Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Rodolfo Alves

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Fevereiro/2020

Recommended Posts

Máximas no Paraná hoje, aqui em Altônia 34,1°, a maior do mês até agora

 

Destaques no Paraná:

Loanda 37,5°

Paranavaí 35,8°

Baixo Iguaçu 35,4°

Cerro Azul 35,1°

Cidade Gaúcha 35°

18997.jpg

  • Like 10
  • Thanks 1
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Parciais de Fevereiro - Primeira Quinzena (Lins e Bacuriti)
image.png.d82e04a54090c57768f732cb27b0ee69.png

Lins costuma ser mais quente que Bacuriti pela concentração urbana, hoje a Tmáx lá foi de 35ºC. De longe o dia mais quente de Fevereiro. A Tmáx média está 1,4ºC abaixo da normal climatógica (31,8ºC), enquanto a Tmín média com 0,4ºC positivo (20,4ºC). O índice pluviométrico foi de 153,4mm em Bacuriti e 145,2mm em Lins. Apesar de hoje ter sido quente, no geral o mês tem tido boas chuvas e temperaturas bem comportadas, espero que a próxima quinzena não descambe toda essa conquista dos primeiros 15 dias..

Obs: não coloquei os dados de temperatura de Bacuriti pq eu não tenho precisão de máx e mín, uma vez que é um simples termômetro que fica no quintal e faço a leitura de forma manual, e daí sempre perco os valores absolutos. Sobre a precipitação, segue a regra do INMet 10/10UTC, chuva do dia 31 de janeiro entrou para o dia 1º de fevereiro, aqui segue a minha regra que é 00:00/23:59 horário de Brasília, chuva que cai hoje pertence à hoje.   

Edited by Lucas Centurion
  • Like 8

Share this post


Link to post
Share on other sites
Just now, Felipe F said:

Outros acumulados significativos registrados nesta semana nas estações Cooxupé.

 

Alto Paranaíba:

101,2 mm em Rio Paranaíba - 12/02

135,6 mm em Monte Carmelo - 13/02

 

Sul de Minas:

159,2 mm em Campo Gerais - 11/02

162,4 mm em Alfenas - 11/02

 

Só chuvão aí no sul de minas. Impressionante! Tomara que Furnas dê uma reagida.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aqui no RS, até mesmo em anos ruins, geralmente aparece uma FF generosa na última semana de fevereiro.

Tbm, mesmo em anos ruins, março é bem diferente de janeiro e fevereiro, principalmente no comportamento das máximas. Longas sequências de 32 C pra cima costumam ficar pra segunda quinzena de dezembro e os meses de J e F.

O que costuma manter março com traços de verão climático por aqui é a persistência de mínimas altas, porém as primeiras incursões que trazem madrugadas até a faixa de 13 C voltam a ter maior frequência.

Mas, no geral, em quase todos os anos em POA há uma clara mudança de padrão que se inicia na última semana de fevereiro, de forma tímida, por mais podre que tenha sido DJF. 

As grandes excessões que lembro agora talvez foram Março 2002 e Abril 2018. Ambos com cara de Janeiro.

Abril 2016 foi ruim na segunda e terceira semanas. Abril 18 foi todo ruim, cara de auge de verão mesmo. 

 

O interessante dessa história toda é que ter março e abril bons não é sinal de inverno bom aqui no RS.

 

2002 teve um março podre, mas um ótimo inverno.

 

2016 teve um fevereiro horrível sem alívio nem na última semana . Depois, aquela onda de calor em abril, fechando o segundo abril mais quente de POA. Porém, foi o melhor inverno da década em duração e intensidade (da última semana de abril com MPs relevantes primavera adentro, e frio extremo em junho)

 

2018 teve o abril mais quente da história de POA e depois frio constante e bom da segunda quinzena de maio até o fim de agosto.

 

Enquanto que 2015 teve um marco e abril bons, e todos lembramos do que veio depois.

 

 

 

Edited by Eclipse
  • Like 6
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Just now, Eclipse said:

Aqui no RS, até mesmo em anos ruins, geralmente aparece uma FF generosa na última semana de fevereiro.

