Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Leandro Leite

Members
  • Content count

    277
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

484 Excellent

About Leandro Leite

  • Birthday 11/28/1987

Location

  • Location
    Cuiabá e Primavera do Leste/Mato Grosso

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Veja que a temperatura média global estava mais baixa entre 2007 e 2013, exceto durante o El Niño de 2009, que no período anterior, e de 2014 pra cá não voltou aos níveis do período 2007-2013, a diferença é que nos 7 anos anteriores a 2014 o Pacífico estava predominantemente frio, com mais La Niñas, de 2014 pra cá o Pacífico tem estado predominantemente quente com um Super El Niño, e depois mais um El Niño, porém que foi mais fraco.
  2. Boa noite, eu estou mais feliz com o INMET porque agora disponibilizou dados das automáticas de longa data, com os décimos e as temperaturas institucionais, mínimas e máximas, basta acessar a rede de estações, lá você encontra no mapa as automáticas e convencionais em cores diferentes, além disso o BDMEP lançou mais dados, os dos anos 90 aqui no Mato Grosso estão com o de todos os anos em Cuiabá, Poxoréo, Rondonópolis, embora que não todos os meses, antes tinham poucos dados dos anos 90 disponíveis na região, estou esperando lançarem os dados de São Vicente, na serra com o mesmo nome, quero ver o show que lá deu em fortes ondas de frio.
  3. Algumas ondas de frio importantes em anos de El Niño nos anos 2000 foram a do começo de setembro de 2002 com neve nas Serras Gaúcha e Catarinense, e depois teve temperaturas favoráveis a geadas até em Jataí/Goiás, e a de julho de 2009, cujo maior destaque foi Campo Grande, pois 0 C em Porto Alegre já deu outras vezes, bom, na capital sul-mato-grossense deu 4,3 C com chuva no fim da tarde de 24/07 na automática do INMET, cirando condições próximas à neve em pleno cerrado, Cuiabá no mesmo horário fazia 11 C no aeroporto. ⛄
  4. Notem que o Pacífico Central 3.4 (O CPTEC errou e trocou colocando Nino 4 e vice-versa) está predominantemente quente há praticamente 6 anos, notem a diferença com relação aos 7 anos anteriores, o porque do retorno dos ''invernos de antigamente''naquele período, e veja que essa tendência foi quebrada em 2014, 2020 tá parecendo que vair mudar novamente de modo.
  5. Nenhuma máxima sub-20 à tarde, apesar de ter ocorrido geada!
  6. Como o tópico de 2018 está impedido de receber novos comentários, vou colocar alguns dados aqui referentes a Primavera do Leste, 2018 até agora é o único ano 100 %, ou quase 100 %, monitorado pelo INMET, 2019 só tem 50 %, pois ficou inoperante de fins de maio até fins de novembro: mínima absoluta (dia)/máxima absoluta(dia) Janeiro:18,7 C(15)/33,5 C(20) Fevereiro:18,2 C(6)/32,2 C(16) Março:19,1 C(25)/33,4 C(4 e 6) Abril:16,6 C(13)/31,9 C(29) Maio:8,4 C(21)/31,6 (15) Junho:11,3 C(16)/31,9 C(11) Julho:8,7 C(11)/34,3 C(30) Agosto:10,7 C(21)/35,9 C(24) Setembro:8,3 C(4)/37,6 C(12) Outubro:19,6 C(1)/35,1 C(11) Novembro:19,9 C(4)/32,9 C(12) Dezembro:18,4 C(21)/34,1 C(20) ANO 2018: 8,3 C(04/09)/37,6 C(12/09) Curiosidades: mínima e máxima absoluta em setembro, com um intervalo de apenas 8 dias! A menor máxima foi de 21 C em 10/07, nesse dia teve também a menor média diária, 13,3 C, com mínima de 10,2 C, no dia anterior, 09/07, a máxima foi de 25, 1 C, porém esse valor se deu na noite anterior, do dia 08/07, sob pré frontal, nesse dia 09/07, antes do sol se por já fazia 13,6 C! Já a média diária mais alta se deu no dia 13 de setembro, 30 C em números arredondados, nesse dia a mínima foi de 21,5 C e a máxima de 36,7 C! A maior mínima foi 23,4 C em 12 de setembro, no mesmo dia da máxima!
