Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Fábio De Nittis

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Dezembro/2019

Recommended Posts

10 minutos atrás, Carlos Campos disse:

 

O q??

Vc está bem?

 

tumblr_m8evrga6bc1qgf1i8o1_400.gif.8db6fd048b125bd83f9c15ffb2012791.gif

Mas sério, só vou colocar casaco novamente lá por abril ou maio de 2020.

Eu estou com dor de garganta, provavelmente pelas exposições a frio e vento dos últimos dias sem casaco.

Mas tudo bem, isso passa.

Edited by Matheus Vinicius
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Temperaturas totalmente satisfatórias até terça que vem.

Bem que o verão todo podia ser assim, mas infelizmente não é.

Mas eu acho que dezembro vai terminar abaixo da média.

Screenshot_20191204-192753_1.jpg

  • Like 3
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Victor Naia disse:

Ameaçando chuva na zona rural de Varginha sentido Carmo da Cachoeira. Altitude: 1000 a 1250m. No Inmet de Varginha 18.4 à 23.8. 

 

 

20191204_150216.jpg

20191204_150203.jpg

20191204_150340.jpg

20191204_150910(0).jpg

20191204_150206.jpg

20191204_160224.jpg

Eu me amarro em lugares íngremes assim, pena q em Altônia não tem nenhuma montainha sequer, no máximo algo como dessa foto:79542898_960577914312240_4668247752241510413_n.thumb.jpg.1d7a6316b6b5a60f62bb3b9817238e0d.jpg

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites
47 minutos atrás, Matheus Vinicius disse:

 

...Eu estou com dor de garganta...pela exposição ao frio ...etc...

 

Não, meu bem... é devido à exposição ao ventilador e por 2 motivos:

1-Em Curitiba, só se usa esse aparelho em casos extremos. Pode parecer piada, mas não é. Veja e preste atenção: com 28°C é normal utilizar ventilador em cidades como Porto Alegre, ao nível do mar e com muita água nas redondezas. Nas cidades litorâneas, idem. Os efeitos negativos da exposição prolongada são menos prejudiciais do q em lugares como Curitiba, q está situada acima dos 900m de altitude e o ar é mais rarefeito. É mais seco... Isso pode prejudicar as vias respiratórias:

2- Junto com o ar em movimento, partículas de poeira e fungos presentes no ar (inclusive ácaros) são lançados diretamente nas nossas vias respiratórias e se instalam primeiramente....onde? Na garganta, óbvio.

É raro eu ter problemas de garganta, gripe ou resfriado e quando isso acontece é justamente depois de um dia kente, com vento seco (q faz o mesmo efeito do ventilador: lança ar carregado de micro partículas na cara da gente kk).

Se eu tiver q dormir com ventilador ligado, é quase certo q amanhecerei doente.

 

Edited by Carlos Campos
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
22 minutos atrás, Felipe S Monteiro disse:

Eu me amarro em lugares íngremes assim, pena q em Altônia não tem nenhuma montainha sequer, no máximo algo como dessa foto:79542898_960577914312240_4668247752241510413_n.thumb.jpg.1d7a6316b6b5a60f62bb3b9817238e0d.jpg

 

Irônico...um município chamado ALTÔNIA, não possuir lugares ÍNGREMES... 🤔

 

...Estou aki a pensar...

 

Será q não escreveram errado o nome, na época da fundação...? ...e o correto seria ANTÔNIA?

 

😳

  • Like 1
  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 minutos atrás, Carlos Campos disse:

Não, meu bem... é devido à exposição ao ventilador e por 2 motivos:

1-Em Curitiba, só se usa esse aparelho em casos extremos. Pode parecer piada, mas não é. Veja e preste atenção: com 28°C é normal utilizar ventilador em cidades como Porto Alegre, ao nível do mar e com muita água nas redondezas. Nas cidades litorâneas, idem. Os efeitos negativos da exposição prolongada são menos prejudiciais do q em lugares como Curitiba, q está situada acima dos 900m de altitude e o ar é mais rarefeito. É mais seco... Isso pode prejudicar as vias respiratórias:

2- Junto com o ar em movimento, partículas de poeira e fungos presentes no ar (inclusive ácaros) são lançados diretamente nas nossas vias respiratórias e se instalam primeiramente....onde? Na garganta, óbvio.

É raro eu ter problemas de garganta, gripe ou resfriado e quando isso acontece é justamente depois de um dia kente, com vento seco (q faz o mesmo efeito do ventilador: lança ar carregado de micro partículas na cara da gente kk).