Tbm, mesmo em anos ruins, março é bem diferente de janeiro e fevereiro, principalmente no comportamento das máximas. Longas sequências de 32 C pra cima costumam ficar pra segunda quinzena de dezembro e os meses de J e F.

O que costuma manter março com traços de verão climático por aqui é a persistência de mínimas altas, porém as primeiras incursões que trazem madrugadas até a faixa de 13 C voltam a ter maior frequência.

Mas, no geral, em quase todos os anos em POA há uma clara mudança de padrão que se inicia na última semana de fevereiro, de forma tímida, por mais podre que tenha sido DJF. 

As grandes excessões que lembro agora talvez foram Março 2002 e Abril 2018. Ambos com cara de Janeiro.

Abril 2016 foi ruim na segunda e terceira semanas. Abril 18 foi todo ruim, cara de auge de verão mesmo. 

 

 

 

 

 

Nessa discussão de verão/outono climático seria interessante pegar os dados de março (primeira e segunda quinzena) de várias estações no Sul do Brasil e fazer um compilado das temperaturas máximas e mínimas, daí daria para ter uma boa noção mesmo de quando acaba o verão e começa o outono. Já aqui no interior de SP pra ser sincero não percebo nenhuma diferença, mas lembro que abril já começa a ter mínimas mais baixas apesar das máximas. 

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

Considerando os anos em que março foi o mês mais quente no século XXI; Curitiba, São Paulo e Rio de Janeiro seguiram exatamente o mesmo padrão, ou seja: 2002, 2007 e 2018.  Se vê que março ser o mês mais quente da temporada não é “o esperado”, mas também está longe de ser excepcional nestas cidades, acontece de vez em quando.  Torcendo para 2020 não engrossar esta lista.

 

Já em Porto Alegre, março foi o mês mais quente do ano apenas em 2002 no século atual (pela maior latitude, é mais difícil de acontecer, faz sentido), com 25,9ºc de compensada.  Não custa lembrar o longínquo março de 1926, quando segundo um relatório antigo que consultei (e foi postado neste fórum em outro tópico) várias estações no interior do RS registraram recorde de média das máximas (superando as maiores médias de DJF no século XX em várias estações), uma bizarrice das maiores.

 

2001/2002

 

Curitiba:

d: 20,2ºc

J: 21,2ºc

F: 20,6ºc

M: 22,3ºc

 

São Paulo:

d: 21.7ºc

J: 22,8ºc

F: 21,8ºc

M: 24,1ºc

 

Rio de Janeiro/Galeão:

d: 25,5ºc

J: 26,8ºc

F: 26ºc

M: 27,4ºc

 

2006/2007:

 

Curitiba:

d: 21,2ºc

J: 21,4ºc

F: 21,6ºc

M: 22,6ºc

 

São Paulo:

d: 22,7ºc

J: 22,8ºc

F: 23,7ºc

M: 24,1ºc

 

Rio de Janeiro/Galeão:

d: 26,8ºc

J: 26ºc

F: 27,5ºc

M: 27,9ºc

 

2017/2018:

 

Curitiba:

d: 20,6ºc

J: 20,9ºc

F: 20ºc

M: 21,5ºc

 

São Paulo:

d: 22,9ºc

J: 23ºc

F: 22,5ºc

M: 23,8ºc

 

Rio de Janeiro/Galeão:

d: 26,4ºc

J: 27,4ºc

F: 26,5ºc

M: 27,5ºc

Edited by Wallace Rezende
  • Like 10

Share this post


Link to post
Share on other sites
35 minutos atrás, Lucas Centurion disse:

Nessa discussão de verão/outono climático seria interessante pegar os dados de março (primeira e segunda quinzena) de várias estações no Sul do Brasil e fazer um compilado das temperaturas máximas e mínimas, daí daria para ter uma boa noção mesmo de quando acaba o verão e começa o outono. Já aqui no interior de SP pra ser sincero não percebo nenhuma diferença, mas lembro que abril já começa a ter mínimas mais baixas apesar das máximas. 

