Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Tstorm

Advisors
  • Content count

    615
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    10

Tstorm last won the day on October 23 2019

Tstorm had the most liked content!

Community Reputation

3127 Excellent

4 Followers

About Tstorm

  • Birthday 12/24/2000

Location

  • Location
    Queimada Nova - PI

Recent Profile Visitors

1434 profile views
  1. Mais um lindo fim de tarde neste novembro, ou seria "gelembro". Hoje, por exemplo, tive máxima de apenas 29,8°C no meu termômetro, sem chuva, é bom ressaltar. Novembro está tão frio que a máxima absoluta do mês em Paulistana - PI está sendo de 36,5°C, ano passado a média mensal foi de 36,7°C por lá. Em Petrolina está parecido: a maior máxima do mês está em 35,9°C, em 2019 a média de novembro foi 36,0°C. Anteriormente eu havia falado que este está sendo o novembro mais frio em 20 anos. Mas como esfriou mais daquele dia pra cá, é provável na verdade que este esteja sendo o novembro mais frio em 30, 40 ou até mesmo 50 anos!!!! Quando finalizar o mês vou postar nos resumos climatológicos os dados definitivos.
  2. Semana de tempo seco e agradável em Queimada Nova, e também monótoma (mas isso não é nenhuma novidade pra cá). De modo geral os dias tem sido de muitas nuvens no início da manhã, com diminuição durante o dia. A tarde restam poucas nuvens no céu, já as noites são de céu totalmente limpo. As temperaturas têm variado entre 22º e 31ºC com muito vento pela manhã (rajadas de até 49 km/h) deixando a sensação um pouco menor. Hoje não têm sido diferente, só há mais nuvens altas no céu. Este novembro deve terminar como o mais frio dos últimos 20 anos, considerando a estação de Petrolina que está com médias de 22,5ºC (-1,0) e 32,4ºC (-2,4), em pleno mês mais quente do ano. Em relação as chuvas, novembro deve finalizar com 196 mm em Queimada Nova. Vai ser meu novembro mais chuvoso registrado e o 5º mês com mais chuva no ranking geral (desde 2013). Pra finalizar o post, deixo fotos do belo fim de tarde de ontem, que seguiu exatamente o padrão citado no início do post:
  3. Tstorm

