Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Rodolfo Alves

Moderators
  • Content count

    5669
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    34

Everything posted by Rodolfo Alves

  1. TÓPICO PARA MONITORAMENTO E PREVISÃO DE TELECONEXÕES/VARIÁVEIS CLIMÁTICAS (ENSO-AAO-PDO-MJO), ETC. Antigo Tópico: viewtopic.php?f=133&t=15325
  2. Um pequeno núcleo de convecção explodiu na costa da Bahia nesse domingo de manhã. Esse núcleo não aparenta sinais para qualquer tipo de desenvolvimento. Porém chama a atenção como o Oceano Atlântico está quente na costa Brasileira a medida que estamos na Primavera e se aproximando do verão.
  3. NOVO TÓPICO PARA MONITORAÇÃO DE CICLONES SUBTROPICAIS/TROPICAIS NO ATLÂNTICO SUL Tópico Antigo Fechado (para consultas) ---> Histórico dos Principais Ciclones Subtropicais/Tropicais no Brasil (Sempre Atualizado) ---> ================================================================================== 5 INFORMAÇÕES ÚTEIS PARA A MONITORAÇÃO: 1) Há um Temporada de ocorrência definida? Não Existe. Porém os principais sistemas conhecidos pós-2004 [highlight=yellow]se formaram entre Janeiro e Março, sendo este o período mais favorável para ocorrência.[/highlight] Há ocorrências isoladas entre Novembro e Dezembro, porém estes sistemas não entram para a lista, por não terem assumido forma simétrica. 2) Quem é o órgão Responsável por Monitorar e Emitir Aviso? Embora não haja um Centro designado pela OMM para monitorar Sistemas Tropicais no Atlântico Sul. Desde 2011, ficou definido que o [highlight=yellow]Centro Hidrográfico da Marinha do Brasil (CHM), será o órgão oficial para monitorar e emitir avisos para o território brasileiro, bem como aplicar o sistema de nomeação, que da qual criou, sobre as baixas subtropicais/tropicais que se formarem no Atlântico Sul na sua área de responsabilidade.[/highlight] A nomeação e classificação aplicada pela Marinha por ser oficial, tem que ser aceita por todos os órgãos de meteorologia nacionais, e virando referência nos órgãos internacionais. Internacionalmente, sistemas que apresentarem características tropicais, devem receber classificação INVEST (com súfixo "Q" ou "SL" dependendo do órgão que emitir a classificação), mas estes órgãos não nomeiam ou classificam os sistemas. 3) Cobertura e Monitoramento: A área de cobertura da Marinha para monitoração de sistemas tropicais e subtropicais será a [highlight=yellow]área marítima correspondente ao território Brasileiro[/highlight] a partir de 20 graus Oeste de Longitude, conforme mapa abaixo. Qualquer sistema que venha se desenvolver fora desta área, não será monitorado ou classificado pela Marinha Brasileira, por não se tratar de sua responsabilidade, assim como sistemas formados dentro do território brasileiro não serão monitorados após sairem da área de responsabilidade. 4) Classificação dos Sistemas que poderá ser adotada pela Marinha: Em caso de distúrbios (Sistemas de baixa pressão/cavados, que apresentam potencial para desenvolvimento, com consistência mínima de 24 horas): - Distúrbio Subtropical ------------------------------------------------------------------------------------- Em caso de serem tropicais (Núcleo quente em baixa e alta troposfera): - Depressão Tropical: Quando a baixa apresenta circulação fechada e ventos inferiores a 64km/h. - Tempestade Tropical: Quando a baixa apresenta circulação fechada e ventos entre 64 e 117km/h. - Furacão: Quando a baixa apresenta circulação fechada e ventos igual ou acima de 