Jump to content
Brasil Abaixo de Zero

Daniel85

Advisors
  • Content count

    5914
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    4

Daniel85 last won the day on December 10

Daniel85 had the most liked content!

Community Reputation

739 Excellent

3 Followers

About Daniel85

  • Birthday 02/16/1985

Location

  • Location
    São Paulo - SP

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Corroborando com o meu post anterior ao dizer que a chance de um novo canal da umidade sobre o Brasil até a virada do ano é bem baixa. Será apenas o retorno das chuvas mais significativas no Brasil central. ECMWF (controle) 12z 15 dias
  2. Em relação à quebra do bloqueio, acredito que dessa vez a previsão se confirmará, pois coincidirá com a entrada da fase verde da OMJ (o que favorece às chuvas e à formação de canais de umidade) na América do sul. Além disso, até a véspera de Natal (quando as previsões indicam a mudança), já serão duas semanas em que boa parte do Brasil estará sob este padrão de subsidência. Mesmo o clima tendo este comportamento bizarro, ainda acho muito difícil que o bloqueio dure por mais de 15 dias. Mesmo com isso, o estrago já foi feito e não serão as chuvas do pós natal que conseguirão reverter essa situação. Além de haver pouco tempo, infelizmente ainda não há indicativo de um novo canal de umidade (uma ZCAS ou uma ZCOU, seja lá o que for) até a virada do ano sobre o sudeste. Apenas as pancadas de chuvas serão mais frequentes, teremos um padrão mais de verão.
  3. Domingo de sol e calor em São Paulo. Entre a tarde e a noite, houve pancadas que chuvas, que chegaram a atingir aqui no Tatuapé. Apesar de tudo isso, a cidade vem tendo mais uma noite abafada, com temperaturas em 22/23 graus. Apenas no extremo sul que está mais agradável. Estações - CGE
  4. Cenas fortíssimas !!! Tirem as crianças da frente do computador, tablet, smartphone, seja qual for o dispositivo que está usando para ver o BAZ!!! Amanhã, este bloqueio chegará a ter magnitude maior do que o bloqueio de fevereiro de 2014. Se isso em fevereiro já é fora da casinha, imagine em dezembro? Assustador!!!
  5. Fase negativa da OMJ está sobre a América do sul nesses dias. Essa situação deverá permanecer por pelo menos mais 10 dias. Isso ajuda a explicar a "interminável" atuação do bloqueio em boa parte do Brasil (não é só no sudeste!). Apenas na virada do ano que a situação poderá melhorar um pouco.
  6. Início de noite abafado em Sampa. Nem o extremo sul da cidade escapa disso. Temperaturas entre 25 e 28 graus. Infelizmente, as pancadas caíram de forma isolada. Estações - CGE ACABA LOGO DEZEMBRO DE 2018, POR FAVOR!!! Quem mudando o mês, também volta aquele padrão de chuvas e temperaturas mais comportadas no sudeste. Esse dezembro já deixou de ser fevereiro! Agora está sendo um novo outubro!
  7. Aqui em São Paulo, temos alguns cúmulos. Porém não acredito que choverá de forma satisfatória. Quanto a essa novo padrão, se fosse antigamente, os relatos dos nossos colegas de Minas seriam de chuva, pouco sol, temperaturas amenas. As previsões para os próximos dias indicam uma situação típica de outubro, quando está sob atuação de um forte bloqueio, ou seja, tempo seco e calor excessivo. Com esse novo padrão, o sudeste está se tornando uma nova peninsula Ibérica.
  8. Madrugada começando tenebrosa em São Paulo. Apenas no extremo sul que a situação está mais confortável. E em relação ao possível retorno das chuvas no sudeste, não acho que seja meio que obrigação, eu acho que é mais do que obrigação.
  9. É completamente patético esse padrão que tem se instalado nos últimos verões, principalmente após 2012. Dezembro tem sido o mês mais atingido por essas mudanças. Uma mudança gritante em pouco tempo. Outrora era um mês caracterizado por muita chuva na região sudeste (sobretudo MG) devido às constantes ZCAS. Hoje em dia está sendo afetado por esses bloqueios que duram mais de 1 semana, que prejudicam seriamente o acumulado final das chuvas. Está virando um extensão de fevereiro. Minha sensação em relação à isso é de revolta. Que saudades dos dezembros de até 6 anos atrás! Claro que antigamente haviam dezembros com chuvas abaixo da média, mas eram mais devido às ZCAS pouco ativas e não por causa atuação insistente de bloqueios. Já deu o que tinha que dar essas desgrASAS (merece mesmo ser chamado de nome feio) que impedem a recuperação dos níveis dos reservatórios da região, que transformam os mais de 300 mm em apenas 100 mm. Isso aqui está virando um costa oeste norte-americana ou a península ibérica, nessa questão do clima. Calor constante e cada vez menos chuva. O sudeste está "mediterranizando" ano após ano. Vontade de internar esse novo padrão de verão no hospício é o que não falta! Que doidera que estamos tendo de presenciar! #prontofalei
  10. Apesar das pancadas de chuvas que caíram no meio da tarde, noite segue com temperaturas altas no centro de São Paulo. Já Marsilac, está um paraíso. Além disso, temos céu limpo. Estações - CGE
  11. Previsão de chuva para os próximos dias, de acordo com a 12z de hoje do europeu 10 dias - operacional 15 dias - controle Comparando os 2 mapas acima, há um indicativo de aumento de chuva após o dia 20 no sudeste e centro-oeste, só que ainda fora do ideal para um mês tão chuvoso quanto dezembro.
  12. Noite com forte pancada de chuva de forma isolada em alguns locais de Sampa, como aqui mesmo na Zona Leste. Como não choveu de forma generalizada, as temperaturas na cidade continua altas. 23/24 graus na maioria das estações. Até mesmo Parelheiros está com um valor alto (23 graus). Só Marsilac que está se salvando um pouco. Só digo uma coisa: Calor de bloqueio em dezembro é algo absurdo, pior do que fevereiro. 2012, 2013, 2014, 2016 que o digam!
  13. Fico surpreso ao ver esses +03 graus em abril. Imaginei que tivesse fechado com mais 1 graus, mesmo sendo a normal de 1981-2010. Já para julho, a situação foi tenebrosa. E olha que tivemos aquela forte MP lá pelo dia 10.
  14. Noite abafada e com muitas nuvens em São Paulo (o que infelizmente dificultará na queda das temperaturas). Grande parte da cidade registra 23-25 graus. Já no extremo sul, a situação é menos desconfortável. 19-21 graus. Estações do CGE
×