Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Rodolfo Alves

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Julho/2019

Topic will be automatically locked at 03:00 AM

Recommended Posts

TÓPICO PARA MONITORAMENTO NO BRASIL/AMÉRICA DO SUL - JULHO 2019.

 

JULHO COMEÇA E COMEÇA BEM COM PROMESSA DE BOMBA SEVERA E DEMOCRÁTICA.....

 

VAMOS CAPRICHAR NO MONITORAMENTO.....

  • Like 17
  • Thanks 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)

Olá, julho!

 

Julho, em Fortaleza e no litoral do Ceará como um todo, marca o fim da transição entre o período chuvoso e o período seco. Além disso, é o mês em que comumente registramos a menor temperatura do ano (sempre algo em torno de 20°C, 21ºC) e também um considerável aumento na intensidade dos ventos, o que atrai praticantes de kite surf e outras atividades do gênero. A média mensal de chuva para a capital cearense, segundo o INMET, é de 70,1 milímetros, valor que despenca para 24,9 mm em agosto. Tivemos uma distribuição interessante de “tipos de julho” na década de 2010. 3 foram chuvosos (ultrapassaram os 100 milímetros acumulados): 2011, 2015 e 2018, sendo julho de 2015 o mais chuvoso da década até agora, com 198,6 milímetros. 3 foram medianos (50-100 mm): 2010, 2013 e 2017. 3 foram secos, já assumindo as características climáticas típicas do segundo semestre: 2012, 2014 e 2016. Pela chuva que tá caindo agora, praticamente já posso bater o martelo de que julho de 2019 não vai entrar para o grupo de julhos secos. Julhos chuvosos geralmente são causados pela influência de Distúrbios Ondulatórios de Leste que se deslocam favoravelmente ao litoral do estado do Ceará. Ano passado, no dia 07/07, tivemos o maior acumulado diário já registrado em um mês de julho em Fortaleza: 108 milímetros. Enfim, depois de um primeiro semestre positivo, estou bastante curioso para ver como o último mês da pós-estação se comportará. 

9907642F-041B-4E55-A937-B11D91D453D0.jpeg

Edited by Pedro Victor P.
  • Like 8

Share this post


Link to post
Share on other sites

Essa previsão da Climatempo para Contagem-MG vai ficar registrada pra sempre nos meus arquivos! 

 

Screenshot_2019-07-01-00-23-34-599_com.a

  • Like 3
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bem vindo, Julho ! Que venha a bomba (eu sei que você virá)!

 

@marinhonani, respondendo sua pergunta: Com essa projeção do Cosmo, que costuma ser conservador, fiquei bastante animado !

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu espero que o mês decepcione e seja quente. 

Não gosto de frio. 😝

  • Like 1
  • Haha 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

Em questão de temperaturas mesmo, esse frio deve ser parecido com Junho 2011. Na capital paranaense, 27/06/11: 0°C a 10°C e 28/06/11: -1°C a 12°C. Lembro da geada fortíssima que deu no parque Iguaçu, branqueou muito (chuto -3°C por lá). A não ser que haja alguma intensificada nos próximos dias, vamos registrar algo semelhante. Uma pena que durará apenas dois dias, saudades Junho 2016 com ar polar vindo e mais ar polar na retaguarda.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Como disse algum tempo atrás, a natureza irá compensar toda a aberração de calor que foi esse ano.

Completamente normal os modelos tirarem o pé nesse momento, são os ajustes e acredito que volte a se intensificar nas próximas rodadas, porém pra mim o frio que está vindo irá bater alguns recordes antigos e que pra nós aqui de SP será um remember do tempo que realmente fazia frio aqui.

Como sempre digo, esqueçam um pouco os modelos, saiam um pouco do mundo acadêmico e tentem ver e sentir o clima e seu comportamento na sua região, façam analogias com situações parecidas no passado, isso nos diz muito sobre o que possa estar por vir (os mais antigos amantes de meteorologia devem saber o que estou querendo dizer).

Aproveitando, meu palpite pra SP é que no mirante chegue fácil aos 3° e negative em alguns lugares da RMSP.

 

 

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vamos lá. Temos batendo a porta um evento de frio potencialmente histórico.

 

Primeiro vamos a uma descrição dia a dia. Pretendo fazer um paralelo da última rodada do ECMWF e da 12Z do GFS.

