Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Rodolfo Alves

Monitoramento e Previsão Climática (ENSO/SST/AAO/PDO)

Recommended Posts

Não há maneiras do aquecimento global aumentar o número de El Niños no Pacífico ? Não há correlação entre estes ?

 

Pergunta capciosa.

 

Não. Não há maneira do ''aquecimento global'' aumentar o número de El Niños.

 

O planeta resfria durante El Niño.

 

E a única maneira do planeta resfriar é pelo processo radiativo. Uma parte da energia liberada (calor) aquece a atmosfera na sua viagem para o espaço.(na forma de luz infravermelha).

 

Em períodos de El Niño a temperatura média da atmosfera aumenta mas este aumento não é o ''aquecimento global''.

 

ABS.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 2015 / 2016, o El niño foi o mais forte já registrado na história, e agora em 2017....EL NIÑO AGAIN ???!!!

 

Quando que isso já aconteceu alguma outra vez ? Estou cada dia mais convencido da contribuição do homem no aquecimento global vigente.

 

O problema é que o El Nino é classificado usando a anomalia normal da superfície do oceano, mas tendo um planeta mais quente certo seria considerar esse aquecimento em relação à média global atual.... o mundo está aquecendo infelizmente e isso ajuda sim uns décimos no el nino(pela classificação oficial). Temos um planeta mais quente, portanto é "mais fácil" termos um el nino.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ainda sobre o aquecimento global antropogênico, Fevereiro fecha com anomalia global de +0.35C(E a anomalia oceânica não ficou nada longe disso). Mês que vem completaremos 5 anos sem anomalias negativas

 

"viva!" :sarcastic:

Edited by Guest

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 2015 / 2016, o El niño foi o mais forte já registrado na história, e agora em 2017....EL NIÑO AGAIN ???!!!

 

Quando que isso já aconteceu alguma outra vez ? Estou cada dia mais convencido da contribuição do homem no aquecimento global vigente.

 

O problema é que o El Nino é classificado usando a anomalia normal da superfície do oceano, mas tendo um planeta mais quente certo seria considerar esse aquecimento em relação à média global atual.... o mundo está aquecendo infelizmente e isso ajuda sim uns décimos no el nino(pela classificação oficial). Temos um planeta mais quente, portanto é "mais fácil" termos um el nino.

 

Não, né.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não, né.

 

Você acha errado dizer que num planeta mais quente é mais fácil de se configurar o el nino?

 

global.png

 

nino34.png

 

Acho que se não fosse essa anomalia global quase sustentada(+0,3 a +0,4) estaríamos saindo de "uma bela la nina" e não de uma neutralidade negativa

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não, né.

 

Você acha errado dizer que num planeta mais quente é mais fácil de se configurar o el nino?....

 

Sim.

 

Estamos no período ''mais frio'' desta linda bola azul.

 

Desde que houve o fechamento da América Central há 3.000.000 de anos entramos na glaciação do era quartenária.

 

Mudou toda a circulação do planeta.

 

Observe que ENSO é dirigido pelos trades winds.

 

No sentido que vocês estão colocando da-se a impressão que uma atmosfera ''mais quente'' conduz a um número maior de El Niño.

 

O que nem vagamente é verdade.

 

Abs.

 

continuaremos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não, né.

 

Você acha errado dizer que num planeta mais quente é mais fácil de se configurar o el nino?....

 

Sim.

 

Estamos no período ''mais frio'' desta linda bola azul.

 

Desde que houve o fechamento da América Central há 3.000.000 de anos entramos na glaciação do era quartenária.

 

Mudou toda a circulação do planeta.

 

Observe que ENSO é dirigido pelos trades winds.

 

No sentido que vocês estão colocando da-se a impressão que uma atmosfera ''mais quente'' conduz a um número maior de El Niño.

 

O que nem vagamente é verdade.

 

Abs.

 

continuaremos.

 

Interessante... então o Menino seria um método de resfriamento planetário no longo prazo? Entendi certo?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Interessante... então o Menino seria um método de resfriamento planetário no longo prazo? Entendi certo?

 

A profundidade média dos oceano é algo parecido com 3800 m.

 

A 3800 metros de altitude a atmosfera já é um tanto rarefeita e abaixo de 11.000m encontra-se 75% de sua massa.