Se eu tiver q dormir com ventilador ligado, é quase certo q amanhecerei doente.

 

Mas eu mal uso o ventilador. 

Só estava usando esses dias para sentir um vento, mas nada mais que 5 minutos.

Edited by Matheus Vinicius
  • Like 1
  • Confused 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aqui em Lafaiete a temperatura média anual é de 20 graus então entre 16° e 24° é uma temperatura normal, agradável.

De 15° pra baixo é frio e de 25° pra cima é calor. Os extremos ficam nos 5° pra mínima e 35° pra máxima.

 

Hoje a mínima foi de 17° e a máxima chegou aos 24°, ou seja, um dia agradável nos padrões da cidade, mas frio se pensarmos em dezembro, que tem uma média normal de 18° a 28°

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 minutos atrás, Matheus Vinicius disse:

Mas eu mal uso o ventilador. 

Só estava usando esses dias para sentir um vento, mas nada mais que 5 minutos.

 

👇

 

IMG_20191204_202603.thumb.jpg.ea1055c02498c0590ff7f17ab0f3adb4.jpg

...bem, talvez vc tenha excedido esses "5 minutinhos" em algumas horas...

Melhoras pra vc...

  • Like 1
  • Haha 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

O banco de nuvens se encontra a leste da costa leste nordestina.

image.png.1950b6a4f64f4f3d0cdee25269d411ec.png

 

image.png.f8fec28a385106570851622cc5c2be66.png

A imagem acima mostra o banco de nuvens refletido na variável Total de Água Precipitável.

Ambas imagens são da tarde de hoje.

 

image.png.f8a28d7bce6abb160b865dd4ff776ca4.png

A imagem acima 👆 da tarde da sexta (06) mostra o banco de nuvens adentrando o território da ZCIT e adquirindo uma convergência em superfície.

image.png.20ac37b1a04b9d2f70195232b378fde2.png

E no sábado (7) esse alinhamento da umidade influenciaria do AL ao RN.

 

Se essas projeções do GFS estiverem corretas (e eu espero que estejam), o fim de semana pode ser interessante aqui na região.

  • Like 6

Share this post


Link to post
Share on other sites
44 minutos atrás, Carlos Campos disse:

 

Irônico...um município chamado ALTÔNIA, não possuir lugares ÍNGREMES... 🤔

 

...Estou aki a pensar...

 

Será q não escreveram errado o nome, na época da fundação...? ...e o correto seria ANTÔNIA?

 

😳

Altônia é uma homenagem à empresa fundadora do município, a empresa era a Cia Alberto Byton

AL:ALberto

TON:byTON

IA:cIA

E como esse Alberto Byton era um descendente de confederado estadunidense, a bandeira da cidade tbm é baseada na bandeira dos EUA tbm, mas por sorte Altônia ainda conseguiu uma certa colonização estadunidense com alguns imigrantes vindo morar aqui, pq senão ia ficar bem feio uma cidade toda americanizada sem nenhum americado

  • Like 2
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
39 minutos atrás, Carlos Campos disse:

 

👇

 

IMG_20191204_202603.thumb.jpg.ea1055c02498c0590ff7f17ab0f3adb4.jpg

...bem, talvez vc tenha excedido esses "5 minutinhos" em algumas horas...

Melhoras pra vc...

Não excedi não, não gosto muito de ventilador mesmo.

Aliás, obrigado.

  • Haha 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Chuva em São Paulo - Itaim Paulista 

Edited by Sopron
complementação
  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

23,8° agora, é mais frio em comparação com as últimas noites (tirando à de ontem), mas a sensação de calor dentro de casa é muito alta, o vento muito fraco, vindo por uma direção que não tem muitas aberturas em minha casa, e a umidade alta tá fazendo parecer q os 23° viraram 28°, enquanto q nas outras noites o vento sudoeste/sul, que vem por um vale que canaliza o vento direto para a minha janela fez 25° parecer 20° ou 19°

Edited by Felipe S Monteiro
  • Like 7

Share this post


Link to post
Share on other sites

e tivemos boas pancadas de chuva finalmente, do meio da tarde ao começo da noite, estava precisando. O dia foi quente com extremas de 18,9 a 34,4

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Radares neste noite de quinta mostram chuvas no interior de SP

 

UNESP (Bauru e Presidente Prudente)

grmZnUR.jpg

 

 

