Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Rodolfo Alves

Moderators
  • Content count

    5352
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    14

Everything posted by Rodolfo Alves

  1. TÓPICO PARA MONITORAMENTO E PREVISÃO DEMAIS CONTINENTES 2018
  2. TÓPICO PARA MONITORAMENTO E PREVISÃO DE TELECONEXÕES/VARIÁVEIS CLIMÁTICAS (ENSO-AAO-PDO-MJO), ETC. Antigo Tópico: viewtopic.php?f=133&t=15325
  3. TÓPICO PARA MONITORAMENTO E PREVISÃO EUROPA 2018
  4. TÓPICO PARA MONITORAMENTO E PREVISÃO - AMÉRICA DO NORTE 2018
  5. TÓPICO PARA OS REGISTROS CLIMATOLÓGICOS MENSAIS DE 2018
  6. Rodolfo Alves

    Tempo Severo EUA - 2018

    TÓPICO PARA MONITORAMENTO DO TEMPO SEVERO NO EUA 2018
  7. Tópico para Monitoramento de Furacões no Atlântico Norte e Pacífico Leste e Central - 2018 ============================================================================================================================== Informações Básicas: Período: De 15 de Maio de 2018 (Pacífico Leste); 1 de Junho de 2018 (Atlântico) a 30 de Novembro de 2018 Cobertura: Todo Atlântico Norte e Pacífico até 140 graus Oeste de Latitude. Órgão Responsável por Monitorar: National Hurricane Center (NOAA - Miami/EUA) Sufixo para INVEST: "L" no Atlântico e "E" no Pacífico Leste Classificação de Fases: Depressão Tropical (Até 62km/h); Tempestade Tropical (63 a 118km/h); Furacão Cat.1 (119 a 153km/h); Furacão Cat.2 (154 a 177km/h); Grande Furacão Cat.3 (178 a 208km/h); Grande Furacão Cat.4 (209 a 251km/h); Grande Furacão Cat. 5 (Acima de 252km/h). Lista de nomes para a temporada de 2018 no Atlântico: Alberto, Beryl, Chris, Debby, Ernesto, Florence, Gordon, Helene, Isaac, Joyce, Kirk, Leslie, Michael, Nadine, Oscar, Patty, Rafael, Sara, Tony, Valerie, William. Lista de nomes para a temporada de 2018 no Pacífico Leste: Aletta, Bud, Carlotta, Daniel, Emilia, Fabio, Gilma, Hector, Ileana, John, Kristy, Lane, Miriam, Norman, Olivia, Paul, Rosa, Sergio, Tara, Vicente, Willa, Xavier, Yolanda, Zeke . ================================================================================================================= Eventualmente alguns sistemas se formam entre as Latitudes 140 e 180 graus a Oeste, fora do limite do Pacifico Leste. Essa área é conhecida como Pacífico Central. Na designação de INVEST aparece com o sufixo "C". Essa bacia é monitorada pelo CPHC (Central Pacífic Hurricane Center) em Honolulu no Havaí. Assim como no Atlântico, sua temporada vai de 1 de Junho a 30 de novembro. Qualquer sistema que se forme nessa bacia, preferencialmente será postado nesse tópico. Lista dos próximos 8 Nomes para o Pacífico Central: Walaka, Akoni, Ema, Hone, Iona, Keli.
  8. Tópico para Monitoramento de Tufões no Pacífico Oeste - 2018 ============================================================================================================================== Informações Básicas: Período: Ano Todo (Maior atividade entre Maio e Outubro) Cobertura: Entre 100 Graus Leste a 180 Graus Oeste (Limite da Linha Internacional de Data) Órgão Responsável por Monitorar: Agência Meteorologica do Japão - JMA (Toda Bacia); PAGASA (para as Filipinas), além do JTWC para interesses dos EUA. Sufixo para INVEST: "W" Classificação de Fases: Depressão Tropical (Até 64km/h); Tempestade Tropical (64 a 117km/h) [somente para o