    Astronomia e astrofotografia

    Pluma de exaustão do foguete chinês Long March-5 que levou a missão Chang'e-5 com destino a lua visto aqui de Queimada Nova no início da noite de ontem: 18:31 Animação de GIF de fotos tiradas entre 18:30 e 18:37 mostra um deslocamento aparentemente elíptico. 18:57 - Última foto que tirei já bem próximo da lua (visualmente). A pluma é uma manchinha no lado inferior direito da imagem (a mais a direita), o resto é erro da imagem. De início até me assustei pensando que fossem um OVNI ou coisa do tipo kkkk, já que não aparecia nos aplicativos de constelações. Mas me tranquilizei um pouco quando vi que estava sendo visto em muitos outros locais do NE. Foi com certeza um dos assuntos mais comentados na noite de ontem por aqui.
  4. Tivemos um belo temporal ao leste no fim da tarde de hoje em Queimada Nova 16:27 16:39 16:48 Infelizmente perdeu muita força antes de chegar. Só foram 4 mm aqui na roça. Na cidade foi um pouco mais: 10 mm. Agora estamos com 194 mm em novembro.
  5. Hoje não tivemos chuva em Queimada Nova. Mas ao entardecer tivemos belos topos de cbs em todo o meu setor leste. As cbs das fotos estavam provocando um forte temporal em Paulistana - PI. No INMET o acumulado foi de 65,4 mm em apenas 2 horas de chuva. Agora o acumulado em novembro na estação está em 134,2 mm mesmo só funcionando de dia. Média mensal é de 53,6 mm. Vamos ver se amanhã a chuva volta à Queimada Nova.
  6. Em relação a Nazaré do Pico, distrito de Floresta, os 160,3 mm das últimas 24h (continuou chovendo depois do teu post), representam 27% da média anual que é de 587,8 mm (1962-1991). Já em relação a novembro esse valor é 755% acima da média do mês que é de 18,7 mm. O novembro mais chuvoso daquele período teve apenas 59,7 mm que foi em 1967. O distrito de Nazaré do Pico fica ao sul do Serra Talhada. Novembro realmente histórico em muitas partes do Nordeste!
  7. Ontem foi agitado mesmo! Tivemos um dia bem chuvoso em Queimada Nova. A primeira chuva do dia ocorreu às 9h30m com 8 mm, mas foi bem restrita a cidade e a áreas próximas. Mas as coisas só foram ficar interessantes mesmo a tarde, quando algumas cbs começaram a se formar e passar ao leste e sul daqui, como a da foto abaixo: 14:12 Mas a chuva só veio mesmo com a chegada de um grande núcleo (e um dos mais belos que já vi) de leste/nordeste: 15:36 15:37 Radar 15:30. A chuva chegou às 15h50m e permaneceu chovendo sem parar, já mais fraco, até por volta das 23h00. Foram 66 mm, totalizando 74 mm ontem. A chuva foi tão generalizada dentro do município que tanto na cidade quanto aqui no interior (9 km a leste) o acumulado foi exatamente o mesmo. Com a chuva forte, ainda mais no extremo leste do município, a rodovia que corta o município se rompeu novamente, dificultando o acesso a cidade e a municípios vizinhos. Já é a terceira vez que isso acontece no mesmo local em 5 anos. As outras vezes foram em janeiro de 2016 e abril deste ano. VID-20201119-WA0046.mp4 Vídeo divulgado nas redes sociais. Agora estamos com 184 mm em novembro, sendo que a média é de apenas uns 64 mm o que dá uma anomalia positiva de 288%. Novembro está sendo tão chuvoso que superou a média até de março que é o mês mais chuvoso do ano com cerca de 139 mm. O acumulado em 2020 agora está em 1123 mm, sendo que nossa média anual é de uns 612 mm. É com certeza uns dos anos mais chuvosos da história daqui!
  8. Cb passando ao norte de Queimada Nova nesta tarde de quarta e depois se dissipando (última foto). 14:13 14:14 14:44 Na madrugada também tivemos algumas chuvas na região. Lá na roça ainda consegui 2 mm. Aqui na cidade não choveu. Para amanhã os volumes previstos são bem maiores.
  9. Depois de 14 dias sem chuva, a partir da noite de hoje a noite voltam as condições de chuva em Queimada Nova. Até quinta ainda deve ser fraca. Já entre sexta e domingo pode ser forte. GFS 12z ECMWF 12z - entre 30 e 40 mm pra cá. Em dias anteriores ambos os modelos chegaram a indicar até 120 mm nesta semana aqui, mas têm diminuído bastante os volumes previstos nas últimas rodadas. Mesmo assim o volume previsto pelo GFS (65 mm) ainda é muito bom, já que a média do mês é por volta de 60 mm. Atualmente estamos com 110 mm.
  10. Acumulados deste mês de novembro nos pluviômetros da minha área (considerei um raio de 150 km em torno de Queimada Nova): Só Santa Filomena e Araripina, ao nordeste daqui, estão com chuva abaixo da média em novembro. O restante já superou bastante a média, com destaque para Rajada, distrito de Petrolina, que já choveu 3,5 vezes mais do que a média para o mês. Aqui em Queimada Nova estamos em 110,0 mm. A chuva em quase todos esse locais só caiu até o dia 5, de la pra cá não tem chovido por aqui. Mas a partir do dia 17 os modelos estão indicando a chegada de um novo canal de umidade que deve provocar chuvas fortes novamente na região.