 

04/07/2019

É quando a alta começa a subir pela Argentina. Neste dia, o tempo fica bem instável no Paraná e sul do Mato Grosso do Sul, com possibilidade de temporais e altos acumulados pela madrugada e manhã; durante a tarde, o risco passa a ser do centro do MS e SP, especialmente sul do estado. À noite, a alta já se encontra no centro da Argentina com 1032hPa (ECMWF), e o ar gelado começa a invadir o sul do RS.

image.thumb.png.5c1dbd0f7824d9b15c6306aa6f4c296c.pngimage.thumb.png.e2e439d4d203ea52869159b0d64d54fb.png

 

05/07/2019

Durante a madrugada do dia 5, o ar polar arranca com força para o Sul do país, e com presença de precipitação e temperaturas entre -3 e -6°C em 850hPa, pode nevar em pontos da Campanha Gaúcha. Pela manhã, a massa polar avança mais e outras regiões do Rio Grande do Sul podem ter neve, desde a Campanha, passando pelo centro até a Serra Gaúcha; esta última pode ter precipitação invernal intensa nas encostas voltadas para sul e sudoeste. Em São Paulo, chove forte com possibilidade de ventos fortes e granizo.

image.thumb.png.08f9768653ff7a837d1b9a7dcf026863.pngimage.thumb.png.0688da449a55bbc7416c9bd9c4dbc6c6.png

 

À tarde, a precipitação pode se tornar mais ampla e volumosa enquanto a alta continua a avançar pelo interior do continente. O amplo e forte cavado em 500hPa é a forçante para que boa parte desta precipitação ocorra, e o efeito orográfico permanece. Com os dados das simulações de hoje, a neve pode acumular em pontos como Gramado e São Francisco de Paula, além das áreas mais altas na Serra. A possibilidade de acumulação existe também para pontos mais altos no centro do RS e Planalto Médio. À noite, o ar polar já será sentido no Mato Grosso do Sul e sudoeste de São Paulo, com a linha de 0°C em 850hPa atingindo estas regiões. A janela de neve permanece por todo o dia no RS e Serra Catarinense, a partir do meio dia no Planalto Norte de SC; no sul do PR há chances a partir do fim da tarde. Entre o fim da tarde e noite há possibilidade de nevar até mesmo nas áreas mais baixas do leste do RS, incluindo a região metropolitana de Porto Alegre.

image.thumb.png.807c017d06ab77f884093b39b92af57e.pngimage.thumb.png.3a2b5ba933abe3cf2de4b32d918b9f2a.png

 

A tarde do dia 5 deve ser especialmente gelada, provavelmente com temperatura abaixo de 0 antes das 3 da tarde nos pontos acima de 1300m na Serra Geral. Todo o Rio Grande do Sul, todo, sem exceção, deve ter temperaturas abaixo dos 10°C durante todo o dia.

image.thumb.png.6b10b41e76c4c2b29bc2042acc694c01.pngimage.thumb.png.2827c129e72aafe1d33f1f224c68f88c.png

 

 

06/07/2019

Durante a madrugada do dia 6, a temperatura sofre forte queda no Mato Grosso do Sul e em São Paulo, além do Triângulo Mineiro e sul de MG, e sul de GO. Em São Paulo, muitas estações terão a mínima absoluta deste evento neste dia, e que podem ser menores que as registradas no segundo pulso de julho de 2000 (15 a 18/07). Este prognóstico é perigoso d ser feito, mas há risco de geada negra no norte do Paraná e sudoeste de São Paulo devido ao vento que acompanha o avanço do ar polar. São Paulo capital pode ter mínima na casa dos 1-3°C na maior parte da cidade. Curitiba pode ir aos -2/-3°C.

image.thumb.png.ea3bbd233001f24a0015888546e083a6.pngimage.thumb.png.864c35d545f494e37dd062a862e7bd4c.png

 

O desenho sinótico é de uma erupção polar clássica: alta centrada entre o Paraguai e o Mato Grosso do Sul, com bordas atingindo sem dificuldades o sul de GO e MT, Triângulo Mineiro e São Paulo, com uma baixa em superfície no Atlântico não tão distante da costa e um forte e amplo cavado em 500hPa orientado praticamente de forma meridional (norte-sul), com um cavado polar intenso em altos níveis, com o Jato Polar atingindo o sul de SP (o que é muito raro).

image.thumb.png.3fab8abf88b3a8788ae993a2dd2d3dc2.pngimage.thumb.png.dc4bfc7bae2c7cf80864d6a05b7f37c2.png

image.thumb.png.7e7f942e455f6ce2df403c51d394bdc9.pngimage.thumb.png.e69bf82d10eaf389befd0dcb14ca53b7.png

image.thumb.png.67924dc47ecd05b770eb314b6f6535e8.pngimage.thumb.png.eb1c4248df8465ae281c6a664b75e390.png

 