JMA - Tempestade Tropical Severa (89 a 117km/h)]; Tufão (118 a 240km/h); [somente para o JTWC - Super Tufão (240km/h ou mais)]. ========================================================================================================================== Nessa bacia, há uma lista rotatória de nomes dados pelos países da região mais os EUA, sem definição por anos. O último nome da temporada 2017 foi "Tembin". Próximos nomes internacionais para o Pacífico Oeste adotados pelo JTWC: Bolaven, Sanba, Jelawat, Ewiniar, Maliksi, Gaemi, Prapiroon, Maria, Son-Tinh, Ampil, Wukong, Jongdari, Shanshan, Yagi, Leepi, Bebincam Rumbia, Soulik, Cimaron, Jebi, Mangkhut, Barijat, Trami, Kong-rey, Yutu, Toraji, Man-yi, Usagi .
  9. Estação do Mirante de Santana, operada pelo INMET é conhecida como a estação meteorológica oficial da cidade de São Paulo. A estação fica no bairro de Santana na zona norte da cidade de São Paulo, num topo a 786 metros de altitude. Sua inauguração foi em 01/12/1945. É a segunda mais antiga em operação na cidade, só perdendo para o IAG que começou em 1933. Atualmente opera tanto com uma estação convencional, e uma automática, esta inaugurada em 25/07/2006. Aqui algumas fotos da estação tiradas por mim ontem da estação, no dia 3 de Novembro.
  10. TÓPICO PARA MONITORAÇÃO DE CICLONES TROPICAIS NAS BACIAS DO ÍNDICO, PACÍFICO SUL/AUSTRÁLIA. *Índico Norte: Monitoração da Temporada 2017/Primeiro Semestre 2018 *Índico Sul-Pacífico Sul-Austrália: Monitoração da Temporada 2017-2018 Fontes Oficiais de Informação e Data das temporadas: Índico Norte: Departamento de Meteorologia da Índia/JTWC - Temporada em andamento ao longo de todo o ano [highlight=yellow]Até a data da postagem 2 Ciclones Tropicais se formaram na bacia em 2017.[/highlight] - Ciclone Maarutha (15-17/04) Ventos de 75km/h, atingiu Mianmar. - Ciclone Severo Mora (28-31/05) Ventos de 110km/h, atingiu Bangladesh matando 9 neste país, e outras 200 de forma indireta em Sri Lanka.. Próximos Nomes: Ockhi, Sagar, Mekunu, Daye. ========================================================================================= Índico Sul: Meteofrance La Reunion/JTWC - Temporada começará em 15/11/2017 e se extenderá até 15/05/2018 Primeiros Nomes da Temporada: Ava, Berguitta, Cebile, Dumazile, Eliakim, Fakir, Guambe, Habana, Iman, Jobo. ========================================================================================== Pacífico Sul e Austrália: Bureau Weather (Austrália); Departamento Meteo. Ilhas Fiji (Pacífico Sul)/JTWC - Temporada: 01/11/2017 - 30/04/2018. Primeiros Nomes Austrália: Hilda, Irving, Joyce, Kelvin, Linda, Marcus, Nora, Owen, Penny, Riley, Savannah. Primeiros Nomes Pacífico Sul: Fehi, Gita, Hola, Iris, Jo, Kala, Liua, Mona, Neil, Oma.
  11. TÓPICO CRIADO PARA POSTAGEM DE ANÁLISES DA PERFORMANCE DOS MODELOS DE PREVISÃO ============================================================================= MODELOS X REALIDADE: ONDA DE FRIO JUN/16 - MÍNIMAS EM SÃO PAULO Inaugurando o tópico, vou começar com uma análise em relação a performance dos modelos em relação a onda de frio que atingiu o Centro-Sul do Brasil, para a Cidade de São Paulo. A análise se incidirá sobre o valor das temperaturas mínimas sobre três olhares: A menor do CGE (geralmente registrada em Capela do Socorro ou Parelheiros), a registrada