Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Felipe F

Furacões no Atlântico Norte e Pacífico Leste/Central - 2019

Recommended Posts

Citar

BULLETIN
Hurricane Dorian Advisory Number 27
NWS National Hurricane Center Miami FL AL052019
1100 PM EDT Fri Aug 30 2019

...DORIAN EVEN STRONGER...
...NOW PACKING 140 MPH WINDS...

 

Imagem

satusir_60.jpg

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Impressionante como ainda está indefinido o cenário. Não se sabe até agora se o olho do furacão vai tocar terra ou não. 

 

Temporada que estava super tranquila até então...e de repente surgiu esse grandão aí. Sei não... é totalmente descartável um categoria 5 ?

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
36 minutos atrás, Renan disse:

Impressionante como ainda está indefinido o cenário. Não se sabe até agora se o olho do furacão vai tocar terra ou não. 

 

Temporada que estava super tranquila até então...e de repente surgiu esse grandão aí. Sei não... é totalmente descartável um categoria 5 ?

Se Dorian alcançar a Categoria 5, será a primeira vez que 4 anos seguidos registram furacões com a máxima escala. 

Sem querer humanizar as tempestades mas já humanizando, graças ao medíocre Matthew e o questionável Michael, CAT5 ficou meio que "coisa comum", não é mais tão especial quanto antes. Hehehe

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 horas atrás, Renan disse:

Impressionante como ainda está indefinido o cenário. Não se sabe até agora se o olho do furacão vai tocar terra ou não. 

 

Temporada que estava super tranquila até então...e de repente surgiu esse grandão aí. Sei não... é totalmente descartável um categoria 5 ?

 

05L_intensity_latest.png.32a8f53509d97e12818f1d8323dca133.png

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

o ultimo cone do NHC ainda não descarta uma entrada na Flórida.

 

AL052019_5day_cone_no_line_and_wind.png.a1dda6b7a1c341fc3ddbaa2700b3f771.png

 

EDSmbrUXkAApGFb.thumb.jpg.88317e95715db1a72806b12e8fda0bcd.jpg

 

 

Edited by Nowcasting
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Voo de reconhecimento está encontrando ventos próximos da categoria 5 no momento.

Imagem do olho.

 

EDS5snBUUAU4Ekr.thumb.jpeg.ebc836cddcfbb4d65dcf35f01d497f6e.jpeg

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ventos de Dorian seguem muito perto da categoria 5.

 

Product: Air Force Vortex Message (URNT12 KNHC)
Transmitted: 31st day of the month at 13:49Z
Agency: United States Air Force
Aircraft: Lockheed WC-130J Hercules with reg. number AF96-5302
Storm Number & Year: 05 in 2019
Storm Name: Dorian (flight in the North Atlantic basin)
Mission Number: 23
Observation Number: 11