Sobre a possibilidade de geada: é grande em toda a área cinza do mapa, em especial norte do Paraná, sul e leste do MS, sudoeste e centro de SP. Esta área em cinza é uma região com pouquíssimo conteúdo de vapor d'água na atmosfera, o que faz com que quase a totalidade do calor perdido para o espaço ao anoitecer não seja retido por moléculas de água e reemitidas, permitindo que a queda de temperatura seja consistente e intensa.

image.thumb.png.1a823e78c98c63cc5b18734a2223c47b.pngimage.thumb.png.0cf820d52408a521595f315efe482b0d.png

 

É prudente que os órgãos competentes façam desde já alertas para que os produtores destas áreas se preparem. 

 

Sobre a neve: ela continua durante a madrugada, e cito a possibilidade de neve nos pontos mais altos da Serra do Mar na divisa entre o PR e SP.

image.thumb.png.9e58a9afe64548ed05fea7d5f6ec3627.pngimage.thumb.png.c382d46e520222246dcad33a2150754a.png

 

Essa é a extensão máxima da linha de 0°C em 850 apontada por ora:

image.thumb.png.a01c977fe3a1b1874fa155159833359f.pngimage.thumb.png.20ab6213356e8c0e31d39294f362c707.png

 

Durante a tarde, as temperaturas sobem, mas não muito. O céu permanece encoberto desde o norte do RS até o sul do PR, e leste de SP. As máximas devem ficar em torno de 12-16°C em grande parte do interior de SP, mesmo na presença de sol; na RMSP espera-se máxima na casa dos 11-13°C. A tarde deve ser fria também no Rio de Janeiro, todo o sul de MG e Triângulo. No Sul, temperaturas muito baixas mesmo onde houver sol; no norte do PR, máximas em torno de 12-14°C, e na Serra Geral entre 2 e 5°C.

image.thumb.png.9a291b625939643bb7b2c12d2cdd7c9e.pngimage.thumb.png.515da142a0a742f8dc5ad693d0aca7f6.png

 

O sol mal baixa e a temperatura já deve atingir valores muito baixos, e a noite pode ser a mais fria desde 2000 no Sudeste, GO, MS e norte do Paraná.

 

Com a temperatura abaixo de 0°C em 700hPa, durante a passagem do cavado, há alguma chance de precipitação invernal nos pontos mais altos da Serra da Mantiqueira entre a manhã e o começo da tarde.

image.thumb.png.0524661a6909b7a9a6953859e80da966.pngimage.thumb.png.085b3be2cbbddabc9afdefedefd0806d.png

 

O modelo GFS aponta cenário similar, só que com menos precipitação.

 

07/07/2019

Deve ser a noite mais fria na maioria das regiões citadas. Áreas como Goiânia, Brasília e Belo Horizonte, além da Zona da Mata mineira, devem ter o fim do jejum forçado de frio, com mínimas não vistas há vários anos. Goiânia e Brasília estão no limite da confusão dos modelos, pois ainda é incerto, apesar da tendência. Interior de São Paulo, Mato Grosso do Sul, grande parte de Minas Gerais, Paraná e centro-sul de Goiás devem estar preparados para a geada, que pode ser muito forte/severa em vários locais; temperaturas abaixo de 0 nas baixadas destes locais são esperadas. Na Serra Geral, Planalto Norte de SC e sul do PR podem ter picos de -7/-9°C em vários locais. Temperaturas baixíssimas também podem ocorrer nas baixadas da Campanha Gaúcha. No litoral e leste de SP e RJ, as mínimas podem ser atrapalhadas pela nebulosidade.

image.thumb.png.d39b4f1c086b4252102a41ac1f7971e7.pngimage.thumb.png.9c1809c1c13875ad139cf00430cc43bc.png

image.thumb.png.ee92789b7816608a97d4cc909ebb65c5.pngimage.thumb.png.ec2942b9df4f5b727e1cf9c751afa557.png

 

Durante a tarde a temperatura sobe mais, mas permanece abaixo dos 20°C no Paraná, centro, sul e oeste de SP, e sul de MG. Com a maritimização progressiva da alta, as mínimas permanecem muito baixas apenas nas baixadas no dia 8.

 

Sobre comparações com eventos do passado, a onda de frio do ECMWF está cada vez mais próximo do pulso ocorrido em 16-18/07/2000 no desenho sinótico.

image.png.fcdfbdee98078e8cad1cb9b1ef5510aa.pngimage.thumb.png.c75c60c9acb0bb63ecdfaee1fb2f6b4a.png

image.png.4043bf46feb5baad80d7dcb44acffe86.pngimage.thumb.png.ab2828e0d96e4c706c71ca717ea568fa.png

image.thumb.png.4d51192c93620364c3049923dc736b4d.png

 

O cenário está praticamente consolidado e passará apenas por ajustes nas próximas rodadas.