no IAG (Convencional no Jardim Zoológico), e no Mirante de Santana. O período em questão da análise será entre 10/6 (Sex) e 13/6 (Seg), tendo como base de previsão, a última saída dos modelos antes do período a ser analisado, isto é 12z-09/06, saída que teoricamente teria a melhor confiabilidade. Os modelos a serem analisados: GFS - ECMWF - CMC - ETA - COSMO/MBAR A Seguir, vejamos a saída 12z - 09/06 de cada modelo: GFS: ECMWF (YR): CMC: ETA: COSMO/MBAR: Na tabela abaixo, coloquei para cada dia analisado, a mínima aproximada estimada por cada modelo, juntamente com as mínimas verificadas em 5 estações do CGE (Parelheiros/Capela do Socorro/Riacho Grande/São Mateus/Sé-CGE), IAG, Aero de Congonhas e Mirante (Convencional): Análise Menor Temperatura do CGE: Na tabela abaixo, confrontei a menor temperatura registrada pelas estações do CGE em cada dia, com o que foi previsto pelos modelos. O intuito aqui era vê, qual modelo se aproximava mais da realidade. Com isso foram somadas todas as diferenças diárias (para mais ou para menos). Nesta variável, foi verificado que o CMC foi o modelo com melhor performance nos dois primeiros dias, com diferença menor que 1 grau entre o previsto e o registrado, porém, o modelo estimou demais o frio entre o domingo e a segunda, errando entre 3,4 e 5,9ºC as suas previsões. Por conta desta diferença entre o 2º e o 4º dia, o CMC empatou em performance com o GFS no período analisado, tanto na média geral, quanto no acumulado de diferença. Sendo assim, o ETA (na média) foi o modelo que melhor previu as temperaturas nesta variável, pois teve diferença em torno de 1 grau em 3 dos 4 dias. Análise IAG: Seguindo as mesmas regras da análise do CGE, o modelo ETA novamente teve a melhor performance ao prever mínimas, levando como base a estação do IAG. A diferença nos 4 dias, variou entre 0,2 e 2,4ºC pelo modelo do CPTEC, enquanto que pelo CMC foi muito pequena no primeiro dia, mas piorando demais entre o 2º e o 3º dia. GFS e ECMWF na variável IAG tiveram boa performance, e ficaram relativamente próximo ao ETA. Análise Mirante: Seguindo as mesmas regras, a situação se inverte com o Mirante. Nesta variável, o modelo que teve melhor acerto foi o ECMWF (via YR), com diferença média de 1,1 grau nos 4 dias em relação ao registrado na estação convencional do INMET. Outro modelo que teve performance parecida com o ECMWF, foi o COSMO/MBAR. Um pouco mais atrás vem GFS e ETA, com o CMC longamente atrás. Em resumo, nesta forte incursão de frio, o ETA foi o modelo que na média, mais se aproximou das mínimas registradas pelo CGE (estações mais frias) e IAG. Enquanto que o Europeu, foi o que mais se aproximou para as mínimas registradas no Mirante de Santana.
  12. TEMPO SEVERO NO INTERIOR PAULISTA. Uma Super Célula atingiu esta tarde a região entre Itapetininga e Sorocaba. Valores de 65-70DBZ foram observados. Imagens do Radar de São Roque no campo de ventos doppler, indicavam até mesmo potencial de tornado, com forte rotação mesociclônica em torno da célula.
  13. TÓPICO PARA MONITORAMENTO - BRASIL/AMÉRICA DO SUL - AGOSTO Agosto vem chegando, a chance da branquinha aparecer ainda segue viva, e o inverno vai chegando na sua reta final, bom, isso pra quem viu o inverno, porque tem gente que nem sentiu o cheiro dele esse ano. 🤣🤣🤣🤣
  14. Rodolfo Alves

