Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Rodolfo Alves

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Outubro/2020

Recommended Posts

54 minutos atrás, Carlos Campos disse:

Eu li um documentário da BBC "explicando" as causas do surgimento do grande Deserto do Saara, q segundo estudos já foi uma área coberta por florestas e savanas. Entre as causas da desertificação da região está também as mãozinhas humanas...

 

https://www.google.com/amp/s/www.bbc.com/portuguese/geral-39374825.amp

 

Talvez nosso Centro-Oeste um dia se transforme também numa região árida e desabitada.

Claro, é algo meramente especulativo...

Abraço

A própria hipótese do texto é especulativa e até certo ponto se desmente por si própria. Mas também há aquela teoria - essa melhor comprovada - de que boa parte da chuva que cai na amazônia "depende" da poeira que vem do deserto do Saara. Ou seja, se o Saara não fosse tão seco a Amazônia não seria tão verde.  https://www.bbc.com/portuguese/internacional-43360970  Isso para não falar das teorias, baseadas em achados arqueológicos abundantes, que dão conta de que num passado não tão remoto a Amazônia era predominantemente savânica http://g1.globo.com/natureza/noticia/2014/07/amazonia-cresceu-apos-mudanca-climatica-ha-2-mil-anos-diz-estudo.html O nosso ciclo de vida muito curto nos dá a impressão de que tudo ao nosso redor é eterno, mas os achados científicos tem demonstrado que o clima e os biomas são muito mais variáveis do que nós gostaríamos de acreditar. Sendo o homem frágil como é, para evitar o desespero, ele gosta de alimentar a ilusão de que pode controlar alguma coisa mas não controla nada e o pior, ainda não somos capazes de compreender satisfatoriamente os fenômenos que nos atingem agora mesmo. 

 

Também eu na contagem regressiva pelo fim dessa onda de calor que não deixará saudade.

Edited by marcio valverde
  • Like 10
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
37 minutos atrás, Guilherme Wawrzyniec disse:

Ontem tive mais um dia de inverno em pleno inferno "outubral" que faz pelo Brasil. A máxima do dia foi 12,7ºC com mínima de 9,4ºC.

Hoje o comportamento deve ser diferente dos 2 dias anteriores, podendo ter algumas aberturas de sol com temperatura em elevação, chegando ao pico de 22ºC na quarta pelo GFS e 28ºC pelo Euro, duas máximas bem diferentes para o mesmo dia, Euro está mais porreta na previsão. 

Sensacional essa variação ontem por aí, Guilherme ❤️❤️

Fiz um apanhado da variação térmica/precipitação dos 4 primeiros dias de Outubro em 4 localidades com clima serrano e influenciado fortemente pela situação no oceano.

No final de semana a passagem da ff pelo mar provocou a tão esperada keda de temperatura e retorno da chuva, q não conseguiu avançar muito para o norte, mas produziu muita nebulosidade e gerou ventos frios em toda a área.

AirBrush_20201005093229.thumb.jpg.4d1c4336d43f74143f495983b172cc5a.jpg

  • Like 12

Share this post


Link to post
Share on other sites

O que eu disse foi um exemplo pra separar variações de valores absolutos, mas vou entrar sim no assunto porque gosto e acho muito interessante.

 

Nem falarei de coisas complexas sobre o clima, é só um pouco da hidrologia, que trata do ciclo da água e da biologia das plantas que explica a evapotranspiração (mesmo porque não conseguiria ir muito além disso). A cobertura de uma área vai definir fortemente quanto da chuva que cai irá escoar para os rios e sair rapidamente dessa área em direção ao mar e quanto irá permanecer no local em que caiu. Uma área florestada, ou com qualquer que seja a cobertura vegetal preservada, atrasa o escoamento superficial das águas da chuva e aliada a preservação contra a erosão facilita o armazenamento dessa água no solo.

 

As plantas utilizam essa água puxando-a por suas raízes e pela evapotranspiração essa umidade volta pra atmosfera ao longo dos meses, mesmo durante as estações mais secas, claro que há uma redução substancial da evapotranspiração no período seco mas ela ainda está lá. Falando especificamente da Amazônia, ela armazena a água das chuvas e desempenha um papel regulador fundamental no restante do país tanto das chuvas quanto da própria umidade relativa do ar.  A evapotranspiração na Amazônia ocorre em um ritmo de 3,6 a 4,2 mm por dia, ao passo em que nas áreas de pastagem essa média passa para 1 ou 2 mm diários em épocas chuvosas, o que atua na manutenção ou não da umidade atmosférica.