 

Sobre as saídas do modelo CMC: ele é bom parâmetro para baixadas. Não leve tão a sério os valores para áreas tão amplas.

  • Like 34
  • Thanks 14

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vivi pra ver o Europeu dando neve pra Porto Alegre. É menos de um centímetro, é verdade. Mas é neve no bruto do Euro pra Porto Alegre.

 

Pelo modelo poderia nevar na noite de sexta. Dá 5° no bruto pra POA e boa chuva, o que na prática pode ser 4°, talvez menos. O suporte é fortíssimo. Difícil não se empolgar.

 

xx_model-en-178-0_modez_2019063012_132_39861_108.thumb.png.f81dbe896445c201fe6253103fd9a31b.png

 

 

O pinico da neve seria São Chico pelo Euro, nevando sexta desde a manhã, durando o dia inteiro. Só pararia sábado ao amanhecer.

 

xx_model-en-178-0_modez_2019063012_141_39862_108.thumb.png.249d279b2542763d691f22e0904a341a.png

 

 

 

O modelo dá neve generalizada no Rio Grande do Sul na noite de sexta:

 

xx_model-en-178-0_modez_2019063012_132_15121_108.thumb.png.16f2c2dd73fd5c507cbe15ff28f946b0.png

 

 

E pra coroar, mínimas incríveis no domingo (lembrando que é o EURO BRUTO):

 

49494073_xx_model-en-178-0_modez_2019063012_168_39862_148(2).thumb.png.e3426cdbac01a2b3176675e37f3d3f4a.png

 

 

Essa MP vai ser uma benção depois de um mês tão sofrível. Torcendo pra que mantenha!

  • Like 16
  • Thanks 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Rapaz, você falou para não surtar? Me diga, como? Rsrs. Obrigado pela partilha da análise. Perfeito. Faz um leigo, embora amante por meteorologia como eu, apaixonar ainda mais por esse trem cabuloso que é o meio meteorológico e suas particularidades. 

 

Estou aguardando com ansiedade a possibilidade de pegar uma boa mínima em SP na manhã de sábado, seguida de uma manha gelada na capital e tarde sub 15 ensolarada em Varginha. Olhando as projeções e aguardando a dança dos modelos, ainda que leve, tô quase apostando (dentro da minha inexperiência), uma máxima de 13•C por aqui. 

 

Neste dia à noite, será a festa julina mais famosa da região. Fica numa baixada. Será muito interessante, observar a diferença entre esse local e o centro da cidade, no topo e bastante urbanizado. 

 

Na madrugada, vou igual o Senna para a roça. Vou preparar a câmera. Estarei 5:30 da manhã lá na fazenda e, de lá, ainda no escuro, vou descer para as baixadas no meio do cafezal. Seguindo o que disse acima, mesmo diante de toda inexperiência e ainda longe do próximo domingo, aguardo temperatura na casa dos 1.5•C no Inmet/topo, 950m, e uns -1/-2 na baixada em zona rural, mais de 1000m. Baixadas urbanas também tentarei dar uma conferida se terá formação de geada. 

 

No mais, surpreendendo o primeiro modelo indicando uma máxima na casa dos 10•C! Em terras altas do centro Norte Paulista, como São Carlos e até na alta mogiana Paulista. Muzambinho e Nova Resende, terão valores exepcionais sábado à tarde e valores congelantes nas baixadas domingo. 

A Paraíso do colega Lucas vai brilhar. 

 

Os grupos de cafeicultores já estão compartilhando alertas. Desde o Metsul ao áudio do Coutinho. @Vinicius Lucyrio, peço licença para compartilhar seu texto e as imagens que você compartilhou com o devido crédito. 

 

Desejo uma ótima semana a todos. 

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 horas atrás, Tomás WRuas disse:

Vivi pra ver o Europeu dando neve pra Porto Alegre. É menos de um centímetro, é verdade. Mas é neve no bruto do Euro pra Porto Alegre.

 

Pelo modelo poderia nevar na noite de sexta. Dá 5° no bruto pra POA e boa chuva, o que na prática pode ser 4°, talvez menos. O suporte é fortíssimo. Difícil não se empolgar.

 

xx_model-en-178-0_modez_2019063012_132_39861_108.thumb.png.f81dbe896445c201fe6253103fd9a31b.png

 

 

O pinico da neve seria São Chico pelo Euro, nevando sexta desde a manhã, durando o dia inteiro. Só pararia sábado ao amanhecer.