118km/h. * A partir de furacão, o sistema passa a entrar na Escala Saffir Simpson, que vai de 1 a 5: Categoria 1: 118-153km/h, Categoria 2: 154 a 177km/h, Categoria 3: 178 a 208km/h, Categoria 4: 209 a 251km/h, Categoria 5: Acima de 251km/h PS: Sistemas no Brasil acima de 118km/h serão designados oficialmente de "Furacão", assim como no Atlântico Norte e Pacífico Leste. Em 2004 Catarina ficou adotado internacionalmente como um "Ciclone Tropical", que é a designação genérica para furacões. ----------------------------------------------------------------------------------------------- Em caso de serem subtropicais: (Núcleo quente em baixa troposfera e fria ou morno em alta troposfera): - Depressão Subtropical: Ciclone Subtropical com ventos inferiores a 64km/h. - Tempestade Subtropical: Ciclone Subtropical, com ventos igual ou acima de 64km/h. PS: Qualquer baixa com essa configuração independente da velocidade de ventos, será um "Ciclone Subtropical", somente serão subdivididas em depressão e tempestade. Não existe "Furacão Subtropical". ------------------------------------------------------------------------------------------------ 5) Lista de Nomes: A partir de 2011, a Marinha elaborou uma lista de 10 nomes em ordem alfabética e em tupi-guarani, para nomear sistemas Subtropicais e Tropicais que se formarem dentro de sua área responsável pela monitoração. Essa lista deverá ser rotatória, isto é, os nomes se repetem sempre que chega ao último da lista. [highlight=yellow]Um sistema será nomeado, sempre que ele atinge a classificação de Tempestade seja ele Subtropical ou Tropical[/highlight]. Depressões Tropicais ou Subtropicais e Distúrbios Subtropicais não serão nomeados. O Catarina, e a Tempestade Tropical Anita não foram nomeadas pela Marinha, portanto não entram na lista. Já a Tempestade Subtropical Arani que foi nomeada pela Marinha em 2011, é o primeiro nome. Mais recentemente em 2015, Bapo e Cari foram nomeadas. Assim sendo, o próximo nome da Lista será Deni. Lista elaborada pela Marinha: Arani (Subtropical - Já usado em 03/2011) Bapo (Subtropical - Já usado em 02/2015) Cari (Subtropical - Já usado em 03/2015) Deni Eçaí Guará Iba Jaguar Kamby Mani
  4. URGENTE......... MÁXIMA DE ONTEM NO MIRANTE DE SANTANA FOI ATUALIZADA PARA 36,1ºC COM ISSO TEMOS UMA NOVA ABSOLUTA 2019 EM SÃO PAULO E O RECORDE DE NOVEMBRO MASSACRADO EM QUASE 1ºC
  5. ALGUNS DADOS CURIOSOS DO MIRANTE DE SANTANA EM 2019: LISTA DE RECORDES ABSOLUTOS (DE CALOR) SOMENTE NESTE ANO: JANEIRO: MAIOR MÁXIMA MÉDIA (31,9ºC) ABRIL: MÍNIMA MAIS ALTA (22,6ºC) MAIO: MÍNIMA MAIS ALTA (20,8ºC) MAIOR MÁXIMA MÉDIA (25,7ºC) MAIOR MÍNIMA MÉDIA (17,2ºC) MAIOR MÉDIA SIMPLES (21,5ºC SETEMBRO: MAIOR TEMPERATURA MÁXIMA (35,9ºC) OUTUBRO: MAIOR MÍNIMA ABSOLUTA (14,9ºC) MAIOR MÍNIMA MÉDIA (18,1ºC) NOVEMBRO: IGUALA MAIOR TEMPERATURA MÁXIMA (35,3ºC) OUTRO DADO CURIOSO, É QUANTIDADE DE MÁXIMAS SOB 35ºC NO MIRANTE DE SANTANA: EM 2019, ATÉ HOJE, TEMOS 8 MÁXIMAS SOB 35ºC.... EM RELAÇÃO AOS ANOS ANTERIORES: 2019: 8 2018: 0 2017: 0 2016: 2 2015: 10 2014: 12 2013: 3 2012: 0 2011: 0 2010: 0 2009: 0 2008: 0 2007: 0 2006: 0 2005: 0 2004: 1 2003: 0 2002: 4 2001: 0 2000: 0 1990-1999: 5 1960-1989: 5 1945-1960: 0
