Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Sign in to follow this  
Rodolfo Alves

Monitoramento e Previsão - América do Norte - 2015

Recommended Posts

Lago Ontário. Uma pequena área de baixa pressão formando núvens em espiral n'um lago quase congelado.

GEE15u9.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites
Tem Lugares da Guatemala proximos a 10°C , Sul do Mexico com 8°C

 

 

Em latitude o Sul da Florida se compara a qual estado Brasileiro ?

 

A latitude do sul da FL é a mesma do litoral do PR.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Tem Lugares da Guatemala proximos a 10°C , Sul do Mexico com 8°C

 

 

Em latitude o Sul da Florida se compara a qual estado Brasileiro ?

 

Sta Catarina

Share this post


Link to post
Share on other sites

@metsul

Várias cidades do Leste dos Estados Unidos tiveram hoje suas menores temperaturas (recordes) em pelo menos 130 anos de dados.

Muito frio em CUBA. Algumas estações na ilha ao nível do mar reportaram até 6ºC hoje.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Tem Lugares da Guatemala proximos a 10°C , Sul do Mexico com 8°C

Em latitude o Sul da Florida se compara a qual estado Brasileiro ?

Miami está na latitude aproximada de Paranaguá-PR.

 

E.T.: Não vi que já tinham respondido. :wink:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Manhã um tanto quanto fria na península de Yucatán (México):

 

Oxkutzcab 10,1º

Tizimin 10,7º

Cozumel 11,3º

Rio Lagartos 11,9º

José M. Morelos 12,7º

Cancún 19,4º

 

http://smn.cna.gob.mx/emas/

 

Em Cuba também:

Tapaste 8,2º

Pinar Del Rio 9,9º

Havana 14,3º

Cienfuegos 14,9º

Guantánamo 18,7º

 

21_02_15Caribe_zpsb82aa489.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dallas está em alerta para a tempestade Quantum, que pode trazer o temido Wintry Mix, uma espécie de chuva congelada, que costuma causar muitos acidentes de trânsito.

 

Radar

layer_zps8dc05886.png

 

A temperatura já teve queda de até 40ºF em 24h

 

Mudanccediladetemperaturaem24h_zpsb70bdd16.jpg

 

E haverá condições de Freezing rain na segunda em grande parte do Texas e Louisiana:

 

monday_zpsc1fa3b98.jpg[/url]

Share this post


Link to post
Share on other sites

Criança de três anos morre de frio em Toronto após noite ao relento

 

Uma criança de três anos morreu, quinta-feira, em Toronto, no Canadá, depois de passar várias horas ao relento com temperaturas negativas. Elijah Marsh conseguiu sair da casa durante a noite, apenas vestido com uma camisola e uma fralda e calçado com umas botas. Um outro bebé de três anos foi encontrado a deambular, esta sexta-feira, também sozinho na rua e ao frio.

 

ng3972466.jpg

 

 

Elijah terá saído do apartamento cerca das 4 horas, altura em que no exterior a temperatura rondava os -19ºC e foi encontrado, já de manhã, a pouca distância do edifício, sem sinais vitais.

 

De acordo com um responsável da Polícia, a criança foi encontrada "escondida num canto" nas traseiras de uma casa por dois voluntários que participavam nas buscas.

 

A família acordou por volta das 7.30 horas e apercebeu-se que Elijah tinha desaparecido do apartamento térreo. Tinham-no visto pela última vez quando o deitaram, às 21.30 horas do dia anterior.

 

O responsável da Polícia explicou que as câmaras de segurança do edifício mostram o rapaz a empurrar as portas exteriores do prédio cerca das 4.20 horas. Nessa altura, a temperatura era de -19ºC mas com o efeito do vento correspondia a cerca de -28ºC.

