Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Rodolfo Alves

Furacões no Atlântico Norte e Pacífico Leste/Central - 2018

Recommended Posts

Pode ser o primeiro furacão de 2018.

 

 

202017_5day_cone_no_line_and_wind.png

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Baryl se torna o primeiro furacão de 2018.

Também é o primeiro furacão em Julho desde 2014.

 

hberyl.png

 

 

 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
Citar

 @philklotzbachBeryl now has max winds of 65 mph - the strongest winds for an Atlantic tropical cyclone this far south (10.4°N) in July on record.

 

DhaTqsYXcAAxcDi.jpg

 

DhaUUJrWkAUohvZ.jpg

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Outro ciclone pode se formar no Atlântico na próxima semana.

Todos os principais modelos ECMWF, GFS, HWRF, CMC e UKMET estão indicando o ciclone se formando e chegando a força de um furacão.

O sistema vai estar em um ambiente favorável e sobre a corrente do Golfo.

Costa Leste vai ter que acompanhar o INVEST 96L com atenção.

 

Dha0qu5W0AECmm8.jpg

 

Edited by Felipe F
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

HWRF indicando o sistema se tornando um forte furacão.

Voo de reconhecimento pode ser realizado hoje.

 

INVEST 96L

MShmdq7.png

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Beryl está atualmente em águas com temperatura entre 26/27ºC e deve encontrar águas ao redor de 29ºC nas Antilhas.

Caso cisalhamento não seja forte como previsto, poderia impactar as ilhas ainda como um furacão.

NHC deve fazer um voo de reconhecimento somente no Domingo.

 

Beryl.thumb.jpg.62b7f8a31c5ea3facb1c4cf7fd0388e8.jpg

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Beryl se despedaçando nas últimas horas.

Os motivos podem ser um ciclo de substituição da parede do olho ou ar seco/SAL.

Saberemos mais tarde sua real intensidade com o voo de reconhecimento que foi programado para investigar.

 

DhbUp_YWAAEUs7z.jpg:large

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Beryl comparado a Atlanta, Washington e Nova York.

 

Dhb5wfJXcAAnrE5.jpg

 

Dhb5wgRX0AAybBI.jpg

 

Dhb5whVWsAACqAi.jpg

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Beryl sendo destruído pelo ar seco e cisalhamento.

O ciclone foi rebaixado para tempestade tropical e deve seguir em direção as Antilhas como um fraco ciclone.

 

2q6dEho.gif

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Voo de reconhecimento em andamento na TD3 neste momento.

O ciclone segue sendo previsto para se tornar um furacão na próxima semana.

 

nd55hd.png

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

UKMET segue otimista com a DT3.

 

VERIFYING TIME TIME POSITION PRESSURE (MB) SPEED (KNOTS)
-------------- ---- -------- ------------- -------------
1200UTC 07.07.2018 0 32.9N 74.8W 1015 30
0000UTC 08.07.2018 12 33.0N 75.0W 1013 33
1200UTC 08.07.2018 24 33.0N 75.0W 1012 31
0000UTC 09.07.2018 36 32.9N 74.3W 1006 41
1200UTC 09.07.2018 48 33.1N 74.6W 1003 40
0000UTC 10.07.2018 60 33.1N 75.4W 997 41
1200UTC 10.07.2018 72 33.0N 75.7W 992 59
0000UTC 11.07.2018 84 33.1N 75.2W 982 58
1200UTC 11.07.2018 96 34.2N 73.6W 966 74
0000UTC 12.07.2018 108 36.4N 70.3W 960 75
1200UTC 12.07.2018 120 39.7N 67.9W 956 70
0000UTC 13.07.2018 132 42.6N 66.6W 977 54
1200UTC 13.07.2018 144 45.3N 65.6W 1001 35
 

Share this post


Link to post
Share on other sites

O UKMET segue como modelo mais otimista em relação a intensidade da DT3.

Neste última rodada, o modelo indica o ciclone fazendo landfall na Nova Inglaterra como furacão.

