Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Lucas Centurion

Members
  • Content count

    288
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1

Lucas Centurion last won the day on February 4

Lucas Centurion had the most liked content!

Community Reputation

1534 Excellent

Location

  • Location
    Cafelândia-SP

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Sobre o Abril de 1999 Li bastante aqui no BAZ sobre esse incrível e histórico Abril de 1999. Fui dar uma checada em algumas convencionais aqui de SP e realmente foi algo muito especial. A queda das temperaturas a partir do dia 16 foi brutal, atingindo 5,5ºC na convencional de Sorocaba. Mesmo em Catanduva que é uma cidade muito quente do norte paulista a temperatura atingiu incríveis 7,8ºC no dia 18. Choveu de forma significativa nas três estações sendo que em Presidente Prudente atingiu 107,6mm no dia 16. Outra coisa curiosa é que o mês começou até bem quente, em ritmo de verão ainda. Que Mp sensacional que foi essa. Confesso que não me lembrava desse evento. Se tivessemos só um tiquinho do que ocorreu em 1999 estaria bom por demais da conta. Imagina nas serras de SC e MG o quanto chegou.
  2. CloudCb, Oficialmente o mês de Abril mais chuvoso em Cafelândia foi em 1992, com 188,4mm, média de 68,63mm (DAEE, 1938-2019). Nesta mesma data no distrito Bacuriti (onde eu moro) foi de 165,3mm. No entanto o mais chuvoso aqui em Bacuriti foi em 1985 com 225,4mm (neste caso infelizmente os dados são de 1970-1999). Em Pongaí (município vizinho de Cafelândia) em 1990 acumulou atingiu 215,5mm. O que podemos observar é nos meses mais chuvosos esse volume ficou próximo ou acima de 200mm. Abaixo algumas tabelas com acumulados significativos (>100mm) por estação pluviométrica para os meses de Abril. Todos esses locais pertencem ao município ou estão muito próximos da área abrangente. Climatologia Abril Cafelândia (1938-2019): 68,63mm Bacuriti (1970-1999): 80,12mm Fazenda São Pedro (1970-1999): 82,69mm Turvinho (1970-1999): 73,4mm Pongaí (1970-1999): 85,37mm Sabino (1970-1999): 77,56mm A título de curiosidade, segue o mapa de precipitação do CPTEC/INPE em 1985 (mês de abril mais chuvoso no distrito): Na estação IPmet Bauru (2001-2019) os acumulados acima de 100mm foram (já que citei essa estação no post anterior): Não chequei os dados do INMet, nem do CIIAGRO e do CEMADEN. Seria bacana pegar as médias da Tmáx e Tmín para ver frequência de baixas frias e FF. Em junho de 2012 tivemos volume de 211,20mm, mês que é ainda mais seco comparado com abril (média de 39,11mm (1938-2019)). Nada verdade aqui em Abril geralmente não acontece muita coisa de interessante. Os eventos mais marcantes são quando uma Mp continental adentra de forma mais prematura e forma aquelas FF de encher os olhos formando Shelf Clouds e bastante frio posterior. De resto é monotonia e amplitudes térmicas mais elevadas em relação à março.
  3. Boa tarde! A tarde segue ensolarada com algumas poucas nuvens no céu. Hoje a temperatura se elevou mais que ontem, atingindo 31ºC. Ontem amanheceu frio aqui, com 16,8ºC às 06:00. A perspectiva segundo o CPTEC é de chuva a partir de amanha até domingo, na segunda as chances já diminuem novamente. Pelo modelo europeu a previsão é parecida, mas indicando maiores volumes no domingo, podendo ultrapassar os 25mm em 24 horas. Até o dia de hoje em Bauru (IPMet) o acumulado é de 9,7mm, correndo o risco de ser o mais seco desde 2001, quando entrou em operação a estação. Quem sabe um alento nesse FDS. Bacuriti-SP às 15:30.
  4. Nani, caramba que preciosidade!! Como que faço para consultar esses dados? Valeu!
  5. Lucas Centurion

    Prof. Molion - Métodos de Previsão por Similaridade

    Sim, sem sombra de dúvidas. Vira um fla-flu que não é contributivo para nenhuma das partes, e o bom e velho método científico fica de escanteio. O que eu achei particularmente sério nessa discussão (considerando que eu gosto muito de árvores/natureza kkkk) é que ele falou de uma forma que deu a entender que se tirasse a Amazônia de lá não teria impacto nenhum para o regime de chuvas já que ela está lá justamente pelo clima, abordando esse tema de uma forma muito displicente (para um cientista). Veja, digo isso pq de fato não sabemos o impacto e o mesmo desconsiderou toda a fauna e flora presente na região, o desequilíbrio ambiental e etc.. Achei irresponsável um cientista falar isso em rede nacional. Isso poderia levar a um entendimento torto do papel da amazônia, endossando o desmatamento e outras atividades danosas para esse ecossistema. Inclusive muitos compartilharam vídeos dele falando isso de forma descontextualizada, depreciando inclusive o próprio Ricardo (já que o ecossistema nem era o objeto da discussão) Foi mais nesse sentido que peguei mal com essa fala.
  6. Lucas Centurion