    Análise de Performance de Modelos

    EPS X CFS - AGOSTO
  15. Aeroporto de Hilo no Havaí, acumulou nas últimas 24 horas 387.9mm. Modelo Europeu ainda sugere muita chuva, com acumulados que podem ultrapassar os 600mm nos próximos 4 dias em áreas montanhosas da Big Island.
  16. Algumas Mínimas em São Paulo/RMSP nesta madrugada: 3,9ºC Capela do Socorro 4,9ºC Santana Parnaíba/São Lourenço da Serra (CIIAGRO) 6,1ºC Mauá 6,5ºC São Mateus 7,4ºC IAG Convencional 7,7ºC Parelheiros 8,0ºC Itaquera 8,4ºC Pico do Jaraguá (CETESB) 8,8ºC Ipiranga/Capão Redondo (CETESB) 8,9ºC VIla Formosa 9,0ºC São Miguel/Butantã 9,1ºC Sesc Interlagos (INMET) 9,2ºC Riacho Grande 9,3ºC Mboi Mirim 9,4ºC Jabaquara 9,8ºC Freguesia do Ó 10,1ºC Vila Mariana 10,5ºC Mooca/Parque Dom Pedro II (Cetesb) 10,6ºC Interlagos (CETESB) 10,7ºC Mirante de Santana Convencional/Campo Limpo (CGE) 10,8ºC Mirante de Santana Automática 11,0ºC Aeroporto de Congonhas 11,1ºC Pinheiros (CGE) 11,2ºC Lapa 11,7ºC Sé-CGE 11,9ºC Marginal Tiête-Pte dos Remédios (CETESB) 12,1ºC Pinheiros (CETESB)
  17. ESTAÇÃO INMET/CERCADINHO EM BH REPORTOU RAJADA DE 66KM/H AS 21:00. TEMPERATURA CAIU PRA 16,7ºC. AERO PAMPULHA TAMBÉM REPORTOU RAJADA DE 66KM/H.
  18. Momento que o Granizo atingiu a região de BH no Radar de Três Marias
  19. SÃO PAULO - JULHO MIRANTE DE SANTANA: - Terminou Julho como o 2º mais quente de toda a série, só perdendo para 1977. MAIORES COMPENSADAS DO MIRANTE DESDE 1943: 19,0ºC 1977 18,6ºC 2018 18,5ºC 1995/1987 18,3ºC 2010 18,2ºC 1992 - Em máxima média, também terminou com a 2ª maior marca da história. MAIORES MÁXIMAS MÉDIAS DO MIRANTE DESDE 1943: 25,3ºC 1977 24,9ºC 2018 24,8ºC 1987 24,6ºC 1959 24,5ºC 1999 - Em mínima média, terminou com o 4º maior valor desde 1943.. MAIORES MÍNIMAS MÉDIAS DO MIRANTE DESDE 1943: 14,5ºC 1995 14,2ºC 1977 E 2015 14,1ºC 2010 E 2018 13,7ºC 1987 13,4ºC 2003 SESC INTERLAGOS Comparação com Mirante. ESTAÇÕES CGE (SÃO MATEUS/MAUÁ/SÉ) EM RELAÇÃO A SÃO MATEUS: - Quebrou o Recorde de máxima em Julho, com os 28,5ºC. (Anterior era 28,1ºC de 2015). - Também quebrou o Recorde de máxima mensal para julho. (Anterior era 23,1ºC de 2016) - Apesar da pouca chuva, foi apenas o 3º julho mais seco desde 2012. Perdendo para 2017 e 2016 com 2,6 e 9,0mm respectivamente.
  20. Tarde gelada em São Paulo. Mirante de Santana, na sua leitura 18Z teve máxima de apenas 14,4ºC, com isso torna-se a tarde mais fria do ano, e a menor máxima desde 19 de julho de 2017, quando fez 13,9ºC de máxima. No IAG, a leitura 18Z teve máxima de 13,6ºC. Este valor é o mais baixo em 4 anos. Desde 14/08/2014, quando deu 13,5ºC.
  21. E JULHO CHEGOU.... E COM ELE O "CORE" DO INVERNO.... QUE VENHAM AS BALEIAS POLARES (E QUE CHEGUEM AO SUDESTE, SENÃO FOR PEDIR MUITO), E QUE VENHA A BRANQUINHA TÃO DESEJADA....
  22. Rodolfo Alves

    Análise de Performance de Modelos

    JULHO - MODELOS X REALIDADE CFS: EPS:
  23. TRIMESTRE MAIO-JUNHO-JULHO 2018, VIA REANÁLISE DO CFS:
  24. Rodolfo Alves

    Monitoramento e Previsão Europa - 2018

    Saída mais recente do Modelo Europeu não vê fim do calor tão cedo na Europa. Média dos próximos 10 dias: Versão Estendida do Euro (15 dias) Previsão do Modelo Europeu para os próximos 32 dias, feita na quinta-feira, mostra que Agosto deve seguir quente em boa parte do continente europeu. CFS também concorda com um Agosto Tórrido em boa parte da Europa.
  25. Rodolfo Alves

    Análise de Performance de Modelos

    COMPARATIVO DE JANEIRO E MARÇO DO CFS E EPS, QUE FALTAVAM NO TÓPICO JANEIRO-CFS: JANEIRO - EPS: MARÇO - CFS: MARÇO - EPS:
×