São Roque

p9DwhMe.jpg

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Carlos Campos disse:

Não, meu bem... é devido à exposição ao ventilador e por 2 motivos:

1-Em Curitiba, só se usa esse aparelho em casos extremos. Pode parecer piada, mas não é. Veja e preste atenção: com 28°C é normal utilizar ventilador em cidades como Porto Alegre, ao nível do mar e com muita água nas redondezas. Nas cidades litorâneas, idem. Os efeitos negativos da exposição prolongada são menos prejudiciais do q em lugares como Curitiba, q está situada acima dos 900m de altitude e o ar é mais rarefeito. É mais seco... Isso pode prejudicar as vias respiratórias:

2- Junto com o ar em movimento, partículas de poeira e fungos presentes no ar (inclusive ácaros) são lançados diretamente nas nossas vias respiratórias e se instalam primeiramente....onde? Na garganta, óbvio.

É raro eu ter problemas de garganta, gripe ou resfriado e quando isso acontece é justamente depois de um dia kente, com vento seco (q faz o mesmo efeito do ventilador: lança ar carregado de micro partículas na cara da gente kk).

Se eu tiver q dormir com ventilador ligado, é quase certo q amanhecerei doente.

 

 2 então 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não comentei.

 

Ontem a máxima em Campina Grande (PB) foi de 34,1°C na convencional do Inmet.

Foi recorde para dezembro. O antigo recorde de maior máxima era de 33,8°C registrado em 23 de dezembro de 2002.

 

USER_SCOPED_TEMP_DATA_orca-image--1525358335.jpeg.eed865febee7046a891799b6aef0f4db.jpeg

  • Like 5
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 horas atrás, Flavio Feltrim disse:

Na realidade o conceito de estação climática (e não astronômica) leva em consideração vários aspectos, o que significa obviamente que em cada lugar as características são distintas. Um exemplo de verão climático bem marcado em Maringá você vê no gráfico abaixo: veja o comportamento da temperatura dentro do quadrado branco, ela é mais estável se comparar com o que está fora dele.

 

Veja também que durante a primavera, outono e inverno as temperaturas apresentam maior variabilidade e amplitudes. Outra coisa interessante a se observar é que nesse exemplo específico o "verão climático" começou junto com o verão astronômico, logo depois de um evento extremo de chuva de 110 mm no dia 20 de dezembro. O "outono climático" também teve um evento que marcou a transição lá pelo dia 20 de março com uma queda acentuada da temperatura.

 

O que acontece algumas vezes é que essas mudanças de padrão nem sempre ocorrem na mesma data que a estação astronômica e no caso desse exemplo abaixo o inverno climático começou antecipado no final de maio/início de junho, com mínimas abaixo de 5 graus que costumam ocorrer em Maringá apenas no core do inverno em julho.

 

Resumindo: em alguns locais a temperatura vai definir, em outros a chuva e em outros ambos, cada caso é um caso e tem muita relação com as mudanças de padrão atmosférico!

 

image.png.fbbaffa20889bba39e07e2c7dc3c4a57.png

Em resumo:

 

Estação astronômica é aquela oficial burocrática. Estação climática é aquela que está ocorrendo na prática. Exemplo, o começo de junho astronomicamente é outono, mas na prática (quase sempre é assim, ou era assim...) já é inverno na prática.

 

Transição climática é quando acontece aquele período do ano que existe uma mescla de ambas as estações. Algo como aconteceu já por aqui, tivemos uma semana típica de verão, intercalado com semanas típicas de primavera. Na maioria dos anos, a chave de mudança de estação é virada pouco a pouco. Mas nesses tempos loucos que estamos vivendo, já aconteceu por diversas vezes, uma estação transicionar diretamente para outra em menos de 24hs.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Felipe S Monteiro disse:

Eu me amarro em lugares íngremes assim, pena q em Altônia não tem nenhuma montainha sequer, no máximo algo como dessa foto:79542898_960577914312240_4668247752241510413_n.thumb.jpg.1d7a6316b6b5a60f62bb3b9817238e0d.jpg

Altitude aí varia quantos metros? Imaginei mesmo que por aí não tivesse morros direito. Eu também gosto de montanhas. Por aqui, a nossa altitude média é de 980m. Na área urbana, entre 830 a 1100m, mas a maioria da população vive entre 850 e 950m. Nossa estação está numa encosta na divisa da zona urbana com a zona rural a 950m. Ela reflete bem as máximas da cidade, no entanto, não pega o frio de baixada que pelo menos metade da cidade vive. Como você reparou, nosso terreno é muito íngreme. Eu já vi diferença de 6 graus do centro para bairros afastados em baixada, como atrás do Porto Seco/aeroporto e no bairro da Vargem, sentido Carmo da Cachoeira. 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

No Rio de Janeiro e Niterói essas história de frio/calor "normal/histórico" depende muito do bairro/grau de adensamento, até se deixarmos de lado os lugares mais altos.