  6. TARDE HISTÓRICA DE CALOR EM SÃO PAULO. VÁRIOS RECORDES QUEBRADOS NESTA TARDE. MIRANTE DE SANTANA/CONVENCIONAL - MÁXIMA: 35,3ºC (Leitura 15h00): ESTE VALOR IGUALA O RECORDE ABSOLUTO PARA NOVEMBRO EM 74 ANOS... (LEMBRANDO QUE A MÁXIMA PODERÁ SER AUMENTADA NA LEITURA NOTURNA, AS 21H00). MAIORES MÁXIMAS EM NOVEMBRO - MIRANTE DE SANTANA (1945-2019) 35,3ºC - 15/11/1985 E 04/11/2019 35,0ºC - 17/11/1985 34,8ºC - 25/11/1998 34,6ºC - 21/11/2002 MIRANTE DE SANTANA/AUTOMÁTICA - MÁXIMA 35,7ºC: NOVO RECORDE ABSOLUTO PARA NOVEMBRO. MAIORES MÁXIMAS EM NOVEMBRO - MIRANTE DE SANTANA/AUT (2006-2019) 35,7ºC - 04/11/2019 34,5ºC - 11/11/2013 e 03/11/2019 34,2ºC - 23/11/2012 ESTAÇÃO CONVENCIONAL DO IAG - MÁXIMA 36,1ºC NOVO RECORDE ABSOLUTO PARA NOVEMBRO EM 86 ANOS, SENDO A MAIOR EM 61 ANOS PARA O MÊS!!! MAIORES MÁXIMAS EM NOVEMBRO - IAG (1933-2019) 36,1ºC - 04/11/2019 35,5ºC - 16/11/1958 35,2ºC - 11/11/2013 35,1ºC - 11/11/1990 ESTAÇÃO AUTOMÁTICA BARUERI/INMET - MÁXIMA: 35,7ºC NOVO RECORDE ABSOLUTO PARA NOVEMBRO MAIORES MÁXIMAS EM NOVEMBRO - BARUERI (2011-2019) 35,7ºC - 04/11/2019 34,1ºC - 11/11/2013 33,5ºC - 03/11/2019 33,4ºC - 23/11/2012 ESTAÇÃO AUTOMÁTICA SESC INTERLAGOS/INMET - MÁXIMA: 36,4ºC MAIOR TEMPERATURA DESDE INAUGURAÇÃO DA ESTAÇÃO MAIORES MÁXIMAS DO SESC INTERLAGOS (2018-2019) 36,4ºC - 04/11/2019 36,1ºC - 02/02/2019 35,9ºC - 12/09/2019 35,1ºC - 27/10/2019 E 03/11/2019 SÉ-CGE TEVE MÁXIMA DE 35,5ºC.... RECORDE DE NOVEMBRO ERA 33,9ºC SÃO MATEUS-CGE TEVE MÁXIMA DE 34,9ºC. O RECORDE PARA NOVEMBRO ERA 33,9ºC.
  7. Tarde de muito calor em São Paulo também. No Mirante de Santana, a Estação Convencional teve máxima de 34,3ºC em leitura desta noite. Na estação automática, a máxima foi de 34,5ºC. Valor que iguala o recorde da estação automática para o mês, registrado em 2013. A Estação Convencional do IAG teve máxima de 34,9ºC as 15h00. Este valor é o 5º maior para o mês de novembro desde 1933. O Recorde por lá é 35,5ºC de 1958. No SESC Interlagos, a máxima chegou a 35,1ºC. Em Barueri, a estação do INMET bateu em 33,5ºC. Dentre as estações do CGE: Sé-CGE na região da Paulista, teve máxima de 33,7ºC, se aproximando do Recorde para Novembro que é 33,9ºC. Em São Mateus, a máxima chegou a 33,5ºC. O Recorde também é de 33,9ºC nessa estação para Novembro.
  8. OUTUBRO 2019 EM SÃO PAULO Outubro 2019 em algumas estações meteorológicas de São Paulo e Região Metropolitana, incluindo as 4 oficiais. Mirante de Santana fechou Outubro muito quente e Seco. As anomalias oscilarão entre +2,1 e +3,2. Choveu apenas 36,5% da média para Outubro. O mês também terminou com 202,9 horas de Sol, bem acima da média. Outubro 2019 terminará como 2º mais quente de toda a história do Mirante de Santana, apenas perdendo para 2002. OUTUBRO - MAIORES MÉDIAS COMPENSADAS (1945-2019) - MIRANTE DE SANTANA 23,2ºC - 2002 22,5ºC - 2019 22,4ºC - 2012 Em máximas, outubro terminou como o 3º mais quente da história: OUTUBRO - MAIORES MÁXIMAS MÉDIAS (1945-2019) - MIRANTE DE SANTANA 30,4ºC - 2002 29,4ºC - 2012 29,1ºC - 2019 Em mínimas, outubro terminou igualando o maior valor médio já registrado em 2002. OUTUBRO - MAIORES MÍNIMAS MÉDIAS (1945-2019) - MIRANTE DE SANTANA 18,1ºC - 2002 e 2019 17,8ºC - 2015 17,6ºC - 2000 Em termos de chuva, Outubro 2019 foi o 4º mais seco da história do Mirante de Santana OUTUBRO MAIS SECOS NO MIRANTE DE SANTANA (1945-2019) 11,2mm - 1985 25,2mm - 2014 31,1mm - 1984 36,5mm - 2019 43,9mm - 1986 IAG Na Estação Meteorológica do IAG, Outubro 2019 terminou também como o 2º mais quente da história. MAIORES MÉDIAS SIMPLES - IAG (1933-2019) 23,2ºC - 2002 22,5ºC - 2019 22,4ºC - 2012 22,3ºC - 2000 22,2ºC - 2015
  9. URGENTE.......... NOVO RECORDE ABSOLUTO DE CALOR PARA OUTUBRO EM FLORIANÓPOLIS MÁXIMA DE 32,8ºC NA ESTAÇÃO CONVENCIONAL DO INMET, NA LEITURA DAS 21H00 O RECORDE ANTERIOR ERA 32,5ºC.