 

image.thumb.png.1e4ba948883a4b0223555850eeca1129.png

 

Se outros fatores climáticos podem suprimir a falta que a preservação ambiental faz, isso sim "não temos como saber ou prever, etc, etc", portanto acho bem conveniente que preservemos os biomas e que o desmatamento pare justamente porque não sabemos exatamente o que isso tudo pode acarretar. Dica: provavelmente não será algo bom

 

Voltando ao tópico, temos uma manhã bem úmida em Blumenau 20,5C com 95% às 9:40, talvez não esquente tanto quanto o euro previa.

Edited by Felipe Backendorf
  • Like 13
  • Thanks 17

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sol aparecendo e temperaturas subindo em São Paulo, mas ainda longe dos valores que foram observados no mesmo horário nos dias de pico do calor.

Nas estações do CGE no momento temos entre 22 e 24 graus.

mapa_sp_geoserver_estacoes.png.7fc4b36d066497244eff74b2c3a5f96e.png

 

Às previsões, tanto do europeu quanto do meteoblue continuam insistindo em um pico mais fraco para essa semana.

Tempo.com indica maior valor de 36 graus na quarta. Foreca, 35 graus também na quarta. E por fim, meteoblue também com 35 graus, porém amanhã.

Além da mudança do tempo para o final da semana, uma outra boa notícia é que todos eles indicam que teremos a entrada da brisa marítima mais para o final da tarde e assim, o que ajuda um pouco.

  • Like 11

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia.

Amanhecer ameno no Sudoeste do PR. Por enquanto céu com poucos cirrus, e me parece mais fumacento que ontem. 

Previsão do dia é NEBULOSIDADE 

Mínimas:

Fco. Beltrão - 16.7ºC

Pato Branco - 15.2ºC

  • Like 9

Share this post


Link to post
Share on other sites
16 minutos atrás, Felipe Backendorf disse:

O que eu disse foi um exemplo pra separar variações de valores absolutos, mas vou entrar sim no assunto porque gosto e acho muito interessante.

 

Nem falarei de coisas complexas sobre o clima, é só um pouco da hidrologia, que trata do ciclo da água e da biologia das plantas que explica a evapotranspiração (mesmo porque não conseguiria ir muito além disso). A cobertura de uma área vai definir fortemente quanto da chuva que cai irá escoar para os rios e sair rapidamente dessa área em direção ao mar e quanto irá permanecer no local em que caiu. Uma área florestada, ou com qualquer que seja a cobertura vegetal preservada, atrasa o escoamento superficial das águas da chuva e aliada a preservação contra a erosão facilita o armazenamento dessa água no solo.

 

As plantas utilizam essa água puxando-a por suas raízes e pela evapotranspiração essa umidade volta pra atmosfera ao longo dos meses, mesmo durante as estações mais secas, claro que há uma redução substancial da evapotranspiração no período seco mas ela ainda está lá. Falando especificamente da Amazônia, ela armazena a água das chuvas e desempenha um papel regulador fundamental no restante do país tanto das chuvas quanto da própria umidade relativa do ar.  A evapotranspiração na Amazônia ocorre em um ritmo de 3,6 a 4,2 mm por dia, ao passo em que nas áreas de pastagem essa média passa para 1 ou 2 mm diários em épocas chuvosas, o que atua na manutenção ou não da umidade atmosférica.

 

image.thumb.png.1e4ba948883a4b0223555850eeca1129.png

 

Se outros fatores climáticos podem suprimir a falta que a preservação ambiental faz, isso sim "não temos como saber ou prever, etc, etc", portanto acho bem conveniente que preservemos os biomas e que o desmatamento pare justamente porque não sabemos exatamente o que isso tudo pode acarretar. Dica: provavelmente não será algo bom

 

Voltando ao tópico, temos uma manhã bem úmida em Blumenau 20,5C com 95% às 9:40, talvez não esquente tanto quanto o euro previa.

Muito interessante isso q vc exemplificou, Felipe, e é o q eu observo aki no município desde criança (há séculos ha ha).

Temos duas áreas distintas, porém integradas entre si: a região serrana q é coberta pela Mata Subtropical Atlântica ao leste e o planalto à oeste.

A área de serra mantém muita umidade no solo mesmo durante os períodos de estiagem e parte dessa umidade desce pelo planalto pelos pekenos riachos, formando rios maiores (akilo q todo mundo sabe). Não fosse a cobertura florestal, alguns riachos já teriam secado nos últimos meses, fato q não ocorreu. Claro q as represas estão com seus volumes muito baixos, mas o fator agravante é sem dúvida o consumo absurdo de uma população q ultrapassa os 2.000.000 hab. na área metropolitana. 

Hoje o calor retorna ao leste do Paraná e espero a chuva na quinta-feira com muita ansiedade..