 

TROPICAL DEPRESSION 03L ANALYSED POSITION : 33.2N 75.0W

ATCF IDENTIFIER : AL032018

LEAD CENTRAL MAXIMUM WIND
VERIFYING TIME TIME POSITION PRESSURE (MB) SPEED (KNOTS)
-------------- ---- -------- ------------- -------------
0000UTC 08.07.2018 0 33.2N 75.0W 1013 33
1200UTC 08.07.2018 12 33.1N 75.2W 1012 31
0000UTC 09.07.2018 24 32.4N 74.3W 1008 36
1200UTC 09.07.2018 36 32.3N 74.6W 1003 38
0000UTC 10.07.2018 48 32.0N 75.2W 997 44
1200UTC 10.07.2018 60 31.9N 75.7W 992 59
0000UTC 11.07.2018 72 32.1N 75.7W 984 58
1200UTC 11.07.2018 84 33.1N 74.7W 971 69
0000UTC 12.07.2018 96 35.3N 72.4W 959 80
1200UTC 12.07.2018 108 39.0N 70.3W 948 75
0000UTC 13.07.2018 120 41.4N 70.3W 967 59
1200UTC 13.07.2018 132 42.9N 70.1W 991 43
0000UTC 14.07.2018 144 44.4N 68.7W 1003 31

 

Os demais modelos mostram sistema margeando a Costa Leste e com landfall na Nova Escócia, Canadá.

Um voo de reconhecimento deve ocorrer em breve.

Seguimos acompanhando.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Caso se confirme que a DT3 se torne um furacão, será a décima vez que temos 2 furacões em Julho.

Os outros anos foram: 1916, 1934, 1959, 1966, 1996, 1997, 2003, 2005 e 2008.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Beryl deve afetar entre hoje e amanhã as Antilhas.

Acumulados de chuva ao redor de 100 mm são possíveis nas Antilhas, Porto Rico e Republica Dominicana.

O sistema pode se dissipar entre segunda e terça, porém os restos de acordo com a maioria dos modelos podem se regenerar quando chegarem nas Bahamas.

 

BASE-IMG8-2_02L.png.bac772678e7007aecf060566586a02d8.png

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

DT3 se fortalece para tempestade tropical Chris.

 

z3wpRf0.gif

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Chris está enfrentando alguns problemas para se intensificar.

Ontem além do ar seco, sofreu com a ressurgência, causada pelo ciclone estar a vários dias sem se deslocar.

Nas últimas horas o ciclone está conseguindo se organizar e deve ser furacão em breve.

 

zjl2DcG.jpg

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ex-Beryl está causando fortes chuvas nas Antilhas.

Porto Rico e Republica Dominicana também devem ter fortes chuvas entre hoje e amanhã.

O sistema ainda é previsto para se regenerar nas Bahamas.

 

8wlgl0.jpg

 

2ebwx14.png

 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

São Tomás, ilha no mar do Caribe onde o Ex-Beryl está afetando.

 

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguns locais em Guadalupe registraram quase 200 mm de chuva e rajadas de 100 km/h devido ao ciclone Beryl.

Choveu 198 mm em Saint-Claude Matouba, sendo 115 mm em 6 horas, 156 mm em Petit-Bourg sendo 121 mm em 6 horas e 150 mm em Pointe-Noire.

As rajadas mais fortes foram registradas em Laureal Moule com 99 km/h e em Raizet 86 km/h.

Em Porto Rico existem registros de rajadas de vento de 76 km/h.

 

 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Inundações e deslizamentos de terra sendo reportados em Porto Rico.

Em algumas cidades já choveu mais de 100 mm.

Pelo menos 24 mil pessoas estão sem luz.

 

USGS.50070900.233399.00045..20180702.20180709..0..gif

 

Hh4Gx8f.jpg

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Com base nos dados do voo de reconhecimento, Chris mantém ventos sustentados em 110 km/h e pressão de 996 mbar.

Deve ser atualizado para furacão na próxima atualização.

Modelo HWRF mostra a ressurgência causada pelo ciclone.

 

dQHXS2e.gif

 

 

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Chris finalmente começou a se movimentar o que vai permitir que se torne um furacão.