  11. Não é só no Brasil que quando chove no centro-sul não chove no Nordeste e vice-vesa. Aqui na região Nordeste também é comum observar esse tipo de padrão. Hoje, por exemplo, têm sido um dia bem seco no centro e sul da região, já no norte tem sido de chuvas isoladas e até forte em alguns pontos, como já citado por outros usuários.  18:00 UTC A primeira foto é de ontem, das partes altas do município (o ponto onde tirei a foto fica a 643 m) mas poderia tranquilamente ser de hoje, já que tivemos as mesmas condições de poucas a nenhuma nuvem. A segunda foto é do anoitecer de hoje já com céu totalmente limpo. A semana inteira deve ser sem chuva por aqui.
  12. Já está tudo bem verdinho com as chuvas que caíram nos últimos dias por aqui. Deixo algumas fotos comparando o antes e o depois: 07/10/2020 - 18 dias antes da primeira chuva 07/11/2020 (hoje) - 13 dias após a primeira chuva 20/10/2020 - 5 dias antes da primeira chuva 07/11/2020 20/10/2020 07/11/2020 Foram cerca de 180 mm nas últimas 2 semanas que fizeram com que a vegetação ficasse assim. Algo que nem mesmo em JFM (trimestre chuvoso) ocorre todo ano. Já na cidade foram menos, 126 mm, mas como a maioria caiu nesta semana, até ontem quando estive por lá a mata ainda estava bem seca. A média de outubro e novembro juntos é de uns 84 mm
  13. Apesar de não haver previsão formou um núcleo bem isolado aqui nesse fim de tarde (bem isolado mesmo). Fraco, provocou só 1 mm aqui na roça, mas deu aquele belo cenário de chuva com sol. O pessoal por aqui chama de "casamento de raposa". Na madrugada ainda há uma pequena chance de chover. Depois teremos predomínio de tempo seco.
  14. Ainda sobre ontem... Com as fortes chuvas, o céu encoberto e os efeitos da FF tivemos um dia bem frio por aqui ontem. A automática do INMET de Paulistana - PI teve máxima diurna de apenas 23,9ºC. Foi a menor máxima diurna registrada na estação desde que foi instalada em setembro de 2007. E curiosamente ocorreu justamente no mês mais quente do ano. Essa máxima diurna foi inclusive menor que a média de mínimas do mês, que é de 24,9ºC, e 12º a menos que a média de máximas que é de 35,9ºC (2007-2019). Agora a lista das 5 menores máximas diurnas registradas pela automática de Paulistana está assim: 23,9ºC - 04/11/2020 24,0ºC - 25/02/2011 24,0ºC - 22/01/2016 24,5ºC - 21/04/2015 24,5ºC - 06/12/2018 Estou falando apenas sobre máximas diurnas por que atualmente a estação de Paulistana é daquelas que só reporta de dia, então essa é a única informação que tenho de ontem, mas é provável que a temperatura tenha sido maior no início da madrugada. Ainda sobre Paulistana, deixo um vídeo do Açude Ingazeiras que fica na cidade que já está sangrando depois das chuvas de ontem: Segundo moradores de lá é muito raro o açude sangrar em novembro. As chuvas abundantes do início do ano certamente também contribuíram para o reservatório já está com volume máximo no início do período chuvoso.
  15. Grandes núcleos se formaram entre a madrugada e manhã de hoje aqui no PI, pegando também áreas da BA e do PE. Provocando um dia histórico por aqui. Infelizmente o monitoramento pluviométrico oficial é bem precário por aqui. Atualmente só há uma estação do INMET funcionando corretamente e menos de 5 pluviômetros do Cemaden ativos no sudeste do Piauí (área mais atingida). Por isso reuni esses poucos dados oficiais com informações de anotadores amadores da região e coloquei no mapa e lista abaixo com os maiores acumulados de hoje (acima de 50 mm): 150,0 mm em Dom Inocêncio - PI* 127,0 mm em Canto do Buriti - PI* 112,0 mm em Acauã - PI* 109,9 mm em Petrolina - PE (distrito de Rajada - Cemaden) 100,0 mm em Queimada Nova - PI * 98,0 mm em São João do Piauí (INMET) 97,5 mm em Afrânio - PE (IPA) 94,8 mm em Remanso - BA (INMET) 50,0 mm em Picos - PI* *Dados: Irineu Marques; Jackson Miranda; Gilmar, Yarlen Gomes (eu) e João Victor Barbosa. Dom Inocêncio - foto de Irineu Marques. Em São João do Piauí, houve quebra do recorde da convencional para novembro, tanto que o valor estar oculto no site do INMET. Se considerarmos também dados do DNOCS, que monitorou a cidade de 1910 a 1989, foi o 3º maior acumulado registrado em novembro por lá. No PI, acima de 100 mm há também: 102 mm em União; 107,0 mm em Santa Cruz dos Milagres; e 164 mm em Parnaíba. Mas optei por não colocar no mapa por serem fora do semiárido. Eu nunca tinha visto acumulados tão altos e amplos assim em único dia por aqui, ainda mais em novembro, mês de média relativamente baixa. Mesmo colocando dados não oficiais, o mapa ainda ficou muito vago, então muitos valores altíssimos ficaram de fora. Conforme mostra a estimativa de precipitação por radar, acredito que áreas ainda maiores tiveram mais de 100 mm hoje, podendo ter passado de 200 mm em muitos pontos.
×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.