Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

All Activity

This stream auto-updates     

  1. Past hour
  2. De Relevo não as três na média ficam nos 10Mts. Sobre urbanização, a do Areias Pequenas fica na área rural, Centro é bem urbana e a do Rainha fica em uma fazenda.
  3. Início de noite aqui, vento e a sensação é de frio.
  4. Dia extremamente agradável em Curitiba com variação: 11.6° ~ 23.4°. No momento temos 16° as 19:00hs ou seja podemos bater a marca desta quinta-feira amanhã pela manhã... Quem sabe nos seja a nossa primeira sub-10 do ano.
  5. Saiu os últimos boletins da estação do IAG referentes ao ano de 2019: Novembro2019.pdf Dezembro2019.pdf ACUMULADO DE CHUVA NO IAG NO ANO DE 2019: 1876,5mm. (Comparando com o acumulado de todas as capitais brasileiras em 2019, a capital que mais se aproximou do acumulado do IAG foi Salvador (BA), com 1875,1mm) Com a divulgação destes dois últimos boletins, finalmente o @Rodolfo Alves irá divulgar o balanço final da estação do IAG do ano de 2019 nos próximos dias.
  6. Postando. Contém apenas dados da PB. Sexta (21) Registrei 31,6 mm no meu pluviômetro. Sábado (22) Nesse dia registrei 3,8 mm. Domingo (23) Segunda (24) Nesse aqui tive 10,1 mm. Terça (25) Houve apenas o registro de 15,7 mm em São João do Rio do Peixe. Quarta (26) O registro mais significativo ontem ocorreu em Santa Luzia, com 24 mm. No fim da madrugada e manhã de hoje ocorreram chuvas no Vale do Piancó, sobretudo na área de fronteira com o Ceará, como mostra a imagem de radar abaixo. Falando de acumulados mensais de chuva deste fevereiro, Cajazeiras agora atingiu os 500 mm: Sobre Cajazeiras, este já é o Fevereiro mais chuvoso da série histórica (superando o FEV de 2011), assim como também é o 7° mês mais chuvoso de todos: Dados: AESA, EMPAER.
  7. Today
  8. A mínima aqui foi de 17,1°, foi a terceira mais baixa no mês A máxima bateu 31,9°, sendo só mais uma máxima normal para o mês, a máxima mais alta do estado foi registrada em Palotina, 32,7°
  9. Tem algumas coisas que não precisam ser noticiadas. Portal de meteorologia colocando como manchete os 17ºC de Campo Grande é piada, ainda mais quando se teve temperaturas mais interessantes em outros lugares. Achei o cúmulo chamar isso de recorde de frio, ainda mais em "ar frio polar", sendo que a temperatura chegou em 30ºC à tarde. Por sinal a convencional de BH registrou uma máxima menor que Campo Grande. Menos, muito menos.
  10. Em Fevereiro de 1991 eu fazia anotações aleatórias na vila onde eu morava e eu lembro desse frio absurdo q fez por aki. É algo q não tinha como ser eskecido pq foi comentado bastante sobre a impressão de q estávamos vivendo um dia de inverno em pleno mês de fevereiro. Li uma matéria em um jornal q falava sobre esse frio em Curitiba. O ar estava tão gelado na manhã dakele dia q parecia uma manhã de geada, inclusive. A temperatura nas áreas mais baixas de Piraquara deve ter atingido 6°C já q no aeroporto Afonso Pena chegou à 8,6°C e em manhã como akela a diferença fica em torno de 2 ou 3°C a menos (baixadas rurais x aeroporto Afonso Pena). O dia seguinte, 26/2 também foi muito frio pela manhã, com mínima de 10,2°C (aero) e possivelmente 8°C nas baixadas. Nakele ano tivemos em Agosto a maior geada provavelmente desde 1975. Impossível também de eskecer algo tão incrível: GEADA SE FORMANDO ÀS 17h, com o Sol quase se pondo na linha do horizonte. Por volta das 18h30 dakela data (3/8) já escuro e os para-brisa dos poucos automóveis q estavam estacionados na avenida principal do distrito de Pinhais (ainda não era "município de Pinhais") exibiam uma fina camada de gelo, q infelizmente iria derreter durante a madrugada devido à entrada da maldita infiltração oceânica. De qker forma, a mínima já estava firmada em -5,2°C pela manhã no aeroporto. Por aki, não duvidaria em nada de algo em torno de -7°C. Mas não foi um inverno memorável como um todo e depois do frio de Fevereiro, não houve nada de excepcional até Agosto...
  11. Enquanto, os últimos raios de sol batem no topo dos prédios, já faz 16°C em São José dos Pinhais. É a tarde de sol mais fria que já tive em minha vida, que fosse em pleno verão. Que dia incrível.
  12. Algum dado de Cuiabá? Eu lembro que teve uma enchente em 2001 antes deu morar na cidade.
  13. Leandro Leite