  10. Segundo os registros (completos e detalhados) do nosso Colega @Tomás WRuas este valor é o novo recorde de todos os tempos para Outubro (1916-2019) de Porto Alegre. O Recorde anterior era 38,2ºC de 1991. Ressalto também que este valor por muito pouco não foi o maior de 2019, que é atualmente 38,5ºC de 2/1;
  11. TÓPICO PARA OS REGISTROS CLIMATOLÓGICOS MENSAIS DE 2018
  12. SETEMBRO 2019 - SÃO PAULO Setembro 2019 será marcado por um mês quente em São Paulo. MIRANTE DE SANTANA/CONVENCIONAL: Mirante de Santana fechou o mês com anomalias entre +1,4 e +1,7ºC. Em termos de chuva, fechou muito próximo da média, com o equivalente a 89% do que chove em Setembro. Setembro também ficará marcado por temperaturas extremas. O Mirante de Santana teve seu recorde absoluto de calor para setembro batido no dia 12, quando a máxima chegou aos 35,9ºC. MAIORES MÁXIMAS - MIRANTE DE SANTANA EM SETEMBRO (1945-2019) 35,9ºC - 12/09/2019 35,5ºC - 19/09/2015 35,3ºC - 26/09/2004 E 24/09/2015 35,2ºC - 20/09/1961 35,1ºC - 27/09/1961 Esta máxima também igualou a absoluta de 2019 até esta data, registrada no dia 02 de fevereiro. MAIORES TEMPERATURAS 2019 - MIRANTE DE SANTANA 35,9ºC - 02/02/2019 E 12/09/2019 35,5ºC - 01/02/2019 35,1ºC - 30/01/2019 34,8ºC - 11/09/2019 34,5ºC - 18/09/2019 MIRANTE DE SANTANA/AUT: Na Estação Automática do Mirante de Santana, a máxima foi de 35,6ºC, o que também assegurou a quebra do Recorde para Setembro (35,4ºC), porém diferentemente da Convencional não é absoluta de 2019, que continua sendo 35,7ºC de 02/02. SESC INTERLAGOS: No SESC Interlagos, a máxima foi de 35,9ºC. Este valor também não supera o maior valor de 2019 (36,1ºC - 02/02). IAG: Na Estação Meteorológica do IAG, a máxima chegou a 35,8ºC no dia 12. Este valor é um dos 3 maiores para Setembro desde 1933. MAIORES MÁXIMAS - IAG EM SETEMBRO (1933-2019) 36,1ºC - 24/09/2015 36,0ºC - 19/09/2015 35,8ºC - 12/09/2019 35,3ºC - 27/09/1988 - 18/09/2015 Em relação a Média 1981-2010, o IAG também fechou setembro acima da média. Os valores são extra-oficiais, e serão confirmados posteriormente em Boletim Técnico em Outubro. Dentre outras estações, SÉ-CGE quebrou seu recorde também para Setembro (2012-2019), com os 35,5ºC de máxima no dia 11. Abaixo comparativo de Setembro de algumas Estações de São Paulo, incluindo as 3 oficiais da cidade.
  13. E enfim chega Setembro.... O Inverno acabando, a primavera chegando, e com ela, quem sabe, a absoluta do Mirantão.
  14. Fortes chuvas nesta sexta-feira, causaram a morte de duas pessoas em Manaus/AM. https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2019/09/28/sobe-para-2-numero-de-mortes-causadas-pela-chuva-em-manaus.ghtml A Estação Convencional do INMET em Manaus, acumulou 143mm na manhã de hoje (período de 24h). Este valor é o maior para Setembro desde 1961. No Aeroporto Internacional de Manaus, o acumulado foi de 131mm, também aferido na manhã de hoje.