  • Like 13
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
38 minutos atrás, Carlos Campos disse:

Sensacional essa variação ontem por aí, Guilherme ❤️❤️

Fiz um apanhado da variação térmica/precipitação dos 4 primeiros dias de Outubro em 4 localidades com clima serrano e influenciado fortemente pela situação no oceano.

No final de semana a passagem da ff pelo mar provocou a tão esperada keda de temperatura e retorno da chuva, q não conseguiu avançar muito para o norte, mas produziu muita nebulosidade e gerou ventos frios em toda a área.

AirBrush_20201005093229.thumb.jpg.4d1c4336d43f74143f495983b172cc5a.jpg

aqui na AHU registrou-se 15 mm num dia e 0,5 mm no outro (sábado e domingo)
Acredito que por conta daquela chuva forte que falei que começou no sábado.

  • Like 6
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 minutos atrás, Rafael Rezende de loyola disse:

aqui na AHU registrou-se 15 mm num dia e 0,5 mm no outro (sábado e domingo)
Acredito que por conta daquela chuva forte que falei que começou no sábado.

Sim, e foi uma chuva q atingiu bem o norte da capital.

Aki ficamos com pouca chuva e muita trovoada.

Acumulou apenas 5 mm 

  • Like 8

Share this post


Link to post
Share on other sites

Com certeza, esta será a semana mais longa de 2020, por conta da ansiedade pela mudança de padrão atmosférico e pelo fim do calorão. 

 

Se preparem! 

  • Like 13
  • Haha 1
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tempo maravilhoso aqui hoje: Céu nublado e brisa suave de sul.

A mínima nem foi tão baixa: 18,3˚C. Mas agora, 11h, temos apenas 21,7˚C. 8 graus mais fresco que anteontem neste horário.

Estamos tendo esta pausa na loucura meteorológica hoje. De amanhã até o fim de semana deve ter o round final do calorão 2020. Haja saúde.

  • Like 10
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Para cá, pelo o que as previsões indicam, essa segunda parte da onda de calor que está por vir será mais fraca e curta que a anterior, mas nada definido por enquanto, já que a primeira parte foi muito subestimada, principalmente nas mínimas.

Edited by Felipe S Monteiro
  • Like 6
  • Thanks 1
  • Confused 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
12 minutos atrás, Felipe S Monteiro disse:

Pelo o que as previsões indicam, essa segunda parte da onda de calor que está por vir será mais fraca e curta que a anterior, mas nada definido por enquanto, já que a primeira parte foi muito subestimada, principalmente nas mínimas.

Em Altônia? Por que no Brasil já está sendo mais forte.

  • Like 3
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
10 horas atrás, sjmolive disse:

Aproveitando...

 

Acho que precisamos ter uma explicação científica para esta onda de calor excepcional que estamos vivendo.

Alguém já viu uma explicação realmente plausível para tudo isso? Eu ainda, não.

 

Ex: A questão da alteração dos biomas é muito complexa - por exemplo, a mata atlântica já estava bem antropizada lá nos anos 70 e nem por isso tivemos algo parecido naquela época, ao menos no domínio da própria mata atlântica. Aliás o plantio de café em extensas áreas do RJ, ES, MG e leste de SP representava uma tragédia ambiental há 60 ou 80 anos atra's. E nem por isso vimos impactos no clima relevantes em função disso.  (Hoje, felizmente, a cafeicultura toma outros rumos, mais sustentáveis.)

 

Além disso a contribuição da evapotranspiração local para o padrão climático local para mim ainda não está bem explicado. A circulação atmosférica global determina o bioma ou vice-versa? Ou é uma inter-relação entre os dois? Em que proporção e em quais circunstâncias?

 

Enfim, temos mais dúvidas que certezas.

 

Eu fico intrigado é que tem gente que jura saber como vai estar o clima do planeta lá no final do século. Mas não consegue prever ou explicar a excepcionalidade que estamos vivendo agora. Tenho a sensação é que sobra torcida, parcialidade e  falta seriedade nas ciências atmosféricas.

 

Se alguém tiver alguma certeza ou boa explicação, compartilhe, por favor.

 

Concordo bastante com o que foi dito...