 

Então, literalmente este é um planeta Água.

 

Um litro de ar tem massa (CNTP) de aproximadamente 1 grama por litro.

 

Um litro de água tem aproximadamente 1000 gramas por litro.

 

O rabo não abana o cachorro.

 

----

Sim, durante um El Niño o planeta está literalmente mandando calor para o espaço na única forma que energia consegue entrar o sair do planeta por radiação.

 

Lembrando que nos primeiros 10 metros abaixo da linha d'água nos oceanos para cada grau de aumento é a energia para aumentar em 10 ºC toda a atmosfera.

 

-----

 

Imagine um xícara de café gigante:

 

Você sopra:

 

primeiro: As moléculas de água mais energética evaporam graças a esta energia extra. (água evapora)

 

segundo: Você vai empurrando a água para o outro lado da xícara. (você vai fazendo uma piscina de água quente no outro lado da xícara...lá pela bandas da Indonésia/Austrália....conhecido por piscina de água quente do Pacífico....o nível do mar lá é até um metro maior que na costa da América do Sul.....essa pressão extra pressiona a água subsuperficial que vai sendo lentamente bombeada por baixo em direção a Costa da América do Sul onde finalmente começa a surgir (ressurgência) trazendo alimentos e água fria...os pescadores agradecem.

 

terceiro: Você para de soprar....a água volta por cima...e esquenta tudo (El Niño).

 

quarto: Você sopra muito forte....esfria toda a superfície (La Niña).

 

E por aí vai.

 

Vamos papeando

 

Abs: Luciano

Share this post


Link to post
Share on other sites
Mafili: A quê você atribui o aquecimento do oceano nos últimos anos?

 

Faço coro ao Felipe: Se o fenômeno ENSO nada tem haver com o aquecimento global antropogênico, QUE É UM FATO COMPROVADO, então por quê tantos El niños nos últimos anos ? Já houve tanta anomalia positiva no pacífico, de forma sequencial, em algum outro momento dos registros ?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Mafili: A quê você atribui o aquecimento do oceano nos últimos anos?

 

Não sei.

 

Suponho que o amigo se refere a um aquecimento que não sabemos de quanto apenas na casquinha da superfície.

 

E ninguém sabe.

 

Existe o projeto Argos....que são boias autônomas que mergulham pelo oceanos da linda bola azul.

 

What is Argo?

 

Argo is a global array of 3,800 free-drifting profiling floats that measures thetemperature and salinity of the upper 2000 m of the ocean. This allows, for the first time, continuous monitoring of the temperature, salinity, and velocity of the upper ocean, with all data being relayed and made publicly available within hours after collection.

 

Os resultados não são conclusivos alguns trabalho mostram um arrefecimento dos oceanos (um turma caiu de pau) e outra turma procura um tal de calor escondido.

 

Kevin Trenberth é um dos maiores cientistas da área no mundo (infelizmente também um ideólogo do IPCC) mas um grande cientista.

 

Este está procurando o calor perdido nos oceanos.

 

Todavia também não sabe.

 

 

status.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Interessante... então o Menino seria um método de resfriamento planetário no longo prazo? Entendi certo?

 

A profundidade média dos oceano é algo parecido com 3800 m.

 

A 3800 metros de altitude a atmosfera já é um tanto rarefeita e abaixo de 11.000m encontra-se 75% de sua massa.

 

Então, literalmente este é um planeta Água.

 

Um litro de ar tem massa (CNTP) de aproximadamente 1 grama por litro.

 

Um litro de água tem aproximadamente 1000 gramas por litro.

 

O rabo não abana o cachorro.

 

----

Sim, durante um El Niño o planeta está literalmente mandando calor para o espaço na única forma que energia consegue entrar o sair do planeta por radiação.

 

Lembrando que nos primeiros 10 metros abaixo da linha d'água nos oceanos para cada grau de aumento é a energia para aumentar em 10 ºC toda a atmosfera.