Províncias do Canadá devem observar o ciclone para futuros impactos.

 

7Jp83Xs.gif

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Muita chuva devido ao ex-Beryl na Republica Dominicana.

Alguns locais, incluindo a capital acumularam mais de 200 mm.

 

Vídeos de Santo Domingo

 

 

  • Like 1
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

FURACÃO CHRIS VINDO NA PRÓXIMA ATUALIZAÇÃO
 

Citar

10/1147 UTC 32.8N 73.5W T4.0/4.0 CHRIS -- Atlantic

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

NHC irá fazer um voo de reconhecimento para depois atualizar.

Ex-beryl provocou acumulados superiores a 150 mm em Porto Rico.

 

DhwQ2b4X4AApHcp.jpg

 

DhwQ2eIW4AAjSvn.jpg

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Voo de reconhecimento encontrou pressão de 984 mbar.

Ventos de até 160 km/h encontrados, mas vamos aguarda para ver se não estão "contaminados".

 

042 
URNT15 KNHC 101819
AF306 1103A CHRIS HDOB 25 20180710
180930 3312N 07239W 8426 01379 9875 +175 +134 234073 077 070 004 00
181000 3311N 07238W 8438 01383 9900 +165 +137 232084 085 074 014 00
181030 3310N 07237W 8433 01405 9926 +147 +135 228086
088 077 026 03
181100 3309N 07235W 8423 01428 9945 +140 +127 229086 087 /// /// 03
181130 3308N 07234W 8436 01429 9964 +138 +117 227086 087 /// /// 03
181200 3307N 07233W 8415 01462 9977 +138 +108 229084 085 065 027 03
181230 3305N 07231W 8436 01449 9991 +138 +101 228085 087 067 020 03
181300 3304N 07230W 8420 01475 0003 +134 +096 223083 086 065 019 00
181330 3303N 07229W 8433 01471 0013 +134 +092 222080 081 060 030 00
181400 3302N 07228W 8428 01482 0025 +128 +088 227080 081 062 019 00
181430 3301N 07226W 8433 01485 0028 +138 +084 228077 080 062 010 00
181500 3300N 07225W 8428 01497 0033 +143 +081 228074 077 061 007 00
181530 3259N 07224W 8427 01505 0040 +145 +080 230073 073 059 005 00
181600 3258N 07222W 8434 01505 0050 +139 +080 227072 073 059 005 00
181630 3257N 07221W 8428 01516 0049 +149 +081 226068 071 057 005 00
181700 3256N 07220W 8428 01519 0056 +148 +082 225068 069 055 010 00
181730 3255N 07219W 8427 01524 0062 +143 +083 224065 068 055 009 00
181800 3254N 07217W 8437 01518 0063 +150 +084 228065 067 054 009 00
181830 3252N 07216W 8431 01529 0080 +130 +085 228067 068 055 009 00
181900 3251N 07215W 8433 01530 0082 +134 +085 222061 067 054 008 00
$$

 

CDi5fBk.png

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

FURACÃO CHRIS SE FORMA NO ATLÂNTICO

AL, 03, 2018071018,, BEST, 0, 334N, 728W, 75, 984, HU 

 

Valor pode ser revisado, pois o voo segue em andamento!

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Chris deve seguir pela corrente do Golfo durante todo dia de amanhã.

Tem chances de ser um grande furacão por um breve momento na minha opinião.

 

1000x1000.jpg

 

 

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

Neste sábado, Beryl se regenerou novamente no Atlântico Norte, agora em Tempestade Subtropical.

 

Um ramo de convectividade crescendo em torno do seu centro, que é associado a um Upper Level Low.

 

goes16_ir_02L.thumb.gif.4fb0086052f4b3e10a996ea62c11a044.gif

 

 

O sistema seguirá em alto-mar, e deverá ser rebaixado a extratropical até amanhã.

 

001.png.2ac2dc6fb3a425c166fd8574c6185ead.png

 

 

No Pacífico Leste um distúrbio está sendo monitorado, e tem 60% de chances de gerar um sistema tropical nos próximos 5 dias.