 

xx_model-en-178-0_modez_2019063012_141_39862_108.thumb.png.249d279b2542763d691f22e0904a341a.png

 

 

 

O modelo dá neve generalizada no Rio Grande do Sul na noite de sexta:

 

xx_model-en-178-0_modez_2019063012_132_15121_108.thumb.png.16f2c2dd73fd5c507cbe15ff28f946b0.png

 

 

E pra coroar, mínimas incríveis no domingo (lembrando que é o EURO BRUTO):

 

49494073_xx_model-en-178-0_modez_2019063012_168_39862_148(2).thumb.png.e3426cdbac01a2b3176675e37f3d3f4a.png

 

 

Essa MP vai ser uma benção depois de um mês tão sofrível. Torcendo pra que mantenha!

 

Difícil não se empolgar mesmo. Por via das dúvidas, sexta não vou trabalhar.

  • Like 2
  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu fiz essa pergunta no tópico de junho, mas foi tarde demais para me responderem

 

Da pra medir a temperatura do ar com termômetro de febre ?

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 horas atrás, Vinicius Lucyrio disse:

Vamos lá. Temos batendo a porta um evento de frio potencialmente histórico.

 

Primeiro vamos a uma descrição dia a dia. Pretendo fazer um paralelo da última rodada do ECMWF e da 12Z do GFS.

 

04/07/2019

É quando a alta começa a subir pela Argentina. Neste dia, o tempo fica bem instável no Paraná e sul do Mato Grosso do Sul, com possibilidade de temporais e altos acumulados pela madrugada e manhã; durante a tarde, o risco passa a ser do centro do MS e SP, especialmente sul do estado. À noite, a alta já se encontra no centro da Argentina com 1032hPa (ECMWF), e o ar gelado começa a invadir o sul do RS.

image.thumb.png.5c1dbd0f7824d9b15c6306aa6f4c296c.pngimage.thumb.png.e2e439d4d203ea52869159b0d64d54fb.png

 

05/07/2019

Durante a madrugada do dia 5, o ar polar arranca com força para o Sul do país, e com presença de precipitação e temperaturas entre -3 e -6°C em 850hPa, pode nevar em pontos da Campanha Gaúcha. Pela manhã, a massa polar avança mais e outras regiões do Rio Grande do Sul podem ter neve, desde a Campanha, passando pelo centro até a Serra Gaúcha; esta última pode ter precipitação invernal intensa nas encostas voltadas para sul e sudoeste. Em São Paulo, chove forte com possibilidade de ventos fortes e granizo.

image.thumb.png.08f9768653ff7a837d1b9a7dcf026863.pngimage.thumb.png.0688da449a55bbc7416c9bd9c4dbc6c6.png

 

À tarde, a precipitação pode se tornar mais ampla e volumosa enquanto a alta continua a avançar pelo interior do continente. O amplo e forte cavado em 500hPa é a forçante para que boa parte desta precipitação ocorra, e o efeito orográfico permanece. Com os dados das simulações de hoje, a neve pode acumular em pontos como Gramado e São Francisco de Paula, além das áreas mais altas na Serra. A possibilidade de acumulação existe também para pontos mais altos no centro do RS e Planalto Médio. À noite, o ar polar já será sentido no Mato Grosso do Sul e sudoeste de São Paulo, com a linha de 0°C em 850hPa atingindo estas regiões. A janela de neve permanece por todo o dia no RS e Serra Catarinense, a partir do meio dia no Planalto Norte de SC; no sul do PR há chances a partir do fim da tarde. Entre o fim da tarde e noite há possibilidade de nevar até mesmo nas áreas mais baixas do leste do RS, incluindo a região metropolitana de Porto Alegre.

image.thumb.png.807c017d06ab77f884093b39b92af57e.pngimage.thumb.png.3a2b5ba933abe3cf2de4b32d918b9f2a.png

 

A tarde do dia 5 deve ser especialmente gelada, provavelmente com temperatura abaixo de 0 antes das 3 da tarde nos pontos acima de 1300m na Serra Geral. Todo o Rio Grande do Sul, todo, sem exceção, deve ter temperaturas abaixo dos 10°C durante todo o dia.

image.thumb.png.6b10b41e76c4c2b29bc2042acc694c01.pngimage.thumb.png.2827c129e72aafe1d33f1f224c68f88c.png

 

 