  7. Bom dia pessoal, eu gostaria de saber onde arranjar essas tabelas de dados meteorológicos do Brasil e do mundo de várias estações, sejam elas públicas ou particulares, do qual eu vejo sendo publicadas aqui, em qual site eu acho?
  8. Em julho de 2012 minha irmã contou que o pastor da nossa igreja contou que teve geada em algumas fazendas de Primavera, bom, meu pai na época duvidou que tivesse, mas como muitos proprietários são sulistas eles sabem bem o que é isso, na verdade os caseiros devem saber, lembrando que naquele evento chegou a 4 C em Poxoréo, agora bom foi um ano depois com temperaturas de um dígito com neblina e garoa em Cuiabá e Primavera na ocasião da neve em SC e PR, 2013 tinha neutralidade negativa e 2012 teve um princípio de El Niño. Ano passado pode ter tido geada isolada na zona rural de Primavera em julho, uma vez que a PWS da beira do Rio Sapé registrou 4 C, houve registro de geada perto de Cuiabá em chácara em Santo Antonio do Leverger.
  9. A anomalia é de até - 30 F (- 15 C), bom, Cuiabá é um dos locais do Brasil e até do Mundo, em que conseguem ter anomalias negativas mais fortes, exemplo se dá em julho, cuja anomalia beira os - 20 C (-40 F) quando chega a 12 C de tarde, uma vez que a média máxima de julho é 31 C, em agosto de 1984 a anomalia cuiabana chegou a - 24 C (-48 F) de tarde, com 10 C no horário, uma vez que a média máxima do dia 25 é 34 C, anomalias de - 20 C (- 40 F) ocorrem também em setembro durante a tarde, esse tipo de anomalia é comum nos EUA, mas na Europa parece que não é, em Curitiba uma anomalia negativa de máxima dessas no inverno provocaria uma máxima negativa de tarde, já que a média máxima de julho é 19 C.
  10. Continuando: Em 2018 foi transição de La Niña pra El Niño fraco, porém esse só se manifestou em outubro, não estragando o inverno daqui, em Cuiabá e Primavera começou a esfriar em maio e também em junho, mas os frios mais notáveis foram de julho a setembro, em julho, a automática do INMET em Primavera, instalada em outubro de 2017, registrou sub-15 ainda às 4 da tarde, na mesma tarde Cuiabá tinha 15 C, no dia seguinte baixou pra 10 C em Primavera do Leste com tempo nublado e Cuiabá baixou de 13 C na automática, em agosto o destaque foi Cuiabá registrar 11 C com chuvisco no aeroporto em Várzea Grande, RM, já no começo de setembro o frio chegou em Cuiabá invadindo Primavera durante a tarde, no dia seguinte no começo da manhã teve uma leve sub-10 em Primavera com tempo nublado e 11 C em Cuiabá, após esse frio teve ondas de calor, mas não foram muito duradouras, logo choveu. Pra encerrar em 2019 passei decepção com a automática de Primavera ficando inoperante por 6 meses, em Primavera teve máxima de 20 C com sol no meu termômetro de plástico, 21,5 C-22 C no de madeira,no primeiro sábado de julho, antes das 10 da noite 11 C no meu de plástico, com o tracinho de álcool deslocado alguns décimos a mais, nesse mesmo horário as três PWSs do entorno de Primavera já tinham menos de 13 C, o destaque foi a mínima de 4 C em fazenda à beira do Rio Sapé dentro do município primaverense na segunda, com máxima de 29 C, Cuiabá foi pouco privilegiada por essa onda de frio, com sub-15 somente de madrugada e no começo da manhã, apesar de registrar uma mínima de 10 C-11 C, o que garantiu a Cuiabá um frio aproveitável foi o evento perto do fim de julho, que pouco atingiu o Sul, com 17 C à tarde e 13 C no aeroporto às 9 da noite, já no começo de agosto fez um frio expressivo com 12 C em Cuiabá e 10 C nas PWSs do entorno de Primavera com tempo parcialmente nublado e vento no começo da manhã, depois disso não esfriou mais,as frentes frias no país seguiam até o sul da Bahia, mas não esfriavam sequer todo o Paraná, então em setembro uma onda de calor fez Cuiabá bater recorde histórico passando dos 42 C, mas dias depois voltou a chover, e até que outubro não foi muito quente, novembro choveu pouco, dezembro foi melhor de chuva, 2019 passou de El Niño fraco pra neutralidade positiva, agora em 2020 espero um retorno da La Niña pra que tenhamos tardes sub-15 em mínimas de um dígito com tempo nublado em Cuiabá e Primavera do Leste.
