Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Rodolfo Alves

Monitoramento e Previsão - Brasil/América do Sul - Julho/2018

Recommended Posts

55 minutos atrás, Augusto Goelzer disse:

Só para complementar, imagem mostrando aquele que foi o maior La Niña desde que começaram as medições (pico de -2,6°C em 1917).

424548790_issofaztodoosentido.gif.9b7983e083bfba72f943ae1b9b524941.gif

Augusto Goelzer,

em maio e junho de 1917 sucessivas frentes frias cruzaram o RS velozmente e atingiram Minas e Rio, passando rápido, com isso ar frio avançou sem bloqueios.

No centro-sul de Minas e todo Rio de Janeiro maio fez frio, mas o mês de junho foi gelado, com o frio estendendo-se por julho.

na estação convencional de Nova Friburgo que ficava no centro da cidade as temperaturas variaram

4,8ºC m.mín. e 19,5ºC m.máx(média 11,5)Friburgo

6,6ºC e 17,2ºC (média 11,2ºC) Teresópolis

 

12,3ºC e 23,5ºC (média 17,6ºC)Campos dos Goitacases-RJ, hoje em dia dificilmente a mínima chega na faixa dos 12,x em Campos, a estação convencional funciona no mesmo lugar desde 1911.

 

Edited by marinhonani
  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
47 minutos atrás, Lucas Venturini disse:

Materia sobre os 100 anos do inverno mais gelado do Rio Grande do Sul no jornal Correio do Povo:

http://www.correiodopovo.com.br/Noticias/Geral/2018/07/655611/Os-100-anos-do-inverno-mais-gelado-no-Rio-Grande-do-Sul

 

Meu Deus!! Congelamento de cursos da água em Torres e -9° na região de Caxias do Sul! Isso reforça a ideia de que os -4° em POA foram reais (digo isso porque há dúvidas quando à veracidade do registro).

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites
14 horas atrás, Lucas Venturini disse:

Quanto ao 'companheiro" Cacella ele é importante e contribui nesse fórum como todos. Porém ele faz umas comparações assim totalmente sem nexo, e não é nada contra Brasilia, muito contrário adoro a nossa capital e inclusive o seu clima, diferente de muitos o ar seco de lá nem me incomoda tanto.

Para ilustrar essa situação foi usar um exemplo.

Há uma cidade no Sudoeste do Maranhão (Estreito) que há uns 2 meses tem sequencia de minimas entre 11º ~ 15º. Já as cidades do Norte do Paraná como as grandes Londrina e Maringá, estão com minimas bem modesta quase sempre acima dos 15º nesse período.

Indo pela 'lógica' do nosso amigo, estaria cravado: A cidade de Estreito/MA é mais fria do que Londrina ou Maringá por esse detalhe. Ha Ha Ha.... Mesmo uma na Latitude 6.6º e a outra na latitude 23.4º. Afinal segundo nosso amigo no Brasil, latitude não significa nada... Caçapava do Sul e Pinheiro Machado que o digam né... Onde um minimo mais de latitude resulta em clima bem mais frio em Pinheiro M.

 

 

Eu não vou mais perder meu tempo aqui. Voces têm problemas de interpretação de texto. Além de aulas de geografia, deveriam estudar mais é o português. Jamais comparei clima de Brasília com Curitiba ou coisas exdrúxulas como essas. Só falei que Curitiba, se não fosse a altitude, seria Paranaguá.  Concordei 100% com a afirmação de um colega de como era o clima aqui. E ainda teve gente que disse que eu precisava aprender geografia (devem ser experts. procurei no google mas não achei as referências). Ah ah ah. Isso aqui é uma piada. É sempre ad hominem, o que já indica um problema psicológico subjacente,  e raramente é  uma argumentação com nexo e baseada em dados.