06/07/2019

Durante a madrugada do dia 6, a temperatura sofre forte queda no Mato Grosso do Sul e em São Paulo, além do Triângulo Mineiro e sul de MG, e sul de GO. Em São Paulo, muitas estações terão a mínima absoluta deste evento neste dia, e que podem ser menores que as registradas no segundo pulso de julho de 2000 (15 a 18/07). Este prognóstico é perigoso d ser feito, mas há risco de geada negra no norte do Paraná e sudoeste de São Paulo devido ao vento que acompanha o avanço do ar polar. São Paulo capital pode ter mínima na casa dos 1-3°C na maior parte da cidade. Curitiba pode ir aos -2/-3°C.

image.thumb.png.ea3bbd233001f24a0015888546e083a6.pngimage.thumb.png.864c35d545f494e37dd062a862e7bd4c.png

 

O desenho sinótico é de uma erupção polar clássica: alta centrada entre o Paraguai e o Mato Grosso do Sul, com bordas atingindo sem dificuldades o sul de GO e MT, Triângulo Mineiro e São Paulo, com uma baixa em superfície no Atlântico não tão distante da costa e um forte e amplo cavado em 500hPa orientado praticamente de forma meridional (norte-sul), com um cavado polar intenso em altos níveis, com o Jato Polar atingindo o sul de SP (o que é muito raro).

image.thumb.png.3fab8abf88b3a8788ae993a2dd2d3dc2.pngimage.thumb.png.dc4bfc7bae2c7cf80864d6a05b7f37c2.png

image.thumb.png.7e7f942e455f6ce2df403c51d394bdc9.pngimage.thumb.png.e69bf82d10eaf389befd0dcb14ca53b7.png

image.thumb.png.67924dc47ecd05b770eb314b6f6535e8.pngimage.thumb.png.eb1c4248df8465ae281c6a664b75e390.png

 

Sobre a possibilidade de geada: é grande em toda a área cinza do mapa, em especial norte do Paraná, sul e leste do MS, sudoeste e centro de SP. Esta área em cinza é uma região com pouquíssimo conteúdo de vapor d'água na atmosfera, o que faz com que quase a totalidade do calor perdido para o espaço ao anoitecer não seja retido por moléculas de água e reemitidas, permitindo que a queda de temperatura seja consistente e intensa.

image.thumb.png.1a823e78c98c63cc5b18734a2223c47b.pngimage.thumb.png.0cf820d52408a521595f315efe482b0d.png

 

É prudente que os órgãos competentes façam desde já alertas para que os produtores destas áreas se preparem. 

 

Sobre a neve: ela continua durante a madrugada, e cito a possibilidade de neve nos pontos mais altos da Serra do Mar na divisa entre o PR e SP.

image.thumb.png.9e58a9afe64548ed05fea7d5f6ec3627.pngimage.thumb.png.c382d46e520222246dcad33a2150754a.png

 

Essa é a extensão máxima da linha de 0°C em 850 apontada por ora:

image.thumb.png.a01c977fe3a1b1874fa155159833359f.pngimage.thumb.png.20ab6213356e8c0e31d39294f362c707.png

 

Durante a tarde, as temperaturas sobem, mas não muito. O céu permanece encoberto desde o norte do RS até o sul do PR, e leste de SP. As máximas devem ficar em torno de 12-16°C em grande parte do interior de SP, mesmo na presença de sol; na RMSP espera-se máxima na casa dos 11-13°C. A tarde deve ser fria também no Rio de Janeiro, todo o sul de MG e Triângulo. No Sul, temperaturas muito baixas mesmo onde houver sol; no norte do PR, máximas em torno de 12-14°C, e na Serra Geral entre 2 e 5°C.

image.thumb.png.9a291b625939643bb7b2c12d2cdd7c9e.pngimage.thumb.png.515da142a0a742f8dc5ad693d0aca7f6.png

 

O sol mal baixa e a temperatura já deve atingir valores muito baixos, e a noite pode ser a mais fria desde 2000 no Sudeste, GO, MS e norte do Paraná.

 

Com a temperatura abaixo de 0°C em 700hPa, durante a passagem do cavado, há alguma chance de precipitação invernal nos pontos mais altos da Serra da Mantiqueira entre a manhã e o começo da tarde.

image.thumb.png.0524661a6909b7a9a6953859e80da966.pngimage.thumb.png.085b3be2cbbddabc9afdefedefd0806d.png

 

O modelo GFS aponta cenário similar, só que com menos precipitação.

