Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Renan

Advisors
  • Content count

    17560
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    44

Renan last won the day on January 18

Renan had the most liked content!

Community Reputation

2058 Excellent

6 Followers

About Renan

  • Birthday 03/15/1986

Location

  • Location
    Juiz de Fora, MG

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Foi sim, mas semana que vem pode bater de novo esse recorde. Vamos acompanhar.
  2. @Tassio Amaral, @LeoP, posso usar o levantamento de vocês para uma postagem na minha página do Facebook ? JANEIRO-2019 PATÉTICO EM MINAS GERAIS....Odiarei eternamente a pessoa que disser que está adorando esse tempo aqui, e vou fazer com que meus descendentes também sintam o mesmo
  3. Lembrar que essa média se refere à estação do INMET, topão a 950m de altitude. Maior parte da cidade está a 700m. Na minha estação que fica a 720m, a média das máximas de Janeiro costuma ficar em torno de 2ºC a mais que no INMET.
  4. Pra vocês terem uma noção do verdadeiro aborto da natureza que está sendo esse Janeiro-19 na minha cidade: - A menor temperatura máxima no INMET foi de 28,8ºC no dia primeiro. SÓ QUE A MÉDIA DAS MÁXIMAS NA NORMAL 81-2010 É DE 26,5ºC ! - Na minha estação, TODOS OS DIAS foram com máximas acima dos 30C até o momento. No INMET, são 17 dias com máximas acima dos 30C. - Existem chances reais da precipitação ficar abaixo dos 100mm. Isso também seria um recorde de JAneiro seco, pois até agora o mais seco no INMET ocorreu em 1990, com 119,3mm. A precipitação no INMET até agora é de 84mm, e como a previsão é péssima até o fim do mês, eu realmente acredito que vamos ter, simultaneamente, o Janeiro mais quente e mais seco de sempre ! Bem vindos ao Mediterrâneo !
  5. Europeu péssimo para todo o restante de Janeiro, com calor constante e apenas chuvas isoladas pela minha região. Infelizmente estou com o Europeu nessa previsão, pois é o melhor modelo disparado.
  6. Tive uma chuva abençoada também nessa madrugada, abaixando um pouco a poeira, trouxe 10,2mm. Não era prevista, especialmente pelo modelo Europeu que anda bem pessimista para as chuvas em Minas.
  7. Nossa, que inveja de ti. Aqui está 33,6C com céu aberto e nuvens altas.
  8. Minha avó e meu tio-avô sempre falavam do veranico também, hehehe. Na percepção do povo daqui, o veranico é o período sem chuvas dentro do verão. Realmente sempre aconteceu, mas nunca com a intensidade e frequência que temos visto. Esse é o ponto.
  9. Assim está o mês de Janeiro na Europa até o momento. Destaque para a Itália, a Grécia e os Bálcãs. Grandes porções do norte da África com anomalias negativas também.
  10. Essa mudança repentina com certeza tem haver com o aumento da TSM do ATlântico, é a única explicação possível. Se isso está relacionado com o AG ou não, isso não sabemos.
  11. Quero ir para Friburgo. Aqui muito sol entre nuvens e agradáveis 34,4ºC. Chegou a 35ºC.
  12. Ótima análise. Outra boa prova desse aumento do número de bloqueios no verão está nas médias de chuva da minha estação na mini-normal que eu calculei de 2013 até agora, ou seja, um período de 6 anos que pegou toda essa mudança de dinâmica. É sabido que Novembro tem sido o mês da estação chuvosa que continua sendo o mais uniforme na quantia de chuva, este mês pouco sofreu alterações. E adivinha qual é o mês mais chuvoso da minha mini-normal ? É Novembro ! Com média de 282mm. Enquanto isso, a média de Janeiro aparece com 229mm e Fevereiro com apenas 122mm...relativamente próximo das médias climatológicas do leste do estado conforme os mapas que você mostrou. De 2013 para cá, o bloqueio atmosférico avançou Minas adentro, e isso é um fato.
  13. Gostaria sim de mais informações sobre como está sendo o verão em Buenos Aires e na Argentina como um todo, pois realmente estou achando que os amantes de calor estão sofrendo por aí, rsrs.
  14. O SIMPLES FATO DE HAVER UM VCAN NO CENTRO-NORTE DE MINAS QUE ESTÁ FAZENDO AS NUVENS SE DESLOCAREM NO SENTIDO LESTE-OESTE JÁ MOSTRA A ESCROTICE DESSE PADRÃO DO VERÃO. O normal seria o típico deslocamento oeste-leste ou noroeste-sudeste, formando as grandes áreas de instabilidade.
×