 

Exemplo: na Vila Militar mínimas entre 12 e 13ºc ocorrem em ondas de frio fracas todos os anos (ou até fora delas, quando o ar está seco em algumas noites), mas no Centro da cidade só em eventos históricos (como 2000).  O mesmo vale para boa parte de Niterói, onde a mínima absoluta típica de um ano comum varia desde um pouco abaixo dos 10ºc até um pouco acima dos 15ºc.

 

A mesma Vila Militar registra umas 50 máximas (valor bem aproximado) acima dos 35ºc num ano típico, mas na orla da zona sul são 2/4 vezes normalmente.

 

Como a diferença entre os bairros e regiões é grande (e até dentro de alguns bairros, entre áreas mais ou menos adensadas), vou colocar apenas uma escala pessoal e 0% científica de temperatura na rua, para um dia de vento fraco, umidade mediana, e considerando que estou em movimento (caminhada em ritmo normal) num local onde passo mais tempo na sombra que no sol (esta escala não guarda relação com a RM do RJ, como fica claro no início; é 100% pessoal).  Os décimos (23,1, 23,2, 23,3...) ficariam numa "zona de transição", mas é claro que na prática não funciona assim, pois até de um dia para o outro (ou no mesmo dia, em momento diferentes) não vou sentir da mesma forma as mesmas condições..

 

Muito frio: 5ºc ou menos

Frio: entre 6ºc e 10ºc

Friozinho: entre 11ºc e 15ºc

Ameno: entre 16ºc e 23ºc (esta tem uma variação maior mesmo, preferi fazer assim pois é mais ou menos minha faixa de conforto)

Abafado: entre 24ºc e 27ºc

Quente: entre 28ºc e 31ºc

Muito quente: entre 32ºc e 35ºc

Sufocante: 36ºc ou mais.

 

Se eu ficar totalmente parado, ou estiver caminhando no sol direto, os números serão bem diferentes.  25ºc já considero muito quente para andar no sol por mais do que alguns minutos, exceto se estiver ventando bem, e com 18ºc já prefiro a sombra ao sol para andar num dia pouco ventoso (se não for aquele sol baixo do amanhecer/entardecer).

 

E claro que a umidade influencia muito também, sem falar no vento..  Já me senti relativamente bem andando com 26/27ºc e baixa umidade+vento.  E já senti calor com 21ºc, umidade alta e ausência de vento.  Não é para levar os números à ferro e fogo, foi só para dar uma ideia mesmo. 

 

Dentro de casa, me sinto melhor em repouso (ou relativo repouso) e com roupas bem leves se estiver entre 22ºc e 25ºc.

 

Para a sensação do carioca típico, o que o colega aqui do Rio colocou é mais ou menos a realidade mesmo.

 

 

 

 

 

Edited by Wallace Rezende
  • Like 3
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguém tem alguma notícia sobre quando inicia o verão climático? Aqui em Sampa, pela previsão a médio prazo, só após a primeira quinzena de dezembro. Coisa que eu nuca vi ocorrer...

Edited by Caco Pacheco
  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia a todos...

mínima de 17.7° em Curitiba.

Bem, mínima alta, mas extremamente comum a época do ano, vide o fato que a média mínima de dezembro é 18°.

No momento já fazem 18.8°.

E a máxima novamente não deverá passar dos 23° e está chovendo agora.

Dezembro com cara de outono é tudo de bom.

Edited by Matheus Vinicius

Share this post


Link to post
Share on other sites
6 horas atrás, Victor Naia disse:

Altitude aí varia quantos metros? Imaginei mesmo que por aí não tivesse morros direito. Eu também gosto de montanhas. Por aqui, a nossa altitude média é de 980m. Na área urbana, entre 830 a 1100m, mas a maioria da população vive entre 850 e 950m. Nossa estação está numa encosta na divisa da zona urbana com a zona rural a 950m. Ela reflete bem as máximas da cidade, no entanto, não pega o frio de baixada que pelo menos metade da cidade vive. Como você reparou, nosso terreno é muito íngreme. Eu já vi diferença de 6 graus do centro para bairros afastados em baixada, como atrás do Porto Seco/aeroporto e no bairro da Vargem, sentido Carmo da Cachoeira. 