No Sul do Rio Grande do Sul muda de uma maneira bem perceptível, nas outras regiões nem tanto. Quando digo que muda padrão não estou dizendo que não irá fazer calor, faz calor em Junho e Julho nao iria fazer em março ? Agora não de maneira sequencial como no período em dezembro e fevereiro.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
41 minutos atrás, Lucas Venturini disse:

Não meu querido... Março tem uma dinâmica diferente de Dezembro, Janeiro e Fevereiro que são os meses de verão.. Por motivos óbvios que não preciso explicar porque tu deve saber....

O verão de Curitiba se seguisse a normal climatológica já seria muito bom, no mês de março ele cai quase um grau em relação ao mês anterior que é esse que estamos vivendo 

Como é que não há mudança de padrão ???

Isso não è opinião e fatos...

Agora não use uma exceção para justificar a regra, por mais que nos tempos bizarros de aquecimento global a gente esta vivendo uma bagunça climatológica sempre com desvios positivos, mas mesmo assim, você querer jogar o mês de março na mesma panela de dezembro a janeiro e fevereiro é uma completa ignorância !!!

Talvez aí na região sudeste não tem mudança de padrão aqui na região Sul tem

 

Acho que você interpretou minha mensagem de forma errada e então me respondeu de forma agressiva e desnecessária, por isso eu disse logo no início "não estou querendo provocar", mas sim entender a sua mensagem, mas enfim. Eu não falei que Março tem a mesma dinâmica de DJF, com certeza já ocorrem mudanças, principalmente aí no Sul. Mas eu também não acho que o verão climático "acaba" daqui a 15 dias exclusivamente porque mudamos para Março. Na verdade, nós precisamos dessas definições para ter alguma forma de contar os dias das estações, mas como sabemos, os padrões atmosféricos gerais não obedecem de forma rigorosa o calendário. 

 

Além disso, como muitos aqui já alertaram, cuidado com as expectativas em relação a Março e Abril, hehehe.

 

Enfim, eu entendi o que você quis dizer, embora nesse caso, se é para se fixar em uma data, eu prefira ficar com a data do fim do verão astronômico, marcado para o dia 20 de Março. Cada um com sua data, e sejamos felizes. 

 

#PAZ

Edited by Renan
  • Like 9

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 minutos atrás, Lucas Venturini disse:

No Sul do Rio Grande do Sul muda de uma maneira bem perceptível, nas outras regiões nem tanto. Quando digo que muda padrão não estou dizendo que não irá fazer calor, faz calor em Junho e Julho nao iria fazer em março ? Agora não de maneira sequencial como no período em dezembro e fevereiro.

Entendi o que você quer dizer, em março a circulação atmosférica começa a mudar em relação aos meses de dezembro, janeiro e fevereiro. As maiores precipitações começam a migrar para norte, os raios solares vão se inclinando principalmente abaixo do paralelo 20S e as primeiras massas polares chegam no centro-norte da Argentina, Uruguai, Sul do Brasil e de maneira mais fraca aos Estados do MS e SP.

Quanto mais afastado dos trópicos mais nítida é a mudança, enquanto para a maioria isto é pouco perceptível. Nas médias de temperatura, exceto o Sul realmente a diferença é mínima, já que este mês é um divisor de água entre a época quente e a época fria.

  • Like 3
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Just now, Lucas Venturini said:

No Sul do Rio Grande do Sul muda de uma maneira bem perceptível, nas outras regiões nem tanto. Quando digo que muda padrão não estou dizendo que não irá fazer calor, faz calor em Junho e Julho nao iria fazer em março ? Agora não de maneira sequencial como no período em dezembro e fevereiro.