 

07/07/2019

Deve ser a noite mais fria na maioria das regiões citadas. Áreas como Goiânia, Brasília e Belo Horizonte, além da Zona da Mata mineira, devem ter o fim do jejum forçado de frio, com mínimas não vistas há vários anos. Goiânia e Brasília estão no limite da confusão dos modelos, pois ainda é incerto, apesar da tendência. Interior de São Paulo, Mato Grosso do Sul, grande parte de Minas Gerais, Paraná e centro-sul de Goiás devem estar preparados para a geada, que pode ser muito forte/severa em vários locais; temperaturas abaixo de 0 nas baixadas destes locais são esperadas. Na Serra Geral, Planalto Norte de SC e sul do PR podem ter picos de -7/-9°C em vários locais. Temperaturas baixíssimas também podem ocorrer nas baixadas da Campanha Gaúcha. No litoral e leste de SP e RJ, as mínimas podem ser atrapalhadas pela nebulosidade.

image.thumb.png.d39b4f1c086b4252102a41ac1f7971e7.pngimage.thumb.png.9c1809c1c13875ad139cf00430cc43bc.png

image.thumb.png.ee92789b7816608a97d4cc909ebb65c5.pngimage.thumb.png.ec2942b9df4f5b727e1cf9c751afa557.png

 

Durante a tarde a temperatura sobe mais, mas permanece abaixo dos 20°C no Paraná, centro, sul e oeste de SP, e sul de MG. Com a maritimização progressiva da alta, as mínimas permanecem muito baixas apenas nas baixadas no dia 8.

 

Sobre comparações com eventos do passado, a onda de frio do ECMWF está cada vez mais próximo do pulso ocorrido em 16-18/07/2000 no desenho sinótico.

image.png.fcdfbdee98078e8cad1cb9b1ef5510aa.pngimage.thumb.png.c75c60c9acb0bb63ecdfaee1fb2f6b4a.png

image.png.4043bf46feb5baad80d7dcb44acffe86.pngimage.thumb.png.ab2828e0d96e4c706c71ca717ea568fa.png

image.thumb.png.4d51192c93620364c3049923dc736b4d.png

 

O cenário está praticamente consolidado e passará apenas por ajustes nas próximas rodadas.

 

Sobre as saídas do modelo CMC: ele é bom parâmetro para baixadas. Não leve tão a sério os valores para áreas tão amplas.

Simplesmente espetacular 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Parabéns às análises e projeções feitas pelo Vinícius!

 

Lembro-me quando o Viny começou  a postar aqui no BAZ, se não me falha a memória, por volta de 2008..., de Matão, no interior de São Paulo.

 

Ele foi o primeiro cara a capturar uma dessas "bombas" aqui no BAZ. Creio que tenha sido a de junho de 2011, que encerrou um longo jejum de geadas generalizadas no Estado de São Paulo.

 

Mais uma vez: análise primorosa!

 

Que venha o monstrengo polar!

 

 

 

 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Julho começa com friozinho de 11,5C por aqui. Julho começa com bomba. Variações nos modelos em alguns aspectos são normais. Ora aumenta um pouco, ora diminuí. 

 

A grande MP se confirmou. O post do Vinícius foi esclarecedor. 

 

MP: venha ! 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia! A temperatura caiu mais do que o previsto e vamos tendo o amanhecer mais frio do ano em Buenos Aires e arredores. Temperaturas atuais (e sensacao térmica onde tem vento):

Aeroparque: 5°C
Buenos Aires: 3,6°C
El Palomar: 0,7°C
La Plata: 0,6°C - ST -1,1°C
Ezeiza: 0,6°C - ST -1,1°C

Apesar do sol, hoje a máxima nao passaria dos 12°C.

  • Like 7

Share this post


Link to post
Share on other sites

Atualizando as previsoes pra cá:

O SMN agora deixou de indicar tres dias de máxima sub-10, mas coloca algo interessante: tempo nublado na quinta, com temperatura entre 3 e 9°C. Já nao seria um frio tao seco:

image.png.b63826fde35b3a70364e7d6d856afb48.png

 

O Foreca só coloca uma máxima sub-10, mas a máxima seria baixíssima, de apenas 7°C e ainda coloca possibilidade de chuva com 6°C no meio da tarde. Além disso, já aponta outro ar frio forte pra semana que vem, com mais máximas de um dígito:

image.png.4809c233f379c887102ff3e482fa99b6.png

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

De modo geral destacaria das rodadas da 00Z:

 

- Toda a mecânica do sistema permanece favorável a tão esperada neve.

 

- Porém, houve sensível redução no potencial nas camadas mais altas (700 a 500mb) e uma diminuição na janela da isoterma em 850mb.

 

- De modo geral passa a ser uma erupção um tanto quanto rápida, que perde de longe em duração para 2013, mas pode se equiparar em intensidade no auge do frio.

