Jump to content
Brasil Abaixo de Zero
Sign in to follow this  
Felipe F

Ciclones Tropicais na Austrália e Pacífico Sul - 2015

Recommended Posts

Tópico para Monitoramento de Ciclones Tropicais na Austrália e Pacífico Sul - 2015

 

==============================================================================================================================

 

Informações Básicas:

Período: Temporada começou em 1 de Novembro de 2014 e irá terminar em 30 de Abril de 2015.

Cobertura: Longitude de 90 Graus a Leste até 160 Graus a Leste (Austrália); A partir de 160 Graus a Leste em diante (Pacífico Sul)

Órgão Responsável por Monitorar: Bureau Weather (Austrália); Centro Meteorológico do Fiji (Pacífico Sul); TCWC Jakarta (Indonésia); TCWC Port Moresby (Papua Nova Guiné) e JTWC para interesses dos EUA.

Sufixo para INVEST: "SH" ou "P"

Classificação de Fases: Baixa Tropical (Até 69km/h); Ciclone Tropical Cat. 1 (70 a 100km/h); Ciclone Tropical Cat. 2 (102 a 132km/h); Ciclone Tropical Severo Cat. 3 (133 a 180km/h); Ciclone Tropical Severo Cat. 4 (181 a 226km/h); Ciclone Tropical Severo Cat. 5 ( A partir de 227km/h).

 

A Temporada já está em andamento.

Eis a sequência da Lista de Nomes:

 

Austrália:

Kate Lam Marcia Nathan Olwyn Quang Raquel

Stan Tatjana Uriah Yvette Alfred Blanche Caleb

 

Indonésia:

Bakung Cempaka Dahlia Flamboyan Kenanga

Lili Mawar Seroja Teratai Anggrek

 

Papua Nova Guiné:

Alu Buri Dodo Emau Fere Hibu Ila Kama Lobu Maila

 

Pacífico Sul:

Nute Odile Pam Reuben Solo Tuni Ula Victor Winston Yalo

Share this post


Link to post
Share on other sites

No Pacífico Sul tivemos cinco (5) depressões tropicais.

Na Região da Austrália tivemos duas (2) baixas tropicais e o Ciclone tropical Bakung que chegou a categoria 2 .

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não há distúrbios sendo monitorados neste momento sobre a Austrália/Pacífico Sul, porém os modelos prometem uma semana agitada. Poderão formar de 1 a 3 Ciclones Tropicais nos próximos 7 dias.

 

O primeiro deles poderá ser no noroeste da Austrália. Nas imagens de satélite é possível notar várias trovoadas intensas a oeste de Darwin... Elas devem ganhar organização ainda neste início de semana.

 

I47iV8q.gif

 

Vale lembrar que neste momento a Onda de Madden Julian (OJM) está passando justamente sobre a região (linhas em verde), indicando um cenário mais favorável para incremento de umidade na atmosfera, assim facilitando a formação de Ciclones Tropicais.

 

A8IZm4q.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pacífico Sul poderá ter primeiro Ciclone Tropical da temporada.

 

INVEST 90P está se organizando junto as Ilhas Salomão, e deve-se desenvolver em um Ciclone Tropical de Categoria 1 na classificação australiana (ler o primeiro poste explicativo, para entender a classificação) nos próximos 3 dias segundo o Centro Meteorológico das Ilhas Fiji. O JTWC dá médias chances de desenvolvimento nas próximas 24 horas. Se vier a se desenvolver de fato, o sistema irá se mover para sul, sem atingir grandes áreas, e podendo passar a nordeste da Nova Zelândia nas próximas 120 horas.

 

Na costa nordeste da Austrália, um outro distúrbio (INVEST 91P) é monitorado, mas o sistema é mal-organizado e já começa a fazer landfall sobre o país. Com isso não deve ocorrer formação deste sistema em um Ciclone Tropical.

 

4SFcNOs.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Estou em dúvida qual nome que esse ciclone irá receber, será Nute ou Lam?

Pode ser uma ameaça para Nova Caledônia e Vanuatu.

 

2wtaKDd.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Penso que deva receber o nome de Lam (Austrália), por estar na área de monitoração deles... Ou ainda pode ganhar os dois nomes...