 

-----

 

Imagine um xícara de café gigante:

 

Você sopra:

 

primeiro: As moléculas de água mais energética evaporam graças a esta energia extra. (água evapora)

 

segundo: Você vai empurrando a água para o outro lado da xícara. (você vai fazendo uma piscina de água quente no outro lado da xícara...lá pela bandas da Indonésia/Austrália....conhecido por piscina de água quente do Pacífico....o nível do mar lá é até um metro maior que na costa da América do Sul.....essa pressão extra pressiona a água subsuperficial que vai sendo lentamente bombeada por baixo em direção a Costa da América do Sul onde finalmente começa a surgir (ressurgência) trazendo alimentos e água fria...os pescadores agradecem.

 

terceiro: Você para de soprar....a água volta por cima...e esquenta tudo (El Niño).

 

quarto: Você sopra muito forte....esfria toda a superfície (La Niña).

 

E por aí vai.

 

Vamos papeando

 

Abs: Luciano

 

Mas pera... alterações nos trade winds é que causam o Menino, ou ele é que causa alterações nos trade winds? Ou é difícil saber onde começa uma coisa e termina outra?

Share this post


Link to post
Share on other sites
...."Mafili"..

Mas pera... alterações nos trade winds é que causam o Menino, ou ele é que causa alterações nos trade winds? Ou é difícil saber onde começa uma coisa e termina outra?

 

Alterações nos trade winds causam o menino.

 

No entanto não se sabe onde começa uma coisa e termina a outra.

 

É fácil fazer um gráfico da anticorrelacao trade winds versus ENSO. Inclusive a mesma coisa Vale para a SOI.

 

É necessária paciência .

 

Outro item que podemos explorar é a quantidade de momentum angular do planeta.

 

Um item por vez.

 

Paz.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aqui um gráfico de simples confecção onde temos o inverso do trade winds e ENSO (Niño 3.4)

 

 

2khets.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
Mafili: A quê você atribui o aquecimento do oceano nos últimos anos?

 

Faço coro ao Felipe: Se o fenômeno ENSO nada tem haver com o aquecimento global antropogênico, QUE É UM FATO COMPROVADO, então por quê tantos El niños nos últimos anos ? Já houve tanta anomalia positiva no pacífico, de forma sequencial, em algum outro momento dos registros ?

 

No período de 57-58 tivemos um Forte El niño seguido de um outro El niño fraco entre 58-59 e depois um período de neutralidade que consumou em outro El niño de moderada intensidade entre 63-64, ou seja, já tivemos períodos de presença constante de anomalias positivas.

 

Curioso que de 73 a 76 tivemos uma La niña forte e constante durante todo este tempo e outra em 88-89 que foi o período que Bagé teve sua pior seca da história.

 

http://ggweather.com/enso/oni.htm

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aliás nada de fora do normal da linha histórica que podemos perceber do comportamento do Pacífico ao vermos este gráfico :

 

oni.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
Sei não até que ponto o Sol esteja influenciando na temperatura global .......

É pertinente o ponto.

E eu concordo contigo....as implicações são interessantes

O gráfico é do departamento de criação desconsiderado. (um problema terrível de escala. bem ao gosto da administração anterior)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Então, desde que começaram as medições, nunca registraram uma La Niña muito forte ? El Niño já tivemos 3 episódios nessa categoria. Vamos ver se algum dia teremos o privilégio de ver isso. E no fatídico "pós-2000", nunca mais tivemos uma La niña forte...coincidência ?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Então, desde que começaram as medições, nunca registraram uma La Niña muito forte ? El Niño já tivemos 3 episódios nessa categoria. Vamos ver se algum dia teremos o privilégio de ver isso. E no fatídico "pós-2000", nunca mais tivemos uma La niña forte...coincidência ?

Após o ela niño de 1997/1998 houve uma la nina ligeiramente intensa que durou até 2001; e depois houve outro evento em 2007/2008 com repique em 2009. Não poderiam ser consideradas lá niñas fortes?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Então, desde que começaram as medições, nunca registraram uma La Niña muito forte ? El Niño já tivemos 3 episódios nessa categoria. Vamos ver se algum dia teremos o privilégio de ver isso. E no fatídico "pós-2000", nunca mais tivemos uma La niña forte...coincidência ?

Após o ela niño de 1997/1998 houve uma la nina ligeiramente intensa que durou até 2001; e depois houve outro evento em 2007/2008 com repique em 2009. Não poderiam ser consideradas lá niñas fortes?

 

De acordo com as categorias apresentadas no gráfico do Vitor, não :russian:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×