    Ondas de Frio Anos 2010 Brasil e América do Sul

    Anomalia de temperaturas no continente sul-americano na data de 17/07/2010 e alcance da frente fria na mesma data:
  14. As massas de ar semi-permanentes no planeta. E a Amazônia é sim uma região exportadora de umidade. Só que essa umidade não é toda gerada lá, uma boa parte é transportada pelos ventos desde o Atlântico Norte tropical (Prestem atenção nas setas). E a floresta certamente ajuda neste processo. Fonte: meteosinotica.blogspot.com As áreas de alta pressão semi-permanentes no planeta: 1. ASPN - Alta Subtropical do Pacífico Norte ou anticiclone do Hawai 2. ASPS - Alta Subtropical do Pacífico Sul ou anticiclone da Ilha de Páscoa 3. ASAN - Alta Subtropical do Atlântico Norte ou anticiclone dos Açores 4. ASAS - Alta Subtropical do Atlântico Sul ou anticiclone de Santa Helena 5. ASI - Alta subtropical do Índico ou anticiclone de Mascarenhas (Por causa das ilhas Mascarenhas)
  15. Não sou expert no assunto mas vou tentar clarear um pouco. Isso das chuvas de verão no Sudeste tem muito a ver também com o posicionamento da ASAS (Anticiclone ou Alta Subtropical do Atlântico Sul). Como é uma área de alta pressão, na maior parte do seu domínio temos ar seco em superfície. Tanto que aquelas ilhas do Atlântico (Ascensão e Santa Helena) são semi-áridas. No final do outono, inverno e início da primavera, ela tende se localizar mais para interior da América do Sul, trazendo o clima seco característico desta época no Sudeste, parte do Nordeste, Centro-Oeste e sul da Amazônia. Na sua circulação, com a ajuda da barreira dos Andes, os ventos carregam a umidade da Amazônia para SC, RS, Uruguay, Paraguay e norte da Argentina, que são bem mais chuvosos nessa época. Lembrando que boa parte da umidade da Amazônia vem também do Atlântico Norte tropical. Paralelamente, a circulação dos ventos arrasta umidade do oceano para o litoral oriental do Nordeste (BA, AL, SE, PE, PB e RN) que tem sua época mais chuvosa. O norte do Nordeste (Norte do RN, CE, PI e MA) permanece seco. No verão, a ASAS se localiza mais próxima da África, se afastando da América do Sul. Com esse afastamento, os ventos trazem a umidade amazônica mais pra norte, isto é, para o Sudeste. O que contribui para as chuvas convectivas do verão, formação de ZCAS, etc. A zona de convergência intertropical desce (Com o inverno no hemisfério norte) e provoca chuvas no MA, PI e CE enquanto o litoral oriental do Nordeste seca. Nos verões de 2014 e 2015, a ASAS ficou fora da sua posição climatológica normal da época, invadindo a América do Sul em vez de estar mais próxima da África. Resultado: tivemos aqueles verões secos e tórridos. Tentei explicar resumidamente. Fiquem à vontade pra corrigir ou acrescentar informações.
  16. Boa tarde, temperatura em queda aqui em Nova Friburgo de 19°C. No Rio o "frio" para época já chegou com mais força por enquanto. O Galeão reporta 22°C agora.
  17. Um belo entardecer de Outono aqui com vento do quadrante sul. Nuvens que se aproximam podem formar nevoeiro em breve. Agora 17h55min, 18,1 C. Até agora, a mínima do dia. Deve esfriar mais. 20200227_175737.mp4 20200227_175216.mp4