Aqui varia de 220-420, mas a maioria vive acima dos 300m, pq 220m é a altura da Ilha Grande, que é um parque nacional, a sede fica à 380m, e a altitude lá varia pouco, ela fica em um platô, mas agora alguns loteamentos novos já tem que ficar em encosta, São João que é o maior distrito fica à 410m, e Paredão que é o segundo fica à 320m, existem algumas baixadas boas na zona rural, tem uma que no inverno o sol nasce bem tarde e se põem mais cedo por conta do relevo, e tbm é bem protegida do vento, lá deve negativar facilmente, e quanto a estação da cidade eu nem sei aonde fica, o Simepar não mostra as coordenadas, mas eu acho que fica na sede, perto da zona rural

Share this post


Link to post
Share on other sites

Outra chuva atinge o noroeste e oeste do estado, aqui já acumulou 23mm desde às 23h de ontem, e continua chovendo bastante, se continuar mais um pouco dezembro já vai bater 100mm em só 5 dias

20191205_062340.jpg

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

Uma maravilha o Paraná amanhecer assim novamente, parece que a chuva voltou a gostar daqui.. Chove fraco agora e faz 19°C, ontem foram 26 mm acumulados.

Screenshot_20191205-072905_Chrome.jpg

  • Like 9

Share this post


Link to post
Share on other sites
7 horas atrás, Caco Pacheco disse:

Alguém tem alguma notícia sobre quando inicia o verão climático? Aqui em Sampa, pela previsão a médio prazo, só após a primeira quinzena de dezembro. Coisa que eu nuca vi ocorrer...

 

Tudo indica que na segunda quinzena realmente, ou seja, quase junto com o verão astronômico. 

Sem perspectivas de ondas de calor que possam sobrepujar o período relativamente frio nos primeiros 10-15 dias do mês, parece que os modelos vão acertar (Dezembro com temperatura abaixo da média no Sudeste).

 

E o CFS mantém firme essa projeção. Destaque para o Centro-oeste:

 

 

 

 

cfs-monthly-all-c00-samer-t2m_c_anom_month_mostrecent-5158400.png

  • Like 10
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Expectativa da primeira onda de calor intenso para esse verão, começaria no domingo indo até quinta. O foreca sempre subestima as máximas em 2 ºC pelo menos, então no domingo já faria 33/34 e na quarta 39. Amanhã e sábado friozinho pela manhã. Eu não acredito que dezembro fique abaixo da média por aqui.

 

0sycdh7.png

Edited by LucianoD
  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
34 minutos atrás, Renan disse:

 

Tudo indica que na segunda quinzena realmente, ou seja, quase junto com o verão astronômico. 

Sem perspectivas de ondas de calor que possam sobrepujar o período relativamente frio nos primeiros 10-15 dias do mês, parece que os modelos vão acertar (Dezembro com temperatura abaixo da média no Sudeste).

 

E o CFS mantém firme essa projeção. Destaque para o Centro-oeste:

 

 

 

 

cfs-monthly-all-c00-samer-t2m_c_anom_month_mostrecent-5158400.png

Parece que finalmente seremos recompensados, agosto, setembro, outubro e novembro foram todos acima da média, e agora um modelo incicando anomalia de -4°, eu duvido muito, pq isso seria uma média de 21°, seria mais ameno do que Setembro e Abril, mas se for, significará uma mudança muito drástica o segundo ou terceiro mês mais quente ser mais frio do que um de inverno ou outono, isso é bem cara do clima tropical do CO

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

77,8mm aqui em Altônia até agora, se chover mais 2mm passa o recorde do ano, nos últimos 9 dias já choveu mais de 216mm, uma pena q no Simepar vai aparecer bem menos no final do mês por conta de um problema no pluviômetro terça-feira

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
36 minutos atrás, LucianoD disse:

Expectativa da primeira onda de calor intenso para esse verão, começaria no domingo indo até quinta. O foreca sempre subestima as máximas em 2 ºC pelo menos, então no domingo já faria 33/34 e na quarta 39. Amanhã e sábado friozinho pela manhã. Eu não acredito que dezembro fique abaixo da média por aqui.

