Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

marcio valverde

Members
  • Content count

    106
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

622 Excellent

About marcio valverde

  • Birthday 07/08/1980

Location

  • Location
    Mirandópolis-SP / Andradina-SP

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Para ficar perfeito só faltou eu ter dinheiro para comprar um pequeno sítio à margem do lago e nele construir uma casa. Muito interessante ver como a luz vai mudando e a paisagem tb. Parabéns.
  2. marcio valverde

    Ciclone Bomba - 30/06/2020

    Eu já passei por um aperto parecido mas estava de carro. Ia de uma cidade para outra, coisa de 20km, e a tempestade me pegou no meio do caminho. De repente galhos e árvores começaram a voar sobre a rodovia. Quando cheguei no meu destino a destruição era grande e me dei conta do risco que corri. A diferença é que foi uma tempestade de verão.
  3. marcio valverde

    Ciclone Bomba - 30/06/2020

    Uma pena os prejuízos e perdas causados. Em situações assim sempre fico com a impressão de que os sistemas de monitoramento e aviso deveriam ser aprimorados. Claro que os prejuízos materiais são até certo ponto inevitáveis mas talvez se pudessem evitar ao menos as mortes e feridos. O evento já estava razoavelmente bem desenhado no dia anterior e havia uma previsibilidade do avanço de modo que as pessoas poderiam ter sido alertadas com mais assertividade. Tudo isso mesmo tendo em consideração que o talvez o Estado de Santa Catarina - até por sua peculiar suscetibilidade a esses eventos - seja a unidade da federação com a Defesa Civil mais bem organizada do país. Por aqui o dia de ontem foi bem ventoso mas nada que tenha causo estragos e a chuva - 3mm apenas - só chegou no finalzinho da madrugada mas com pouco vento e sem raios. Agora dia bem fechado com temperatura na casa dos 14°C e algum vento.
  4. marcio valverde

    Ciclone Bomba - 30/06/2020

    Sim, pq há o ciclone; o tornado, o furacão, o tufão, a micro-explosão e agora tem tb o ciclone-bomba! Tenho medo da próxima novidade. Como clickbait certamente funciona. É bombástico.
  5. marcio valverde

    Ciclone Bomba - 30/06/2020

    Em minutos a blitzkrieg atinge a capital dos catarinenses e a região mais populosa dos estado.
  6. marcio valverde

    Ciclone Bomba - 30/06/2020

    Ataque coordenado!
  7. Agora entendi. Achei que era a previsão de média para o próximo mês.
  8. Enorme a diferença de altitude entre o bairro ao centro da imagem e o que está no canto direito da imagem. Um acima das nuvens e o outro abaixo.
  9. Prognóstico desanimador para São Paulo como um todo. No podcast que o pessoal do Climatempo postou tentando traçar um panorama geral para o inverno consta que a provável onda mais fria a atingir o sudeste seria na primeira quinzena de julho e que ela seria menos significativa que aquela que tivemos em maio. Se for assim, resta aguardar 2021. Já para o sul o quadro é bem diferente e parece que os pulsos mais fortes seriam em agosto. Eles falaram em possibilidade de geada negra e, claro, geada branca generalizada. Por aqui segue a secura de sempre e mínima de 12,2°C. Todos os modelos apontam chuva para sábado (o que eu duvido um pouco) e nada de significativo até meados de julho.
  10. Duas coisas me chamaram a atenção aqui. A fonte está em inglês e não consigo interpretar bem a linguagem técnica. Os dados são coletados por satélite? Em caso positivo qual a confiabilidade disso? Dá para tabular juntos os dados de 1979 e os de 2019, por exemplo, se se considerar que a precisão desses aparelhos deve ter evoluído ao longo do tempo? Por fim, já que são dados de satélite, cuja disponibilização não deve demorar tanto assim, qual a razão para que a série se encerre em 2010 se já estamos em 2019? São só as dúvidas de um leigo diante de um gráfico bonitinho.
  11. Deve ser algum bug pq no mapa do Brasil eles sinalizam alguns rios e lagos sem observar nenhuma ordem aparente.
  12. Fiquei assustado com os numeros e fui ver onde fica a cidade. Insignificante kkk. Daí achei Rio Gallegos que me interessou bem mais. Parece ser a cidade mais bem estruturada da Patagonia. Mas a previsão para lá discrepa bastante dessa de Gobernador Gregores. É frio demais para mim. Eu preferiria sem dúvida o clima de Montevideo muito mais ameno que o nosso colega Pablo sempre retrata tão bem mas acho que seria perfeito para o Matheus Vinícius. Quando for maior de idade não custa mandar uns currículos.
  13. Pela manhã temperatura rondando os 14°C mas nas baixadas a sensação de frio é bem maior. De bicicleta o ar fazia doer o nariz e as pontas das orelhas. O ar está muito seco e as fotos abaixo mostram bem isso com a névoa seca acumulada nos baixios. Numa das fotos vocês vão ver uma araucária. Ela já está grandinha mas bem judiada. Sinceramente não sei como ela sobrevive aqui.
  14. Por um momento parece que o polo sul vai estar situado em algum lugar entre Campo Grande e Presidente Prudente kkkk.
  15. De fato, olhando as previsões não se vê nada de notável até o final do mês. O que não precisa de previsão aqui para a região é a ausência de chuvas nesse período do ano e os efeitos já se fazem sentir. Os córregos e açudes ainda mantém bom nível mas já estamos há quase sessenta dia da última chuva significativa que foi de 62mm em 13/04 (4mm em 13/05), sendo que março registrou um total de apenas 95mm, abril de 84mm e maio de ínfimos 4mm. A foto abaixo é de ontem de uma estrada aqui perto, retrato fiel de todas as demais, já com muita areia acumulada em toda parte. Ao fundo podem ver que a vegetação semidecidual ainda segue bem verde para essa época do ano. No final de julho ela vai estar pelada. Já estou com saudade do frio e, talvez por isso, o youtube me sugeriu um vídeo que dá frio só de olhar kkk
×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.