A. Time of Center Fix: 31st day of the month at 13:27:10Z
B. Center Fix Coordinates: 25.88N 73.17W
B. Center Fix Location: 268 statute miles (431 km) to the ENE (78°) from Nassau, Bahamas.
C. Minimum Height at Standard Level: 2,622m (8,602ft) at 700mb
D. Minimum Sea Level Pressure: 945mb (27.91 inHg)
E. Dropsonde Surface Wind at Center: From 85° at 8kts (From the E at 9mph)
F. Eye Character: Closed
G. Eye Shape & Diameter: Circular with a diameter of 14 nautical miles (16 statute miles)
H. Estimated (by SFMR or visually) Maximum Surface Wind Inbound: 141kts (162.3mph)
I. Location & Time of the Estimated Maximum Surface Wind Inbound: 10 nautical miles (12 statute miles) to the NE (42°) of center fix at 13:24:00Z
J. Maximum Flight Level Wind Inbound: From 125° at 131kts (From the SE at 150.8mph)
K. Location & Time of the Maximum Flight Level Wind Inbound: 10 nautical miles (12 statute miles) to the NE (42°) of center fix at 13:24:00Z
L. Estimated (by SFMR or visually) Maximum Surface Wind Outbound: 117kts (134.6mph)
M. Location & Time of the Estimated Maximum Surface Wind Outbound: 6 nautical miles to the SW (227°) of center fix at 13:29:00Z
N. Maximum Flight Level Wind Outbound: From 312° at 108kts (From the NW at 124.3mph)
O. Location & Time of the Maximum Flight Level Wind Outbound: 6 nautical miles to the SW (227°) of center fix at 13:29:00Z
P. Maximum Flight Level Temp & Pressure Altitude Outside Eye: 8°C (46°F) at a pressure alt. of 3,086m (10,125ft)
Q. Maximum Flight Level Temp & Pressure Altitude Inside Eye: 19°C (66°F) at a pressure alt. of 3,044m (9,987ft)
R. Dewpoint Temp & Sea Surface Temp: Not Available
S. Fix Determined By: Penetration, Radar, Wind, Pressure and Temperature
S. Fix Level: 700mb
T. Navigational Fix Accuracy: 0.02 nautical miles
T. Meteorological Accuracy: 1 nautical mile

Remarks Section:

Maximum Flight Level Wind: 131kts (~ 150.8mph) which was observed 10 nautical miles (12 statute miles) to the NE (42°) from the flight level center at 13:24:00Z

 

Image

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

esse modelo é bom? NAM. Imagina um Cat 5 parado em cima das Bahamas, vai destruir tudo.

 

2128417697_CapturadeTela2019-08-31s12_21_20.thumb.png.2f662bbefe219274217e30f665626316.png

Edited by Nowcasting
  • Like 1
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Parece que Miami vai se safar dessa. E as Carolinas poderão ter mais problemas que a Flórida. 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Um voo está coletando dados ao redor do furacão para dar uma ajudinha nos modelos, hehe.

Isso foi feito dias atrás, quando os modelos mostravam o ciclone chegando na Flórida e devido alguns problemas não estava mais sendo feito.

 

Modelos seguem com furacão apenas margeando a costa da Flórida.

As últimas rodadas indicam que o risco de impactos na Geórgia e Carolinas aumentou e ambos os estados devem ficar atentos.

As rodadas de amanhã devem ser mais confiáveis.

 

Radar das Bahamas: http://smartmet.bahamasweather.org.bs/radarcomposite/

 

 

Edited by Felipe F

Share this post


Link to post
Share on other sites

pelo Europeu o Dorian fica parado nas Bahamas - incluindo Freeport, durante bastante tempo, seria um desastre para a região.

 

Edited by Nowcasting
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tem empresas privadas de meteorologia dizendo que Dorian está no Caribe KKKK mas enfim...

 

Nesta tarde duas aeronaves registraram ventos em superfície que suportam classificar Dorian como categoria 5, mas eu duvido muito que irão classificá-lo como tal. Nas últimas 3h o CDO de Dorian esfriou, organizou-se...mas acho que vão esperar as aeronaves para confirmar os ventos...uma aeronave já está indo em direção à Dorian.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Nowcasting disse:

pelo Europeu o Dorian fica parado nas Bahamas - incluindo Freeport, durante bastante tempo, seria um desastre para a região.

 

Euro prevendo mais de 1000mm de chuva nessa região nos próximos 3 dias.

Edited by Wagner97
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

mudanças do 12z e 18z, vejam como ainda é delicado pro centro-norte da Flórida. uma mudança pequena pode ser bem prejudicial.

 

ainda nao da pra descartar um landfall mais ao norte.

 

uotjIrh.gif

Edited by Nowcasting
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, Nowcasting disse:

pelo Europeu o Dorian fica parado nas Bahamas - incluindo Freeport, durante bastante tempo, seria um desastre para a região.