 

Amigos, todo mundo aqui sabe que preservar os biomas é importante também pra fauna/flora e vários outros aspectos (que não vamos adentrar), creio que ninguém ignora isso. Porém, como não poderia deixar de ser, o foco aqui é climático. Se eu levantar a hipótese de que a Amazônia não é a principal causadora das chuvas no Brasil, não significa que apoio o desmatamento, ok? Esclarecido isso, deixo uma opinião:

 

Também acho que tem especulação demais pra respostas de menos e muitas explicações tem furos graves que são frutos justamente do desconhecimento. O que todo mundo aqui sabe é que houve uma mudança geral no padrão de clima no Brasil principalmente após 2012, quase que um botão foi apertado e começaram a surgir bloqueios mais intensos. Isso não tem associação com quantidade de bioma preservado pois, se fosse uma relação de causa-efeito simples, as chuvas deveriam diminuir progressivamente há décadas, o que não acontece (maior seca 1963 x chuvas extremas 2011). Isso não significa que a evapotranspiração das plantas da Amazônia, Cerrado e demais biomas seja insignificante, mas acho que há fatores muito mais importantes que eles.

 

Também é importante não confundir degradação ambiental x clima. A destruição de uma área de APP (mata ciliar, por exemplo) pode diminuir o volume de um rio (ou secar no período de estiagem, caso o mesmo seja menos robusto) ou impactar na qualidade do solo, não porque choveu menos. Da mesma forma, a descobertura de uma encosta pode agravar um processo de erosão, não porque choveu mais. É importante separar os fatores pra não "atacar na fonte errada" e assim, além de não resolver, gerar mais confusão. Ambientalista de verdade separa o que é paixão do que é ciência.

 

Como outros colegas disseram, é importante manter as áreas verdes do país por N motivos e, principalmente, por não sabermos os reais efeitos no clima (=precaução).

.

.

.

A previsão continua sendo de calor extremo em Belo Horizonte essa semana, com chance de recordes históricos, porém o pico seria na sexta e não mais sábado, que já seria menos intenso e com pancadas de chuva pondo um fim à onda de calor. A partir de domingo, uma longa de sequência de dias úmidos, com chuva e máximas de 25/26C nos aguarda.

 

  • Like 16
  • Thanks 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
16 minutos atrás, Felipe S Monteiro disse:

Pelo o que as previsões indicam, essa segunda parte da onda de calor que está por vir será mais fraca e curta que a anterior, mas nada definido por enquanto, já que a primeira parte foi muito subestimada, principalmente nas mínimas.

As previsões do Simepar são bem preocupantes aqui pro sudoeste, e olha que eles subestimaram TODAS as máximas de semana passada por aqui.

Já para essa semana indicam 39º fucking graus em Beltrão, nunca vi uma previsão tão absurda kkk

  • Like 6
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Para hoje nenhuma grande novidade em relação a ontem, só o calor que estava centrado em GO está voltando a se expandir... e dessa vez em altura é mais forte em relação a última. Só torço diariamente para que alguma estação do INMET bata Bom Jesus do Piauí logo!

ecmwf-deterministic-brarg-t925-1920800.thumb.png.eea991b8f49f9a8255bd4cc4d6713ff2.png

 

  • Like 13
  • Thanks 1
  • Haha 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Previsão da Climatempo para Belo Horizonte. E o detalhe é que no sábado eles também apontam 38ºC de máxima. 3 dias com 38ºC e 4 com  37ºC ou mais. 

 

Se levar em consideração a região da Pampulha, sim, pode acontecer. Mas na convencional acho difícil demais estes valores por 4 dias. 

 

1241567100_WhatsAppImage2020-10-05at12_09_51.thumb.jpeg.bdba9b1ba8c04c8fa5aa220b7dd405bf.jpeg

  • Like 13
  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
26 minutos atrás, Vitor Hugo disse:

As previsões do Simepar são bem preocupantes aqui pro sudoeste, e olha que eles subestimaram TODAS as máximas de semana passada por aqui.

Já para essa semana indicam 39º fucking graus em Beltrão, nunca vi uma previsão tão absurda kkk

Pra cá a Simepar prevê 34°-38° até quinta, e na sexta um pico de 41°, já na semana passada foram quatro máximas sob 40° e duas sob 41°, mas como eu já disse no meu outro post, não é 100% definido que essa vai ser menos forte.

  • Like 6
  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Texto gringo destacando a metade sul do Brasil como um dos locais que tiveram um maio mais frio que o normal no mundo em 2020, junto com a metade leste dos EUA, centro e leste do Canadá, partes do sul da Ásia, Austrália e parte da Europa da Escandinávia aos Bálcãs e Mar Negro, o trimestre março-maio também foi ligeiramente mais frio que o normal no Centro-Sul brasileiro, este ano ficou mais quente que o normal a partir de junho no Sudeste e Centro-Oeste, na Austrália maio de 2020 foi o quinto mês desde outubro de 2016 com temperatura abaixo da média: https://climate.copernicus.eu/surface-air-temperature-may-2020

Edited by Leandro Leite
  • Like 6
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
28 minutos atrás, Augusto Göelzer disse:

Para hoje nenhuma grande novidade em relação a ontem, só o calor que estava centrado em GO está voltando a se expandir... e dessa vez em altura é mais forte em relação a última. Só torço diariamente para que alguma estação do INMET bata Bom Jesus do Piauí logo!

ecmwf-deterministic-brarg-t925-1920800.thumb.png.eea991b8f49f9a8255bd4cc4d6713ff2.png

 

 
Tem muita fumaça no norte da Planície do Pantanal:48C4EF7E-9863-4112-BACB-E0AB2B376C35.png.66eeb736e486906ec2c73f95874aab55.png

 

Ela pode dificultar o aumento da temperatura na região de Cuiabá? 

