Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Rodolfo Alves

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Junho/2019

Recommended Posts

O período frio 2019, a mim, ganhará com um pé nas costas ante 2015. A esta esta altura do campeonato, a menos para o sudeste e região serrana RS/SC e PR, 2019 já está melhor do que 2015. É bem verdade que, até 20 junho, viveremos um período mais quente e bem seco, com um belo bloqueio.

 

A próxima FF só chega por volta do dia 20/junho.

 

Mas nada me tira da cabeça que neste ano seremos atingidos por uma BOMBA POLAR, trazendo nevasca nas serras RS/SC e frio amplo no Centro-sul brasileiro.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Os portenhos de Bs Aires e os uruguaios estão virando sapos com tanta chuva! No momento, 16 graus em Bs Aires e muita chuva. Já Bagé, no RS, com já mais elevados 23 graus e nublado. 

 

O bloqueio inicia exatamente ao norte do Uruguai: na Campanha gaúcha! A campanha permanecerá com sol entre nuvens, e temperaturas elevadas até dia 18/junho, 17/26 graus.

 

Já pouco a sul, Bs Aires e Montevideo, no período de hoje até dia da chegada do ar frio (18/junho), ficará instável, com muita chuva e temperaturas entre 11/18 graus.

 

BAITA GRADIENTE TÉRMICO EM POUCOS KM DISTÂNCIA!

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, Felipe Backendorf disse:

 

3,3/17,6 segundo dados da epagri

 

Mais um mês padrão Mantiqueira na cidade mais fria do país

 

image.thumb.png.8df5b1635c50c501876829b50ba7cd08.png

  • Like 5
  • Sad 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quando vejo esses 22•C de mínima em Santa Maria, acho que prefiro o sul de Minas, onde não tenho essas bizarrices nem no auge do verão. Prefiro um friozinho/frio mais constante noturno/manhã e tardes agradáveis e, as vezes, fria, do que esse negócio aí. 

Assustadora previsão para o RS! 

  • Like 7

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 minutos atrás, Tomás WRuas disse:

 

Mais um mês padrão Mantiqueira na cidade mais fria do país

 

image.thumb.png.8df5b1635c50c501876829b50ba7cd08.png

 

O problema está sendo as máximas. De fato Urupema é mais fria que qualquer cidade da Mantiqueira, então essas noites geladas não são suficientes. A serra catarinense também se caracteriza pela mais baixa sensação térmica do país, durante as invasões polares que não têm ocorrido esse ano. Mesmo assim, ainda é outro mundo se comparado às terras baixas do RS.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
25 minutos atrás, Victor Naia disse:

Quando vejo esses 22•C de mínima em Santa Maria, acho que prefiro o sul de Minas, onde não tenho essas bizarrices nem no auge do verão. Prefiro um friozinho/frio mais constante noturno/manhã e tardes agradáveis e, as vezes, fria, do que esse negócio aí. 

Assustadora previsão para o RS! 

 

Eu sempre disse isso, mil vezes um clima sem muita variação, nem de frio nem de calor, do que essa nojeira que temos aqui.  

  • Like 3
  • Haha 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pra mim está sendo a pior primeira quinzena de junho até hoje, superando até mesmo anos que não tivemos inverno como 2015 e 2017.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
30 minutos atrás, Cahe Gundel disse:

 

Eu sempre disse isso, mil vezes um clima sem muita variação, nem de frio nem de calor, do que essa nojeira que temos aqui.  

O sonho de boa parte dos norte americanos é ir viver na Califórnia, justamente pela estabilidade do clima e por ser uniformemente ameno (excetuando-se as montanhas e os "inland deserts"). E o clima é perfeito para a agricultura (é um dos celeiros do mundo e berço da agricultura orgânica. Levando-se em conta as devidas proporções, considero que boa parte de Minas Gerais tenha uma característica algo similar. Levando-se em conta todas as estações do ano, acho que tem o melhor (ou um dos melhores) clima do Brasil. 

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 horas atrás, ricardosilva disse:

 

Grande coisa a temperatura estar NA MEDIA para o mês (isso que foram só uns poucos dias)...emoção climática para SP é mínima bem abaixo de 10°, máxima não passando de 12°, isso que tivemos esses dias não passou de um peido polar pra cá.

Amigo o Caco é um pouco arrogante , não perde tempo não,  faz bem para o coração. 

Ele entende tanto de latitude que no dia 26 de fevereiro ele já tinha decretado outono no paralelo 23 .

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Renan disse:

Estou muito assustado.

 

Anomalias de até +8ºC sobre a campanha gaúcha nos próximos 5 dias.

 

E OS MODELOS NÃO SINALIZAM AINDA NENHUMA COMPENSAÇÃO À ALTURA DISSO...

 

cfs_anom_t2m_samerica_2019061300_21.thumb.jpg.97a71e097f504a68af637806dd6c509d.jpg

 

 

Não é possível que Julho e Agosto não  compense essa bizarrice climática.

 

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
22 minutos atrás, Juzinho disse:

Não é possível que Julho e Agosto não  compense essa bizarrice climática.