  11. @Eclipse No seu aniversário de vez em quando faz bastante frio🎂❄️
  12. Essa questão do inverno ser forte ou fraco varia conforme a região e seus padrões, para os padrões de Cuiabá e Primavera do Leste, 2014 com os primeiros sinais do El Niño teve um frio moderado, o melhor deles foi no fim de julho com 13 C no aeroporto de Cuiabá no fim da tarde após uma máxima de 24 C de manhã seguida de chuva, a famosa temperatura invertida também aconteceu em Primavera com o frio chegando junto com chuva ao longo da tarde baixando pra 14 C antes de escurecer e 12 C à noite e até choveu com frio, o que é raro, mas após esse frio começou um período de calor constante de agosto até outubro culminando naquela onda de calor histórica no Sudeste e Centro-Oeste, com marcas de mais de 40 C na sombra em Cuiabá e perto disso em Primavera, 2015 com o Super El Niño foi um ano praticamente sem frio, em Cuiabá não baixou de 15 C, a menor máxima foi 19 C, e em Primavera meus pais não registraram menos de 14 C no Corola, isso por volta das 7 h da manhã, como 2014 o calor de 2015 foi inclemente em setembro e outubro, embora que em outubro uma incomum frente fria me fez registrar 17 C durante a noite no meu termômetro em Primavera,em 2016 o frio voltou, os destaques foram as ondas de frio do final de abril e do começo de setembro, essa com sub-15 em Cuiabá e por dedução em Primavera no período da tarde, o evento de setembro foi fraco no Sul e Sudeste, que tiveram muito frio em junho e naquela ocasião esfriou pouco no Mato Grosso, 2016 passou pra uma fraca La Niña, em 2017 caminhando pra uma La Niña até moderada, o maior destaque foi a onda de frio continental de meados de julho, teve registro de 13 C durante a tarde em Cuiabá e no outro dia registrou 9 C com tempo nublado, no termômetro do mesmo Corola em Primavera minha mãe registrou 7 C, também por volta das 7 h da manhã, com bastante neblina, metade da temperatura registrada 2 anos antes, isso mostra o tanto que o Pacífico influencia a região, mas depois 2017 foi quente de agosto a outubro e em novembro e dezembro as chuvas foram mais constantes, e essas juntamente com o frio de julho reproduziram o que seria o passado de Primavera.
  13. Um julho como o previsto seria pra bater queixo em Cuiabá!
  14. Mas esse é o Niño 4, lá pra perto da Austrália e Indonésia, não o Niño 3.4, aliás esse setor 4 do Pacífico está há mais de um ano com anomalias chegando a + 1 C, patamar de El Niño moderado, porém estamos oficialmente sem El Niño, pois quem manda é o 3.4 que tá com anomalias levemente positivas, que hora ou outra atinge patamar de El Niño fraco.
  15. Talvez isso explique os bloqueios de ar frio no Hemisfério Norte, até mesmo na Rússia, a oscilação ártica garante entrada de ar polar na América do Norte, Ásia e Europa, eu lembro há exatos 10 anos que sob um El Niño moderado a forte, o inverno foi rigoroso no Hemisfério Norte por causa da AO negativa segundo a Metsul, e meses antes, no inverno brasileiro de 2009, mesmo sob o El Niño em estado inicial, teve uma forte onda de frio no Sul do Brasil em julho, zerando a temperatura no INMET em Porto Alegre, com até - 4 C em Foz do Iguaçu, porém São Paulo e Curitiba não tiveram mínimas baixas, o destaque se deu no Centro-Oeste, com frio surreal de 5 C-6 C à tarde em Campo Grande e 11 C-12 C à tarde em Cuiabá, enquanto Goiânia, Brasília e Belo Horizonte permaneceram sob bloqueio atmosférico, na época eu li na Metsul que essa poderosa onda de frio estava relacionada à oscilação antártica (AAO) negativa.
×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.