 

Veremos aí :sarcastic:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Enquanto isso no Pacífico Sul, 90P ainda não ganhou organização nas últimas 24 horas, que leve a força de tempestade tropical, e assim ganhar um nome. A expectativa é que isso ocorra ainda entre amanhã e terça.

 

fZFWEwV.png

 

Já INVEST 91P, dá sinais que terá que ser monitorado por mais tempo. Modelos sugerem que o sistema que está hoje na costa da Austrália, se desloque para leste, e possa ganhar força de furacão no decorrer da próxima semana. Nova Caledônia, e ilhas Norfolk (Austrália) devem acompanhar a evolução e progresso desse sistema nesta semana.

 

Pt8lOEl.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ciclone Tropical Niko se formou no Pacífico Sul. É o primeiro da temporada!

 

Porém Niko se formou num local muito atípico, bem no centro do Pacífico Sul, próximo as ilhas Bora Bora e o Taiti... Somente 2 vezes isso aconteceu em Janeiro desde 1948!

 

D2y8Bae.gif

 

Previsão é que nos próximos dias, Niko que hoje tem força de fraca tempestade tropical, possa ganhar força de furacão, enquanto passa a leste do Taiti, que não deverão ter impactos diretos, mas uma elevação significativa nas ondas serão sentidas, num local aonde o surf é muito praticado.

 

cgXyNns.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Um fato não muito comum...

 

Niko está aparecendo na Análise Sinótica emitida pelo National Hurricane Center para o Atlântico Norte e Pacífico Leste.

 

RLReRDL.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Neste mês de Janeiro na região da Austrália tivemos quatro baixas tropicais.

No Pacífico Sul tivemos desde o começo do ano, duas baixas tropicais e os ciclones Niko (categoria 2) e Ola (categoria 3).

Share this post


Link to post
Share on other sites

CMC e GFS mostram a possibilidade dessa área atualmente no Golfo de Carpentária vir a se tornar um ciclone dentro de 48 horas e ameaçar a costa australiana.

O modelo europeu até ontem também mostrava o desenvolvimento, porém hoje não mostra o ciclone se tornando grande coisa.

Seguimos acompanhando.

 

UORNdbC.jpg

 

r9KW1XO.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ciclone Lam se formou e neste momento já afeta Cape Wessel, Austrália como categoria 3 na escala australiana.

 

iREEKnL.png

 

ZWVrFH3.png

 

A previsão e que se intensifique no dia 19/02 para categoria 4 e faça landfall no Território do Norte, Austrália.

Cape Wessel registrou uma rajada de vento de 170 km/h e acumulado de chuva nas últimas 24 horas próximo dos 200 mm.

 

O1RbINM.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Invest 98P está previsto atualmente para seguir em direção a costa australiana, podendo fazer landfall como categoria 1 ao norte de Brisbane na sexta.

Próximo nome será Marcia.

 

4Ib6gJ0.jpg

 

qfFfvWW.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ao contrário do que era esperado, Marcia ( ex-Invest 98P) se fortaleceu rapidamente e agora é uma grande ameaça para a costa australiana.

O landfall é previsto para ocorrer entre quinta e sexta.

 

Lam mantém a categoria 3 e está começando a afetar a ilha de Elcho.

A estação de Ngayawili registrou uma rajada de vento de 91 km/h: http://www.bom.gov.au/products/IDD60801/IDD60801.95146.shtml

 

O olho nas imagens de radar está muito mais bem definido.

http://www.bom.gov.au/products/IDR092.loop.shtml#skip

OiW1KkZ.png

 

Ambos os ciclones podem causar acumulados superiores a 150 mm e rajadas de até 200 km/h.

ASFHfON.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Marcia agora é prevista para chegar a costa como categoria 5.

 

A9CEVy2.gif

 

V3bD2IS.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Que ciclone mais pequenininho. Buti buti!!!!

Tem medições de diâmetro já ou do raio dos ventos?

 

Pelo Infravermelho parece ser tão pequeno ou até menor do que Tracy, que foi o menor já observado no mundo com essa força.

Edited by Guest

Share this post


Link to post
Share on other sites

Realmente é um ciclone pequeno, mas não significa que não seja destrutivo. A simetria do olho mostra a velocidade dos

ventos. Tomara que cause a menor quantidade possível de estragos.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Marcia fez landfall como categoria 5...