 

As pessoas querem criar uma identificação cultural de singularidade (uma espécie de excepcionalismo tupiniquim-charrua) baseadas em climas, daí a dificuldade de se aceitar que o Brasil é um pais tropical que não tem realmente nenhuma cidade fria no inverno, mas apenas momentos  em que a temperatura fica mais baixa (menos de 10 graus), inclusive em Brasilia ou Sao Paulo ou Curitiba. Chega-se ao ponto patético de se dizer que só vale temperatura baixa se for ao meio dia, se for de manha não vale. Usa-se definições alienígenas a qualquer aspecto científico como "frio vampiro" como uma forma de estigmatizar ou inferiorizar algo que se reflete em termômetros e higrômetros.   

 

A média de inverno em NYC é 0.5 grau, em Shangai, no litoral, latitude de Chui ,é de 3.5. Pensacola na Florida já deu, de verdade, 18 abaixo de zero. O Brasil é o maior pais do mundo que não tem neve. E por aí vai. O problema é de natureza psicológica e não científica. As máximas são horrorosas no Brasil todo, principalmente acima do paralelo 30S e em locais com altitude abaixo de 1000m . Passa um, dois dias de uma frente fria e bate 20 graus em quase todos os lugares, salvo raríssimas e seculares exceções. 

 

Esse aqui não era o local para se falar disso, mas como não há intervenção de moderadores quando existe um desvirtuamento do tema original, eu não poderia deixar sem respostas aos textos que foram escritos.

 

Realmente eu tenho mais o que fazer e não vou postar mais nada por aqui. Alguns posts são legais, mas tem muito bairrismo e discussão como se fosse time de futebol.

 

Um grande abraço a todos.

 

 

 

 

Edited by cacella
  • Haha 4

Share this post


Link to post
Share on other sites
32 minutos atrás, cacella disse:

 

 

Eu não vou mais perder meu tempo aqui. Voces têm problemas de interpretação de texto. Além de aulas de geografia, deveriam estudar mais é o português. Jamais comparei clima de Brasília com Curitiba ou coisas exdrúxulas como essas. Só falei que Curitiba, se não fosse a altitude, seria Paranaguá.  Concordei 100% com a afirmação de um colega de como era o clima aqui. E ainda teve gente que disse que eu precisava aprender geografia (devem ser experts. procurei no google mas não achei as referências). Ah ah ah. Isso aqui é uma piada. É sempre ad hominem, o que já indica um problema psicológico subjacente,  e raramente é  uma argumentação com nexo e baseada em dados.

 

As pessoas querem criar uma identificação cultural de singularidade (uma espécie de excepcionalismo tupiniquim-charrua) baseadas em climas, daí a dificuldade de se aceitar que o Brasil é um pais tropical que não tem realmente nenhuma cidade fria no inverno, mas apenas momentos  em que a temperatura fica mais baixa (menos de 10 graus), inclusive em Brasilia ou Sao Paulo ou Curitiba. Chega-se ao ponto patético de se dizer que só vale temperatura baixa se for ao meio dia, se for de manha não vale. Usa-se definições alienígenas a qualquer aspecto científico como "frio vampiro" como uma forma de estigmatizar ou inferiorizar algo que se reflete em termômetros e higrômetros.   

 

A média de inverno em NYC é 0.5 grau, em Shangai, no litoral, latitude de Chui ,é de 3.5. Pensacola na Florida já deu, de verdade, 18 abaixo de zero. O Brasil é o maior pais do mundo que não tem neve. E por aí vai. O problema é de natureza psicológica e não científica. As máximas são horrorosas no Brasil todo, principalmente acima do paralelo 30S e em locais com altitude abaixo de 1000m . Passa um, dois dias de uma frente fria e bate 20 graus em quase todos os lugares, salvo raríssimas e seculares exceções. 

 

Esse aqui não era o local para se falar disso, mas como não há intervenção de moderadores quando existe um desvirtuamento do tema original, eu não poderia deixar sem respostas aos textos que foram escritos.

 

Realmente eu tenho mais o que fazer e não vou postar mais nada por aqui. Alguns posts são legais, mas tem muito bairrismo e discussão como se fosse time de futebol.

 

Um grande abraço a todos.