 

 

De uns tempos pra cá, o efeito compensatório tem sumido...o calor é substituído por mais calor, rs. 

  • Like 2
  • Haha 2
  • Sad 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Renan disse:

 

O problema está sendo as máximas. De fato Urupema é mais fria que qualquer cidade da Mantiqueira, então essas noites geladas não são suficientes. A serra catarinense também se caracteriza pela mais baixa sensação térmica do país, durante as invasões polares que não têm ocorrido esse ano. Mesmo assim, ainda é outro mundo se comparado às terras baixas do RS.

Na media das máximas no inverno, Pinheiro Machado fica abaixo de Urupema e nem vamos falar de sensação térmica, afinal de contas a Serra de Sudeste é um dos principais polos de energia eólica no Brasil.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Cahe Gundel disse:

 

Eu sempre disse isso, mil vezes um clima sem muita variação, nem de frio nem de calor, do que essa nojeira que temos aqui.  

Clima perfeito para mim: na faixa dos 1200m no sul de minas. Poços de Caldas por exemplo. Verão você consegue ir a piscina por muitos dias, mas a noite sempre agradável e, as vezes, até friozinho em pleno Janeiro/Fevereiro. Em quase todo outono e primavera, usa blusa pela manhã e a noite. Em bons dias do inverno, agasalha-se durante todo dia. Muitas casas ascendem suas lareiras nos dias frios. Média anual na casa dos 17.5•C a 18.0. Em Julho, média de 13.5•C/14•C. Tardes sub 20 ocorrem com certa frequência e, as vezes, máximas sub 15. Mínimas sub 10 são infinitas entre Março e Outubro. Sub 5 também ocorrem com facilidade nos meses mais frios. Acredito que negativa todo ano nos bairros mais frios. A mínima história é -7.2•C. Em 2011, peguei -3•C. Cidades como Maria da Fé, São Thomé das Letras( essa ruim de mínima- topão a 1300/1400m), Camanducaia (Monte Verde), Delfim Moreira, Bocaina de Minas, Campos do Jordão etc, são ainda mais frias - e nunca bateram os 35•C de Poços, que ocorreu em 2014, que foi uma exceção enorme no histórico climático do lugar. 

 

  • Like 6

Share this post


Link to post
Share on other sites

Comparaçãozinha desleal. Urupema junho 2019 x junho 2016 no mesmo período:

 

image.png.ab8f5a4cad2cf64c733227f12306de9c.png

  • Like 6
  • Thanks 1
  • Haha 4
  • Sad 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)

Rua Gonçalo de Carvalho em Porto Alegre/RS popularmente conhecida como 'rua mais bonita do mundo". Abafamento em Porto; 28ºC (U.R.A. 55%)
D88zfRCXkAAk2eT.jpg:large

Edited by Lucas Venturini
  • Like 5
  • Confused 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aquela história de que o Rio Grande do Sul é o único (ou um dos únicos) lugar imune ao aquecimento global já caiu ou ainda da pra sustentar essa exceção?

 

Digo isso pois, nos últimos anos, a região está sofrendo recordes sucessivos de calor em vários meses, enquanto no sudeste os recordes acalmaram a partir de 2016.

 

É inadmissível a capital mais meridional do país entrar no inverno astronômico sem ter baixado de 10.

 

Em BH, previsão de temperaturas bem na média para junho nos próximos dias: 14/25 graus.

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

O acumulado em João Pessoa está surpreendendo. Segundo o INMET choveu 213 milímetros nas últimas 24 horas. Alguns pluviômetros do CEMADEN já estão indicando mais de 250 milímetros. 😦

 

Aqui em Fortaleza não está chovendo no momento, mas algumas instabilidades estão se desenvolvendo ao largo do litoral do Ceará. O The Weather Channel indica que deverá chover durante a noite de hoje até amanhã o dia inteiro, diminuindo entre a madrugada e a manhã do sábado. 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Victor Naia disse:

Quando vejo esses 22•C de mínima em Santa Maria, acho que prefiro o sul de Minas, onde não tenho essas bizarrices nem no auge do verão. Prefiro um friozinho/frio mais constante noturno/manhã e tardes agradáveis e, as vezes, fria, do que esse negócio aí. 

Assustadora previsão para o RS! 

Na minha humilde opinião, Sul de MG e região serrana do Rio são os melhores climas do Brasil. Cota acima dos 1000m...

Digo no quesito conforto térmico. 

  • Like 2
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esse mapa esquemático deixa claro porque a região Sul sofrerá os efeitos desse bloqueio de maneira muito mais severa do que no Sudeste.

 

Vejam o esquema de direcionamento dos ventos. O centro do bloqueio está numa posição que impõe um intenso fluxo de ventos quentes de Norte em direção ao RS. Por outro lado, no Sudeste, o fluxo imposto é de ventos frescos oceânicos, aliado à ASAS que está centrada numa posição confortável para nós. Esse padrão não altera até o dia 18.

 

O JBN alimentará muita instabilidade no Uruguai e Argentina, e continuará trazendo esse bafo quente do Brasil central para o sul do país. Vamos acompanhar isso, pois poderá trazer recordes de máxima absoluta para Junho em alguns locais. 