 

Não se esqueçam que a Categoria 5, é na Escala Australiana, que equivale a Categoria 4 na Saffir Simpson.

 

Escala Australiana:

 

Classificação de Fases:

Baixa Tropical (Até 69km/h);

Ciclone Tropical Cat. 1 (70 a 100km/h);

Ciclone Tropical Cat. 2 (102 a 132km/h);

Ciclone Tropical Severo Cat. 3 (133 a 180km/h);

Ciclone Tropical Severo Cat. 4 (181 a 226km/h);

Ciclone Tropical Severo Cat. 5 ( A partir de 227km/h).

 

No demais, belos ciclones na Australia, confesso que não estava por dentro.

 

O Aeroporto de Rockhampton, que fica próximo ao Landfall de Marcia registrava até agora a pouco rajadas de 34 nós (61km/h) com pressão de 997hpas.

 

Pelo Radar, o Olho e Marcia já está próximo da cidade

 

Wsam9zQ.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Não se esqueçam que a Categoria 5, é na Escala Australiana, que equivale a Categoria 4 na Saffir Simpson.

 

Escala Australiana:

 

Classificação de Fases:

Baixa Tropical (Até 69km/h);

Ciclone Tropical Cat. 1 (70 a 100km/h);

Ciclone Tropical Cat. 2 (102 a 132km/h);

Ciclone Tropical Severo Cat. 3 (133 a 180km/h);

Ciclone Tropical Severo Cat. 4 (181 a 226km/h);

Ciclone Tropical Severo Cat. 5 ( A partir de 227km/h).

 

No demais, belos ciclones na Australia, confesso que não estava por dentro.

 

O Aeroporto de Rockhampton, que fica próximo ao Landfall de Marcia registrava até agora a pouco rajadas de 34 nós (61km/h) com pressão de 997hpas.

 

Pelo Radar, o Olho e Marcia já está próximo da cidade

 

Wsam9zQ.png

 

Valeu pela informação...

Eu não sabia que a Austrália tinha uma escala própria

:hi:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Marcia fez landfall como categoria 5 e Lam como categoria 4.

Ambos os ciclones já começaram a se enfraquecer, Marcia agora é categoria 4 e Lam categoria 2 na escala australiana.

Danos estão sendo relatados nas duas áreas afetadas, uma no Território do Norte e outra no estado de Queensland.

Lam causou rajadas de 170 km/h em Cape Wessel na quarta.

Possivelmente houve rajadas de ventos mais fortes, porém as estações da região não suportaram a força do vento.

 

Marcia causou rajada de vento de 208 km/h na ilha de Middle Percy.

Outros locais também podem ter enfrentando rajadas de vento superiores a 200 km/h, porém as estações também não suportaram a força dos ventos.

 

agDRWIB.png

 

Trasmissão ao vivo da Austrália: http://www.9news.com.au/Cyclone-Marcia

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pelo menos dois ciclones podem se formar na região do Pacífico Sul e Austrália na próxima semana.

 

Um dos ciclones é previsto pelos modelos para ser extremamente intenso, GFS chegou a sugerir por algumas rodadas pressão mínima de absurdos 869 mbar.

Nova Caledônia, Fiji, Vanuatu, Nova Zelândia e Ilhas Salomão deve acompanhar o desenvolvimento desse possível ciclone.

 

dAvnmVK.png

 

O outro ciclone que está sendo previsto, pode afetar a costa do estado australiano de Queensland.

Modelos até o momento não indicam uma grande intensificação.

Share this post


Link to post
Share on other sites

[dropshadow=blue]Dias dificílimos pra Vanuatu, segundo GFS[/dropshadow]

 

Pode ser um dos ciclones mais intensos a atingir o país de pouco mais de 200.000 habitantes e com a maior parte da população vivendo em cidades costeiras.

Ac4PHfE.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Uma baixa tropical no Mar de Coral, pode se intensificar nas próximas 24 horas para Ciclone tropical Nathan.

 

Sua trajetória ainda não está muito bem definida, o GFS por exemplo mostra o ciclone se aproximando da costa, porém depois retornando para o alto-mar, já o modelo europeu, mostra o ciclone se aproximando, retornando para o alto-mar, porém voltando novamente para próximo da costa australiana.