 

 

 

 


Relaxa, fica na tua, sempre terá bairrismo e em qualquer lugar, briguinha de onde faz mais frio, e onde teve a menor mínima absoluta comparando com latitude sem menor cabimento, não adianta mostrar, falar, comprovar que eles só aceitam o que lhes convém. Cada região tem suas características, cidades mais ao centro do país tem sua própria característica,  com noites mais frias e tardes quentes ou super quentes, ao contrário do sul, dependendo da intensidade da massa polar, as cidades tem seus dias super gelados, com aquele famoso típico frio de cidade temperada, tudo culpa da latitude que facilita para uma massa polar alcançar a região. Não tem discussão ou comparação de uma cidade totalmente tropical para uma cidade que tem um clima mais para "temperado". CADA UM DENTRO DO SEU PADRÃO!

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, marinhonani disse:

Rodrigo,

onde conseguiu essa tabela com mínimas e máximas de Florianópolis?

Tempo e clima Carlos Alberto.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, marinhonani disse:

1917

 

Esse ano foi um absurdo de tão chuvoso que foi aqui no sertão da PB. A cidade de Patos acumulou mais de 2000 mm/ano! Somente 1917 e 1924 tiveram mais de 2000 mm em um ano lá.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Marcos disse:

Pois é, eu sempre duvidei dos -4, em Porto Alegre. Mas, com certeza, foi real. Teria sido mais baixa, caso fosse no atual observatório, no Jardim Botânico

Meu Deus!! Congelamento de cursos da água em Torres e -9° na região de Caxias do Sul! Isso reforça a ideia de que os -4° em POA foram reais (digo isso porque há dúvidas quando à veracidade do registro).

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, cacella disse:

 

 

Eu não vou mais perder meu tempo aqui. Voces têm problemas de interpretação de texto. Além de aulas de geografia, deveriam estudar mais é o português. Jamais comparei clima de Brasília com Curitiba ou coisas exdrúxulas como essas. Só falei que Curitiba, se não fosse a altitude, seria Paranaguá.  Concordei 100% com a afirmação de um colega de como era o clima aqui. E ainda teve gente que disse que eu precisava aprender geografia (devem ser experts. procurei no google mas não achei as referências). Ah ah ah. Isso aqui é uma piada. É sempre ad hominem, o que já indica um problema psicológico subjacente,  e raramente é  uma argumentação com nexo e baseada em dados.

 

As pessoas querem criar uma identificação cultural de singularidade (uma espécie de excepcionalismo tupiniquim-charrua) baseadas em climas, daí a dificuldade de se aceitar que o Brasil é um pais tropical que não tem realmente nenhuma cidade fria no inverno, mas apenas momentos  em que a temperatura fica mais baixa (menos de 10 graus), inclusive em Brasilia ou Sao Paulo ou Curitiba. Chega-se ao ponto patético de se dizer que só vale temperatura baixa se for ao meio dia, se for de manha não vale. Usa-se definições alienígenas a qualquer aspecto científico como "frio vampiro" como uma forma de estigmatizar ou inferiorizar algo que se reflete em termômetros e higrômetros.   

 

A média de inverno em NYC é 0.5 grau, em Shangai, no litoral, latitude de Chui ,é de 3.5. Pensacola na Florida já deu, de verdade, 18 abaixo de zero. O Brasil é o maior pais do mundo que não tem neve. E por aí vai. O problema é de natureza psicológica e não científica. As máximas são horrorosas no Brasil todo, principalmente acima do paralelo 30S e em locais com altitude abaixo de 1000m . Passa um, dois dias de uma frente fria e bate 20 graus em quase todos os lugares, salvo raríssimas e seculares exceções. 

 

Esse aqui não era o local para se falar disso, mas como não há intervenção de moderadores quando existe um desvirtuamento do tema original, eu não poderia deixar sem respostas aos textos que foram escritos.

 

Realmente eu tenho mais o que fazer e não vou postar mais nada por aqui. Alguns posts são legais, mas tem muito bairrismo e discussão como se fosse time de futebol.