  • Like 9
  • Sad 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
58 minutos atrás, LeoP disse:

 

Concordo bastante com o que foi dito...

 

Amigos, todo mundo aqui sabe que preservar os biomas é importante também pra fauna/flora e vários outros aspectos (que não vamos adentrar), creio que ninguém ignora isso. Porém, como não poderia deixar de ser, o foco aqui é climático. Se eu levantar a hipótese de que a Amazônia não é a principal causadora das chuvas no Brasil, não significa que apoio o desmatamento, ok? Esclarecido isso, deixo uma opinião:

 

Também acho que tem especulação demais pra respostas de menos e muitas explicações tem furos graves que são frutos justamente do desconhecimento. O que todo mundo aqui sabe é que houve uma mudança geral no padrão de clima no Brasil principalmente após 2012, quase que um botão foi apertado e começaram a surgir bloqueios mais intensos. Isso não tem associação com quantidade de bioma preservado pois, se fosse uma relação de causa-efeito simples, as chuvas deveriam diminuir progressivamente há décadas, o que não acontece (maior seca 1963 x chuvas extremas 2011). Isso não significa que a evapotranspiração das plantas da Amazônia, Cerrado e demais biomas seja insignificante, mas acho que há fatores muito mais importantes que eles.

 

Também é importante não confundir degradação ambiental x clima. A destruição de uma área de APP (mata ciliar, por exemplo) pode diminuir o volume de um rio (ou secar no período de estiagem, caso o mesmo seja menos robusto) ou impactar na qualidade do solo, não porque choveu menos. Da mesma forma, a descobertura de uma encosta pode agravar um processo de erosão, não porque choveu mais. É importante separar os fatores pra não "atacar na fonte errada" e assim, além de não resolver, gerar mais confusão. Ambientalista de verdade separa o que é paixão do que é ciência.

 

Como outros colegas disseram, é importante manter as áreas verdes do país por N motivos e, principalmente, por não sabermos os reais efeitos no clima (=precaução).

.

.

.

A previsão continua sendo de calor extremo em Belo Horizonte essa semana, com chance de recordes históricos, porém o pico seria na sexta e não mais sábado, que já seria menos intenso e com pancadas de chuva pondo um fim à onda de calor. A partir de domingo, uma longa de sequência de dias úmidos, com chuva e máximas de 25/26C nos aguarda.

 

 

Aqui no sul é bem evidente um grande aumento da quantidade de chuva desde a normal 1961-1990 e são Paulo pelo que sei idem, ainda que dizem ser uma chuva mais irregular e menos constante, tipo uma troca pela calma chuva causada pela ZCAS por temporais fortes de verão como é típico no sul. Aumento de chuvas em locais úmidos é o que se espera de um planeta em aquecimento, onde a atmosfera comporta mais vapor de água.

 

Agora com a questão de ondas de calor na época de seca acho que essa umidade pode sim fazer muita falta pra frear a formação de uma massa de ar tão quente e seca. Como o Wallace disse outro dia: sinoticamente não tem nada demais nessa onda de calor, porém as temperaturas estão ridiculamente altas.

  • Like 16
  • Thanks 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
37 minutos atrás, Felipe Backendorf disse:

 

Aqui no sul é bem evidente um grande aumento da quantidade de chuva desde a normal 1961-1990 e são Paulo pelo que sei idem, ainda que dizem ser uma chuva mais irregular e menos constante, tipo uma troca pela calma chuva causada pela ZCAS por temporais fortes de verão como é típico no sul. Aumento de chuvas em locais úmidos é o que se espera de um planeta em aquecimento, onde a atmosfera comporta mais vapor de água.

 

Agora com a questão de ondas de calor na época de seca acho que essa umidade pode sim fazer muita falta pra frear a formação de uma massa de ar tão quente e seca. Como o Wallace disse outro dia: sinoticamente não tem nada demais nessa onda de calor, porém as temperaturas estão ridiculamente altas.