 

 Essa região está entre as mais preparadas para lidar com furacões intensos no mundo, claro que haverá muitos danos nos locais diretamente impactados mas várias construções irão sobreviver pois já foram construídas levando em conta tempestades de intensidade similar que ocorreram no passado.  Onde a destruição foi maior, o jeito é depois reconstruir e seguir em frente, como já fizeram tantas vezes (em diferentes pontos das Bahamas) ao longo da história.

 

 Uma das ilhas mais preparadas do Caribe é St. Barts, em 2017 o centro do olho do Irma passou por ali como categoria 5 e mesmo assim a maior parte das construções resistiu muito bem ao vento que alcançou os 300 Km/h nas rajadas em locais expostos, embora várias que ficam em terrenos mais baixos tenham sofrido inundação por conta do "storm surge", e muitas estruturas em praias da ilha tenham sido completamente arruinadas pelo mesmo motivo.  Em Gustavia ("capital" de St. Barts) menos de 10% das construções sofreram danos significativos por vento e a maioria sequer teve danos externos visíveis (tudo bem que a cidade fica num porto abrigado por colinas e todas as construções são baixas, ou seja o vento foi algo atenuado naquele ponto, mas mesmo assim apenas com códigos de engenharia que levam em conta a recorrência de furacões danos tão pequenos poderiam ocorrer).  Além disso, trata-se de uma ilha muito rica, o que também explica o padrão melhor de construções em comparação com a maior parte do Caribe.

 

Cada vez mais parece parece que Dorian vai levar o auge de sua fúria para o norte das Bahamas (Abaco principalmente, talvez Grand Bahama).  A Flórida, salvo uma grande reviravolta (ainda não totalmente descartável), não terá muito mais que mar agitado, pancadas de chuva e rajadas costeiras mais fortes.  As Carolinas, ao que parece, na pior das hipóteses terão um Dorian bem enfraquecido, nada muito diferente de outros furacões que passaram por ali nos últimos anos como Matthew,  Florence, Floyd.. (mas Dorian passaria mais rápido, e consequentemente traria menos chuva).  Josh Morgerman ("caçador" de ciclones tropicais) está ao vivo nas Bahamas: https://twitter.com/icyclone

 

Vai ser bem melhor que a cobertura sensacionalista da imprensa americana, que numa tempestade de 2018 colocou até um repórter que fingia estar quase sendo levado pelo vento enquanto famílias caminhavam tranquilamente ao fundo no anel externo de um categoria 1, talvez sob um vento de 50 Km/h.🙄

Edited by Wallace Rezende
  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

O voo que foi realizado indicou que a alta pressão é mais forte que os modelos mostravam.

Última rodada do GFS que pegou um pouco dos dados, já mostrou Dorian mais perto da costa da Flórida que nas rodadas anteriores.

Vamos observar as próximas rodadas.

 

EDVFefVUUAAPX6A?format=png&name=900x900

Share this post


Link to post
Share on other sites

Voo de reconhecimento mostra uma leve queda de pressão e que os ventos não aumentaram.

Dorian segue na categoria 4.

 

Imagem

 

Imagem

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 minutos atrás, Felipe F disse:

Voo de reconhecimento mostra uma leve queda de pressão e que os ventos não aumentaram.

Dorian segue na categoria 4.

 

Imagem

 

Imagem

Vôo de reconhecimento acaba de passar no quadrante noroeste e registra ventos em superfície que suportam categoria 5:

145 NÓS - 165 MPH - 270 KM/H

 

Pressão atmosférica em torno de 941 mbar.

imagens: tropicaltidbits.com e cyclonicwx.com

DORIAN_AF308_2505A_sfmr_201908312325-1.png

recon_AF308-2505A-DORIAN_zoom.png

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

NHC só atualizou a pressão.

 

Citar

...NOAA AND AIR FORCE HURRICANE HUNTER AIRCRAFT REAFFIRM DORIAN'S CATEGORY FOUR STRENGTH...
8:00 PM EDT Sat Aug 31
Location: 26.2°N 74.7°W
Moving: W at 8 mph
Min pressure: 941 mb
Max sustained: 150 mph

Share this post


Link to post
Share on other sites

Segunda passagem mostrou Dorian com ventos de 290 km/h.