 

0sycdh7.png

 

Depois dessa onda de calor, que fica restrita ao RS somente, chegaria uma massa polar relativamente forte pra época. No cômputo geral, acho que Dezembro fecha abaixo da média por aí e o Atlântico muito ajudará nisso.

  • Like 6

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aqui choveu só pela parte da manhã e nem foi muito não.

triste...

pelo menos estamos com temperatura boa, agora 21°

nada de calor.

esse dezembro está anos luz mais agradável do que outubro até agora.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Temporal de granizo em General Madariaga, Buenos Aires, ontem:AirBrush_20191205124340.thumb.jpg.ecf2f7f4e2bc4cc0e44fb45a78e823cd.jpgAirBrush_20191205124223.jpg.818dafdb0134214b99718624168f45f5.jpg

IMG_20191205_130037.jpg.f59ca6dd37b44fde44ea71c2298617d0.jpg

(Tormentas Argentinas)

Edited by Carlos Campos
  • Like 8

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Felipe S Monteiro disse:

77,8mm aqui em Altônia até agora, se chover mais 2mm passa o recorde do ano, nos últimos 9 dias já choveu mais de 216mm, uma pena q no Simepar vai aparecer bem menos no final do mês por conta de um problema no pluviômetro terça-feira

 

Choveu 56.6 mm aqui. A estação do Simepar registrou 202 mm em 9 dias. Bom demais.

  • Like 1
  • Thanks 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nos últimos 9 dias choveu mais que o combinado de junho +julho+ agosto+ setembro+outubro+os 27 primeiros dias de novembro

 

junho+julho+agosto+setembro+ outubro+os 27 primeiros dias de novembro:215,9mm

Últimos 9 dias:Aproximadamente 221mm

  • Like 3
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora, EvandroPR disse:

Se os 13 C se realizar será muito bom:

 

 

Screenshot_20191205-134341.png

O foreca prevê máxima de 26 e mínima de 10 para cá dia 14, duvido que se realize.

Até lá muda...

Eu não confio em previsões a longo prazo do simepar, colocam valores absurdos pra Curitiba que não chegam nem perto.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Hoje sim, um dia com a cara do verão. Bem abafado entre muitas nuvens, 28,7ºC na minha estação e a mínima por enquanto é de 20ºC. Amanhã pode chegar aos 30 graus antes dos temporais. Hoje também tem chance de chuvas logo mais...

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
19 horas atrás, Carlos Campos disse:

Piraquara (não posso ficar de fora)...

Devido às diferenças térmicas entre verão e inverno, os parâmetros mudam. E não teria como ser diferente.

Colokei variações mínima/máxima diária:

JUNHO/JULHO/AGOSTO

Frio histórico:  -6/6

Frio intenso [à cada 3 anos]: -3/9

Frio normal: -1/14

Fresco: 8/17

Calor: 11/24

Calor forte: 15/28

Calor histórico: 17/31

 

DEZEMBRO/JANEIRO/FEVEREIRO

Frio histórico:  5/15

Frio intenso: 8/17

Frio normal: 10/19

Fresco: 14/23

Calor: 16/28

Calor forte: 18/31

Calor histórico: 21/35

 

Hoje foi um dia fresco de verão, sem a menor sombra de dúvidas (13,2/21,1). Com essa variação de hoje, mas em Julho, por exemplo, seria considerado um dia de calor.

 

 

 

 

 

Já no Centrão Expandido, 13/21 é um dia típico do JJA, e de frio histórico no DJFM.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
39 minutos atrás, Renan disse:

Hoje sim, um dia com a cara do verão. Bem abafado entre muitas nuvens, 28,7ºC na minha estação e a mínima por enquanto é de 20ºC. Amanhã pode chegar aos 30 graus antes dos temporais. Hoje também tem chance de chuvas logo mais...

Renan,

no Rio de Janeiro está bem quente, mas o destaque é a queda rápida da pressão, caiu muito desde a meia-noite, tem estação com valor de 1003 hPa.

O Inpe/Cptec deu alerta de grandes acumulados de chuva, durante a sexta, numa faixa litorânea que começa em Itanhaém-SP se estende por centenas de quilômetros até Niterói/Maricá.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ontem e hoje teve a mesma máxima e a mesma mínima 26°/19°, só que hoje foi mais bacana, teve uma chuva forte com 19° cedo, e garoa fria à tarde, inclusive agora Altônia tá batendo Curitiba, 24° aqui e 24,6° em Curitiba

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.