 

Amanhã ou terça-feira, esse distúrbio entrará no Pacífico Central, área de responsabilidade do CPHC,  e nesse caso, caso se forme, será nomeada de "Walaka", próximo nome da bacia.

 

 

002.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Atlântico

 

Uma área está sendo observada no momento no Atlântico Central.

Os modelos indicam que o sistema tem chances de chegar a força de uma tempestade tropical/subtropical.

Açores devem observar o desenvolvimento.

 

Image

gWvZ84v.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pacífico Leste

 

Tivemos nos últimos dias uma depressão tropical e uma tempestade tropical chamada de Gilma.

Nenhum sistema afetou regiões habitadas.

 

No momento o grande furacão Hector está em atividade.

O ciclone que se formou no dia 31 de Julho está se deslocando para oeste e deve passar bem perto do Havaí como um forte furacão. 

O Havaí deve seguir de perto este furacão, pois tem chances de ser afetado.

 

Imagem

Hector pode fazer história e cruzar todo o Pacífico e afetar o Japão.

O furacão deve seguir ganhando força, pois além das condições favoráveis, as águas estão muito quentes.

Tem chance de ser um dos maiores acumuladores de ACE da história!!!

 

Ciclone está perto da categoria 4 no momento.

 

Imagem

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

No momento temos 3 áreas sendo monitoradas no Pacífico Leste.

Modelos mostram todas se tornado um furacão, duas delas podendo ser um grande furacão.

Os sistemas devem seguir no mar.

Os próximos três nomes são: Ilena, John e Kristy.

A temporada deve seguir bem ativa, com os modelos mostrando mais uns 2 a 3 sistemas até 20 de Agosto.

 

two_pac_2d0.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Citar

II. PACIFIC REQUIREMENTS
1. NEGATIVE RECONNAISSANCE REQUIREMENTS.
2. OUTLOOK FOR SUCCEEDING DAY.....A NOAA G-IV
SYNOPTIC SURVEILLANCE MISSION AROUND
HURRICANE HECTOR FOR 06/0000Z, DEPARTING
KLGB AT 05/1730Z.
3. ADDITIONAL DAY OUTLOOK: BEGIN 6-HRLY
FIXES FOR HURRICANE HECTOR AT 06/1730Z.

 

Voo de reconhecimento previsto para investigar Hector na segunda.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Hector perdeu um pouco de força, foi de categoria 4 para 3 nesta manhã.

Modelos estão com uma tendência mais ao norte, aumentando a ameaça ao Havaí.

 

2018EP10_1KMSRVIS_201808042130.GIF

 

Imagem

 

GOES 17

 

Imagem

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ilena e John se formaram na costa mexicana.

Ambos deve se tornar furacão entre hoje e amanhã.

Ilena deve ficar bem perto da costa mexicana, trazendo chuvas e mar agitado para a região.

 

180034_5day_cone_no_line_and_wind.png.9246c9d13b2affc61b47da24c80996a6.png

 

Image

 

John pode afetar algumas pequenas ilhas mexicanas, que são inabitadas.

O ciclone deve chegar até categoria 3 pelo menos.

 

144425_5day_cone_no_line_and_wind.png.af38f6281c28746c10e2679042929ae0.png

 

Image

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Voo de reconhecimento foi feito hoje no ciclone Hector.

Ventos de 230 km/h e pressão de 941 mbar.

O sistema segue sendo previsto para passar ao sul do Havaí.

 

Image

Share this post


Link to post
Share on other sites

Existe a possibilidade de Hector chega na categoria 5.

Caso isso venha se confirmar, será primeiro ciclone no Pacífico Central desde Ioke em 2006 a chegar na categoria 5.

 

Dj8ODHvXgAEGa7i.jpg

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Hector é um clássico exemplo de furacão anular!

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

John fez o chamado efeito fujiwara e absorveu o ciclone Illena.

John segue ganhando força e pode se tornar um grande furacão até amanhã.

 

 

 

65793280.gif

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tempestade subtropical Debby se formou no Atlântico Norte.

Existe a possibilidade de afetar o Reino Unido como um ciclone extratropical.

 

 

 

 

59013111.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.