 

JN Mundo

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguém saberia dizer se há alguma possível correlação desse frio todo e essa nevasca intensa e histórica neste mês de fevereiro no NE e região central dos EUA com alguma variável, como ENSO, PDO, anomalias de temperaturas do pacífico ou atlântico? Como oportunamente (se não me falha a memória) o Renan disse, a costa atlântica dos EUA vem nos últimos anos recuperando "a mão" nos últimos invernos. Basta checar, conforme mensagem aqui postada, que, nos últimos 50 anos, das 5 maiores nevascas em Chicago,[highlight=yellow]2 ocorreram nos últimos 4 anos! (Jan/2011 e Fev/2015)!!![/highlight]Estariam as coisas voltando aos eixos? Porém, segundo uma reportagem citada numa outra mensagem aqui também, a normalidade dos invernos em "terras brasilis" demoraria um maior tempo. Quanto tempo????

Share this post


Link to post
Share on other sites
Manha de -15 em Nova York....ninguém aguenta mais....

 

Realmente, esse fevereiro está feia a coisa pros lados da costa NE dos EUA (NYC, Philadelpia, Boston, Washington D.C. Nova Inglaterra). A área mais central também: Chicago, Detroit, Cleveland, Buffalo... É frio e neve para ninguém botar defeito. Imagine então no Canadá, sua Toronto Carlão? E Montreal e Quebec, que são mais violentas então, quanto ao frio e neve, especialmente Quebec?????

 

O que o JT teria a dizer? (mandei mensagem a ele hoje de manhã pelo Face). Está bem, curtindo "nova fase na vida", "desestressando" do BAZ. Disse que, por hora, [highlight=yellow]não volta mais[/highlight] (até quando não se sabe...).

 

Moderadores,

 

favor não editar a mensagem. Não há cunho pejorativo, provocativo, nada que o valha. Apenas informativo.

 

Obrigado pela compreensão e respeito.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Caco...a gente gosta de frio...vc sabe....Mas -15 não presta...!! Pra mim estando entre + 5 e -5....está perfeito...e claro sem vento..!!

 

abraço

Share this post


Link to post
Share on other sites
Alguém saberia dizer se há alguma possível correlação desse frio todo e essa nevasca intensa e histórica neste mês de fevereiro no NE e região central dos EUA com alguma variável, como ENSO, PDO, anomalias de temperaturas do pacífico ou atlântico? Como oportunamente (se não me falha a memória) o Renan disse, a costa atlântica dos EUA vem nos últimos anos recuperando "a mão" nos últimos invernos. Basta checar, conforme mensagem aqui postada, que, nos últimos 50 anos, das 5 maiores nevascas em Chicago,[highlight=yellow]2 ocorreram nos últimos 4 anos! (Jan/2011 e Fev/2015)!!![/highlight]Estariam as coisas voltando aos eixos? Porém, segundo uma reportagem citada numa outra mensagem aqui também, a normalidade dos invernos em "terras brasilis" demoraria um maior tempo. Quanto tempo????

 

Caco, certas coisas não devem voltar por diversas razões.

 

Alguns índices tomados de forma isolada não servem como preditores.

 

Para o estado de São Paulo 2013 e 2014 foram iguais [no atacado] qual a razão para esperar algo diferente em 2015 se não a casualidade de uma potente mp que dure, digamos, 5 dias...ou duas....neste casos talvez uma geada abrangente....abraços

 

2hdbi15.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Caraca! Polônia, Rep. Tcheca, Eslováquia, Hungria e Áustria praticamente sem neve nas áreas baixas! :hang1: :heat:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nevou em várias cidades do Arkansas, Louisiana, Alabama, Mississippi e Geórgia hoje.

Em alguns locais superou 20 cm.

 

n8RuU9O.png

 

Monroe, Louisiana

TZmGa0o.jpg

 

Shottsville, Alabama

uPffBD7.jpg

 

Arab, Alabama

EEQNvHs.jpg

 

Cartersville, Georgia

cuCOdDN.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Resumo de Fevereiro/2015 em Fairfield, CT:

 

Média das mínimas: -12,6 ºC

Média das máximas: -1,6 ºC

 

Menor mínima: -20,8 ºC (24/02)

Maior mínima: -2,2 ºC (22/02)

Menor máxima: -7,3 ºC (16/02)

Maior máxima: 4,1 ºC (22/02)

 

5a4e8986f26b9_Resumefeb2015.png.afe2b29b44faa20458950c46e44b006b.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Um belo mês para quem gosta de frio e neve no leste e centro dos EUA. Essa nevada nos estados do sul deve ser coisa rara, eles não são acostumados com acumulação assim.