 

- Por isso ainda merece atenção pois os detalhes de mínimas absoluta e neve ainda carecem de novos ajustes que os modelos estão fazendo a medida que se aproxima o grosso do frio.

 

Rodada 18Z de 21/07/2013

 

T850, T800, T750, T700, T650, T500, Prec

 

+ 21.     -1.1           -1.6           -2.5           -3.1           -5.0          -11.7           0.73
+ 24.     -0.7           -2.3           -2.6           -3.8           -5.7          -11.7           0.32
+ 27.     -0.8           -3.8           -4.1           -6.3           -8.2          -13.2           0.28
+ 30.     -1.9           -4.0           -5.0           -7.3           -9.6          -13.4           0.00
+ 33.     -3.4           -4.7           -6.2           -8.5          -10.1          -13.6           0.00
+ 36.     -4.8           -6.2           -7.9           -9.9          -11.7          -15.1           0.00
+ 39.     -5.1           -6.4           -8.3          -11.5          -14.4          -15.1           0.00
+ 42.     -5.1           -7.4           -9.1          -12.2          -16.2          -19.3           0.00
+ 45.     -3.6           -7.4           -9.1          -12.1          -15.9          -25.6           0.00
+ 48.     -1.2           -4.7           -5.2           -8.2          -11.4          -24.4           0.00
+ 51.     -1.6           -4.1           -3.5           -5.6           -9.2          -18.6           0.00
+ 54.     -2.8           -2.8           -2.4           -5.2           -8.7          -16.6           0.00
+ 57.     -2.5           -0.6           -1.8           -5.0           -8.5          -17.8           0.00

 

00Z 01/07/2019

 

105.      2.1            0.3           -2.8           -5.7           -9.1          -17.9           0.06
+108.      0.1           -1.5           -4.5           -7.8           -9.5          -18.4           0.12
+111.      0.6           -3.7           -7.7           -8.8          -10.3          -19.1           0.13
+114.     -0.5           -4.7           -8.4          -12.2          -13.5          -20.4           0.06
+117.     -3.0           -6.7           -9.8          -13.3          -15.0          -21.9           0.06
+120.     -5.0           -7.9           -9.0          -12.2          -15.8          -20.9           0.00
+123.     -5.6           -7.2           -7.7          -10.8          -14.5          -17.5           0.00
+126.     -5.1           -5.5           -5.7           -9.3          -11.9          -13.4           0.00
+129.     -4.6           -1.7           -4.4           -6.8           -9.2          -13.0           0.00
+132.     -2.0            0.2           -2.8           -5.7           -7.2          -12.6           0.06
+135.      1.2           -0.0           -2.2           -4.0           -4.0          -13.4           0.00
+138.      3.0           -1.2           -2.5           -2.3           -2.0          -13.7           0.00                                          
  • Confused 1
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia, graças a Deus julho chegou. Mínima aqui no pws do Centro de Friburgo de 11,1°C no início desta manhã. Agora 13°C. Foreca prevê mínima agora de 5°C aqui, frio forte na área urbana, mas nada historico. Vamos acompanhando..

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pelos dados acolhidos de hoje,  ECMWF projeta neve mais concentrada em SC, pelo GFS neve mais concentrada no RS. Porem ambos dão projeção de neve generalizada, pegando RS,SC e parte do PR,  também aparece algo entre SP, MG< RJ.  Alguma variantes projetam algo em torno de 30cm no nordeste RS, boa acumulação no meio oeste e planalto sul SC. Mas ainda muitos horas que antecedem uma projeção de uma previsão. Nevadas prescrevem algo certo somente com 24/36H de antecedência.

Muita chuva em Lages, ainda noite por aqui, temperatura  em 14C.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Preciso ser realista: Não enxergo mais um frio histórico aqui, mas sim extremamente forte (o mais forte desde 2007 ou 2000). Acho que ainda perderá das bombas de 1994 e 2000, a conferir. 

 

Vai depender de novas atualizações. Vale lembrar que é muito comum os modelos darem uma reduzida, para então no curto prazo engrossar de novo. 

  • Like 1
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
3 minutos atrás, Renan disse:

Preciso ser realista: Não enxergo mais um frio histórico aqui, mas sim extremamente forte (o mais forte desde 2007 ou 2000). Acho que ainda perderá das bombas de 1994 e 2000, a conferir. 

 

Vai depender de novas atualizações. Vale lembrar que é muito comum os modelos darem uma reduzida, para então no curto prazo engrossar de novo. 

Famosos ajustes, tiram depois vão recolocando até na última rodada antecedente ao fato kkk

Edited by Tiagocxs
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.