Sim, e pelo relato do pessoal já começa a ter algumas mudanças mesmo em março. Andei lendo alguns posts do monitoramento de março/2019 e vi bastante discussão a respeito disso, inclusive o que chamaram de transição da transição (ou melhor, transição para o outono). Por isso eu mencionei o compilado dos dados por quinzena do mês de março para cidades do Sul, acho daria para ter uma noção melhor dessa transição, principalmente para quem não mora no Sul. E calor pode fazer em qualquer época do ano. Se em pleno inverno russo já fez 18ºC em Moscou imagina aqui no Brasil.   

  • Like 2
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 horas atrás, Renan disse:

Saída das 12Z do Europeu veio um tanto agressiva para a erupção polar do carnaval. Poderia ser esse um dos carnavais mais friozinhos da história ? 

 

1) Temperaturas em 850hpa no Sul no início da erupção (advecção na madrugada do Sábado)

 

ecmwf-deterministic-southbrazil-t850-2351200.thumb.png.f70032c1d083225db0de85f0ed2bce33.png

 

2) Anomalia da temperatura em 850hpa, mostrando a intensidade do frio fora de época!

 

ecmwf-deterministic-southbrazil-t850_anom_stream-2351200.thumb.png.249237395e44644bfebde5990832ffea.png

 

3) Temperatura mínima no Sábado. Mínimas sub-15 a sub-10 espalhadas de forma generalizada, e na serra catarinense dá para pensar numa geada:

 

ecmwf-deterministic-southbrazil-t2m_c_min6-2372800.thumb.png.c56b57cc5ef24836b2e15c71da32f7e5.png

 

4) O pulso também chega forte ao Sudeste, com excelente frio em 850hpa para a época:

 

ecmwf-deterministic-rio-t850-2459200.thumb.png.cb17af2221f85f11b755c18105e719a7.png

Nossa, 12-13 graus em pleno fevereiro em São Paulo, e ainda por cima no domingo de carnaval, é muito interessante para quem gosta de frio. Será que vai vir uma sub-20 por aqui no carnaval?

Aqui em São Paulo: o carnaval do ano passado foi bem chuvoso, e o deste ano tá com cara de ser frio pelas previsões.

 

Alguém sabe quais os carnavais mais chuvosos já registrados no Mirante, bem como os mais frios, desde 1943? Considero: período entre a sexta de carnaval e a quarta de cinzas.

Edited by Darley
  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Até aqui em Minas se nota uma diferença em março. Muuuuito pequena mas se nota. Tenho os dados do INMET Ouro Branco desde 2008 e março NUNCA foi o mês mais quente do ano. Inclusive se percebe uma ligeira queda das mínimas

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

As médias de Santa Vitória do Palmar de Dezembro são menores que em Março. 21°C de média em Março, para 20,7°C em Dezembro. Já em Pelotas a média de Dezembro é 21,8°C contra 22,2°C em Março.

 

Dezembro é quente, mas nos primeiros dias do mês sempre faz frio.

 

Se quiser encurtar o verão climático em três meses eu até entendo considerar DJF como os meses "que mais representam o verão climático". Mas ainda assim acho bastante impreciso pois o começo de Dezembro nem parece verdadeiramente verão, bem como o final de Fevereiro nem parece o fim do verão...

 

Nem Buenos Aires com 17/26 de média eu consideraria Outono climático. Para mim é verão ainda.

  • Like 9
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 horas atrás, Renan disse:

Saída das 12Z do Europeu veio um tanto agressiva para a erupção polar do carnaval. Poderia ser esse um dos carnavais mais friozinhos da história ? 

 

1) Temperaturas em 850hpa no Sul no início da erupção (advecção na madrugada do Sábado)

 

ecmwf-deterministic-southbrazil-t850-2351200.thumb.png.f70032c1d083225db0de85f0ed2bce33.png

 

2) Anomalia da temperatura em 850hpa, mostrando a intensidade do frio fora de época!