SECURA, COMO HAVIA FALADO, QUANDO A ESTAÇÃO CHUVOSA ATRASA A CHANCE DE FORMAR MASSAS DE AR QUENTE ACIMA DO PADRÃO AUMENTA, POIS A ENERGIA VAI TODA PARA O CALOR. DE 12/15 DE OUTUBRO EM DIANTE COMEÇA A MINAR OS AR SECO E VOLTA, GRADUALMENTE, AO NORMAL. FORA OS CICLOS QUE NÃO SABEMOS COMO SÃO POR NÃO TER DADOS CONFIÁVEIS E LONGOS. CALOR E FRIO EXTREMOS OCORRER E VÃO CONTINUAR, RESTA SABER A FREQUÊNCIA.

  • Like 12
  • Thanks 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Estamos com calor tolerável de 27,4º agora, mas não dura muito tempo (pois amanhã já volta a ficar bem desconfortável). A diferença é que, desta vez, temporais isolados serão prováveis, uma vez que a bolha quente de alta pressão estará em uma outra posição, desta vez favorecendo um pouco mais a ocorrências de trovoadas por aqui.

 

Junta-se isso às grandes instabilidades pré-frontais que se formarão entre Sexta e Sábado, e eu vejo grandes chances de boas tempestades nesses dois dias aqui no leste do Sudeste. 

 

Falando sobre a onda de calor: Quer dizer que ninguém conseguiu superar Bom Jesus do Piauí ainda ? Nem a estação da toca do Nelore ?

  • Like 7
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

39,9 C de máxima em Primavera do Leste entre 11 e meio dia local, falta muito pouco, vai quarentar!🥵

Edited by Leandro Leite
  • Like 4
  • Sad 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

PICOS ATÉ 13 HS.

 

 

RONDONÓPOLIS- MT: 42.2°C.

 

SÃO GABRIEL DO OESTE-MS (650 METROS): 42.3°C.

 

ÁGUA CLARA-MS: 43.7°C.

 

GUIRANTINGA-MT: 43.7°C.

Edited by Maicon
  • Like 13
  • Sad 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

40,2 C no Rio Sapé, baixada rural no município primaverense, 602 m, após mínima de 18 C, as madrugadas lá são boas, o duro é depois que amanhece.

Edited by Leandro Leite
  • Like 8

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dia muito quente em Curitiba, 29,3 agora.

Tá impressionando a quantidade de dias perto ou superior a 30 de setembro pra cá.

Ano estragou totalmente.

  • Like 5
  • Thanks 1
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 minutos atrás, Maicon disse:

PICOS ATÉ 13 HS.

 

 

RONDONÓPOLIS- MT: 42.2°C.

 

SÃO GABRIEL DO OESTE-MS (650 METROS): 42.3°C.

 

ÁGUA CLARA-MS: 43.7°C.

 

GUIRANTINGA-MT: 43.7°C.

Incrível essa cidade de Água Clara, quase todo dia dando 43C. Quem aguenta?

  • Like 2
  • Sad 6

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 minutos atrás, Maicon disse:

PICOS ATÉ 13 HS.

 

 

RONDONÓPOLIS- MT: 42.2°C.

 

SÃO GABRIEL DO OESTE-MS (650 METROS): 42.3°C.

 

ÁGUA CLARA-MS: 43.7°C.

 

GUIRANTINGA-MT: 43.7°C.

Interessante é que São Gabriel teve máxima de um dígito, de tarde, em agosto, algo que eu gostaria de ver em Primavera um dia, tem quase 25 anos que não dá um frio desses de tarde🥶🥶

  • Like 2
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 minutos atrás, Matheus Vinicius disse:

Dia muito quente em Curitiba, 29,3 agora.

Tá impressionando a quantidade de dias perto ou superior a 30 de setembro pra cá.

Ano estragou totalmente.

ficamos 4 meses no meu registro sem dias com 30,0 ou mais.
teve um em Agosto, 8 em setembro, já são 3 em Outubro de 5 dias...

Edited by Rafael Rezende de loyola
  • Like 8

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 minutos atrás, luizfbonfim disse:

Incrível essa cidade de Água Clara, quase todo dia dando 43C. Quem aguenta?

Roupas pesadas são indispensáveis em Água Clara em certos anos, principalmente pra quem acorda cedo, 0C, 1 C de mínima, este ano não baixou tudo isso.

Edited by Leandro Leite
  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

44 C em Santa Salete ontem, micro cidade com uma leve marca negativa em julho do ano passado, -0,1 C, é o relevo de baixada que explica tanto potencial pra frio e calor? Caso também de Água Clara?