Share this post


Link to post
Share on other sites
apb5te.jpg

(NWS)

 

Deve derreter logo no sul, pois há uma frente fria atravessando as rochosas, com previsão de provocar chuva já a partir de amanhã, aí na retaguarda vem outra porrada de ar frio, embora seja tiro curto pelos modelos.

 

Está prevista uma mudança climática bem Texana para os próximos dias:

 

Brownsville (NOAA)

 

Terça: 12º/25º Chuva fraca

Quarta: 19º/27º Sol

Quinta: 4º/6º Pancadas de chuva

 

Queda de 15º na mínima e 21º na máxima!!!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Deve derreter logo no sul, pois há uma frente fria atravessando as rochosas, com previsão de provocar chuva já a partir de amanhã, aí na retaguarda vem outra porrada de ar frio, embora seja tiro curto pelos modelos.

 

Está prevista uma mudança climática bem Texana para os próximos dias:

 

Brownsville (NOAA)

 

Terça: 12º/25º Chuva fraca

Quarta: 19º/27º Sol

Quinta: 4º/6º Pancadas de chuva

 

Queda de 15º na mínima e 21º na máxima!!!!!

 

GFS 18z

23s2yt.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites
Alguém saberia dizer se há alguma possível correlação desse frio todo e essa nevasca intensa e histórica neste mês de fevereiro no NE e região central dos EUA com alguma variável, como ENSO, PDO, anomalias de temperaturas do pacífico ou atlântico? Como oportunamente (se não me falha a memória) o Renan disse, a costa atlântica dos EUA vem nos últimos anos recuperando "a mão" nos últimos invernos. Basta checar, conforme mensagem aqui postada, que, nos últimos 50 anos, das 5 maiores nevascas em Chicago,[highlight=yellow]2 ocorreram nos últimos 4 anos! (Jan/2011 e Fev/2015)!!![/highlight]Estariam as coisas voltando aos eixos? Porém, segundo uma reportagem citada numa outra mensagem aqui também, a normalidade dos invernos em "terras brasilis" demoraria um maior tempo. Quanto tempo????

 

Caco, certas coisas não devem voltar por diversas razões.

 

Alguns índices tomados de forma isolada não servem como preditores.

 

Para o estado de São Paulo 2013 e 2014 foram iguais [no atacado] qual a razão para esperar algo diferente em 2015 se não a casualidade de uma potente mp que dure, digamos, 5 dias...ou duas....neste casos talvez uma geada abrangente....abraços

 

2hdbi15.png

 

Perdão Lord Mafili (sabe o quanto o admiro e respeito como pessoa e seu conhecimento na área),[highlight=yellow]PORÉM[/highlight], pelo que venho analisando há tempos, para "terra brasilis", a combinação que mais "ajuda" para um inverno bom é: PDO "baixa" + La Nina. Obviamente há exceções sim! Acredito que o melhor inverno que presenciei na vida foi com El Nino (1994). Preciso checar como estava a PDO. Mas, sempre lembrando que o que define um inverno são uma gama de variáveis e não apenas La NIna/El Nino/Neutralidade + PDO; mas há também outras variáveis, as quais considero com "peso menor". Repare que a PDO em 2013 estava negativa e 2014 positiva, e o inverno 2013 foi amplamente superior no quesito FRIO!

 

Abs!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Caco, certas coisas não devem voltar por diversas razões.

 

Alguns índices tomados de forma isolada não servem como preditores.