    Prof. Molion - Métodos de Previsão por Similaridade

    E quando que teremos um ano análogo a 2009 ou 2012? Anos em que a estação de inverno foi "chuvosa" aqui no interior de SP, a diferença é que 2009 as temperaturas médias mínimas ficaram um pouco acima da média, já em 2012 eram dias frios seguidos de bons volumes de chuva. Que saudades! Dados da DAEE em Cafelândia-SP. Sobre o Molion eu assisti uma palestra dele uma vez na UFLA em 2013 se não estou enganado, foi uma palestra excelente. A questão é esse negacionismo que fica difícil de engolir, uma vez todas as estações pelo mundo que eu já consultei (inclusive as marítimas) na média apontam tendência de aquecimento. O Ricardo Felício é outro que segue essa linha, talvez o que seja válido é se o fator antropogênico é determinante ou um co-autor desse aquecimento global. Depois que ele afirmou sem nenhum estudo científico que a Amazônia está lá porque chove e não o inverso eu parei de dar credibilidade para ele (em uma entrevista no Jô). Como um cientista pode afirmar isso sem uma pesquisa ou artigo publicado numa revista de impacto? Fica difícil. Sobre esse panorama montado pela NOAA @Eclipse, eu ainda não vi a respeito. Publicaram aqui no BAZ? Fiquei uns dias sem frequentar o grupo. Valeu!
  7. Então, regiões de MG em especial a RMBH se redimiu até 2030, esse último com acumulado superior a 1600mm de acordo com uma postagem que fizeram aqui. Talvez nem haja precedente para tal, ultrapassou a média anual em 82 dias do ano. Evento hidrológico com um tempo de retorno próximo de 100 anos ou mais, principalmente se quantificarmos as vazões dos principais corpos d'água da região.
  8. Nossa cara que fera isso!!! Valeu por postar aqui!!
  9. Boa tarde grupo! Nesses últimos dias o tempo tem sido o mais do mesmo, dias ensolarados e poucos cúmulos no céu. A diferença é que hoje amanheceu bem friozinho por aqui, atingindo 17,1ºC. Agora já fazem 28ºC, o clima tem sido bem típico de um período outonal, com máximas mais comportadas e mínimas amenas. Claro que ainda estamos em março e ainda falta muito para o mínimo de horas de sol. Estamos caminhando para um março histórico em termos de seca em SP Mas gostaria compartilhar com vocês a situação das chuvas por todo o estado de SP, mais precisamente a maioria das automáticas INMet, envolvendo desde o litoral, Vale do Paraíba até o extremo noroeste do estado. Os gráficos falam por si só, talvez esse Março esteja sendo um dos mais secos da história. Tem locais que não ultrapassam os 10mm, no IPMet Bauru o acumulado até hoje é de 9,7mm (o mais seco desde 2002, quando acumulou 24,4mm (2001-2019)). Em Cafelândia (DAEE 1937-2020), o menor volume registrado em Março foi em 1961 com 32mm, mesmo em 2002 que foi bem seco o acumulado foi de 81,5mm. Vou dar uma checada mais acurada nos históricos, mas esse certamente está entre os 5 marços mais secos da história, e afirmo isso sem medo. Tudo bem que por volta do dia 29 há previsão para o retorno das chuvas, e isso pode trazer um certo alívio, mas os volumes diários não ultrapassam os 10mm pela Climatempo. Essa área em amarelo no centro-norte do estado parece uma falha na estimativa da previsão. Veja por exemplo no dia 23 mostra uma área bem isolada com chuva atingindo 50mm, sendo que pelos radares não houve nada significativo nesse sentido. E fazendo uma rápida pesquisa observamos a mesma área de chuva (idêntica) em vários outros dias.👇👇 DIAS 03 E 04 DIAS 06 E 07 Conclusão: os valores de precipitação do CPTEC está muito superestimado, uma falha dessas é algo que não deveria ocorrer e pelo visto nenhum meteorologista percebeu esse erro do computador (GIS). Bom, mas voltando ao tema da escassez das chuvas pelo estado, seguem os gráficos abaixo:
  10. Surreal como tem chovido tento na RMBH. Será que esse volume todo tem precedente histórico?
  11. Boa tarde BAZianos, No dia em que a Terra parou o tempo segue com com sol e alguns cúmulos, às 06:10 marcava 18,1ºC. Agora faz 29ºC na marca. Chuva pra cá os modelos convergem para a patir do dia 28.
  12. Gostaria de saber se tem força pra chegar aqui. Em Catanduva pelo radar tá caindo o mundo, mas acho que não chega aqui não. O deslocamento das nuvens de chuva aqui é ESE.
  13. Boa tarde, Hoje amanheceu bem nublado com 20ºC, no decorrer da manha o o tempo foi abrindo. Agora está ensolarado com poucas nuvens, faz 28,8ºC. Algumas instabilidades se desenvolvem pelo interior do estado. Ontem voltou chover a noite, acumulando 5,1mm. O total acumulado das duas chuvas ontem foi de 31,1mm.
  14. Ia postar isso agora kkk. Aqui tbm tá trovejando. Vem mais chuva por aí! São células bem parrudas!
  15. Médias das Tmáx e Tmín entre os dias 01 de 19 de Março de 2020 pelo Interior de São Paulo O mês até que começou bem, mas depois desandou legal do dia 10 em diante. Curioso é a Tméd mínima de Barretos ser igual a de São Carlos (17,9ºC). A menor TºC registrada foi de 14,6ºC em São Carlos (07), e a maior absoluta de 36,3ºC em Borborema (16). Mesmo com todo o calorão, todas as mínimas estão abaixo ou dentro da média. É claro que isso puxado pelo primeiro decêndio, se fosse contar apenas o segundo decêndio os valores seriam bem mais elevados. Acredito que em termos de mínimas o mês deve terminar na média. Já as máximas não devem ter mais salvação, apesar da MP marítima que está para chegar segurando um pouco essas temperaturas.
×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.