Edited by Leandro Leite
  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 minutos atrás, Rafael Rezende de loyola disse:

ficamos 4 meses no meu registro sem dias com 30,0 ou mais.
teve um em Agosto, 8 em setembro, já são 3 em Outubro de 5 dias...

Queria que aqui estivesse igual a porto alegre, lá meses e meses sem calor continuo.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
46 minutos atrás, Renan disse:

Estamos com calor tolerável de 27,4º agora, mas não dura muito tempo (pois amanhã já volta a ficar bem desconfortável). A diferença é que, desta vez, temporais isolados serão prováveis, uma vez que a bolha quente de alta pressão estará em uma outra posição, desta vez favorecendo um pouco mais a ocorrências de trovoadas por aqui.

 

Junta-se isso às grandes instabilidades pré-frontais que se formarão entre Sexta e Sábado, e eu vejo grandes chances de boas tempestades nesses dois dias aqui no leste do Sudeste. 

 

Falando sobre a onda de calor: Quer dizer que ninguém conseguiu superar Bom Jesus do Piauí ainda ? Nem a estação da toca do Nelore ?

 

Em Itiquira, na estação da fazenda toca do nelore, a máxima de 44,8C dia 30/09 superou Bom Jesus. Mas é PWS, das do INMET nenhuma superou ainda o recorde fake do Piauí

 

Aliás Itiquira já bateu 44,8C hoje de novo, dia de calor extremamente severo no Centro oeste mas parece que se formaram bastante nuvens.

Edited by Felipe Backendorf
  • Like 9

Share this post


Link to post
Share on other sites
14 minutos atrás, Leandro Leite disse:

44 C em Santa Salete ontem, micro cidade com uma leve marca negativa em julho do ano passado, -0,1 C, é o relevo de baixada que explica tanto potencial pra frio e calor? Caso também de Água Clara?

 

Acho que é isso + o fato da grande continentalidade.

 

Sobre Itiquira, que loucura! Uma pena que a oficial do INMET não tá funcionando.

 

 

Edited by Igor Almeida
  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Depois da boa chuva de 60mm do sábado, tivemos uma noite de sábado e domingo fresquinhos, agora já "trintamos" novamente(30,8ºC as 15:00 hs).

Edited by JOÃO MARCOS
  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

ÁGUA CLARA-MS: 44.6°C!

 

SEGUNDO MAIOR VALOR JÁ REGISTRADO EM TODA HISTÓRIA DO BRASIL EM UMA ESTAÇÃO OFICIAL.

 

Edited by Maicon
  • Like 18
  • Thanks 4
  • Sad 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

ANOTA AÍ...

 

CAMPO GRANDE-MS: 41°C

 

NOVO RECORDE

  • Like 13
  • Thanks 2
  • Haha 1
  • Sad 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aqui em Tangara da Serra - MT o dia amanheceu com uma densa fumaca por toda a cidade, temos 38,4  C no momento, provavelmente por conta da fumaca nao devemos ir alem dos 40.

  • Like 4
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Meu receio é a estação Nova Maringá MT que segundo os colegas aqui do fórum está bugada , roubar o recorde fake de Bom Jesus PI , seria a troca de um fake por outro.

  • Like 8
  • Haha 3
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ainda que estas cidades do leste sul-matogrossense ou noroeste paulista, cheguem a 0°C ou até registram negativas certos anos, você usa blusa mais pesada por poucos dias.

Em Dourados, Ponta Porã etc, já muda.

 

Tenho parentes na região de Dracena, e também em Araçatuba. Às vezes, também possuem temperaturas baixas por lá, mas o frio e ambientes internos mais frios não é constante. 

 

Quando eles estão aqui no sul de Minas, passam mais frio. Mesmo a estação encosta do Inmet Varginha (que nunca chegou a 0°C - aprsar das baixadas atingirem esses valores), aqui podemos ter mês com média mínima na casa dos 9/10°C no Inmet, e 6/7°C nas baixadas. 

 

Aqui não temos grandes inversões de temperatura, sub-20 não são muitas, sub-15 bem raras, mas o frio noturno é absolutamente comum. Sinto mais frio em Varginha que em Londrina - apesar do dinamismo de Londrina no inverno - que não chega aos pés de uma Cianorte, Umuarama da vida, bem continentais. 

  • Like 9

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

1 minuto atrás, Victor Naia disse:

Ainda que estas cidades do leste sul-matogrossense ou noroeste paulista, cheguem a 0°C ou até registram negativas certos anos, você usa blusa mais pesada por poucos dias.

Em Dourados, Ponta Porã etc, já muda.

 

Tenho parentes na região de Dracena, e também em Araçatuba. Às vezes, também possuem temperaturas baixas por lá, mas o frio e ambientes internos mais frios não é constante. 