 

Um grande abraço a todos.

 

 

 

 

APESAR DE MINÚSCULAS ÁREAS, TEMOS NO BRASIL PONTOS COM NEVE ANUAL E FRIO CONSTANTE NO INVERNO, AQUI NO TOPO DA SERRA DE SC ONDE VIVE +- 50 MIL TUPINIQUINS.

 

COMPARANDO COM A ÁREA DO BRASIL, É RIDÍCULO, MAS É BRASIL TAMBÉM.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 minuto atrás, Felipe Backendorf disse:

Não dá pra não pensar que alguns só vem aqui para trollar, eu teria removido há tempo.

 

Pessoalmente, não poderia concordar mais.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Marcos disse:

 

Meu Deus!! Congelamento de cursos da água em Torres e -9° na região de Caxias do Sul! Isso reforça a ideia de que os -4° em POA foram reais (digo isso porque há dúvidas quando à veracidade do registro).

 

NÃO VAMOS MUITO LONGE, EM 2016 OU 2013 TEM FOTOS DO RIO PELOTAS TOTALMENTE CONGELADO EM ALGUNS TRECHOS E ATÉ 3/4 M DA MARGEM PARA DENTRO EM ÁREA DE ÁGUA COM CORRENTEZA (+-100 M DE LARGURA O RIO ALI)

  • Like 3
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 horas atrás, marinhonani disse:

Rodrigo,

onde conseguiu essa tabela com mínimas e máximas de Florianópolis?

1,3 EM 26/08/84/INMET

-1,0 AEROPORTO EM 1975 E 0,0 EM 2000 EPAGRI E -0,3 CARIJÓS

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, cacella disse:

 

 

Eu não vou mais perder meu tempo aqui. Voces têm problemas de interpretação de texto. Além de aulas de geografia, deveriam estudar mais é o português. Jamais comparei clima de Brasília com Curitiba ou coisas exdrúxulas como essas. Só falei que Curitiba, se não fosse a altitude, seria Paranaguá.  Concordei 100% com a afirmação de um colega de como era o clima aqui. E ainda teve gente que disse que eu precisava aprender geografia (devem ser experts. procurei no google mas não achei as referências). Ah ah ah. Isso aqui é uma piada. É sempre ad hominem, o que já indica um problema psicológico subjacente,  e raramente é  uma argumentação com nexo e baseada em dados.

 

As pessoas querem criar uma identificação cultural de singularidade (uma espécie de excepcionalismo tupiniquim-charrua) baseadas em climas, daí a dificuldade de se aceitar que o Brasil é um pais tropical que não tem realmente nenhuma cidade fria no inverno, mas apenas momentos  em que a temperatura fica mais baixa (menos de 10 graus), inclusive em Brasilia ou Sao Paulo ou Curitiba. Chega-se ao ponto patético de se dizer que só vale temperatura baixa se for ao meio dia, se for de manha não vale. Usa-se definições alienígenas a qualquer aspecto científico como "frio vampiro" como uma forma de estigmatizar ou inferiorizar algo que se reflete em termômetros e higrômetros.   

 

A média de inverno em NYC é 0.5 grau, em Shangai, no litoral, latitude de Chui ,é de 3.5. Pensacola na Florida já deu, de verdade, 18 abaixo de zero. O Brasil é o maior pais do mundo que não tem neve. E por aí vai. O problema é de natureza psicológica e não científica. As máximas são horrorosas no Brasil todo, principalmente acima do paralelo 30S e em locais com altitude abaixo de 1000m . Passa um, dois dias de uma frente fria e bate 20 graus em quase todos os lugares, salvo raríssimas e seculares exceções. 

 

Esse aqui não era o local para se falar disso, mas como não há intervenção de moderadores quando existe um desvirtuamento do tema original, eu não poderia deixar sem respostas aos textos que foram escritos.

 

Realmente eu tenho mais o que fazer e não vou postar mais nada por aqui. Alguns posts são legais, mas tem muito bairrismo e discussão como se fosse time de futebol.

 

Um grande abraço a todos.

