra época, compensando um pouco os primeiros 15 dias tórridos por lá.

 

Temperaturas 12h:

image.thumb.png.d12211743c514e41809b3806f7cb6469.png

 

Anomalia para as 15h de hoje:

1616004000-2GST50rer5U.png

 

Essa MP e a prevista pro dia 21, mesmo que pouco afetarão o Brasil, serão interessantes para nós de certa forma. Aposto que o atlântico resfriará um pouco com elas.

 

Para ser feliz aqui no Sudeste , temos que torcer para a Argentina ferver ...

Exceto em casos esporádicos, o que vemos é sempre o oposto.

Então Argentina ...que seu clima seja bem torrante em 2021 hehe ...

  • Like 1
  • Haha 9
  • Sad 1
Link to comment
Share on other sites

2 horas atrás, Renan disse:

 

Relaxa porque vai mudar muito ainda. Graças a Deus essa tendência aí não passa disso, uma tendência. Tudo pode mudar.

 

Olha...

Não queria desanimar não.

Mas pra mim isto não muda mais não.

Há dias este cenário vem sendo previsto.

E, pior... 

Por outros modelos tbm.

 

  • Like 1
  • Sad 8
Link to comment
Share on other sites

Agora, LucianoD disse:

essa forte anomalia positiva fica centrada nessa região por várias semanas, abril a dentro, pelo CFS

 

1xDTXN2.png

Acho que em breve, nascerá um vulcão com a extensão do Estado de SP ...por que , vou te dizer hein ... Em alguns anos , vamos estar disputando media anual com cidades do Piauí hehe ...

  • Like 1
  • Haha 9
  • Sad 3
Link to comment
Share on other sites

15 hours ago, Maicon said:

 

Apesar de ser fato que no verão choveu menos que o normal, estes mapas do Europeu de precipitação São bens ruins.

 

Por exemplo: Em dezembro, a chuva foi a mais volumosa aqui em Bonifácio nos últimos 16 anos. Em casa foram mais de 500mm.

 

No centro do Estado, Bauru também quebrou o recorde.

Muitas estações ficaram entre 350mm a 500mm.

 

Dezembro foi muito bom em diversas localidades mesmo, mas algumas ainda seguiram com chuva abaixo da média. A convencional ESALQ de Piracicaba registrou 135,7mm (média de 197,2mm, 1917-2020). Pela tabela abaixo vê-se que Adamantina, Pindorama e Borborema tiveram chuva bem mais modesta. Cafelândia choveu 380,6mm enquanto aqui caiu cerca de 100mm a menos, com 284,8mm (é claro que o valor ainda foi muito bom).
image.png.433590b1339c479ed9f0d4c9fcbcf409.png

O problema está no panorama geral. Se pegarmos desde o início da primavera, setembro, outubro e novembro foram bem ruins em diversas localidades (sei que aí em Bonifácio teve muita sorte com a chuva desde outubro), mas aqui por exemplo setembro não choveu, outubro deu algo entorno de 32mm e novembro com cerca de 70mm. Dezembro finalmente veio bem melhor e janeiro voltou a ter bastante irregularidade (mas ainda com boas chuvas), fevereiro foi ridículo e agora março tem tudo para terminar abaixo da média (mesmo com muita chuva no início), só não sendo pior que o março de 2020 (Em cafelândia desde 1938 foi o março mais seco, choveu 31,2mm, similar a 1961 quando choveu 32mm).

Junte o exposto àquela onda de calor tenebrosa que começou no dia 23 de agosto e se estendeu até meados de outubro (com um ligeiro refresco no meio de setembro de no máx 3 dias), com quebras de recorde sucessivas em boa parte do centro-sul. Não custa lembrar também que o inverno foi fraquíssimo em 2020. Essa primavera/verão 2020-2021 é pra botar na lata de lixo em minha opinião considerando o que ocorreu aqui no centro-oeste paulista, na verdade, 2020 todo pode ser esquecido (exceto para servir de registro como uma aberração histórica).

------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Voltando ao monitoramento, hoje por volta das 08:30 choveu de forma forte apenas alguns quilômetros à leste daqui (coisa de 6km), infelizmente aqui foram apenas pingos. Agora segue com 30,8°C, mais fresco que ontem devido à maior nebulosidade.

  • Like 10
  • Thanks 3
Link to comment
Share on other sites

32 minutos atrás, Renan disse:

 

Quando se trata de torcer contra ondas de calor, eu jamais vou aprender, Guto, hehehe.

 

Mas sabe me dizer por que Abril de 2005 seria um paralelo com esse Abril vindouro ? Pergunto porque as condições oceânicas de agora me parecem bem distintas daquelas de 2005. Aliás 2005 foi um ano de péssimo inverno. 

 

A previsão do EPS realmente se parece com o observado em Abril de 2005, mas prefiro aguardar a virada do mês para dizer algo. O Euro continua o melhor, mas está oscilando bastante também. A suposta onda de calor no cone-sul não vingou, então vamos seguir acompanhando.

 

Obrigado Renan! Mesmo em meio a cenários sombrios ou duvidosos como o de agora você sempre nos ajuda a enxergar uma onde frio no fim do túnel rsrsrsrs...

  • Thanks 1
  • Haha 8
Link to comment
Share on other sites

15 horas atrás, CloudCb disse:

Com muita sorte de madrugada cai algo aqui.

 

Né que caiu. Por volta de 2h30 Pombal teve uma pancada de chuva, depois de 12 dias sem nada, provocada por aquele pontinho onde a seta tá apontando na imagem abaixo. Tive 12,5 mm, a AESA ainda não divulgou o dado oficial. 

IMG_20210317_134946_870.jpg.ed8d45aefe80a0b4136b27118dce9ace.jpg

 

Aquele núcleo maior provocou chuva forte em outros locais, como em São José da Lagoa Tapada que acumulou 67,3 mm e Marizópolis que acumulou 54,2 mm.

  • Like 14
Link to comment
Share on other sites

Tendência para o outono através do site clima tempo: https://www.climatempo.com.br/noticia/2021/03/17/outono-2021-confira-a-tendencia-para-cada-regiao-do-brasil-8577

Resumo: Calor, chuva abaixo da média, tempo mais seco, temperatura acima da média, chuva menos frequente e menos frio que o normal.  

  • Like 3
  • Sad 13
Link to comment
Share on other sites

Guest
This topic is now closed to further replies.
 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.