  15. Trópicos seguem movimentados nesta manhã. Três sistemas ativos. Jerry segue se movendo a norte. Deverá passar a oeste das Ilhas Bermudas. INVEST 90L está ganhando força rapidamente na costa da África e tem 90% de chances de gerar Lorenzo nos próximos dias. Não deverá ser ameaça a áreas habitadas. Enquanto isso no Mar do Caribe, Karen se formou nesse domingo. A princípio o sistema seguirá como uma tempestade tropical, indo para norte, em direção a Porto Rico e Ilhas Virgens. Porém, após a passagem de Jerry, um bloqueio iria se formar ao norte do Atlântico, o que levaria Karen sob águas quentes das Bahamas, Cuba e Flórida, pela última saída do modelo Europeu. Karen terá que ser assistido de perto nos próximos dias.
  16. LEITURA DE AGORA A NOITE, ATUALIZOU A MÁXIMA PARA 39,2ºC. COM ISSO GOIÂNIA TEM UM NOVO RECORDE ABSOLUTO DE CALOR PARA SETEMBRO. O RECORDE ANTERIOR ERA 39,0ºC DE 17/09/2016.
  17. Pode haver erro de digitação por conta do INMET. Provavelmente o valor da automática (22,2ºC) é o mais coerente.
  18. NOITE EXTREMAMENTE QUENTE EM SÃO PAULO. A ESTAÇÃO CONVENCIONAL DO MIRANTE DE SANTANA REGISTROU MÍNIMA DE 23,6ºC. ESTA MÍNIMA QUEBRARIA FACILMENTE O RECORDE DE SETEMBRO QUE É 22,6ºC E TAMBÉM SERIA A MAIOR DO ANO, PORÉM HÁ UMA PREVISÃO DE ENTRADA DE BRISA MARÍTIMA HOJE A NOITE, COM ISSO A MÍNIMA DEVERÁ CAIR NA LEITURA NOTURNA. VAMOS ACOMPANHANDO....
  19. TRÓPICOS SEGUEM BASTANTE ATIVOS.... VÁRIOS SISTEMAS SENDO MONITORADOS.....
  20. URGENTE......!!!!! LEITURA DESTA NOITE NA ESTAÇÃO CONVENCIONAL DE CUIABÁ ATUALIZOU A MÁXIMA PARA 42,6ºC. COM ISSO CUIABÁ TEM UM NOVO RECORDE ABSOLUTO DE CALOR DE TODOS OS TEMPOS!!!
  21. LEMBRANDO QUE ESTA LEITURA FOI REALIZADA AS 14H00 LOCAIS. A TEMPERATURA PODE TER SUBIDO UM POUCO MAIS APÓS ESTA LEITURA E ASSIM CARACTERIZAR UM NOVO RECORDE ABSOLUTO. TEMOS QUE AGUARDAR A LEITURA NOTURNA PARA CONFIRMAR SE HOUVE QUEBRA DE RECORDE.
  22. SE O DADO DO RECORDE É DA CONVENCIONAL.... TEM QUE ESPERAR A LEITURA DA MÁXIMA DESTA ESTAÇÃO PARA PODER AFIRMAR.
  23. CLIMATEMPO CONFIRMANDO NOVO RECORDE DO MIRANTE DE SANTANA.
  24. MAIORES MÁXIMAS NO MIRANTE DE SANTANA EM SETEMBRO (1945-2019) ATUALIZADO 35,9ºC - 12/09/2019 35,5ºC - 19/09/2015 35,3ºC - 26/09/2004 35,2ºC - 20/09/1961 35,1ºC - 27/09/1961 MAIORES MÁXIMAS NO MIRANTE DE SANTANA EM 2019 35,9ºC - 02/02/2019 e 12/09/2019 35,5ºC - 01/02/2019 35,1ºC - 30/01/2019 34,8ºC - 11/09/2019 34,4ºC - 09/01/2019
  25. URGENTE.....!!!!!!!!!!!! LEITURA DESTA NOITE DO MIRANTE DE SANTANA CONVENCIONAL, SUBIU A MÁXIMA PARA 35,9ºC. COM ISSO TEMOS UM NOVO RECORDE HISTÓRICO DE CALOR PARA SETEMBRO EM SÃO PAULO..... ALÉM DO MAIS, TAMBÉM IGUALOU COM A MAIOR TEMPERATURA DE 2019, REGISTRADA EM 2/2 GRANDE DIA AMIGOS....!!!!!
×

Important Information

By using this site, you agree to our Guidelines.