Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Rodolfo Alves

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Setembro/2019

Recommended Posts

Previsão bem interessante pra cá. 

 

image.png.76af7af4575648179fe16382e5154b54.png

 

Ainda fico com um pé atrás sobre os 40ºC, mas é certeza de uma semana bem incomoda.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia, Bazianos! Como prometido, aproveitando minha viagem de João Pessoa para Belo Horizonte, com conexão em Guarulhos, aqui vai um resumão climático de parte do Brasil na sexta-feira através de fotos tiradas por mim em diferentes momentos. 

 

Partimos de João Pessoa por volta de 12:45, com sol entre nuvens. Temperatura em 28°C. 

 

IMG_20190913_123210.thumb.jpg.746614536883b63746c4cc662bae5f38.jpg

 

Lá em cima, esta era a vista da região metropolitana de João Pessoa. 

 

IMG_20190913_125454.thumb.jpg.e8ae9f5ad103df686542ab38e463b135.jpg

 

Seguimos com condições semelhantes por todo o estado da Paraíba e também de Pernambuco. Chegando em Alagoas, a infiltração marítima estava um pouco mais intensa em boa parte do estado.

 

IMG_20190913_130406.thumb.jpg.e2ba05816dfa4aed6f3249f86c4fbe79.jpg

 

Pela Bahia, condição semelhante a Paraíba, com sol entre poucas nuvens. Meu destaque fica para a região próxima a Itaberaba. Nesta foto, observamos claramente a fronteira entre a infiltração marítima e a atuação do sistema de alta pressão.

 

IMG_20190913_140828.thumb.jpg.3036e2eb44cb9d6aa4141e2176a9fee8.jpg

 

Chegando a Minas Gerais, esta era a situação do Vale do Jequitinhonha por volta das 14:20. Nesta imagem, o vale do Rio Jequitinhonha, completamente dominado pela secura extrema e sem nenhuma nuvem. A presença de fumaça já é visível na imagem. 

 

IMG_20190913_143034.thumb.jpg.56eb16171c632b4ccb601d60704e40d1.jpg

 

Exatamente às 15:00, sobrevoamos a região metropolitana de Belo Horizonte, enquanto a capital mineira fervia com seus 36°C e poucas nuvens. No centro, a lagoa da Pampulha. 

 

IMG_20190913_150138.thumb.jpg.024be058861dd4df5c9c924054c7ed76.jpg

 

No sul de Minas, próximo a Pouso alegre, pude observar o limite da infiltração marítima responsável por derrubar as temperaturas em São Paulo e na Serra da Mantiqueira. Notem o contraste com o sistema de alta pressão. 

 

IMG_20190913_153622.thumb.jpg.f3e6e997a0abe1f930c8f0e48a5209a7.jpg

 

E esta foi a condição observada da Serra da Mantiqueira até a RMSP, céu totalmente encoberto por volta das 15:40. 

 

IMG_20190913_154019.thumb.jpg.a174114826f8c2133a3c2f4bb5c0ecf4.jpg

 

Chegando a Guarulhos, esta era a situação em solo. 19°C e nenhum sinal do sol. 

 

IMG_20190913_154744.thumb.jpg.bc26ef37d6881a68d3447f5953794c7a.jpg

 

Partindo de Guarulhos com destino a Belo Horizonte às 17:35, a situação ainda se mantinha a mesma. Tirei duas fotos em diferentes lados do avião. A primeira é o sol se pondo, enquanto a segunda mostra a lua cheia da sexta feira 13 surgindo no lado oposto. 

 

IMG_20190913_175835.thumb.jpg.15af8a6d5c6d66503f7831fa922b8afa.jpg

IMG_20190913_175628.thumb.jpg.d5a1f56ff563ce251fcd61e597053828.jpg

 

Já no sul de Minas, percebi um aumento da nebulosidade em relação ao meio da tarde. O que me rendeu uma bela imagem. 

 

IMG_20190913_180327.thumb.jpg.808ba0c03029af233c38365283ffa17c.jpg

 

E na volta para Belo Horizonte, o que me chamou a atenção foi o grande número de queimadas espalhadas por Minas Gerais, que ficaram mais visíveis com o cair da noite. A maior delas foi na região metropolitana de Belo Horizonte, próxima a Confins. 

 

IMG_20190913_183208.thumb.jpg.9d5d074fcab3fb2c5a5679d919a6f95d.jpg

 

Como resultado das queimadas, uma espessa nuvem de fumaça cobria Belo Horizonte no momento em que cheguei. Mas infelizmente não consegui tirar fotos. 

 

Espero que tenham gostado do meu breve resumo climático da sexta-feira 13. 