 

ecmwf-deterministic-southbrazil-t850_anom_stream-2351200.thumb.png.249237395e44644bfebde5990832ffea.png

 

3) Temperatura mínima no Sábado. Mínimas sub-15 a sub-10 espalhadas de forma generalizada, e na serra catarinense dá para pensar numa geada:

 

ecmwf-deterministic-southbrazil-t2m_c_min6-2372800.thumb.png.c56b57cc5ef24836b2e15c71da32f7e5.png

 

4) O pulso também chega forte ao Sudeste, com excelente frio em 850hpa para a época:

 

ecmwf-deterministic-rio-t850-2459200.thumb.png.cb17af2221f85f11b755c18105e719a7.png

Curioso é que para cá nem faz cosquinha 

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora, Moretão disse:

As médias de Santa Vitória do Palmar de Dezembro são menores que em Março. 21°C de média em Março, para 20,7°C em Dezembro. Já em Pelotas a média de Dezembro é 21,8°C contra 22,2°C em Março.

 

Dezembro é quente, mas nos primeiros dias do mês sempre faz frio.

 

Se quiser encurtar o verão climático em três meses eu até entendo considerar DJF como os meses "que mais representam o verão climático". Mas ainda assim acho bastante impreciso pois o começo de Dezembro nem parece verdadeiramente verão, bem como o final de Fevereiro nem parece o fim do verão...

 

Nem Buenos Aires com 17/26 de média eu consideraria Outono climático. Para mim é verão ainda.

 

Pois é, Até porque dentro de uma mesma estação existem padrões diferentes no decorrer dela. Assim, essa mudança de Março pode ser considerada simplesmente como uma fase final do verão. Mas cada um interpreta da forma que quiser. 

  • Like 6

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aqui na cidade de São Paulo (Mirante), as médias compensadas  mensais caem 1,0°C de fevereiro pra março e 1,4°C de março para abril.

Mas março, embora um pouco menos quente, costuma seguir a dinâmica normal do verão.

 

A entrada do outono por aqui se percebe por outras características além da temperatura:

1. A presença constante de quantidades variáveis de nuvens, típicas do verão, diminui bastante;

2. Surgem os primeiros dias em que se tem céu limpo o dia todo, coisa muito rara no verão;

3. Cessam os temporais, as chuvas convectivas de fim de tarde, normalmente de forma abrupta;

4. A umidade relativa diminui bastante durante o dia, desaparecendo aquela sensação de abafamento típica do nosso verão;

5. A névoa/nevoeiro pela manhã ficam mais frequentes;

6. As noites começam a ficar mais frescas;

7. Etc

 

Essas mudanças normalmente (Nem sempre nos últimos anos) ocorrem entre o final de março e os primeiros 10 dias de abril.

Dificilmente acontecem antes da última semana de março.

  • Like 11

Share this post


Link to post
Share on other sites

Hoje de madrugada ainda houve chuva forte isolada aqui no sertão da PB.

  • Aguiar: 40,6 mm
  • Cajazeiras: 35,5 mm
  • Santa Helena: 31 mm

Dados da EMPAER

 

Mais cedo houve chuvas fortes no sertão do RN.

Screenshot_20200215-230210.png.2ea1356d5dbc8e25995f7ca6fd20b9f1.png

 

Por volta das 22h se formou um núcleo em Patos e provoca chuva intensa na região.

Screenshot_20200215-230559.png.942a3fb16c3d632639b63725ffef13b0.png

Radar das 22h01 ☝️

 

IMG_20200215_230904_199.thumb.jpg.76a6a607bfe03cb09e4aff339a9487dd.jpg

Patos já acumula quase 50 mm numa estação do CEMADEN. ☝️

Edited by CloudCb
  • Like 6

Share this post


Link to post
Share on other sites

23h15 e 27 C em POA.

Uma delícia!!!!!!!

 

 

 

🤕

 

 

  • Like 1
  • Haha 1
  • Sad 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Noite com céu limpo em São Paulo e temperaturas agradáveis.

Na maior parte da cidade 22 graus. Já no extremo sul, 17/18 graus.

 

Estações - CGE

psUnjkV.png

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Com relação à minha postagem sobre a existência de uma mudança de padrão de Fev para Março em POA e em boa parte do RS, gostaria de enfatizar que não me refiro a essa mudança como a transição para o Outono. Apenas é a troca de um padrão de calor opressor (segunda quinzena de D, Jan e Fev) para um calor ainda de verão porém mais civilizado (Março e primeira quinzena de Abril).