 

gfs-brarg-z500_barbs-0438000.thumb.jpg.238050db5a79a9c4de652f90de291900.jpg

  • Like 3
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
6 minutos atrás, Renan disse:

Esse mapa esquemático deixa claro porque a região Sul sofrerá os efeitos desse bloqueio de maneira muito mais severa do que no Sudeste.

 

Vejam o esquema de direcionamento dos ventos. O centro do bloqueio está numa posição que impõe um intenso fluxo de ventos quentes de Norte em direção ao RS. Por outro lado, no Sudeste, o fluxo imposto é de ventos frescos oceânicos, aliado à ASAS que está centrada numa posição confortável para nós. Esse padrão não altera até o dia 18.

 

O JBN alimentará muita instabilidade no Uruguai e Argentina, e continuará trazendo esse bafo quente do Brasil central para o sul do país. Vamos acompanhar isso, pois poderá trazer recordes de máxima absoluta para Junho em alguns locais. 

 

gfs-brarg-z500_barbs-0438000.thumb.jpg.238050db5a79a9c4de652f90de291900.jpg

O recorde de SP é 28.8 em Junho no Mirante .

Creio que a chance de quebra é de 90% no IAG ( não sei qual é a absoluta de lá),

 é de uns 70% no Mirante , segundo a previsão para os próximos dias .

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 minutos atrás, Renan disse:

Esse mapa esquemático deixa claro porque a região Sul sofrerá os efeitos desse bloqueio de maneira muito mais severa do que no Sudeste.

 

Vejam o esquema de direcionamento dos ventos. O centro do bloqueio está numa posição que impõe um intenso fluxo de ventos quentes de Norte em direção ao RS. Por outro lado, no Sudeste, o fluxo imposto é de ventos frescos oceânicos, aliado à ASAS que está centrada numa posição confortável para nós. Esse padrão não altera até o dia 18.

 

O JBN alimentará muita instabilidade no Uruguai e Argentina, e continuará trazendo esse bafo quente do Brasil central para o sul do país. Vamos acompanhar isso, pois poderá trazer recordes de máxima absoluta para Junho em alguns locais. 

 

gfs-brarg-z500_barbs-0438000.thumb.jpg.238050db5a79a9c4de652f90de291900.jpg

Qualquer tipo de bloqueio ( alta pressão e calor ou chuvas torrenciais), em qualquer época do ano, SEMPRE tem efeitos dramáticos, principalmente no Uruguai, RS e SC. E, infelizmente, são comuns. O que torna este ainda mais dramático é que reforça uma situação já existente. Se tivéssemos tido um outono frio, e este bloqueio agora, aposto que todo mundo aqui estaria gostando ("uma folga do frio"). Mas, como está do jeito que todo mundo sabe, a reclamação tem sido geral: "cadê o frio???"  Quanto ao bloqueio em si, não tem nada de anormal. A falta de frio desde abril, isso sim é algo bizarro. 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Cahe Gundel disse:

 

Eu sempre disse isso, mil vezes um clima sem muita variação, nem de frio nem de calor, do que essa nojeira que temos aqui.  

 

Diamantina-MG

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)

Boa tarde. Trago os volumes em 24h (9h de ontem à 9h de hoje) das chuvas ocorridas em função do intenso DOL que atingiu a costa leste nordestina.

 

Na PB:

image.png.c5b3508f30cca36bac33df70ff77951a.png

No PE:

image.png.d91e1f1a000a07bd5e11416b8e668160.png

 

O sistema ainda está vivo e segue provocando chuvas fortes no leste dos estados acima. Cabedelo estava com 274.6 mm acumulados na atualização das 16h de hoje (a chuva começou às 19h de ontem).

 

Goes 14 - 15h30 de 13/06

image.png.da5145df3876b22284aa4360f8c55c7e.png

Edited by CloudCb
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Exemplos do clima de Poços em algumas ondas de frio. Os dados são da cidade vizinha, Caldas, a 1150m. Possivelmente comportamento de baixada. A estação da ALCOA em Poços ficava nos quase 1300m, ao lado do aeroporto, era mais fria que o Inmet. 

 

Média mínima 06/1985: 2.9•C

Média compensada 06/1985: 11.3•C 

08/06: -2.0/12,1•C

09/06: -1.0/12,3•C

10/06: -2.0/12.1•C

Mínimas negativas foram até o dia 15! 

 

1994: neste ano, Poços registou -7.2•C!!!

09/07: 1.4/14•C

10/07: -5/16.1•C

11/07: -1.2/17.4•C 

 

Outras marcas expressivas: 

05/08/2011: -2.8•C. ( nesse dia eu estava na cidade, deu -3•C na Alcoa. A geada foi em toda cidade. ). 

Junho de 2016 deu -1.7•C. Julho do mesmo ano, -1.9•C. 

 

No Google e no YouTube, existem dezenas de fotos, vídeos (entre eles um belissimo feito por drone), mostrando as geadas na região de Poços de Caldas. 

Fico imaginando, qual foi o frio na cidade em 1979, 1981, 1988, 2000 etc. 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.