  • Like 22
  • Thanks 8

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu acho que nunca vi uma frente quente sozinha, isolada, assim na carta de superfície (seja no momento em que ocorre ou em previsão) do CPTEC. Deve ser a 1ª vez que vejo. Kkkk.

image.thumb.png.4dfb44b91c622c01dd9aa855550f8de5.png

  • Like 15

Share this post


Link to post
Share on other sites
15 horas atrás, Enio Rezende disse:
  • Hoje foi um dia bem atípico na região de Lafaiete. Diria, histórico. Não, nenhum recorde batido, apenas a mesma máxima de 33,5° igualando a máxima de ontem e a de 03 de fevereiro e as maiores do ano. O fato que me espantou foi que chegamos aos 33 graus às 11 da manhã! EU NUNCA VI ESSA TEMPERATURA A ESSA HORA! CHEGUEI A PENSAR QUE HOJE IA TRUCIDAR TODOS OS RECORDES POSSÍVEIS E INIMAGINÁVEIS. Mas aí a temperatura estacionou entre 32° e 33° a tarde toda
  • Mas o recorde histórico de 35,2° pode ser batido daqui a uma semana pois a previsão continua flertando com os 35 graus....
  • Mas pra domingo dia 22 a previsão caiu bastante, virão dias melhores....
  • Pra esse fim de semana a tendência é de calor normal e espero, sem sustos nem recordes...
  • Agora, 21:30, uma noite muuuuuito mais fresca do que ontem. Faz 22,3° no meu termômetro, bastante vento e mais umidade, um pouquinho dos ventos marítimos chegando e aliviando nossa situação...

 

Apesar de não ter batido nenhum recorde, também considero ontem um dia histórico em BH. A temperatura alcançou inacreditáveis 35°C ao meio dia, algo que nunca havia presenciado por aqui. Também me veio à cabeça a quebra de todos os recordes possíveis, mas aí ela estancou (provavelmente devido ao fato de termos chegado num limite de aquecimento para nossa região) e a máxima na convencional do centro ficou nos 35,5°C.

 

Mesmo com tanto calor ontem, hoje voltamos a baixar dos 20 em toda a cidade e temos temperaturas em torno de 7 a 8°C a menos que ontem. Próxima noite será agradável por aqui, com mínima de deliciosos 17°C. Pena que a fornalha volta a partir de quarta.

 

Às 13h, sol, muito vento e 28°C na capital mineira. 

  • Like 7
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Até as 13 h temos diferenças de até 10 graus nas máximas de hoje até aqui .

 

Diferenças de 10 graus nas mínimas são comuns devido às ilhas de calor , mas nas máximas não são. A culpa disso hoje é quanto mais perto da Serra do Mar , mais influências ainda da MP fraca que está no oceano .

 

Máximas até as 13 h :

 

Riacho Grande 17.7 graus 

Parelheiros 19.3 graus 

Sesc Inmet está fora , mas deve tá com algo entre 19 e 20 

M Boi Mirim 20.3 graus 

Jabaquara 22.5 graus 

Vila Mariana 24.3 graus

Mirante 25.5 graus

Vila Maria 26 graus 

Perus 27.3 graus 

 

 

  • Like 6

Share this post


Link to post
Share on other sites

Um dia com predomínio de nuvens em Curitiba, sai pra dar uma banda aqui ao lado de casa (Praça da Espanha) e o panorama é esse, de temperatura amena(18º) e nada de sol. Que continue assim!

IMG_20190914_111822918.jpg

Edited by Lucas Venturini
  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites
  • Depois de uns dias calorentos, um sábado bastante agradável em Conselheiro Lafaiete
  • Amanheceu nublado, mínima de 17° no INMET e 18,3° aqui em casa
  • Ficou nublado a maior parte da manhã, agora já está "ensolarado". Entre aspas porque na verdade o céu e o horizonte estão esbranquiçados pelo excesso de fumaça das queimadas.
  • A máxima bateu 27,4° no INMET e 26,2° aqui em casa, abaixo da previsão que indicava 29°
  • Amanhã ainda fica como hoje, segunda começa a temível escalada que pode ameaçar o recorde histórico de 35,2° entre quinta e sexta😨
  • Por enquanto, curtindo essa boa tarde com 25,8°
Edited by Enio Rezende
  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Em meio à secura e aos nada extraordinários 35 graus os ipês sempre aparecem para pintar o panorama com cor e graça.

20190910_101752_HDR.jpg

20190910_101742_HDR.jpg

P.s. acho que as chuvas não tardam a retornar. A vegetação nativa semidecidual já começou a rebrotar as folhas.