 

 

 

 

 

 

Amigo, de fato o nosso clima é ameno se comparado a China, aos Estados Unidos,  e aos outros locais com boa CONTINENTALIDADE. Esperava o que -20ºC com essa tripa continental que temos nas latitudes média? Entretanto apesar desse limitador temos locais com médias excelentes no inverno (entre 9/12ºC e pontualmente menores no mês mais frio), é o caso da serra gaúcha e catarinense, do extremo sul do PR, da campanha e sul gaúcho, e outros lugares. Compare por exemplo com a Austrália, Europa e outros lugares de climas menos continentais e verás que somos privilegiados ainda.

Sobre as máximas, se tu considera como excelente máximas negativas, ok, realmente é raro, mas temos lugares que facilmente tem máximas sub-10ºC (inclusive nas baixitudes) e locais que facilmente tem máximas de 6ºC ou menos (inclusive abaixo de 500 m). Outro disparate enorme é afirmar que dois, ou três dias depois vai a 20ºC. Nem vamos longe, pega 2018 onde a campanha e sul gaúcho passou de 20ºC duas ou três vezes nesse mês de Junho. Pinheiro Machado e o Chuí bateram em 20ºC, uma única vez.

Em alguns invernos podemos ficar mais de 30 dias sem chegar a 20ºC.

 

 

 

  • Like 5
  • Thanks 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 minutos atrás, Allef Caetano disse:

 

 

Amigo, de fato o nosso clima é ameno se comparado a China, aos Estados Unidos,  e aos outros locais com boa CONTINENTALIDADE. Esperava o que -20ºC com essa tripa continental que temos nas latitudes média? Entretanto apesar desse limitador temos locais com médias excelentes no inverno (entre 9/12ºC e pontualmente menores no mês mais frio), é o caso da serra gaúcha e catarinense, do extremo sul do PR, da campanha e sul gaúcho, e outros lugares. Compare por exemplo com a Austrália, Europa e outros lugares de climas menos continentais e verás que somos privilegiados ainda.

Sobre as máximas, se tu considera como excelente máximas negativas, ok, realmente é raro, mas temos lugares que facilmente tem máximas sub-10ºC (inclusive nas baixitudes) e locais que facilmente tem máximas de 6ºC ou menos (inclusive abaixo de 500 m). Outro disparate enorme é afirmar que dois, ou três dias depois vai a 20ºC. Nem vamos longe, pega 2018 onde a campanha e sul gaúcho passou de 20ºC duas ou três vezes nesse mês de Junho. Pinheiro Machado e o Chuí bateram em 20ºC, uma única vez.

Em alguns invernos podemos ficar mais de 30 dias sem chegar a 20ºC.

 

 

 

AQUI JÁ FICOU QUASE 100/110 DIAS SEGUIDOS SEM IR  A 20,0 E EM 90 OU 96 A MÁXIMA DO MÊS FOI 16,8, ASSIM COMO JÁ FIQUEI PRESO NUMA TEMPESTADE DE NEVE EM 1988

  • Like 9
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora, coutinho disse:

AQUI JÁ FICOU QUASE 100/110 DIAS SEGUIDOS SEM IR  A 20,0 E EM 90 OU 96 A MÁXIMA DO MÊS FOI 16,8

 

 

Deve ter sido em 1996. Aqui ficou quase dois meses.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora, Felipe Pelisari disse:

Existe alguma possibilidade de neve semana que vem, ou está descartada essa hipótese?

NO MOMENTO, NÃO.

  • Thanks 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, cacella disse:

A média de inverno em NYC é 0.5 grau, em Shangai, no litoral, latitude de Chui ,é de 3.5. Pensacola na Florida já deu, de verdade, 18 abaixo de zero. O Brasil é o maior pais do mundo que não tem neve. E por aí vai. O problema é de natureza psicológica e não científica. As máximas são horrorosas no Brasil todo, principalmente acima do paralelo 30S e em locais com altitude abaixo de 1000m . Passa um, dois dias de uma frente fria e bate 20 graus em quase todos os lugares, salvo raríssimas e seculares exceções. 