 

EDV7MPwW4AAU7VY?format=png&name=medium

Edited by Felipe F
  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Atualização para categoria 5 deve vir dentro da próxima hora.

Dados do voo também indicam um ciclone mais rápido que o previsto e levemente mais ao sul.

 

Imagem

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

RODADA DO ICON SIGNIFICA A DEVASTAÇÃO TOTAL DA FLÓRIDA!

O modelo está sendo um dos melhores até o momento.

 

Imagem

  • Haha 1
  • Confused 2
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 minutos atrás, Felipe F disse:

RODADA DO ICON SIGNIFICA A DEVASTAÇÃO TOTAL DA FLÓRIDA!

Exagero. rs

A Flórida é de bouas pra furacão. O que pega mais é essa incerteza dos modelos. Havia a possibilidade de evacuar áreas onde Dorian fosse tocar terra porém, não se sabe se ao certo se isso vai ocorrer e onde ocorreria. Evacuar toda a costa da Florida (mais de 10 milhões de pessoas) por precaução seria "o caos". Sorte deles é qie Dorian vai desacelerar e talvez os modelos entrem num consenso a tempo de ações pontuais na costa. Sorte dos americanos e azar dos Bahamenses. Mas esmo lá, já passou cada furacãozão sem deixar muitas vítimas.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, Felipe F disse:

NHC só atualizou a pressão.

 

Que por via de curiosidade é a mesma intensidade do furacão Charley em 2004

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pode parecer maldade minha, mas graças a Deus esse grande furacão só vai passar em áreas ricas e desenvolvidas, facilmente se recuperam de eventos assim e geralmente há poucas vítimas. 

 

O grande problema é quando os ciclones passam pelos países pobres caribenhos, como Jamaica, Cuba e principalmente Haiti. Tivemos um exemplo disso em 2016, quando Matthew seifou mais de 800 almas no Haiti e causou danos muito severos na infraestrutura daquele país. 

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 minutos atrás, Renan disse:

Pode parecer maldade minha, mas graças a Deus esse grande furacão só vai passar em áreas ricas e desenvolvidas, facilmente se recuperam de eventos assim e geralmente há poucas vítimas. 

 

O grande problema é quando os ciclones passam pelos países pobres caribenhos, como Jamaica, Cuba e principalmente Haiti. Tivemos um exemplo disso em 2016, quando Matthew seifou mais de 800 almas no Haiti e causou danos muito severos na infraestrutura daquele país. 

Tempestade tropical Jeanne em 2003 matou mais de 3.000 pessoas no Haiti. Acho que nem 10 mortes nos EUA onde chegou como Categoria 3

E o furacão mais mortal da temporada de 2005 não foi o Katrina (CAT 5, CAT 3 no landfall) e sim Stan (CAT 1) que causou 2000 mortes na Guatemala e no México

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

O leste do Pacífico passou o mês de agosto sem furacões .

É a primeira vez que isso ocorre desde 1973.

 

Setembro deve começar com a formação de Juliette.

De acordo com os modelos, o sistema poderia chegar na força de furacão na terça.

 

two_pac_2d0.png

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Um dia e meio de furacão no norte das Bahamas poderiam causar até mudanças geográficas na região. Suponho que a maré de tempestade cause correntes de água que possam erodir os bancos de areia que compõem grande parte das Bahamas.

PBsZzpv.jpg

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Novo voo em andamento.

Pressão caiu mais um pouco, perto de 935 mbar.

Ainda sem dados de vento.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ventos iguais a última passagem (145 kntos) e pressão caiu para 934 mbar.

 

ALos1K0.gif.634881fcc1402ebcffc4410d721ca60d.gif

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ventos com força de tempestade tropical já ocorrem nas Bahamas. 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.