Edited by marcio valverde
  • Like 11
  • Thanks 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Lucas Venturini disse:

Um dia com predomínio de nuvens em Curitiba, sai pra dar uma banda aqui ao lado de casa (Praça da Espanha) e o panorama é esse, de temperatura amena(18º) e nada de sol. Que continue assim!

IMG_20190914_111822918.jpg

 

A maioria das pessoas não gosta do clima de Curitiba , pelo menos o pessoal do interior.... Mas eu gosto , melhor clima do Brasil.

  • Like 5
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Início de noite agradável em São Paulo.

Além disso, temos aumento de nuvens baixas vindas dos ventos marítimos.

 

Nas estações do CGE, temperaturas entre 16 e 18 graus.

RQOGAX2.png

 

À partir de amanhã, volta o calorão, permanecendo até a quinta feira.

Pelo foreca (12z de hoje do europeu), pico deve chegar aos 26 graus nesse dia.

qQlpwuw.png

  • Like 5
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
21 horas atrás, marinhonani disse:

Renan,

eu espero nunca ver máximas de 44ºC aqui no Noroeste do Rio, e quiçá essas máximas absurdas da Índia, Arábia Saudita e com mínimas acima de 30ºC.

Eu gostaria de ver a temperatura máxima superar os 44ºc em algum lugar do Brasil numa estação confiável ao menos uma vez (mas não precisa ser no Noroeste do Rio, ok😁), em parte porque todos os registros que existem no Brasil de máximas acima de 44ºc são ou completamente errados (como em Bom Jesus do Piaui) ou duvidosos (caso de Orleans).

 

44ºc é um valor muito difícil de alcançado mas certamente não impossível.  O recorde de calor com probabilidade maior de ser confiável ocorreu em novembro de 1962 na cidade de Corumbá (43,8ºc), valor que foi aproximado em outubro de 2012 (dia 30) quando faz 43ºc ou quase isso.  Mas Corumbá muitas vezes registra seus dias mais quentes quando o calor não é tão grande no eixo Cuiabá/Campo Grande, tanto que hoje a máxima mal chegou a 36ºc em Corumbá (valor normal para a época quando não há frente fria atuando) e Campo Grande registrou 39ºc, uma das maiores máximas do ano se não foi a maior.

 

Se todos os ingredientes se juntarem (secura, fluxo continental forte para impedir que o vento do mar mele as máximas, ar muito quente em altura..) a região que vai do leste de SC até o sul do ES pelas baixadas litorâneas é outra que tem potencial para alcançar este valor, mas a combinação de todos estes ingredientes é é extremamente rara (setembro de 1997, se tivesse vindo mais tarde no ano, poderia ter alcançado os 44, assim como outubro de 2014 e 2015 com alguma baixa posicionada de forma a forçar o ar aquecido sobre o continente em direção ao mar).

 

Enquanto isso o tempo segue nublado e ameno no Rio e Niterói, onde a máxima não passou de 25ºc neste sábado, mas volta a esquentar amanhã (não muito ainda) e a próxima semana vai trazer vários dias quentes mas, de acordo com os últimos dados, não históricos para cá.  Ainda há muita incerteza sobre os detalhes aqui para a Região Metropolitana do RJ, mas algumas das últimas atualizações das previsões que acompanho (sites e apps) reduziram o calor previsto para sexta-feira e aumentaram as máximas entre terça e quinta-feira; a única certeza é que ainda teremos novos ajustes.

  • Like 6

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 horas atrás, Paulo Vítor disse:

Previsão bem interessante pra cá. 

 

image.png.76af7af4575648179fe16382e5154b54.png

 

Ainda fico com um pé atrás sobre os 40ºC, mas é certeza de uma semana bem incomoda.

Paulo Vítor,

na antiga estação convencional de Piraí, ficava a 366 metros de altitude, já registrou 39,1ºC (set 1961) e 40,4ºC (dezembro 1968).

Tem altitude bem parecida com Volta Redonda.

Na automática de Valença marcou 39,9ºC (dia 19/10/2014)

Edited by marinhonani
  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

A 18z do GFS de hoje está uma palhaçada!

O modelo mostra que EM PLENA segunda quinzena de setembro (em 216 horas), o centro sul terá uma entrada de uma forte massa de ar frio, sem que a frente fria (e seca) na retaguarda dela consiga trazer chuva para as áreas que estão sofrendo com a estiagem prolongada (diga-se: MS, MT e GO).

E pra complicar ainda mais, quase zerou as chuvas que estavam previstas. Apenas a metade sul do sudeste que teria alguma precipitação.