Ao meu ver, nosso verão climático segue até a primeira quinzena de abril.

Em anos bem podres, ele pode começar já em Novembro, que foi o caso de 2019, porém obviamente sem o mesmo calor de J e F.

Na minha opinião, numa média, em POA, seria:

2 quinz. de Nov até 1 quinz. de Abril - Verão climático - onde o período de calor opressor é da 2 quinz. de Dez, J e F.

2 quinz de Abril a 1 quinz de Maio - Outono climático (estação difícil de caracterizar por aqui, em alguns anos pula-se do verão para o inverno climáticos).

2 quinz de Maio a 1 quinz de Setembro - Inverno climático (auge do frio em Junho e Julho geralmente).

2 quinz de Setembro a 1 quinz de Nov - Primavera climática (marcada pelos temporais de Outubro).

.

  • Like 7

Share this post


Link to post
Share on other sites
23 horas atrás, RafaelBHZ disse:

E impressionante como 2020 vai se consolidando como um ano extremamente chuvoso...

RafaelBHZ,

se confirmar a La Niña moderada em outubro, em novembro e dezembro poderá ter muita chuva em BH.

Em novembro e dezembro de 2008 e 2011 teve La Niña moderada e choveu muito BH.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
7 horas atrás, Renan disse:

Saída das 12Z do Europeu veio um tanto agressiva para a erupção polar do carnaval. Poderia ser esse um dos carnavais mais friozinhos da história ? 

 

1) Temperaturas em 850hpa no Sul no início da erupção (advecção na madrugada do Sábado)

 

ecmwf-deterministic-southbrazil-t850-2351200.thumb.png.f70032c1d083225db0de85f0ed2bce33.png

 

2) Anomalia da temperatura em 850hpa, mostrando a intensidade do frio fora de época!

 

ecmwf-deterministic-southbrazil-t850_anom_stream-2351200.thumb.png.249237395e44644bfebde5990832ffea.png

 

3) Temperatura mínima no Sábado. Mínimas sub-15 a sub-10 espalhadas de forma generalizada, e na serra catarinense dá para pensar numa geada:

 

ecmwf-deterministic-southbrazil-t2m_c_min6-2372800.thumb.png.c56b57cc5ef24836b2e15c71da32f7e5.png

 

4) O pulso também chega forte ao Sudeste, com excelente frio em 850hpa para a época:

 

ecmwf-deterministic-rio-t850-2459200.thumb.png.cb17af2221f85f11b755c18105e719a7.png

Renan,

então na Zona da Mata e Rio, a chuva vai ser rápida, de sexta para sábado e talvez no sábado ainda chova. Vai esfriar rápido, empurrando a chuva para o centro-norte de Minas.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora, marinhonani disse:

Renan,

então na Zona da Mata e Rio, a chuva vai ser rápida, de sexta para sábado e talvez no sábado ainda chova. Vai esfriar rápido, empurrando a chuva para o centro-norte de Minas.

 

Pois é, Nani. Desta vez não vai ter ZCAS, a frente fria não fica estacionada no litoral do Sudeste.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 horas atrás, Felipe F disse:

Na vizinha Serra do Salitre as primeiras máximas sub20 de 2020 foram registradas.

No dia 12 uma forte tempestade afetou a cidade, provocando o terceiro evento superior a 100 mm do ano.

 

1791590142_SerradoSalitrefev.thumb.jpg.79751c02bf4f04bf01e83fdc34d290bb.jpg

Felipe F,

Serra do Salitre tem uma facilidade para registrar grandes volumes de chuva em 24 h.

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 horas atrás, Eclipse disse:

23h15 e 27 C em POA.

Uma delícia!!!!!!!

 

 

 

🤕

 

 

Eu amo Porto mas vive aí no verão não é para os fracos, chego a admirar quem consegue.

 

  • Like 3
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.