 

Para o estado de São Paulo 2013 e 2014 foram iguais [no atacado] qual a razão para esperar algo diferente em 2015 se não a casualidade de uma potente mp que dure, digamos, 5 dias...ou duas....neste casos talvez uma geada abrangente....abraços

 

2hdbi15.png

 

Perdão Lord Mafili (sabe o quanto o admiro e respeito como pessoa e seu conhecimento na área),[highlight=yellow]PORÉM[/highlight], pelo que venho analisando há tempos, para "terra brasilis", a combinação que mais "ajuda" para um inverno bom é: PDO "baixa" + La Nina. Obviamente há exceções sim! Acredito que o melhor inverno que presenciei na vida foi com El Nino (1994). Preciso checar como estava a PDO. Mas, sempre lembrando que o que define um inverno são uma gama de variáveis e não apenas La NIna/El Nino/Neutralidade + PDO; mas há também outras variáveis, as quais considero com "peso menor". Repare que a PDO em 2013 estava negativa e 2014 positiva, e o inverno 2013 foi amplamente superior no quesito FRIO!

 

Abs!

 

Acabei de analisar aquele "tabelão" com dados da PDO que você postou no tópico sobre ENSO/SOI/PDO (moderadores, se quiserem transfiram depois a mensagem para o local apropriado!). :good:

 

A conclusão preliminar que chego é que, REALMENTE (e já desconfiava "fortemente" disso) é que a PDO tem peso muito grande dentre as outras variáveis no nosso inverno.

 

Veja: PDO

 

1994; M+1,23; J+0,46; J+0,06;J-0,79;A-1,36

2013; M+0,08; J-0,78; J-1,25); A-1,04

2014; M+1,8; J+0,82; J+0,7; A+0,64;S+1,08

 

REPARE na peculiaridade de 1994 (melhor inverno no Sudeste).[highlight=yellow]A PDO vem caindo vertiginosamente mês a mês!!![/highlight] Isso pode explicar o BOOM daquele inverno; uma tendência...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Que ANIMAL este fevereiro e março na costa Atlântica dos EUA, hein rapaziada?

 

E aí João Tur? Gostou?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu ainda não tinha visto essas fotos invernais de NY.

 

SENSACIONAIS! Mas agora chegou a hora da primavera voltar...eles merecem um calorzinho.

Share this post


Link to post
Share on other sites

TEM ERRO NESTA IMAGEM, IMPOSSÍVEL NÃO TER NEVE NA DIMENSÃO PARECIDA OU MAIOR QUE 2015!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Forte advecção em altura faz o Mt. Washington NH registrar -27oC com ventos de 142km/h, segundo dados do Wunder igualando o recorde de mínima para março registrado em 2002.

 

Muitas cidades do interior de New England ainda acusam mínimas abaixo dos -10oC. Muito frio ainda por lá.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Forte advecção em altura faz o Mt. Washington NH registrar -27oC com ventos de 142km/h, segundo dados do Wunder igualando o recorde de mínima para março registrado em 2002.

 

Muitas cidades do interior de New England ainda acusam mínimas abaixo dos -10oC. Muito frio ainda por lá.

 

Chegou a -28ºC com rajadas de 163 km/h e -30ºC com 143 km/h, o que dá respectivos -55ºC e -57ºC de Wind Chill.... :shok:

Share this post


Link to post
Share on other sites
Forte advecção em altura faz o Mt. Washington NH registrar -27oC com ventos de 142km/h, segundo dados do Wunder igualando o recorde de mínima para março registrado em 2002.

 

Muitas cidades do interior de New England ainda acusam mínimas abaixo dos -10oC. Muito frio ainda por lá.

 

Chegou a -28ºC com rajadas de 163 km/h e -30ºC com 143 km/h, o que dá respectivos -55ºC e -57ºC de Wind Chill.... :shok:

 

Estudei durante um período em Dartmouth/NH, e quando podia visitava as White Mountains. Lembro que o pessoal da região falava que rajadas de +300 km/h já haviam sido registradas no mt. Washington.

Na direção oeste existe o mt. Lafayette que eu gostava bastante, principalmente pelos lagos próximos (abaixo, foto minha).

 

2rqoodz.jpg

Edited by Guest

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pois é...já andei lendo algo sobre esses 300 km/h na Internet....

 

BTW, que lugar lindo!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.
Sign in to follow this  

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.