 

O bloqueio perderá forças e o calor até diminuirá, mas chuva que é bom? Ainda nada e mesmo no início da primavera.

 

Tá difícil!!!

  • Sad 7

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boa noite BAZianos, dia agradabilíssimo aqui no Alphaville, JF - a temperatura oscilou entre 15,8 C e 24,1 C, bem longe da aberração de 33,9 C de anteontem.

No momento, céu parcialmente nublado, 23h20m: 17,2 C e UR 85%. Setembro até agora tem temperatura média de 19,9 C - creio que estamos 1 a 1,5 C acima da média esperada. Um contraste com agosto, que teve anomalia negativa de temperatura,  o mês fechou com média inferior a 16 C....

A partir de amanhã as temperaturas entram em elevação e durante a próxima semana teremos calor. O frio pode voltar no início da outra semana, segundo alguns modelos. Vamos acompanhar nossa montanha russa meteorológica...

Edited by sjmolive
  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 minutos atrás, Daniel85 disse:

A 18z do GFS de hoje está uma palhaçada!

O modelo mostra que EM PLENA segunda quinzena de setembro (em 216 horas), o centro sul terá uma entrada de uma forte massa de ar frio, sem que a frente fria (e seca) na retaguarda dela consiga trazer chuva para as áreas que estão sofrendo com a estiagem prolongada (diga-se: MS, MT e GO).

E pra complicar ainda mais, quase zerou as chuvas que estavam previstas. Apenas a metade sul do sudeste que teria alguma precipitação.

 

O bloqueio perderá forças e o calor até diminuirá, mas chuva que é bom? Ainda nada e mesmo no início da primavera.

 

Tá difícil!!!

Daniel85,

isso não é bom, quanto mais seco ficar, aproximando de outubro, mais chances de ondas de calor piores.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 minutos atrás, sjmolive disse:

Boa noite BAZianos, dia agradabilíssimo aqui no Alphaville, JF - a temperatura oscilou entre 15,8 C e 24,1 C, bem longe da aberração de 33,9 C de anteontem.

No momento, céu parcialmente nublado, 23h20m: 17,2 C e UR 85%. Setembro até agora tem temperatura média de 19,9 C - creio que estamos 1 a 1,5 C acima da média esperada. Um contraste com agosto, que teve anomalia negativa de temperatura,  o mês fechou com média inferior a 16 C....

A partir de amanhã as temperaturas entram em elevação e durante a próxima semana teremos calor. O frio pode voltar no início da outra semana, segundo alguns modelos. Vamos acompanhar nossa montanha russa meteorológica...

 

Samuel , até anteontem estava em +2,0°C de anomalia no INMET-automática em relação à normal 81-2010. Bem feio.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 horas atrás, Wallace Rezende disse:

Eu gostaria de ver a temperatura máxima superar os 44ºc em algum lugar do Brasil numa estação confiável ao menos uma vez (mas não precisa ser no Noroeste do Rio, ok😁), em parte porque todos os registros que existem no Brasil de máximas acima de 44ºc são ou completamente errados (como em Bom Jesus do Piaui) ou duvidosos (caso de Orleans).

 

44ºc é um valor muito difícil de alcançado mas certamente não impossível.  O recorde de calor com probabilidade maior de ser confiável ocorreu em novembro de 1962 na cidade de Corumbá (43,8ºc), valor que foi aproximado em outubro de 2012 (dia 30) quando faz 43ºc ou quase isso.  Mas Corumbá muitas vezes registra seus dias mais quentes quando o calor não é tão grande no eixo Cuiabá/Campo Grande, tanto que hoje a máxima mal chegou a 36ºc em Corumbá (valor normal para a época quando não há frente fria atuando) e Campo Grande registrou 39ºc, uma das maiores máximas do ano se não foi a maior.

 

Se todos os ingredientes se juntarem (secura, fluxo continental forte para impedir que o vento do mar mele as máximas, ar muito quente em altura..) a região que vai do leste de SC até o sul do ES pelas baixadas litorâneas é outra que tem potencial para alcançar este valor, mas a combinação de todos estes ingredientes é é extremamente rara (setembro de 1997, se tivesse vindo mais tarde no ano, poderia ter alcançado os 44, assim como outubro de 2014 e 2015 com alguma baixa posicionada de forma a forçar o ar aquecido sobre o continente em direção ao mar).