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

 

Pra ti ver como tu fala um monte de bobagens, nem preciso ir longe e citar meses incríveis ou lugares altos. Pinheiro Machado este mês de junho:

 

image.png.6ae3574d05e0fc755974f05feb4694bc.png

 

Além das Serras, há áreas até no Oeste de SC com boa sequencia de frio diurno, com máximas baixas. E há até lugares a nível do mar com máximas baixas constantes. Refutando totalmente o que falaste. TU SEQUER JÁ TABELOU ALGUMA CIDADE BRASILEIRA ANTES DE SAIR FALANDO BOBAGEM???? Fico chocado com o desmerecimento do clima brasileiro por sua parte, mas ousa comparar o frio de Brasília com o de Buenos Aires. TROLL.

Edited by VitorVM
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 minuto atrás, Allef Caetano disse:

 

 

Deve ter sido em 1996. Aqui ficou quase dois meses.

SIM, 96 COM 16,9 A MÁXIMA DE JULHO.

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 horas atrás, HenriqueBH disse:

 

Lusaka, na Zâmbia aproximadamente a mesma latitude/altitude de Brasília tem médias menores que Curitiba nas mínimas.

 

Parece que já fez 0ºC lá. E não é deserto...

 

1378398904_CapturadeTela2018-07-07s09_02_09.thumb.png.33b8cc57c381792a745a68493ddd78f0.png1551782051_CapturadeTela2018-07-07s09_04_59.thumb.png.305b64369f4adc3281ffe9f6fd5075bf.png

 

Zambia-vegetation-map.png

 

 

440px-Lusaka_-_Manda_Hill_Shopping_Centr

 

 

 

 

Continentalidade!

Share this post


Link to post
Share on other sites
14 horas atrás, Rodrigo-GO disse:
A mínima absoluta histórica em Florianópolis continua sendo no dia 10 de julho de 1918, onde foi registrado 1,3 graus.
 As outras foram :
 
1,4 graus nos dias 17 e 20 de julho de 2000
1,5 graus em 03 de agosto de 1991
1,6 graus em 17 de julho de 2000
1,7 graus em 26 de junho de 1994

IMG-20180706-WA0103.jpg

 

Legal saber desse dado de 1918, não tinha conhecimento. Só que ele foi igualado, sim. Em 26 de agosto 1984 fez 1,3°c no Inmet de Floripa. E, além das marcas que citaste, temos 1,5° em 10/07/1976.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 horas atrás, marinhonani disse:

Foi a noite/madrugada de mínimas em baixadas.

 

-1,3ºC Charco/Delfim Moreira-MG

1,4ºC Vila Inglesa/Campos do Jordão-SP

1,8ºC Campo do Serrano/São Bento do Sapucaí-SP

3,3ºC Nova Friburgo/Salinas/Inmet

6,8ºC Florestal-MG

7,9ºC Manhuaçu-MG

8,1ºC Friburgo/Centro

9,1ºC sítio Bandeirantes/Juiz de Fora

11,5ºC  Cambuci-RJ

 

Estes locais (especialmente as baixadas) se dão "muito bem" com essa dinâmica de bloqueio.

Share this post


Link to post
Share on other sites

1,4 75/JULHO

 

DETALHE EM 1918 FICAVA NUM TERRAÇO NO QUINTO/SEXTO ANDAR DO CENTRO DE FPOLIS

 

  • Like 4
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, lucasfumagalli disse:

Não sei se entendi. Mas não há dúvidas que Pelotas tem um clima de latitude média bem característico.

Pelotas é "BEM mais para PoA" do que para Curitiba, por exemplo, assim como para o PR. Para mim: PoA - 100% Subtropical; Pelotas +-95% subtropical e 5% temperado; Curitiba 80% subtropical e 20% tropical de altitude; São Paulo = 60% tropical altitude e 40% subtropical. Pode-se discutir o percentual das "porcentagens", mas a ideia geral é essa.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.