  18. Essa conversa de que só chove no centro-sul graças à amazônia é uma das maiores bobagens que eu já ouvi! e o pior é que a mídia vive repetindo essa ladainha, subestimando a inteligência das pessoas. Porque até onde eu sei, a vegetação de um lugar vai depender do regime de chuvas desse lugar, e não o contrário. Eles invertem a relação de causa e efeito.
  19. Enquanto em boa parte de SP já sentimos o efeito dessa mPa histórica, no nordeste do estado ainda resiste estando na borda do corredor de umidade (ZCAS), permanecendo com chuvas intermitentes praticamente o dia todo. O sol acabou de brilhar agora, temperatura de 22,8ºC. Bebedouro (ClimaaoVivo) Morro Agudo (ClimaaoVivo)
  20. Fevereiro atípico em SC, segunda forte massa de ar frio no estado. Em Florianópolis foi o segundo registro mais baixo no mês com 13,7°C no norte da Ilha em 1987 tivemos 12,6°C na UFSC/CCA. Abaixo as mínimas abaixo de 7°C (geada isolada nas oito primeiras) 0,9 Urupema* 2,0 S.Joaquim/F.Keiser 2,3 Lebon Régis/DSoares 2,5 B.Jardim/F.K 3,1 Fraiburgo/F.K 4,2 Curitibanos/UFSC* 4,2 Urubici/F.K 4,7 Água Doce/DSares 5,7 Painel/G.Hugen 5,8 São Cristóvão do Sul* 6,2 Ponte alta do Norte* 6,4 Rio Rufino* 6,4 Brunópolis* 6,5 Otacílio Costa* 6,6 Monte Castelo* 6,9 Frei Rogério* *Epagri 13,7°C Florianópolis* (mais baixa desde 1987!) Ronaldo Coutinho/Piter Scheuer
  21. Penso tbm que o sistema amazônico não é preponderante sobre o regime de chuvas e temperatura no centro-sul do Brasil, considerando variáveis como mínimo e máximo solar, temperatura do Pacífico equatorial e do Atlântico sul próximo do continente, posicionamento e ocorrência de fenômenos meteorológicos (ex: VCAN, AB, ASAS). A questão que se coloca é contribuição negativa que a retirada dessa cobertura vegetal causaria no regime de chuvas, será que em anos favoráveis ao ZCAS esse sistema não seria enfraquecido? Ou será que o grande regulador de umidade de fato seriam as correntes do Atlântico equatorial junto com a barreira dos Andes? Outra questão, em anos mais secos a amazônia não funcionaria como um amortecedor, evitando que o que está ruim ficasse ainda pior (seco e quente)? São só suposições, aliás o interessante seria pesquisar artigos científicos como dados sobre esse assunto. Também partilho dessa dúvida.
  22. Eu penso da mesma forma. Do jeito que falam, parece que a única responsável pelas chuvas aqui é a evapotranspiração das plantas da amazônia, como se isso fosse capaz de afetar as diversas camadas da atmosfera, como é necessário para formação dos sistemas atmosféricos precipitantes. 2019 e 2020 têm, praticamente, a mesma cobertura vegetal na amazônia, mas tiveram comportamentos pluviométricos completamente diferentes. Com a variável "cobertura florestal" mantida igual, abre-se o espaço para analisar as outras, que se mostraram extremamente preponderantes. pois saímos de um extremo ao outro. Não acho que a amazônia seja insignificante nesse sentido, mas seria muito mais uma "ajudinha" do que a grande provedora de chuvas no Sudeste do Brasil.
  23. Finalmente....o jejum de Curitiba vai acabar....ao menos na normal mais recente (81-2010). E com certeza na nova normal 91-2020, esse Fevereiro também ficará marcado como sendo de anomalia negativa.
  24. depois de muita chuvarada (que por sinal muito me lembrou uma zcas) , hoje o tempo permaneceu fechado e com ventos frios, estou amando esse "frio" fora de época.
  1. Load more activity
×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.