 

Enquanto isso o tempo segue nublado e ameno no Rio e Niterói, onde a máxima não passou de 25ºc neste sábado, mas volta a esquentar amanhã (não muito ainda) e a próxima semana vai trazer vários dias quentes mas, de acordo com os últimos dados, não históricos para cá.  Ainda há muita incerteza sobre os detalhes aqui para a Região Metropolitana do RJ, mas algumas das últimas atualizações das previsões que acompanho (sites e apps) reduziram o calor previsto para sexta-feira e aumentaram as máximas entre terça e quinta-feira; a única certeza é que ainda teremos novos ajustes.

Wallace Rezende,

na onda de calor nos últimos dias de outubro de 2012,o Noroeste do Rio registrou máximas bem elevadas nas convencionais abaixo:     

42,0 dia 31/10/2012 em Itaperuna

 

41,6 dia 31 em Campos dos Goitacases(acho que é o recorde absoluto de todos os meses,deve ter soprado vento noroeste até ás 16 horas.

 

41,5 dia 31 em Santo Antônio de Pádua.

 

Acho que foi nesse 31 de outubro que a convencional de Cachoeiro do Itapemirim marcou 43,2ºC,estação era mantida pelo Incaper-ES.Na automática de Alegre-ES, marcou 41,x.

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites
10 minutos atrás, Renan disse:

 

Samuel , até anteontem estava em +2,0°C de anomalia no INMET-automática em relação à normal 81-2010. Bem feio.

Renan,

na rodada de 12Z do modelo Cosmo/Inmet, indicando muito calor para o Rio de Janeio e Zona da Mata a partir de terça, mas o pico de calor seria na sexta, máximas de 40 a 42ºC no Noroeste do Rio e parte baixa da Zona da Mata.

Nos pontos de maior calor do Rio, variação de 42 a 44ºC(baixada, zona norte/oeste,região de Itaboraí, Rio Bonito, Silva Jardim).

Acho que vi uma previsão dessas em outubro de 2012 e 2015.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Já que estamos prestes a registrar muito calor na próxima semana, fiz um levantamento ontem das máximas na onda de calor de outubro de 2015.

estações convencionais e automáticas:

no dia 16/10/2015 no Rio de Janeiro:

42,8 Santa Cruz

42,4 Marambaia(automática)

42,2 Vila Militar(automática)

42,0 Rio Bonito

42,0 Realengo

41,5 Itaperuna

41,4 Santo Antõnio de Pádua

41,2 Cambuci(automática)

40,6 Carmo

38,7 Cordeiro

38,7 Avelar

 

Em Minas Gerais

40,7 Muriaé(automática)

 

Teve também o destaque em Minas de 42,3 em Arinos no dia 22/10/2015.

 

Espero que não fiquem suados ao verem tantas máximas altas.KKKKKKKK

 

  • Like 6
  • Thanks 1
  • Haha 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Marinhonani, o dia 16/10/2015 trouxe um novo recorde mensal de calor para a capital fluminense (e foi um dos dias mais quentes da história em grande parte do interior do estado, sendo que os 36ºc registrados neste dia na convencional de Teresópolis só perdem para o dia 19/10/2014), mas uma virada do vento (para sul/sudoeste) no início da tarde deste mesmo dia 16 impediu máximas ainda maiores, que poderiam ter quebrado o recorde absoluto.

 

O calorão do final de outubro de 2012 não pegou com força a Região Metropolitana do RJ por conta de um persistente um fluxo oceânico em superfície (a máxima do mês na quente Vila Militar foi de "apenas" 36,7ºc no dia 31/10, bem abaixo dos 40,9ºc registrados no dia 19/09 e dos 41,4ºc do dia 26/12 do mesmo ano).  Mas me lembro bem dessas máximas elevadas no Norte/Noroeste do RJ, inclusive com recordes absolutos em Itaperuna e Campos (nesta última cidade poderia ter esquentado ainda mais, pois logo depois da máxima houve um forte vendaval de origem convectiva, com rajada na casa dos 100 Km/h na automática e queda de temperatura para 21/22ºc em questão de minutos!).  Também fez 36ºc numa PWS na área central de Friburgo acho que no dia 28, em 31/10 a formação de instabilidades segurou a máxima por lá.

 

A madrugada de domingo começa ainda totalmente encoberta e com 22ºc no Ingá (esqueci de dizer que choveu fraco em Niterói na manhã de sábado, acumulando de 3 a 7 mm, mas depois não choveu mais), e a previsão é que o sol volte a aparecer durante o dia hoje com gradual elevação da temperatura.  

Edited by Wallace Rezende
  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

E vamos a mais uma saga desnecessária de calor nesta semana. Setembro-19 disputando de forma ferrenha com Setembro-15 para decidirem qual é o mês mais lixo da história. Inverno curto demais, uma pena que a primavera climática tenha começado não cedo e tão extremada. 

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.