 

Quando eles estão aqui no sul de Minas, passam mais frio. Mesmo a estação encosta do Inmet Varginha (que nunca chegou a 0°C - aprsar das baixadas atingirem esses valores), aqui podemos ter mês com média mínima na casa dos 9/10°C no Inmet, e 6/7°C nas baixadas. 

 

Aqui não temos grandes inversões de temperatura, sub-20 não são muitas, sub-15 bem raras, mas o frio noturno é absolutamente comum. Sinto mais frio em Varginha que em Londrina - apesar do dinamismo de Londrina no inverno - que não chega aos pés de uma Cianorte, Umuarama da vida, bem continentais. 

 

No duro no duro, o que faz o cara passar frio não é o fator "baixas temperaturas", é o fator "baixas temperaturas e máximas baixas por vários dias seguidos", pois a pessoa sente frio quando a casa dela esfria (ou o trabalho, ou qualquer outro ambiente no qual ela vai ficar o dia todo). A não ser que a pessoa trabalhe ao ar livre!
 

Aqui em São Carlos, 37.3º. Segundo maior valor da história da automática. 

 

 

  • Like 9
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 horas atrás, Eclipse disse:

Bom dia.

Apesar de eu amar frio, eu não gosto de escuridão. Portanto, fico muito feliz que agora às 5:40 já vejo claridade, mesmo com céu acinzentado.

 

No momento 17 °C em POA e poderemos chegar a 26 °C de tarde. Aquecemos ~+3 °C desde a meia-noite. Primavera de volta.

 

No meu caso é mais complexo: gosto de frio, gosto de dias bem escuros, mas nao gosto que seja noite. Mas também nao gosto que seja dia logo cedo, porque torna o processo de acordar muito rápido e me causa irritacao. Queria que a claridade fosse das 9h as 19h no inverno (pegando a quantidade de horas que tem claridade em Buenos Aires) e das 6h30 às 21h no verao, mas quase sempre com tempo bem cinza.

 

Gente, como esquentou em Sao Paulo, né? Nao esperava, ainda mais com o dia comecando nublado e fresco, mas já temos vários 36-37°C pelas estacoes do CGE. No extremo sul, 21°C (aliás hoje nao chegou nem a 27°C lá), diferenca de DEZESSEIS GRAUS entre bairros agora:

image.thumb.png.abb0658afc2e9c7dbe247353e9ac3359.png

 

A brisa marítima já pega toda a zona sul, o ABC e comecou a entrar em Sao Mateus. Apesar das máximas super altas na maior parte da cidade, parece que logo teremos temperaturas mais civilizadas.

Edited by Fábio De Nittis
  • Like 10
  • Sad 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
7 minutos atrás, Igor Almeida disse:

 

 

No duro no duro, o que faz o cara passar frio não é o fator "baixas temperaturas", é o fator "baixas temperaturas e máximas baixas por vários dias seguidos", pois a pessoa sente frio quando a casa dela esfria (ou o trabalho, ou qualquer outro ambiente no qual ela vai ficar o dia todo). A não ser que a pessoa trabalhe ao ar livre!
 

Aqui em São Carlos, 37.3º. Segundo maior valor da história da automática. 

 

 

Eu senti isso morando em Beltrão, aqui nas ondas polares geralmente ficamos 3 a 4 dias com mínimas negativas ou próximas de zero, mas nos primeiros dias vc nem sente tanto assim (a não ser quando saia de casa), o ruim é quando a casa começa a congelar, uns 4 dias depois, daí pode estar 25ºC lá fora que vc tem que usar blusa dentro da própria casa kkk

  • Like 10
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 horas atrás, Carlos Campos disse:

Bom dia....

 

 

Oi...?..  🤔

5d1a74ea2400005117934461.thumb.jpeg.769af8b9904d207d9a93a3eb3bbcdb90.jpeg

 

 

essa selfie é antiga, foi na minha fase EMO.

 

 

 

Aliás, me EMOcionei com a floppada no calorzinho de hoje, apenas 22 °C em POA. Eram esperados uns ~25 e 26 °C. Ueeeebaaa!!

  • Like 6
  • Haha 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Carlos Campos disse:

Ontem tínhamos neste horário 20°C e hoje temos 30°C 👇Screenshot_20201005-140645.thumb.png.f5792a1caea6c6712e56866aaede3b3d.png

aqui bateu na trave dos 30: 29,7 mas deu uma caida já. Talvez essa tenha sido a máxima aqui.

OPS: isso na Pilarzinho. Eu tinha mudado pra ela, achei que estava na AHU. Na AHU bateu 30,1

Edited by Rafael Rezende de loyola
  • Like 5
  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.