 

O modelo europeu também é mais agressivo, indica um ciclone de categoria 2 ou 3, enquanto o GFS entre categoria 1 ou 2.

 

Modelos também mostram uma possível tempestade tropical afetando o estado da Austrália Ocidental nesta semana.

 

4asFTzl.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ciclone tropical Pam se formou no Pacífico Sul.

Todos os modelos seguem mostrando um ciclone muito intenso.

Vanuatu é previsto para ser o local mais afetado pelo ciclone, que tem boas chances de chegar na categoria 5.

 

MIVHu4.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ciclone Pam começa a se intensificar de forma mais rápida, enquanto se dirige para Vanuatu.

Todos os modelos seguem mostrando um ciclone muito intenso, podendo ser categoria 5 entre hoje e amanhã.

 

oFJ9v48.png

 

Ciclone Nathan se formou e deve chegar bem próximo a costa australiana, porém depois retornar para o mar.

A previsão atual, mostra o ciclone chegando até a categoria 3 no mínimo.

 

l766ERu.png

 

Outro ciclone pode se formar amanhã e afetar a Austrália Ocidental na sexta.

O próximo nome é Olwyn.

 

6D1dKrI.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ciclone Pam enfrentou alguns problemas com o ar seco e o cisalhamento, mas apesar disso já é categoria 4 e pode chegar na 5 ainda hoje.

 

L3iBvcI.gif

 

8F8UHjI.gif

 

Nathan está bem próximo da costa australiana e causou fortes chuvas e ventos nas últimas 24 horas.

A rajada de vento mais forte ocorreu em Cape Flattery, chegando a 72 km/h.

O maior acumulado de chuva foi em Cooktown, que registrou mais de 100 mm de chuva.

O ciclone deve começar a se afastar da costa hoje.

 

SXG3Lpl.gif

 

Olwyn está previsto para fazer landfall daqui menos de 12 horas como categoria 3 na escala australiana.

Em Barrow Island já houve o registro de rajadas de vento de 109 km/h.

Os acumulados de chuva, ainda não são significativos, o maior nas últimas 24 horas e de aproximadamente 45 mm.

 

gy5LkJ1.gif

 

LOKUWyQ.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olwyn está fazendo landfall neste momento como categoria 3 na escala australiana.

A rajada de vento mais forte registrada até o momento foi em Learmonth, 170 km/h.

Os acumulados de chuva, em alguns locais já supera 100 mm.

 

QZ8WRKQ.gif

 

wiDi706.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

[dropshadow=blue]Ciclone Pam[/dropshadow]

 

Pam pode atingir em cheio a cidade de Porto Vila, capital de Vanuatu com categoria 5 na escala SSHWS.

Estive procurando um histórico de ciclones na região da Polinésia e não houve, pelo menos nos últimos 50 anos, áreas habitadas atingidas por um ciclone enquanto com força de categoria 5. Autoridades de Porto Vila já estudam evacuação das áreas mais baixas da cidade

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pam se fortaleceu para categoria 5.

O olho de Pam se encolheu consideravelmente nas últimas horas.

Chuvas e ventos fortes foram registradas nas Ilhas Salomão e Santa Cruz, onde há relatos de até 495 mm de chuva em 24 horas.

 

kTtd4dG.gif

 

izU9n24.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Storm surge causado pelo ciclone Pam na ilha de Vaitupu, Tuvalu.

 

KrqHJPp.png

 

xS09g87.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
Storm surge causado pelo ciclone Pam na ilha de Vaitupu, Tuvalu.

 

http://i.imgur.com/KrqHJPp.png

 

http://i.imgur.com/xS09g87.png

Não sei se as fotos são de quando Pam estava atuando próximo à Tuvalu, se eu não me engano o ponto mais alto da ilha fica a 10 metros de altitude, um storm surge de um ciclone de categoria 5 varreria o país do mapa.

Já Vanuatu, que será diretamente atingido, até tem pontos mais elevados, mas as principais cidades ficam no nível do mar, e mesmo que haja evacuações nas cidades no caminho do olho do ciclone, a infraestrutura seria gravemente afetada. PAM, que pode estar se desenhando como uma grave emergência internacional, fez uma leve curva para sul e pode passar um pouco a leste da capital, mas pode atingir em cheio outros vilarejos do país.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.
Sign in to follow this  

×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.